Sei sulla pagina 1di 22

PRODUTOS DE MAQUILAGEM

 Profª Drª Aparecida Peres Del Comune


LIPOSSOLÚVEIS
Quando há a presença de grupos
solúveis em óleos: -CH3; -OC2H5; Ou
são moléculas muito pequenas;
Pigmentos

Corantes

Mineral Orgânico

Óxidos Sais Pigmentos


Hidrossolúveis Lipossolúveis Metálicos Minerais puros e
de Cromo Complexos Lacas

HIDROSSOLÚVEIS
Quando há a presença de
grupos solúveis em água: -
SO3Na; -COONa
CI 15985 0,2%
HIDROSSOLÚVEIS CI 15985
CI 19140 0,8% (mistura)
CI 28440

+
PIGMENTOS MINERAIS

VIOLETA DE ULTRAMARINOS
MANGANÊS
FERROCIANETO
FÉRRICO

ÓXIDOS DE ÓXIDOS DE
FERRO CROMO
Peelings;
Óxido de cromo anidro
Rosáceas e
Acnes
BASES FACIAIS
 São desenvolvidas para dar cor, dissimular defeitos e
homogeneizar a cor do rosto.
 Tipos: oleosas, aquosas, sem óleo.
 Oleosas: emulsão A/O + pigmentos suspensos no óleo.
 Óleos (mineral , vegetal), miristato, palmitato de
isopropila.
 Água: evapora após aplicação deixando o óleo +
pigmento
 Coloração regular
 Maior tempo para aplicação
 Indicação: pele seca.
BASES FACIAIS

 Aquosas: emulsão O/A (pouco óleo) + pigmento


emulsificado.
 Surfactante não iônico / monoestearato de
glicerina.
 Manutenção da cor.
 Menor tempo de aplicação em relação às oleosas.
 Indicação: peles ligeiramente secas e normais.
 Sem óleo: contém silicones (dimeticone ,
ciclometicone).
 Cor: propensa a alterações (mistura dos pigmentos
c/ o sebo).
 Tempo de aplicação: curto.
 Indicação: peles oleosas, peles com acne.
BASES FACIAIS
 Agentes de coloração: dióxido de titânio e óxido de ferro.
 TiO2 ; dissimulador facial, protetor solar, agente de cobertura.
 Pode conter também: talco (silicato hidratado de magnésio),
caulim (silicato hidratado de alumínio), óxido de zinco, amido como
substâncias que dão consistência a base ou que absorvem
secreções faciais.
 Cobertura: capacidade de ocultar ou encobrir a pele adjacente.
Esta relacionado com a quantidade de TiO2 e ZnO, principalmente.
 Cobertura fina:  TiO2 (quase transparente) FPS ~2.
 Cobertura moderada: translúcida FPS ~ 4 a 5.
 Alta cobertura: opacas, agem como bloqueadores solares.
COSMÉTICOS FACIAIS – PÓS,
BLUSHES E ROUGES
 São desenvolvidos p/ disfarçar defeitos e acentuar características
faciais marcantes.
 Pós: cobertura de imperfeições, controle da oleosidade,
acabamento opaco.
 São aplicados após umectação inicial da pele.
 Fórmula: talco (silicato hidratado de Mg) + pigmentos de cobertura
(TiO2 , caulim; silicato hidratado de Al,carbonato de magnésio,
estearato de Mg, Zn, ZnO amido de arroz) embalado em compacto.
 Pigmentos: óxido de ferro, óxido de cromo, hidrato de cromo, azul
ultramarinho.
 Cores verde-azulado: reduz o eritema facial em pacientes c/
rosácea, psoriase e lupus sistêmico.
 Blushes e Rouges: aumentam a cor rosa da bochecha.
 Blushes: semelhantes ao pó compacto com maior quantidade de
pigmentos.
 Rouges: creme (óleos mineral/vegetal, ésteres livres, TiO2 +
pigmentos).
COSMÉTICOS FACIAIS
 Cremes bronzeadores:
 Proporcionam coloração dourada á noite sem exposição ao sol.
 Contém: 3 a 5% de diidroxiacetona (DHA).
 Coloração: entre 2 a 6 horas.
 Duração: 4 a 6 dias.
 Mecanismo: DHA – aminoácidos da pele → formação de
melanidinas (cor de bronzeamento).
 Observações:
 A cor formada é independente da melanogênese. Usar protetor
solar!
 Aminoácidos da pele: principalmente, arginina.

