Sei sulla pagina 1di 94
AvanAvanççosos TecnolTecnolóógicosgicos ColunasColunas HPLCHPLC Page 1
AvanAvanççosos TecnolTecnolóógicosgicos
ColunasColunas HPLCHPLC
Page 1

MERCK EM DARMSTADT

MERCK EM DARMSTADT
MERCK EM DARMSTADT

300.000 QUILOS/ANO DE SÍLICA PARA CROMATOGRAFIA

MERCK EM DARMSTADT 300.000 QUILOS/ANO DE SÍLICA PARA CROMATOGRAFIA Page 2

MERCK NO MUNDO 31/12/06

MERCK NO MUNDO 31/12/06
MERCK NO MUNDO 31/12/06

01_Altdorf, Switzerland 02_Amsterdam, Netherlands 03_Ardea, Italy 04_Athens, Greece 05_Atsugi, Japan 06_Aubonne, Switzerland 07_Auckland, New Zealand 08_Bangkok, Thailand 09_Bari, Italy 10_Barra do Corda, Brazil 11_Beijing, China 12_Beirut, Lebanon 13_Belgrad, Serbia 14_Bogotá, Colombia 15_Boston, USA 16_Bratislava, Slovakia 17_Brisbane, Australia 18_Brussels, Belgium 19_Bucharest, Romania 20_Budapest, Hungary 21_Buenos Aires, Argentina 22_Bunschoten, Netherlands 23_Cairo, Egypt 24_Calais, France 25_Cambridge, Canada 26_Caracas, Venezuela 27_Carlos Spegazzini, Argentina 28_Casablanca, Morocco 29_Chilly-Mazarin, France 30_Chilworth, United Kingdom 31_Coinsins, Switzerland 32_Copenhagen, Denmark 33_Corsier-sur-Vevey, Switzerland 34_Dammam, Saudi Arabia 35_Darmstadt, Germany 36_The Hague, Netherlands 37_Dietikon, Switzerland 38_Dijon, France 39_Dubai, United Arab Emirates 40_Dublin, Ireland

41_Durham, USA 42_Espoo, Finland 43_Mexico City, Mexico 44_Etobicoke, Canada 45_Feltham, United Kingdom 46_Fontenay-sous-Bois, France 47_Fourways, South Africa 48_Frankfurt a. M., Germany 49_Frederiksberg, Denmark 50_Geneva, Switzerland 51_Gernsheim, Germany 52_Gibbstown, USA 53_Goa, India 54_Grafing, Germany 55_Guangzhou, China 56_Guatemala City, Guatemala 57_Hanoi, Vietnam 58_Hauppage, USA 59_Hawthorne, USA 60_Hellerup, Denmark 61_Herzlia-Pituach, Israel 62_Ho-Chi-Minh City, Vietnam 63_Hohenbrunn, Germany 64_Hong Kong, China 65_Hull, United Kingdom 66_Istanbul, Turkey 67_Ivrea, Italy 68_Jakarta, Indonesia 69_Jeddah, Saudi Arabia 70_Karatschi, Pakistan 71_Kaunas, Latvia 72_Kawagoe City, Japan 73_Kilsyth, Australia 74_Kuwait City, Kuwait 75_Läufelfingen, Switzerland 76_Lehrte, Germany 77_Les Berges du Lac, Tunisia 78_Lima, Peru 79_Lisbon, Portugal 80_Ljubljana, Slovenia

81_London, United Kingdom 82_Lorenskog, Norway 83_Lyon, France 84_Madison, USA 85_Madrid, Spain 86_Mailand, Italy 87_Makati-Stadt, Philippines 88_Manlleu, Spain 89_Martillac, France 90_Mainz, Germany 91_Meyzieu, France 92_Milwaukee, USA 93_Mississauga, Canada 94_Modderfontein, South Africa 95_Mollet del Vallés, Spain 96_Monaco, Monaco 97_Montevideo, Uruguay 98_Moscow, Russia 99_Mumbai, India 100_Napa, USA 101_Ness-Ziona, Israel 102_Netanya, Israel 103_Newport, United Kingdom 104_Norwood, USA 105_Nottingham, United Kingdom 106_Oakville, Canada 107_Onahama, Japan 108_Osaka, Japan 109_Oslo, Norway 110_Overijse, Belgium 111_Palmerston North, New Zealand 112_Panama City, Panama 113_Paris, France 114_Poole, United Kingdom 115_Potters Bar, United Kingdom 116_Prague, Czech Republic 117_Pyongtaek-Shi, South Korea 118_Quetta, Pakistan 119_Quito, Ecuador 120_Reinbek, Germany

121_Ricany-Jazlovice, Czech Republic 122_Riga, Latvia 123_Rio de Janeiro, Brazil 124_Riad, Saudi Arabia 125_Rockland, USA 126_Rome, Italy 127_San Diego, USA 128_Santiago de Chile, Chile 129_São Luis, Brazil 130_São Paulo, Brazil 131_Savannah, USA 132_Schaffhausen, Switzerland 133_Schwalbach, Germany 134_Semoy, France 135_Seoul, South Korea 136_Shah Alam, Malaysia 137_Shanghai, China 138_Singapore, Singapore 139_Sofia, Bulgaria 140_Spittal, Austria 141_Stockholm, Sweden 142_Sydney, Australia 143_Taipeh, Taiwan 144_Taloja, India 145_Tallin, Estonia 146_Taoyuan, Taiwan 147_Tokyo, Japan 148_Tunbridge Wells, United Kingdom 149_Unterschleissheim, Germany 150_Vantaa, Finland 151_Vienna, Austria 152_Wilna, Lithuania 153_Wadeville, South Africa 154_Warsaw, Poland 155_West Drayton, United Kingdom 156_Zagreb, Croatia 157_Zug, Switzerland

UNIVERSO MERCK

UNIVERSO MERCK
UNIVERSO MERCK
UNIVERSO MERCK Page 4
UNIVERSO MERCK Page 4
UNIVERSO MERCK Page 4
UNIVERSO MERCK Page 4
UNIVERSO MERCK Page 4
UNIVERSO MERCK Page 4
UNIVERSO MERCK Page 4
UNIVERSO MERCK Page 4
UNIVERSO MERCK Page 4
UNIVERSO MERCK Page 4
UNIVERSO MERCK Page 4
UNIVERSO MERCK Page 4
UNIVERSO MERCK Page 4
UNIVERSO MERCK Page 4
UNIVERSO MERCK Page 4
UNIVERSO MERCK Page 4
UNIVERSO MERCK Page 4
UNIVERSO MERCK Page 4

Page 4

UNIVERSO MERCK Page 4
UNIVERSO MERCK Page 4
UNIVERSO MERCK Page 4
UNIVERSO MERCK Page 4

EQUIPE DE CROMATOGRAFIA

EQUIPE DE CROMATOGRAFIA
EQUIPE DE CROMATOGRAFIA

Paulo Fellippe Daniel Teixeira

EQUIPE DE CROMATOGRAFIA Paulo Fellippe Daniel Teixeira Assistência Técnica Equipe de Vendas Paulo Fellippe Alexandre

Assistência Técnica Equipe de Vendas

Daniel Teixeira Assistência Técnica Equipe de Vendas Paulo Fellippe Alexandre Rosolia Douglas Vicco Guilherme
Daniel Teixeira Assistência Técnica Equipe de Vendas Paulo Fellippe Alexandre Rosolia Douglas Vicco Guilherme

Paulo Fellippe Alexandre Rosolia Douglas Vicco Guilherme Carrara

Teixeira Assistência Técnica Equipe de Vendas Paulo Fellippe Alexandre Rosolia Douglas Vicco Guilherme Carrara Page 5

ASSESSORIA TÉCNICA

ASSESSORIA TÉCNICA
ASSESSORIA TÉCNICA

Alexandre Equipamento / Rede / Preparativa

Guilherme Equipamento / Validação

/ Rede / Preparativa Guilherme Equipamento / Validação Daniel Colunas HPLC Douglas Equipamento / Software Page
/ Rede / Preparativa Guilherme Equipamento / Validação Daniel Colunas HPLC Douglas Equipamento / Software Page
/ Rede / Preparativa Guilherme Equipamento / Validação Daniel Colunas HPLC Douglas Equipamento / Software Page

