Sei sulla pagina 1di 20

Percepção Sensorial

Sistemas sensoriais:

representação interna do mundo exterior, com a função de guiar os movimentos que compõem nosso repertório comportamental.

Processos pelos quais os organismos sentem o

mundo e a si mesmos e emitem respostas

correspondentes.

Processos pelos quais os organismos sentem o mundo e a si mesmos e emitem respostas correspondentes.
Processos pelos quais os organismos sentem o mundo e a si mesmos e emitem respostas correspondentes.

Sensorial

Sensorial Motor • transforma a energia física em sinais neurais • produto final: representação interna do

Motor

transforma a energia física em sinais neurais

produto final:

representação interna do mundo externo

Habilidades sensoriais:

Detecção, análise, avaliação do significado dos estímulos físicos

traduzem os sinais os sinais neurais em força contrátil

Início: representação interna - uma imagem do resultado desejado do movimento

Habilidades motoras:

Planejamento, coordenação e execução dos movimentos

Sistemas sensoriais:

características gerais

Respondem especificamente a um tipo de estímulo

Empregam estruturas especializadas (receptores) para traduzir o estímulo em sinal neural

Transformam estímulos luminosos, mecânicos, químicos em potenciais de ação

Sistemas sensoriais:

características gerais

Propiciam ao SNC uma representação dos estímulos externos

Organização em vias sensoriais: caminho do receptor ao córtex cerebral, onde ocorrerá a representação

Precisão na informação: tipo de estímulo, localização, intensidade, diferentes aspectos de um mesmo estímulo

Sistemas sensoriais:

características gerais

Comparação, associação, análise de eventos simultâneos em diferentes receptores

Comparação dos estímulos presentes com eventos passados

Sensação e Percepção

Sensação

Resultado da ação de um estímulo externo no organismo: detecção do estímulo

Percepção

Atribuição de significado a esses estímulos

Receptores Sensoriais

Estruturas especializadas que propiciam o contato inicial com os estímulos

Transformam a energia produzida pelo estímulo em sinal neural (transdução)

Especializados para determinadas formas de energia = modalidade sensorial

Conectados a vias específicas das modalidades sensoriais

Receptores Sensoriais

Diferem em sua natureza estrutural e química, especializada para cada tipo de estímulo

Mecanismos de transdução também específicos

Padrões característicos de localização e densidade (acuidade sensorial)

Receptores Sensoriais

Modificações especializadas nos

terminais axonais das células

ganglionares

OU

Estruturas separadas, conectadas diretamente ou por meio de interneurônios às céls. Ganglionares

“Caminhos marcados”

Córtex Associativo

 

Córtex Sensorial Primário

 
 

Estruturas Intermediárias

 
 

Neurônios aferentes

 
 

Receptores

 

Estímulo Sensorial

Informação Sensorial

Modalidade: tipo de estímulo (energia e receptores especializados em sua transdução)

Localização: grupo de receptores ativados

Intensidade: taxa de disparo + número de neurônios ativados

Duração: variação temporal da atividade no receptor

Organização Topográfica

Neurônios vizinhos projetam para regiões vizinhas ao longo das vias sensoriais

Projeção no SNC é correspondente à localização no corpo (somatossensorial), à frequencia do som (auditivo), à localização

na retina (visual)…

Mapa Cortical

Somatossensorial

Mapa Cortical Somatossensorial
Mapa Cortical Somatossensorial

Córtex e Percepção