BASE PARA
1. Lanoato deMAQUILAGEM
isopropila - (TIPO EMULSÃO) 4%
2. Lanolina 3%
3. Álcool de lanolina acetilado 3%
4. Ácido esteárico 2%
5. Monoestearato de glicerina (auto – emulsionável) 2%
6. Óleo mineral 15%
7. Trietanolamina 0,8%
8. Propilenoglicol 5%
9. Pigmentos 15%
10. Essência q.s
11. Conservantes (Nipagin® e Nipazol®) q.s
12. Água destilada 50,2%
9. Pigmentos Quantidade
 Dióxido de titânio 5g
 Talco 8g
 Óxidos de ferro 2g
 lanoato de isopropila: produto da reação do álcool isopropilico com ácidos
graxos extraidos da lanolina
BASE PARA MAQUILAGEM
(TIPO EMULSÃO)
 Técnica de Preparo:
A. Aquecer a fase oleosa (1,2,3,4,5,6, e Nipazol®) a 70-
75ºC
B. Aquecer a fase aquosa (7,8, Nipagin® e 12) a 70-75°C
C. Verter, sob agitação, a fase oleosa sobre a aquosa
D. Misturar em gral de vidro, ao pigmentos e corantes
E. Adicionar D sobre C (incorporar aos poucos)
F. Acrescentar a essência, quando a temperatura estiver
entre 40 e 50°C
G. Acondicionar em frasco apropriado e rotular
PÓ COMPACTO - exemplo de formulação
 Componentes porcentagem
1. Talco 71,5
2. Carbonato de magnésio leve 3
3. Óxido de zinco 6
4. Pigmentos (óxido de ferro) 3
5. Dióxido de titânio 4
6. Estearato de magnésio 3,5
7. Lanolina anidra 1
8. Álcool de lanolina acetilado 3
9. Miristato de isopropila 2,11.
10. Essência 1
PÓ COMPACTO – exemplo de formulação
 Técnica:
A. Misturar no gral de vidro 1,3,5 e 6 (tamisar c/ antecedência: tamis 60→
250m)
B. Misturar os pigmentos (4) no gral de vidro e incorporar ½ de A
C. Em geral de vidro, misturar 11 + 2 e acrescentar a B
D. Misturar 7 e 8 em béquer e aquecer até a fusão
E. Acrescentar D á mistura de pós e homogeneizar com o pistilo
F. Adicionar 9 e 10 em ½ de A, sob agitação com o pistilo e incorporar á
mistura de pós
G. Distribuir em moldes e compactar os pós, retirando o excesso.
Observação:
Miristato de isopropila; líquido de baixa viscosidade, sem cheiro, solúvel em óleos
(vegetais e minerais) e etanol. Insolúvel em água, glicerina e propilenoglicol. É um bom
dissolvente de lanolina, ceras e colesterol, sendo muito empregado como componente
oleoso para preparações de cremes, emulsões e pomadas. É obtido a partir da reação
do álcool isopropilico e ácidos graxos com 14 carbonos.
COSMÉTICOS LABIAIS ( batons)

 Finalidade:
 Acentuar os lábios
 Cobrir imperfeições
 Redefinir lábios malformados
 Lubrificar
 Conferir proteção através do emprego de filtro solar
 Definição: é uma haste prensada com corantes, dispersa em uma mistura de
óleos,ceras e gorduras embalada em um tubo de recolher
 Fórmula: mistura de ceras, óleos e pigmentos em concentrações variáveis
adequadas as características do produto final.
 → ação duradoura: muita cera, pouco óleo e alta concentração de pigmentos
 → sensação cremosa: pouca cera e muito óleo
 Ceras: abelha branca, candelila, carnaúba, ozoquerita, lanolina, cereais.
Geralmente, os batons contém uma combinação dessas ceras, visando adquirir
ponto de fusão desejado.
 Óleos: óleo de castor, mineral, de lanolina, vegetais hidrogenados. Formam uma
película adequada para aplicação, além de serem necessários na dispersão dos
pigmentos.outros componentes: corantes, conservantes, antioxidantes e perfumes.
COSMÉTICOS LABIAIS (batons)
exemplos de formulação