Daniel Colunas HPLC

Douglas Equipamento / Software

Page 6

CONTEÚDO DO TREINAMENTO

CONTEÚDO DO TREINAMENTO
CONTEÚDO DO TREINAMENTO

Parte 1:

Introdução a HPLC e princípios básicos

Parte 2:

Seleção de colunas e fase móvel

Parte 3:

Sílica Convencional

Parte 4:

Sílica Ultra-Pura

Parte 5:

Blocos monolíticos

ParteParteParteParte 1111 :::: IntroduIntroduçIntroduIntroduççãoçãoãoão aaaa HPLCHPLCHPLCHPLC eeee
ParteParteParteParte 1111 :::: IntroduIntroduçIntroduIntroduççãoçãoãoão aaaa HPLCHPLCHPLCHPLC eeee

ParteParteParteParte 1111 ::::

IntroduIntroduçIntroduIntroduççãoçãoãoão aaaa HPLCHPLCHPLCHPLC eeee PrincPrincíPrincPrincíípiosípiospiospios BBáBBáásicosásicossicossicos

COMO TUDO COMEÇOU

COMO TUDO COMEÇOU
COMO TUDO COMEÇOU
COMO TUDO COMEÇOU Medalha Tswett, recebida pela Merck KgaA em 1980. Page 9
COMO TUDO COMEÇOU Medalha Tswett, recebida pela Merck KgaA em 1980. Page 9
COMO TUDO COMEÇOU Medalha Tswett, recebida pela Merck KgaA em 1980. Page 9
COMO TUDO COMEÇOU Medalha Tswett, recebida pela Merck KgaA em 1980. Page 9

Medalha Tswett, recebida pela Merck KgaA em 1980.

A FUNÇÃO DA COLUNA

A FUNÇÃO DA COLUNA
A FUNÇÃO DA COLUNA
A FUNÇÃO DA COLUNA Page 10

A ADSORÇÃO QUÍMICA

A ADSORÇÃO QUÍMICA
A ADSORÇÃO QUÍMICA
A ADSORÇÃO QUÍMICA Page 11

CROMATOGRAFIA DE FASE NORMAL

CROMATOGRAFIA DE FASE NORMAL
CROMATOGRAFIA DE FASE NORMAL
Fase Estacionária Fase Móvel Polar (Sílica) Apolar (Hexano) AZ V AM
Fase Estacionária
Fase Móvel
Polar (Sílica)
Apolar (Hexano)
AZ
V
AM

Por que separam?

Amarelo é APOLAR: tem mais afinidade pela FASE MÓVEL e elui primeiro

Vermelho é POUCO POLAR: tem menos afinidade pela FASE MÓVEL e elui depois

Azul é POLAR: tem mais afinidade pela FASE ESTACIONÁRIA e elui por último

FASE NORMAL

FASE NORMAL
FASE NORMAL

mecanismo:

Retenção por interação da fase estacionária polar com a parte polar da molécula da amostra.

Fase estacionária:

SiO 2 , Al 2 O 3 , -NH 2 , -CN, -Diol, -NO 2

Fase Móvel:

heptano, hexano, ciclohexano, dioxano, metanol

método:

Separação de componentes não polares para médio polares (Hidrocarbonetos e ácidos carboxílicos)

O O O O O O O O O
O
O
O O
O
O O
O
O

Si

Si

Si

H O H
H
O
H
O O H O H
O
O
H
O
H

CH

polares (Hidrocarbonetos e ácidos carboxílicos) O O O O O O O O O Si Si
polares (Hidrocarbonetos e ácidos carboxílicos) O O O O O O O O O Si Si

2

polares (Hidrocarbonetos e ácidos carboxílicos) O O O O O O O O O Si Si

CROMATOGRAFIA DE FASE REVERSA

CROMATOGRAFIA DE FASE REVERSA
CROMATOGRAFIA DE FASE REVERSA
Fase Estacionária Fase Móvel Apolar (RP18) Polar (Água) AM V AZ
Fase Estacionária
Fase Móvel
Apolar (RP18)
Polar (Água)
AM
V
AZ

Por que separam?

Azul é POLAR: tem mais afinidade pela FASE MÓVEL e elui primeiro

Vermelho é POUCO APOLAR: tem menos afinidade pela FASE MÓVEL e elui depois

Amarelo é APOLAR: tem mais afinidade pela FASE ESTACIONÁRIA e elui por último

FASE REVERSA

FASE REVERSA
FASE REVERSA

mecanismo:

Retenção por interação da fase estacionária não polar (cadeia de hidrocarbonetos) com a fase não polar da molécula da amostra.

Fase estacionária:

n-octadecil (RP-18), n-octil (RP-8), etil (RP-2), Fenil, -NH 2 , - CN, -Diol, Polimeros hidrofobicos

Fase móvel:

metanol ou acetonitrila / água ou tampão, THF ou dioxano.

O O O O O O O O O
O
O
O O
O
O O
O
O

Si

Si

Si

H 2 O CH 3 CH 3 OH O Si CH 3 O H H
H 2 O
CH
3
CH 3 OH
O Si
CH
3
O
H
H 2 O
CH
CH
2
3
O Si
CH
3

CH 3 OH

H 2 O

OH

POLARIDADE DA FASE MÓVEL

POLARIDADE DA FASE MÓVEL
POLARIDADE DA FASE MÓVEL

POLAR

APOLAR

POLARIDADE DA FASE MÓVEL POLAR APOLAR Água - Metanol - Acetonitrila - Acetona - THF -
POLARIDADE DA FASE MÓVEL POLAR APOLAR Água - Metanol - Acetonitrila - Acetona - THF -
POLARIDADE DA FASE MÓVEL POLAR APOLAR Água - Metanol - Acetonitrila - Acetona - THF -

Água - Metanol - Acetonitrila - Acetona - THF - Hexano

POLARIDADE DA FASE ESTACIONÁRIA

POLARIDADE DA FASE ESTACIONÁRIA
POLARIDADE DA FASE ESTACIONÁRIA

POLAR

APOLAR

POLARIDADE DA FASE ESTACIONÁRIA POLAR APOLAR Sílica – DIOL – NH2 – CN – RP8 –

Sílica – DIOL – NH2 – CN – RP8 – RPselectB – RP18

CARACTERIZAÇÃO

CARACTERIZAÇÃO
CARACTERIZAÇÃO

Fase Normal

Polaridade da f.e.

polaridade da fase móvel

ordem de eluição da amostra

alta

baixa-média

menos polar primeiro

Fase Reversa

baixa

média-alta

mais polar primeiro

Aumento da retenção por

Fase Normal

Decréscimo da polaridade da FM

Aumento da polaridade da molécula da amostra

Fase Reversa

Aumento da polaridade da FM

Decréscimo da polaridade da molécula da amostra

ParteParteParteParte 2222 :::: SeleSeleçSeleSeleççãoçãoãoão dededede colunascolunascolunascolunas eeee
ParteParteParteParte 2222 :::: SeleSeleçSeleSeleççãoçãoãoão dededede colunascolunascolunascolunas eeee

ParteParteParteParte 2222 ::::

SeleSeleçSeleSeleççãoçãoãoão dededede colunascolunascolunascolunas eeee fasefasefasefase mmmmóóvelóóvelvelvel

DESENVOLVIMENTO DE FASES PARTICULADAS Primeira Geração (1970): LiChrosorb ® - a primeira coluna para HPLC;
DESENVOLVIMENTO DE FASES PARTICULADAS
Primeira Geração (1970): LiChrosorb ®
-
a primeira coluna para HPLC; partículas irregulares; 1ª fase reversa
RP18

Segunda Geração (1980): LiChrospher ® ,

Superspher ®

- partículas esféricas de 4 e 5 µm com seletividade otimizada

Terceira Geração (1990): Purospher ® - quase livre de metais pesados (< 5 ppm). Partículas
Terceira Geração (1990): Purospher ®
- quase livre de metais pesados (< 5 ppm). Partículas esféricas.

