Sei sulla pagina 1di 20

Instituto Federal de Pernambuco

Prevenção e Combate a Incêndios

Professor: Daniel Paiva


Disciplina: Higiene e Segurança do Trabalho
Curso : Técnico em Edificações e Eletrotécnica
Campus: Pesqueira-PE
Conceitos Básicos
1. Fogo
É um fenômeno químico que se dá quando uma substância
(combustível), na presença de oxigênio (comburente), se
aquece (calor) até chegar a uma temperatura crítica,
chamada temperatura de ignição.

São condições essenciais para ocorrência de fogo os


elementos: combustível, comburente e calor (triângulo do
fogo).
Conceitos Básicos
2. Ponto de fulgor
Temperatura mínima sob a qual corpos
combustíveis começam a desprender vapores que
se incidiam em contato com uma fonte externa de
calor, entretanto, a chama não se mantém, devido
à insuficiência dos vapores desprendidos.
Conceitos Básicos
3. Ponto de combustão
Temperatura mínima sob a qual corpos
combustíveis começam a desprender vapores
que se incidiam em contato com uma fonte
externa de calor, que entram combustão e
continuam a queimar.
Conceitos Básicos
3. Ponto de ignição
Temperatura mínima sob a qual vapores
desprendidos por corpos combustíveis entram em
combustão apenas em conto com o ar,
independente de fonte de calor ou não.
Transmissão de Calor
São três, as formas de transmissão de calor:
A) Condução B) Convecção

C) Radiação
Técnicas de Extinção do Fogo
A) Abafamento

• Consiste em impossibilitar a chegada


de oxigênio a combustão.

• Quebrando um dos lados do triângulo do


fogo, a combustão acaba cessando.
Técnicas de Extinção do Fogo
B) Resfriamento

• Consiste em diminuir o
fornecimento de calor, por meio do
resfriamento do combustível.
Técnicas de Extinção do Fogo
C) Retirada do material

• Consiste na retirada do combustível que


poderá ser total ou parcial. Esta ação
pode diminuir o fogo ou até mesmo
extinguir.
• Deve-se salientar que a utilização desta
técnica nem é sempre viável.
Técnicas de Extinção do Fogo
D) Extinção química

• Consiste na retirada do combustível que poderá


ser total ou parcial. Esta ação pode diminuir o fogo
ou até mesmo extinguir.
• Deve-se salientar que a utilização desta técnica
nem é sempre viável.
Classificação dos Incêndios

Materiais sólidos Líquidos inflamáveis

São os que ocorrem em


equipamentos elétricos São os que ocorrem em metais
energizados. pirofóricos.
Agentes Extintores

Água

Gás Carbônico

Pó Químico

Espuma (química e mecânica)


Manejo dos Extintores de Incêndios
Água Pressurizada

Levar o
extintor ao
local do
fogo.
Observar a
direção do
vento
Manejo dos Extintores de Incêndios
Retirar o pino de segurança

Água Pressurizada
Manejo dos Extintores de Incêndios

Água Pressurizada

Empunhar a
mangueira
Manejo dos Extintores de Incêndios
Água Pressurizada

Atacar o fogo
dirigindo o
jato para a
base do fogo
Manejo dos Extintores de Incêndios
Gás Carbônico (CO2)

Retirar o
difusor
Manejo dos Extintores de Incêndios
Gás Carbônico (CO2)

Atacar o fogo
dirigindo o jato para a
base do fogo e
movimentando o
difusor
Manejo dos Extintores de Incêndios
Pó Químico
Levar o extintor ao local do fogo e observar a direção do vento;
Prender a pistola firmemente com a mão;
Acionar a válvula do cilindro de gás;
Empunhar a pistola difusora;
Atacar o fogo, procurando cobrir toda a área atingida com a
movimentação rápida da mão
FIM