Quarta Geração (2000): Purospher ®

STAR

- partículas esféricas de 3 µm e 5 µm, maior potencial

TIPOS DE RECHEIO

TIPOS DE RECHEIO
TIPOS DE RECHEIO
FaseFase ReversaReversa:: modificação: RP-8, RP-select B, RP-18, -CN, -Diol, -NH 2 Estrutura: LiChrosorb ® ,
FaseFase ReversaReversa::
modificação:
RP-8, RP-select B, RP-18, -CN, -Diol, -NH 2
Estrutura:
LiChrosorb ® , LiChrospher ® , Superspher ® , Purospher ® ,
Purospher ® STAR, Chromolith ® .
FaseFase Normal:Normal:
modificação:
Si, -Diol, -CN, -NH 2
Estrutura:
LiChrosorb ® , LiChrospher ® , Superspher ® , Purospher ®
STAR , Chromolith ®.

ESTRUTURA DO RECHEIO

ESTRUTURA DO RECHEIO
ESTRUTURA DO RECHEIO

LiChrosorb ®

LiChrospher ® Superspher ®

Purospher Purospher ® STAR

®

Chromolith ®

® Purospher Purospher ® STAR ® Chromolith ® irregular Tamanho de partícula esférico m o n

irregular

Tamanho de partícula

Purospher ® STAR ® Chromolith ® irregular Tamanho de partícula esférico m o n o l
Purospher ® STAR ® Chromolith ® irregular Tamanho de partícula esférico m o n o l

esférico

Purospher ® STAR ® Chromolith ® irregular Tamanho de partícula esférico m o n o l

monolítico

DIMENSÕES FÍSICAS

DIMENSÕES FÍSICAS
DIMENSÕES FÍSICAS
Diâmetro Pré-coluna (mm) Hibar LiChroCART manuCART Comprimento (mm)
Diâmetro
Pré-coluna
(mm)
Hibar
LiChroCART
manuCART
Comprimento (mm)

INFLUÊNCIA DO DIÂMETRO INTERNO

INFLUÊNCIA DO DIÂMETRO INTERNO
INFLUÊNCIA DO DIÂMETRO INTERNO

Adaptação do fluxo de trabalho:

4.6mm (1 ml/min) para 4.0mm (x ml/min):

(2.3)2/ (2)2= 1/x

5.29/4= 1/x

5.29x= 4

x= 0.75 ml/min

Economia de 25% de solvente por minuto com separações equivalentes!

1/x 5.29/4= 1/x 5.29x= 4 x= 0.75 ml/min Economia de 25% de solvente por minuto com
1/x 5.29/4= 1/x 5.29x= 4 x= 0.75 ml/min Economia de 25% de solvente por minuto com

HOLDER MANU-CART

HOLDER MANU-CART
HOLDER MANU-CART
HOLDER MANU-CART O acoplador manu- CART ® “4” é utilizado em colunas com 2 mm, 3
HOLDER MANU-CART O acoplador manu- CART ® “4” é utilizado em colunas com 2 mm, 3
HOLDER MANU-CART O acoplador manu- CART ® “4” é utilizado em colunas com 2 mm, 3
HOLDER MANU-CART O acoplador manu- CART ® “4” é utilizado em colunas com 2 mm, 3
HOLDER MANU-CART O acoplador manu- CART ® “4” é utilizado em colunas com 2 mm, 3
HOLDER MANU-CART O acoplador manu- CART ® “4” é utilizado em colunas com 2 mm, 3
HOLDER MANU-CART O acoplador manu- CART ® “4” é utilizado em colunas com 2 mm, 3
HOLDER MANU-CART O acoplador manu- CART ® “4” é utilizado em colunas com 2 mm, 3
HOLDER MANU-CART O acoplador manu- CART ® “4” é utilizado em colunas com 2 mm, 3
HOLDER MANU-CART O acoplador manu- CART ® “4” é utilizado em colunas com 2 mm, 3
HOLDER MANU-CART O acoplador manu- CART ® “4” é utilizado em colunas com 2 mm, 3

O acoplador manu- CART ® “4” é utilizado em colunas com 2 mm, 3 mm, 4 mm e 4.6 mm de diâmetro interno.

Os cartuchos podem ter 250 mm, 150 mm, 125 mm e 75 mm de comprimento.

É utilizado para pré- colunas de 4-4 e 10-2.

Page 25

MONTANDO UM MANU-CART

MONTANDO UM MANU-CART
MONTANDO UM MANU-CART
MONTANDO UM MANU-CART Montando sem a pré-coluna: 1. Coloque a rosca no cartucho 2. Fixe as
MONTANDO UM MANU-CART Montando sem a pré-coluna: 1. Coloque a rosca no cartucho 2. Fixe as

Montando sem a pré-coluna:

1. Coloque a rosca no cartucho

2. Fixe as duas partes da trava voltadas para

dentro e as envolva com a rosca

3. Rosqueie o conector de tubulação

Montando com pré-coluna:

1. Coloque a rosca no cartucho

2. Fixe as partes da trava voltadas para fora

3. Coloque a pré-coluna neste espaço vazio

formado

4. Rosqueie o conector de tubulação

A FASE MÓVEL

A FASE MÓVEL
A FASE MÓVEL

A fase móvel interage físico-quimicamente com as substâncias presentes na amostra e com o enchimento da coluna, assim influenciando de forma decisiva na separação.

Recomendações:

• Água usada deve ter alto grau de pureza, grau HPLC tipo LiChrosolv® (vendida pela

Merck em embalagens de 1 L), ou água ultra-purificada por equipamentos (EasyPure RT VWR).

• A leitura de resistividade indica somente o teor de íons. Para medir o teor de orgânicos

na água podemos utilizar a técnica de TOC (carbono orgânico total) e eliminá-los com o

uso de equipamentos de purificação com luz UV (oxida orgânicos a CO2 e H2O).

• Não utilizar reagentes de grau técnico, p/síntese, resíduos de pesticidas, p/análise, ou UV em análises com gradiente.

• Solventes grau HPLC.

• A maioria dos problemas de análise e com o equipamento tem origem na fase móvel.

Porém

Coluna e Equipamento são sempre culpados!

FILTRAÇÃO DA FASE

FILTRAÇÃO DA FASE
FILTRAÇÃO DA FASE

Água destilada é inadequada.

Água deve ser grau HPLC.

Livre de bactérias, utilizando uma filtração de 0,2 µm (brevundimonas diminuta).

Resistividade de pelo menos 18 megohm/cm.

Teor de orgânicos < que 20 ppb

Para evitar o entupimento do filtro de 2µm basta a membrana de 0,45µm.

MEMBRANAS DE FILTRAÇÃO

MEMBRANAS DE FILTRAÇÃO
MEMBRANAS DE FILTRAÇÃO

Membranas de ésteres de celulose usadas na microbiologia servem somente para filtração de água.

Membranas de PTFE e celulose regenerada são compatíveis com a maioria dos solventes orgânicos e com água.

• Membranas de PTFE e celulose regenerada são compatíveis com a maioria dos solventes orgânicos e
• Membranas de PTFE e celulose regenerada são compatíveis com a maioria dos solventes orgânicos e
• Membranas de PTFE e celulose regenerada são compatíveis com a maioria dos solventes orgânicos e

TRANSPARÊNCIA DA FASE MÓVEL

TRANSPARÊNCIA DA FASE MÓVEL
TRANSPARÊNCIA DA FASE MÓVEL

Relação de Transparência

Quando a fase móvel não é muito transparente, diminui a sensibilidade (pois o detector precisa subtrair o sinal para zerar a absorbância) e aumenta o ruído.

Offset: Indica o quanto o detector teve que compensar a absorbância da fase móvel para poder zerar a linha de base; enfim indica a qualidade da fase móvel (transparência).

da fase móvel para poder zerar a linha de base; enfim indica a qualidade da fase

GASES DISSOLVIDOS

GASES DISSOLVIDOS
GASES DISSOLVIDOS

Fases móveis saturadas com ar podem resultar em bolhas ou problemas na bomba, noise, drift, assim como outros problemas relacionados ao detector.

120

100

80

60

40

20

0

Aquecimento Hélio Vácuo Ultrassom
Aquecimento
Hélio
Vácuo
Ultrassom
120 100 80 60 40 20 0 Aquecimento Hélio Vácuo Ultrassom OBS: eficiente de remoção de

OBS:

eficiente de remoção de gases dissolvidos, mas é inconveniente.

Purga com He é eficiente por apenas alguns minutos.

Aquecimento é o modo mais

Vácuo é menos eficiente, mas pelo menor custo é usado por muitos.

ParteParteParteParte 3333 :::: SSíSSíílicaílicalicalica ConvencionalConvencionalConvencionalConvencional Page 32
ParteParteParteParte 3333 :::: SSíSSíílicaílicalicalica ConvencionalConvencionalConvencionalConvencional Page 32

ParteParteParteParte 3333 ::::

SSíSSíílicaílicalicalica ConvencionalConvencionalConvencionalConvencional

FASES ESTACIONÁRIAS PARA HPLC Primeira Geração (1970): LiChrosorb ® - a primeira coluna para HPLC;
FASES ESTACIONÁRIAS PARA HPLC
Primeira Geração (1970): LiChrosorb ®
-
a primeira coluna para HPLC; partículas irregulares; 1ª fase reversa
RP18.

Segunda Geração (1980): LiChrospher ® , Superspher ®

- partículas esféricas de 4 e 5 µm com seletividade otimizada.

Terceira Geração (1990): Purospher ® - quase livre de metais pesados (< 5 ppm). Partículas
Terceira Geração (1990): Purospher ®
- quase livre de metais pesados (< 5 ppm). Partículas esféricas.

Quarta Geração (2000): Purospher ®

STAR

- partículas esféricas de 3 µm e 5 µm, maior potencial.

ESTRUTURA DOS MATERIAIS 10 µ LiChrosorb ® 1 µ 10 µ LiChrospher ® Superspher ®
ESTRUTURA DOS MATERIAIS
10
µ
LiChrosorb ®
1 µ
10
µ
LiChrospher ®
Superspher ®
1 µ
Page 34

SÍLICA GEL MODIFICADA PARA FASE REVERSA

SÍLICA GEL MODIFICADA PARA FASE REVERSA
SÍLICA GEL MODIFICADA PARA FASE REVERSA

Especificações

Sorbents

Particle

Pore

Pore

Spec. surface area (m 2 /g)

%C

Surface coverage (µmol/m 2 )

Efficiency (N/m)

size

size

volume

(µm)

(Å)

(ml/g)

LiChrosorb ® RP-8

5, 10

100

1,0

300

9,5

3,4

55.000, 20.000

LiChrosorb ® RP-select B

5, 10

60

0,75

300

11,4

4,21

55.000, 20.000

LiChrosorb ® RP-18

5, 10

100

1,0

300

16,2

3,0

55.000, 20.000

LiChrospher ® RP-8

5, 10

100

1,25

350

12,5

4,04

55.000, 25.000

LiChrospher ® RP-8e

5, 10

100

1,25

350

13,0

4,44

55.000, 25.000

LiChrospher ® RP-select B

5, 10

60

0,9

360

11,5

3,55

55.000, 25.000

LiChrospher ® RP-18

5, 10

100

1,25

350

21,0

3,61

55.000, 20.000

LiChrospher ® RP-18e

5, 10

100

1,25

350

21,6

4,09

55.000, 20.000

Superspher ® RP-8

4

60

1,25

350

12,5

4,04

100.000

Superspher ® RP-8e

4

60

1,25

350

13,0

4,44

100.000

Superspher ® RP-select B

4

60

0,9

360

11,5

3,55

100.000

Superspher ® RP-18

4

100

1,25

350

21,0

3,61

100.000

Superspher ® RP-18e

4

100

1,25

350

21,6

4,09

100.000

TAMPÃO? TRIETILAMINA?

TAMPÃO? TRIETILAMINA?
TAMPÃO? TRIETILAMINA?

2 Vitaminas

3

1 4 5

14 min
14 min

1

Pesticidas

3 6 4 5 2 7 14 min
3
6
4 5
2
7
14 min

Aromáticos

3 1 4 2 5 14 min
3
1 4
2
5
14 min

Eluent:

Methanol /

Eluent:

Acetonitrile / Water (70:30)

Eluent:

Acetonitrile / Water (75:25)

0.01M phosphate buffer

Flow rate:

2 ml/min

Flow rate:

1 ml/min

pH 3.0 (2:98, v/v)

Detection:

UV 220 nm

Detection:

UV 254 nm

+ 2 ml/l triethylamine

Sample:

1. 4,4-DDOH

Sample:

1. Benzene

Flow rate:

2 ml/min

2. α-Endosulphan

2. Naphthline

Detection:

UV 270 nm

3. 4,4-DDM

3. Fluoren

Sample:

1. Ascorbic acid;

4. Heptachlor

4. Anthracen

2. Nicotinic acid;

5. p,p-DDT

5. Benzanthracen

3. Pyridoxol hydrochloride;

6. o,p-DDT

4. Niacin;

7. Aldrin

5. Thiamin hydrochloride

DEFINIÇÕES

DEFINIÇÕES
DEFINIÇÕES

Compostos Iônicos: Molécula orgânica que contém um ou mais grupos funcionais capazes de comportar-se como ácido ou base na faixa de pH correspondente.

Ácidos ou Bases Fortes: são compostos que ionizam-se completamente na faixa de pH correspondente.

HA B + H +

são compostos que ionizam-se completamente na faixa de pH correspondente. HA B + H + A

são compostos que ionizam-se completamente na faixa de pH correspondente. HA B + H + A

A - + BH +

H

+

FUNÇÃO DE PKA E PH

FUNÇÃO DE PKA E PH 99 % B
FUNÇÃO DE PKA E PH 99 % B

99 % B

FUNÇÃO DE PKA E PH 99 % B 99 % BH + Plotagem em forma de
FUNÇÃO DE PKA E PH 99 % B 99 % BH + Plotagem em forma de
99 % BH +
99 % BH +

Plotagem em forma de S.

Quando um ácido (HA) ou base (B) ioniza, torna-se muito menos hidrofóbico (mais hidrofílico). Como resultado, sua retenção em fase reversa reduz de 10 a 20 vezes.

Ponto central: pH = pKa, metade dos compostos ionizados.

pKa ± 1.5: toda mudança em retenção com origem no pH ocorre nesta faixa.

pH < 2.5 ou pH > 5.5: composto está completamente ionizado ou completamente molecular, e a retenção não altera muito nesta faixa.

DISSOCIAÇÃO DE ÁCIDO

DISSOCIAÇÃO DE ÁCIDO
DISSOCIAÇÃO DE ÁCIDO

Curva de dissociação do ácido benzóico (pKa = 4.2).

Assim, recomenda-se que o pH esteja pelo menos +/- 1 unidade fora do pKa.

Quanto mais afastados estes valores, menores serão os efeitos de pequenas mudanças de composição de fase móvel na retenção.

estes valores, menores serão os efeitos de pequenas mudanças de composição de fase móvel na retenção.

TAMPÃO PARA FASE REVERSA

TAMPÃO PARA FASE REVERSA
TAMPÃO PARA FASE REVERSA
TAMPÃO PARA FASE REVERSA Page 40

MODIFICAÇÃO MONOFUNCIONAL DE SIO 2

MODIFICAÇÃO MONOFUNCIONAL DE SIO 2
MODIFICAÇÃO MONOFUNCIONAL DE SIO 2
OH OH Si O OH Si O Si OH O Si O
OH
OH
Si
O
OH
Si
O
Si
OH
O
Si
O

OH

X

CH 3 CH 2 CH 2 CH 2 CH 2 CH 2 CH 2 Si
CH 3
CH 2
CH 2
CH 2
CH 2
CH 2
CH 2
Si
CH 2
CH 2
CH 2
CH 2
CH 2
CH 2
C 6 H 13

CH 3

Modificação monofuncional

OH CH 3 O Si C 18 H 37 Si Endcapping CH 3 O OH
OH
CH 3
O
Si
C 18 H 37
Si
Endcapping
CH 3
O
OH
Si
O
Si
CH 3
O
O
Si
C 18 H 37
O Si
CH 3

OH

CH 3 OH O Si Si CH 3 O CH Si 3 CH 3 Endcapped
CH 3
OH
O
Si
Si
CH 3
O
CH Si 3 CH 3
Endcapped
O
Si
CH 3
O
Si
CH 3
O
O
Si
O
CH 3
CH 3
O
Si
CH 3
CH 3
“ODS-1”

TESTE ENGELHARDT

TESTE ENGELHARDT
TESTE ENGELHARDT
1. Thiourea t 0 2. Aniline basic Chromatographic Conditions: 3. Phenol acidic 4. 2,3 –
1. Thiourea
t 0
2. Aniline
basic
Chromatographic
Conditions:
3. Phenol
acidic
4.
2,3 – Dihydroxynaphthalene chelating
Column:
5.
4 - Ethylaniline
basic
LiChrospher
6.
Diethylphthalate
neutral
RP18e
7.
N, N – Dimethylaniline
basic
4 mm x 250 mm
8.
Toluene
neutral
Mobile Phase:
9.
Ethylbenzene
neutral
Methanol/Water
58/42 (v/v)
Flow rate:
1.0 mL/min
Temperature:
40°C
Detection:
UV 254nm

RP-8 CONVENCIONAL COM LAVAGEM ÁCIDA

RP-8 CONVENCIONAL COM LAVAGEM ÁCIDA
RP-8 CONVENCIONAL COM LAVAGEM ÁCIDA

3,4,5

Teste Engelhardt

6 1 2 8 7 9 30 min
6
1 2
8
7
9
30 min

1 Ácido nicotínico + derivados

2 3 4 30 min
2
3
4
30 min

Aromáticos

1

4 5 3 2 1 30 min
4
5
3
2
1
30 min

Eluent:

Methanol / 0.05 M

Eluent:

Methanol / 0.7 mM acetic acidr

Eluent:

Acetonitrile / Water (75/25, v/v)

phosphate buffer pH 4.8

(2/100, v/v)

Flow rate:

1 ml/min

(50/50, v/v)

Flow rate:

1 ml/min

Detection:

UV 254 nm

Flow rate:

1ml/min

Detection:

UV 260 nm

Sample:

1. Benzene

Detection:

UV 254 nm

Sample:

1. Iso nicotinic acid

2. Naphthalin

Sample:

1. Anilin

6. N,N-Dimethylaniline

2. Nicotinic acid

3. Fluorene

2. Phenol

7. Toluol

3. Iso nicotinic acid amide

4. Anthracen

3. o-Toloidine 8. Benzoeic acid

4. m-Toloidine methylester

5. p-Toloidine 9. Ethylbenzene

4. Nicotinic acid amide

5. Benzanthracen

RP-8 CONVENCIONAL COM LAVAGEM ÁCIDA

RP-8 CONVENCIONAL COM LAVAGEM ÁCIDA
RP-8 CONVENCIONAL COM LAVAGEM ÁCIDA

Separação de medicamentos (com eluente ácido)

3 Medicamentos

1 2 1 4 5 6 30 min
1
2
1
4
5
6
30 min

1 betabloqueadores

1 2 3 4 30 min
1
2
3
4
30 min

1

3 DMD-Test

1

2

3

30 min
30 min

Eluent:

Acetonitrile / 0.05 M

Eluent:

Acetonitrile / 0.02 M KH2PO4

Eluent:

Acetonitrile / phosphate buffer pH 2.3

phosphate buffer pH 4.8 (20/80, g/g)

Flow rate:

pH 4.7 (25/75, v/v) 2 ml/min

Flow rate:

(31.2/86, g/g) 1 ml/min

Flow rate:

1ml/min

Detection:

UV 220 nm

Detection:

UV 220 nm

Detection:

UV 220 nm

Sample:

1. Atenolol

Sample:

1. Diphenhydramine

Sample:

1. Barbituric acid

2. Metaprolol

2. MPPH

2. Codeine phosphate

3. Bisoprolol

3. Diazepam

3. Atropinium sulfate

4. Propranolol

4. Papaverine

5. Noscapinium chloride

6. Diphenhydramine

ParteParteParteParte 4444 :::: SSíSSíílicaílicalicalica UltraUltra-UltraUltra--Pura-PuraPuraPura Page 45
ParteParteParteParte 4444 :::: SSíSSíílicaílicalicalica UltraUltra-UltraUltra--Pura-PuraPuraPura Page 45

ParteParteParteParte 4444 ::::

SSíSSíílicaílicalicalica UltraUltra-UltraUltra--Pura-PuraPuraPura

PRODUÇÃO DE SÍLICA GEL

PRODUÇÃO DE SÍLICA GEL
PRODUÇÃO DE SÍLICA GEL

Método Convencional

Tipo A M 2 O - nSiO 2 M= Na, K, Fe [-Si (OH) 2
Tipo A
M 2 O - nSiO 2
M=
Na, K, Fe
[-Si (OH) 2 - O -
Si (OH) 2 - O -] n
- Si - O - Si - O -
O O
- Si - O - Si - O -
n
SiOSiO 22 (Na, K, Fe)

Método Otimizado

Tipo B Si (OC 2 H 5 ) 4 [-Si (OC 2 H 5 )
Tipo B
Si (OC 2 H 5 ) 4
[-Si (OC 2 H 5 ) 2 - O -
Si (OC 2 H 5 ) 2 - O -] n
Si - O - Si - O -
O
O
Si - O - Si - O -
n
SiOSiO 22

DIFERENÇAS

DIFERENÇAS
DIFERENÇAS
TeorTeor dede metaismetais emem µµg/Lg/L Sódio Cálcio Magnésio Ferro Alumínio LiChrosorb ® 340-400 1300
TeorTeor dede metaismetais emem µµg/Lg/L
Sódio
Cálcio
Magnésio
Ferro
Alumínio
LiChrosorb ®
340-400
1300
160-220
20-25
15-20
LiChrospher ®
150-250
6-10
4-6
20-40
75-140
Purospher
Purospher ® STAR
®
1
1
1
3
1

INFLUÊNCIA DOS METAIS

INFLUÊNCIA DOS METAIS
INFLUÊNCIA DOS METAIS

Impurezas metálicas da sílica – pH > 3,0

Íons metálicos

Grupos silanol

Na + - O O H H Si Si O H H Si - O
Na +
- O
O H
H
Si
Si
O
H
H
Si
- O
Si
2+
O
H
Fe
- O
Si
Si O H
H
OH
OH
OH
Si
O
H
OH
Me
OH
Si
O
O
Si
Si
O
O
O
O
O
O
Si
O
Si
O
Si
O
Si
Matrix

livre

geminal

vicinal

AGENTES QUELANTES

AGENTES QUELANTES
AGENTES QUELANTES

O

OH

AGENTES QUELANTES O OH O OH OH Purpurin O OH O OH Quinizarin Chromatographic conditions: Mobile

O

OH

OH

Purpurin

O

OH

AGENTES QUELANTES O OH O OH OH Purpurin O OH O OH Quinizarin Chromatographic conditions: Mobile

O

OH

Quinizarin

Chromatographic conditions:

Mobile phase:

Methanol / 20 mM Phosphate

buffer

Flow rate:

pH 3,0; 75:25 (v/v) 1.0 ml/min

Detection:

UV 254 nm

Temperature:

30 °C

Sample:

1.) Purpurin 2.) Quinizarin

Purospher ® STAR RP-18 e

1.
1.

2.

1.) Purpurin 2.) Quinizarin Purospher ® STAR RP-18 e 1. 2. 0 5 10 RP-18 convencional
1.) Purpurin 2.) Quinizarin Purospher ® STAR RP-18 e 1. 2. 0 5 10 RP-18 convencional
1.) Purpurin 2.) Quinizarin Purospher ® STAR RP-18 e 1. 2. 0 5 10 RP-18 convencional
1.) Purpurin 2.) Quinizarin Purospher ® STAR RP-18 e 1. 2. 0 5 10 RP-18 convencional
1.) Purpurin 2.) Quinizarin Purospher ® STAR RP-18 e 1. 2. 0 5 10 RP-18 convencional
0 5 10 RP-18 convencional 2. 0 5 10
0
5
10
RP-18 convencional
2.
0
5
10

OTIMIZAÇÃO DA MODIFICAÇÃO FUNCIONAL

OTIMIZAÇÃO DA MODIFICAÇÃO FUNCIONAL
OTIMIZAÇÃO DA MODIFICAÇÃO FUNCIONAL

Modificação bifuncional de SiO 2

OH

 
  OH

OH

Si

Si

O

Si

Si

O

Si O Si
Si
O
Si

O

OH

OH

OH

X

X CH 2 CH 2 CH 2 CH 2 CH 2 CH 2 Si CH
X
CH 2
CH 2
CH 2
CH 2
CH 2
CH 2
Si
CH 2
CH 2
CH 2
CH 2
CH 2
CH 2
C 6 H 13

CH 3

CH 2 Si CH 2 CH 2 CH 2 CH 2 CH 2 CH 2 C
CH 3
CH 3
O Si Si O OH Si O O Si O O Si
O Si
Si O
OH
Si
O
O
Si
O
O Si

O

Si
Si

CH 3

OH

3 CH 3 O Si Si O OH Si O O Si O O Si O

CH 3

Modificação bifuncional

Si O Si O CH 3 O Si CH 3 Si O CH 3 OH
Si
O
Si
O
CH 3
O
Si CH 3
Si
O CH 3
OH
Si

O

O Si CH 3 OH CH 3 Modificação bifuncional Si O Si O CH 3 O

OH

“ODS-2”

INFLUÊNCIA DA DESATIVAÇÃO

INFLUÊNCIA DA DESATIVAÇÃO
INFLUÊNCIA DA DESATIVAÇÃO
RP-18 convencional 1 . 0 20 40
RP-18 convencional
1
.
0
20
40
Purospher ® RP-18 e 1 2 0 20 40
Purospher ® RP-18 e
1
2
0
20
40

N

1 . 0 20 40 Purospher ® RP-18 e 1 2 0 20 40 N Piridina

Piridina (1)

N CH 3 2-Metilpiridina (2)
N
CH 3
2-Metilpiridina (2)

Chromatographic Conditions:

Mobile phase:

Flow rate:

Detection:

Temperature:

Methanol / Water 55:45 (v/v) 1.0 ml/min UV 254 nm 35 °C

PROCAINAMIDAS

PROCAINAMIDAS
PROCAINAMIDAS

Aplicação

3

2 Purospher RP-18e 1 0 7,5 15 3 1 Sílica RP-18 tipo A 2 0
2
Purospher RP-18e
1
0
7,5
15
3
1
Sílica RP-18 tipo A
2
0
7,5
15

Column:

LiChroCART ® 125-4 Purospher ® RP-18 e, 5 µm

Mobile phase:

Methanol / 0.02 M Phosphate buffer pH 7.6 40:60 (v/v)

Flow rate:

0.5 ml/min

Detection:

UV 254 nm

Temperature:

30 °C

Sample:

1.) Uracil 2.) Procainamide 3.) N - Acetylprocainamide

TESTE ENGELHARDT

TESTE ENGELHARDT
1. Thiourea t 0 4
1. Thiourea
t 0
4

2. Aniline

basic

3. Phenol acidic 4. 2,3 – Dihydroxynaphthalene chelating 5. 4 - Ethylaniline basic 3 6.
3. Phenol
acidic
4.
2,3 – Dihydroxynaphthalene chelating
5.
4 - Ethylaniline
basic
3
6.
Diethylphthalate
neutral
6
7.
N, N – Dimethylaniline
basic
8.
Toluene
neutral
1
7
9.
Ethylbenzene
neutral
8
2
5
9

0

12

24 min

Chromatographic

Conditions:

Column:

Purospher

RP18e

4 mm x 125 mm

Mobile Phase:

Methanol/Water 55/45 (v/v)

Flow rate:

1.0 mL/min

Temperature:

ambient

Detection:

UV 254nm

APLICAÇÕES COM SÍLICA ULTRA-PURA

APLICAÇÕES COM SÍLICA ULTRA-PURA
APLICAÇÕES COM SÍLICA ULTRA-PURA
APLICAÇÕES COM SÍLICA ULTRA-PURA Page 54
APLICAÇÕES COM SÍLICA ULTRA-PURA Page 54
APLICAÇÕES COM SÍLICA ULTRA-PURA Page 54

QUARTA GERAÇÃO DE COLUNAS

QUARTA GERAÇÃO DE COLUNAS
QUARTA GERAÇÃO DE COLUNAS

Purospher STAR HPLC Columns

- vantagens e comparação com sorbentes clássicos

QUARTA GERAÇÃO DE COLUNAS Purospher STAR HPLC Columns - vantagens e comparação com sorbentes clássicos Page
QUARTA GERAÇÃO DE COLUNAS Primeira Geração (1970): LiChrosorb ® - a primeira coluna para HPLC;
QUARTA GERAÇÃO DE COLUNAS
Primeira Geração (1970): LiChrosorb ®
-
a primeira coluna para HPLC; partículas irregulares; 1ª fase reversa
RP18.

Segunda Geração (1980): LiChrospher ® , Superspher ®

- partículas esféricas de 4 e 5 µm com seletividade otimizada.

Terceira Geração (1990): Purospher ® - quase livre de metais pesados (< 5 ppm). Partículas
Terceira Geração (1990): Purospher ®
- quase livre de metais pesados (< 5 ppm). Partículas esféricas.
- Excelente simetria de picos.

Quarta Geração (2000): Purospher ®

STAR

- partículas esféricas de 3 µm e 5 µm, maior eficiência de separação.

- Seletividade “completa”

- Maior estabilidade de pH: 1.5 a 10.5.

QUARTA GERAÇÃO DE COLUNAS

QUARTA GERAÇÃO DE COLUNAS
QUARTA GERAÇÃO DE COLUNAS

Caracterização cromatográfica Modificação monomérica e polimérica dos silanóis

DE COLUNAS Caracterização cromatográfica Modificação monomérica e polimérica dos silanóis “ODS-3” Page 57

“ODS-3”

QUARTA GERAÇÃO DE COLUNAS

QUARTA GERAÇÃO DE COLUNAS
QUARTA GERAÇÃO DE COLUNAS

As colunas a base de sílica normal resistem a um pH entre 2-7,5.

Abaixo do limite de pH, ocorre hidrólise dos silanóis desativados.

Acima do limite de pH, temos a solubilidade da sílica.

Purospher - 2.0 a 7.5 Purospher Star - 1.5 a 10.5

• Acima do limite de pH, temos a solubilidade da sílica. Purospher - 2.0 a 7.5
• Acima do limite de pH, temos a solubilidade da sílica. Purospher - 2.0 a 7.5

QUARTA GERAÇÃO DE COLUNAS

QUARTA GERAÇÃO DE COLUNAS
QUARTA GERAÇÃO DE COLUNAS

Teste de Tanaka

Capacidade

(A)

A: k‘ (Pentyl benzene)

9.59

B: α (Pentyl-/ Butyl benzene)

1.51

C: α (Triphenylene/ o-Terphenyl)

1.63

D: α (Caffeine/ Phenol)

0.44

E: α (Benzylamine/ Phenol; pH7.6)

0.23

F: α (Benzylamine/ Phenol; pH2.7)

0.02

A

9,0 6,0 0,0 0,3 3,0 1,5 0,6 1,4 0,8 1,2 0,4 1,0 1,8 0,6 0,2
9,0
6,0
0,0
0,3
3,0
1,5
0,6
1,4
0,8
1,2
0,4
1,0
1,8
0,6
0,2

0,0

E

(B)

B

1,6

2,4

C

Hidrofobicidade

F

Capacidade de troca iônica (E,F)

Seletividade Estérica (C)

D

Capacidade dos silanóis (D)

Page 59

QUARTA GERAÇÃO DE COLUNAS

QUARTA GERAÇÃO DE COLUNAS
QUARTA GERAÇÃO DE COLUNAS

Purospher ® STAR RP-18e,

5µm

A

9,0 6,0 0,0 F B 1,6 0,3 3,0 1,5 0,6 1,4 0,8 1,2 0,4 1,0
9,0
6,0
0,0
F
B
1,6
0,3
3,0
1,5
0,6
1,4
0,8
1,2
0,4
1,0
1,8
0,0
E
C
2,4
0,6
0,2

D

Competitor-L A 10 F B 0 C E
Competitor-L
A
10
F
B
0
C
E
Competitor-Z Competitor-S A A 10 10 F B F B 0 0 C E C
Competitor-Z
Competitor-S
A
A
10
10
F
B F
B
0
0
C
E
C E
Competitor-N
Competitor-I
A
A
10
10
F
B
F
B
0
0
C
C
E
E
Competitor-P A 10 F B 0 C E
Competitor-P
A
10
F
B
0
C
E
Competitor-D A 10 F B 0 C E
Competitor-D
A
10
F
B
0
C
E

QUARTA GERAÇÃO DE COLUNAS

QUARTA GERAÇÃO DE COLUNAS
QUARTA GERAÇÃO DE COLUNAS
QUARTA GERAÇÃO DE COLUNAS Page 61

QUARTA GERAÇÃO DE COLUNAS

QUARTA GERAÇÃO DE COLUNAS
QUARTA GERAÇÃO DE COLUNAS

Colunas de 3µm para separações rápidas com alta performance. Tocoferóis

LiChroCART ® 55-4 Purospher ® STAR RP-18e, 3 µm

LiChroCART ® 250-4 Purospher ® RP-18e, 5 µm

4

3 2 1
3
2
1
h e r ® R P - 1 8 e , 5 µ m 4 3
h e r ® R P - 1 8 e , 5 µ m 4 3
h e r ® R P - 1 8 e , 5 µ m 4 3
h e r ® R P - 1 8 e , 5 µ m 4 3

0,0

5.0

10.0

1 3

2 4
2
4

0,0

15.0

30,0

Mobile phase:

Methanol / Water 95:5 (v/v)

Flow rate:

1.0 ml/min

Detection:

UV 280 nm

Temperature:

40°C

Sample:

δ - Tocopherol (1), β - Tocopherol (2), α - Tocopherol (3), α - Tocopherol Acetate (4)

QUARTA GERAÇÃO DE COLUNAS

QUARTA GERAÇÃO DE COLUNAS
QUARTA GERAÇÃO DE COLUNAS

Dúvidas em Colunas Particuladas para HPLC?

Comentários?

QUARTA GERAÇÃO DE COLUNAS Dúvidas em Colunas Particuladas para HPLC? Comentários? Page 63
ParteParteParteParte 5555 :::: BlocosBlocosBlocosBlocos MonolMonolíMonolMonolííticosíticosticosticos Page 64
ParteParteParteParte 5555 :::: BlocosBlocosBlocosBlocos MonolMonolíMonolMonolííticosíticosticosticos Page 64

ParteParteParteParte 5555 ::::

BlocosBlocosBlocosBlocos MonolMonolíMonolMonolííticosíticosticosticos

BLOCO MONOLÍTICO

BLOCO MONOLÍTICO
BLOCO MONOLÍTICO

Descubra a nova era cromatográfica!

BLOCO MONOLÍTICO Descubra a nova era cromatográfica! Page 65

BLOCO MONOLÍTICO

BLOCO MONOLÍTICO
BLOCO MONOLÍTICO
BLOCO MONOLÍTICO 1.51463.0001 Chromolith Flash RP-18e (25 x 4.6 mm) 1.51450.0001 Chromolith SpeedROD RP-18e (50 x
BLOCO MONOLÍTICO 1.51463.0001 Chromolith Flash RP-18e (25 x 4.6 mm) 1.51450.0001 Chromolith SpeedROD RP-18e (50 x

1.51463.0001 Chromolith Flash RP-18e (25 x 4.6 mm)

1.51450.0001 Chromolith SpeedROD RP-18e (50 x 4.6 mm)

1.02129.0001 Chromolith Performance RP-18e (100 x 4.6 mm)

1.51450.0001 Chromolith SpeedROD RP-18e (50 x 4.6 mm) 1.02129.0001 Chromolith Performance RP-18e (100 x 4.6 mm)

BLOCO MONOLÍTICO

BLOCO MONOLÍTICO
BLOCO MONOLÍTICO

Estrutura porosa bimodal definida

Mesoporos: 13 nm
Mesoporos: 13 nm

Vista de secção axial do bloco monolítico

porosa bimodal definida Mesoporos: 13 nm Vista de secção axial do bloco monolítico Macroporos: 2µµµµm Page
Macroporos: 2µµµµm
Macroporos: 2µµµµm
Page 68
Page 68

BLOCO MONOLÍTICO

BLOCO MONOLÍTICO
BLOCO MONOLÍTICO
BLOCO MONOLÍTICO Bastões monolíticos de sílica E n v o l t o s p o

Bastões monolíticos de sílica

BLOCO MONOLÍTICO Bastões monolíticos de sílica E n v o l t o s p o
BLOCO MONOLÍTICO Bastões monolíticos de sílica E n v o l t o s p o

Envoltos por polímero

BLOCO MONOLÍTICO

BLOCO MONOLÍTICO
BLOCO MONOLÍTICO
BLOCO MONOLÍTICO Page 70

BLOCO MONOLÍTICO

BLOCO MONOLÍTICO
BLOCO MONOLÍTICO

• Tipo de sílica:

• Tamanho da partícula:

• Tamanho do macroporo:

• Tamanho do mesoporo:

• Área Superficial:

• Volume de poro:

• Modificação:

• % de Carbono:

• Cobertura Superficial:

• Estabilidade de pH:

• Porosidade Total:

Alta pureza bloco monolítico 2 µm 130 Å (13 nm) 300 m 2 /g 1 ml/g RP-18 endcapped 18 % 3.6 mmol/m 2 2 – 7.5

>81%

BLOCO MONOLÍTICO

BLOCO MONOLÍTICO
BLOCO MONOLÍTICO

Chromolith ® X colunas de material particulado

250 200 Coluna X: 5µµµµm Coluna S: 5µµµµm 150 Coluna Z: 5µµµµm 100 50 Chromolith
250
200
Coluna X:
5µµµµm
Coluna S:
5µµµµm
150
Coluna Z:
5µµµµm
100
50
Chromolith ® Performance
0
Fluxo (mL/ min)
0
2
4
6
8
Retropressão oferecida (bar)

BLOCO MONOLÍTICO

BLOCO MONOLÍTICO
BLOCO MONOLÍTICO

1. Retropressão muito menor

BLOCO MONOLÍTICO

BLOCO MONOLÍTICO 2
BLOCO MONOLÍTICO 2

2

1 Chromolith ® Performance RP-18e 4 3 5 100 mm x 4.6 mm 5 ß-Bloqueadores
1
Chromolith ® Performance RP-18e
4
3
5
100 mm x 4.6 mm
5 ß-Bloqueadores
1 mL/min - 17 bar
Mobile
Phase
5 mL/min - 85 bar
Flow rate
Detection
Sample
Acetonitrile/
0.1% TFA in
water
(20(80; v/v)
1-9 ml/min
222 nm
1. Atenolol

9 mL/min - 153 bar

2. Pindolol

3. Metoprolol

4. Celiprolol

5. Bisoprolol

BLOCO MONOLÍTICO

BLOCO MONOLÍTICO
2 2 1 4 1 3 5 3 4 5 0.0 1.5 1 mL/min -
2
2
1
4
1
3
5
3
4 5
0.0
1.5
1 mL/min - 17 bar
9 mL/min - 153 bar 5 mL/min - 85 bar 12 9 mL/min - 153
9 mL/min - 153 bar
5 mL/min - 85 bar
12
9 mL/min - 153 bar
1 4 1 3 5 3 4 5 0.0 1.5 1 mL/min - 17 bar 9

Page 75

BLOCO MONOLÍTICO

BLOCO MONOLÍTICO
BLOCO MONOLÍTICO

1. Retropressão muito menor = análises mais rápidas

Tocol

BLOCO MONOLÍTICO

BLOCO MONOLÍTICO
BLOCO MONOLÍTICO
Tocol Alpha.tocopherol
Tocol
Alpha.tocopherol

0

0.1

0.2

0.3 min

Alpha.tocopherol
Alpha.tocopherol

0

0.1

0.2

0.3

min

Chromolith Speed ROD 7 ml/min

Chromolith Speed ROD 10 ml/min

Cortesia de Dr. Thomas E Gundersen AS Vitas, Noruega

BLOCO MONOLÍTICO

BLOCO MONOLÍTICO
BLOCO MONOLÍTICO

1. Pressão muito menor = análises mais rápidas

2. Comprimento da coluna não é limitado pela pressão

BLOCO MONOLÍTICO

BLOCO MONOLÍTICO
BLOCO MONOLÍTICO

6

Picos mal resolvidos???

3 2 5 1 8 7 4
3
2
5
1
8
7
4

Column

Chromolith SpeedROD RP-18e

50-4.6mm

Mobile

A: Acetonitrile

 

phase

B: Water

Gradient

Time/min

%A

%B

0,0

10

90

3,0

50

50

4,5

50

50

Flow rate

4 mL/min

Detection

UV 220 nm

Temp.

ambient

Inj.Volume

10 µL

Sample

1. Prednisolone

 

2. Cortisone

3. Nortestosterone

4. Estradiol

5. Testosterone

6. Corticosterone

7. Estrone

8. Progesterone

0,0

2,0

4,0

min

BLOCO MONOLÍTICO

BLOCO MONOLÍTICO
BLOCO MONOLÍTICO

6

3 2 5 8 1 7 4
3
2
5
8
1
7
4

0,0

3,5

7,0

min

Column

2 colunas

Chromolith Performance RP-18e

100-4.6mm

Mobile

A: Acetonitrile

 

phase

B: Water

Gradient

Time/min

%A

%B

0,0

20

80

7,0

90

10

Flow rate

3 mL/min

Detection

UV 220 nm

Temp.

ambient

Inj.Volume

10 µL

Sample

1. Prednisolone

 

2. Cortisone

3. Nortestosterone

4. Estradiol

5. Testosterone

6. Corticosterone

7. Estrone

8. Progesterone

BLOCO MONOLÍTICO

BLOCO MONOLÍTICO
BLOCO MONOLÍTICO

1. Pressão muito menor = análises mais rápidas

2. Comprimento da coluna não é limitado pela pressão = melhor resolução de picos

ACESSÓRIOS

ACESSÓRIOS
ACESSÓRIOS
ACESSÓRIOS 1.51467.0001 Acoplador para Chromolith Page 82

1.51467.0001

Acoplador para Chromolith

ACESSÓRIOS 1.51467.0001 Acoplador para Chromolith Page 82
ACESSÓRIOS 1.51467.0001 Acoplador para Chromolith Page 82

Page 82

BLOCO MONOLÍTICO

BLOCO MONOLÍTICO
BLOCO MONOLÍTICO

Column

Length

Back pressure

Plate Number N (Anthracene)

(mm)

(bar)

Chromolith Performance 1x

100

30

10.000

Chromolith Performance 2x

200

60

19.000

Chromolith Performance 3x

300

90

27.000

Chromolith Performance 4x

400

120

35.000

Chromolith Performance 5x

500

150

41.000

Particulate 5 µm Competitor X

250

320

16.000

Particulate 5 µm Competitor Z

250

210

17.500

Particulate 5 µm Competitor L

250

220

18.500

Particulate 3.5 µm Competitor X

150

330

11.500

Particulate 3.5 µm Competitor Z

150

260

14.000

Particulate 3.5 µm Competitor L

150

400

19.000

[diâmetro: 4.6 mm, fase móvel: acetonitrila/água (60/40; v/v), fluxo: 3 mL/min, temperatura: 25°C, injeção: 10 µL de antraceno (10 µg/mL)].

BLOCO MONOLÍTICO

BLOCO MONOLÍTICO
BLOCO MONOLÍTICO
BLOCO MONOLÍTICO 1 metro de coluna: 10X Chromolith ® Performance Page 84

1 metro de coluna: 10X Chromolith ® Performance

BLOCO MONOLÍTICO

BLOCO MONOLÍTICO
BLOCO MONOLÍTICO

6

7

14 x Chromolith ® Performance 100-4.6mm = 1.4 metro

5

3 4 2 1
3
4
2
1

108 000 N/coluna !!!

117 bar

ACN/ Água (80/ 20; v/v)

0

30

60 min

1. Tiuréia, 2. benzeno, 3. tolueno, 4. Etil-, 5. propil-, 6. butil-, 7. pentilbenzeno

BLOCO MONOLÍTICO

BLOCO MONOLÍTICO
BLOCO MONOLÍTICO

1. Pressão muito menor = análises muito mais rápidas

2. Tamanho da coluna não limitado pela pressão = melhor resolução

3. Bloco monolítico de sílica muito resistente

BLOCO MONOLÍTICO

BLOCO MONOLÍTICO
BLOCO MONOLÍTICO

1. Pressão muito menor

= análises muito mais rápidas

2. Tamanho da coluna não limitado pela pressão

= melhor resolução

3. Bloco monolítico de sílica muito resistente

= maior vida útil

PRÉ-COLUNAS

PRÉ-COLUNAS
PRÉ-COLUNAS
PRÉ-COLUNAS Page 88
PRÉ-COLUNAS Page 88
PRÉ-COLUNAS Page 88
PRÉ-COLUNAS Page 88

Capacity factor k'

TEMPERATURA MÁXIMA

TEMPERATURA MÁXIMA
TEMPERATURA MÁXIMA

4,00

3,00

2,00

1,00

0,00

Progesterone Anthracene 0 500 1000 1500 2000 2500 3000 3500
Progesterone
Anthracene
0
500
1000
1500
2000
2500
3000
3500

No. of injections

[temparature: 45°C; mobile phase: acetonitrile/water (60/40; v/v); flow rate: 2 mL/min, injection volume: 10 µL]

BLOCO MONOLÍTICO

BLOCO MONOLÍTICO
BLOCO MONOLÍTICO

Website da Chromolith:

www.chromolith.com

chrombook.merck.de

BLOCO MONOLÍTICO

BLOCO MONOLÍTICO
BLOCO MONOLÍTICO

Especificações USP28

Recheio

L1

RP-18

L3

Si

L7

RP-8

L8

NH2

L10

CN

L20

Diol

USP28 Recheio L1 RP-18 L3 Si L7 RP-8 L8 NH2 L10 CN L20 Diol Page 91
USP28 Recheio L1 RP-18 L3 Si L7 RP-8 L8 NH2 L10 CN L20 Diol Page 91
USP28 Recheio L1 RP-18 L3 Si L7 RP-8 L8 NH2 L10 CN L20 Diol Page 91
USP28 Recheio L1 RP-18 L3 Si L7 RP-8 L8 NH2 L10 CN L20 Diol Page 91
USP28 Recheio L1 RP-18 L3 Si L7 RP-8 L8 NH2 L10 CN L20 Diol Page 91
USP28 Recheio L1 RP-18 L3 Si L7 RP-8 L8 NH2 L10 CN L20 Diol Page 91
USP28 Recheio L1 RP-18 L3 Si L7 RP-8 L8 NH2 L10 CN L20 Diol Page 91
USP28 Recheio L1 RP-18 L3 Si L7 RP-8 L8 NH2 L10 CN L20 Diol Page 91
USP28 Recheio L1 RP-18 L3 Si L7 RP-8 L8 NH2 L10 CN L20 Diol Page 91

ULTRA PERFORMANCE LIQUID CHROM

ULTRA PERFORMANCE LIQUID CHROM
ULTRA PERFORMANCE LIQUID CHROM
ULTRA PERFORMANCE LIQUID CHROM Page 92

BLOCO MONOLÍTICO

BLOCO MONOLÍTICO
BLOCO MONOLÍTICO

Dúvidas sobre Blocos Monolíticos? Comentários?

BLOCO MONOLÍTICO Dúvidas sobre Blocos Monolíticos? Comentários? Page 93

MUITO OBRIGADO PELA ATENÇÃO!

MUITO OBRIGADO PELA ATENÇÃO!
MUITO OBRIGADO PELA ATENÇÃO!

“(

) No fim, tudo dá certo

porque não chegou ao fim.”

Se ainda não deu certo, é

Trecho retirado de “O Encontro Marcado” (Fernando Sabino).

retirado de “O Encontro Marcado” (Fernando Sabino). (11) 9940-0807 (11) 3346-8558 daniel.c.teixeira@merck.com.br

(11) 9940-0807 (11) 3346-8558 daniel.c.teixeira@merck.com.br