 Componentes
Porcentagens
1. Álcool hexadecílico
44
2. Estearato de butila 2
3. Palmitado de isopropila 3,5
4. Lanolina anidra 7
5. Vaselina sólida 12
6. Cera de candelila 11
7. Cera de canaúba
11
8. ácido esteárico 8
9. Álcool cetílico
1,5
10. Ácido nordiidroguaiarético
0,02
11. Ácido cítrico
0,006
12. Pigmentos e corantes
q.s
COSMÉTICOS LABIAIS (batons)
 TÉCNICA:
A. Misturar (12) no gral de vidro (mistura geométrica,
tamis 60);
B. Misturar os componentes (1,2,3,4,5,6,7,8,9,10 e 11) e
aquecer a 70 -75°C;
C. Incorporar aos poucos os componentes de B em A
(gral de vidro);
D. Espatular em pedra de mármore;
E. Tornar a fundir os componentes e espatular
novamente;
F. Misturar os componentes até massa pastosa;
G. Colocar em moldes, ainda quente e resfriar.
COSMÉTICOS P/ ÁREA DOS OLHOS
sombras
 Pós prensados (+ populares), cremes anidros, bastões, lápis.
 Pígmentos: permitidos (ANVISA)
 Óxido de ferro: TiO2 pós de cobre, alumínio, e prata (acabamentos
metálicos); azul ultramarino, violeta ou rosa; violeta de manganês;
carmim; óxido de hidrato de cromo; azul ferro; oxicloreto de
bismuto e mica (proporcionando, ambos, brilho perolado)
 Pós: talco, caulim, estearato de Mg, Zn (aglutinantes, absorventes
do óleo)
 Dióxido de titânio: acabamento opaco, não usado em brilho
perolado
 Produtos a base de óleo: tendem a migrar p/ as pregas das
pálpebras
 Cremes p/ acomodação :  a aderência
 Removedores: surfactantes (coco amidopropil betaina)
COSMÉTICOS P/ ÁREA DOS OLHOS
Rímel:produto p/ escurecer e espessar os cílios
 Dever: proporcionar fácil aplicação, homogeneidade, não
irritabilidade ou toxicidade.
 Comparação: sabões (estearato de trienolamina) + pigmentos
 Creme: pigmento suspenso em base evanescente (ñ resistente á
água)
 Líquido:
 Base água (emulsão O/A): ceras (abelha, carnaúba, sintéticas);
pigmentos (óxido ferro preto, óxido de cromo, azul ultramarino,
carmim, TiO2 + resinas dissolvidas em água. Devem ser usados
preservativos (Pseudomonas aeruginosa); melhor resistência á
água
 Base óleo: destilados de parafina + pigmentos + ceras (candelila,
ozoquerita, carnaúba); a prova d’água.
 Delineadores: ceras + pigmentos + óleos minerais / vegetais +
derivados de lanolina prensados em hastes e embalados em
madeira (lápis)
SOMBRA COMPACTA –
exemplo de formulação

1. Talco 82,5%
2. Estearato de zinco 6%
3. Azul ultramarinho 5,4%
4. Óxido de ferro preto 0,1%
5. Hidrato de cromo 2%
6. Base 4%

6.Base
Cera de abelha alvejada 12%
Lanolina 2%
Óleo mineral 86%
SOMBRA COMPACTA
exemplo de formulação

 Técnica:
A. Misturar em gral de vidro: 1,2,3,4, e 5 (mistura
diluição geométrica, tamis 60)
B. Fundir os componentes da base (70 – 75ºC)
C. No gral de vidro, acrescentar A em B e
homogeneizar com o pistilo
D. Acondicionar em recipiente adequado, após
compactação.
RIMEL LÍQUIDO
exemplo de formulação

1. Óxidos de ferro preto 7%


2. Glicerina 4%
3. PVP® K 30 3%
4. Ácido esteárico 2%
5. Cera de abelha 1,5%
6. Lanolina etoxilada 1,5%
7. Monoestearato de glicerila 1%
8. Proteina de soja hidrolisada 1%
9. Polímero carboxivinílico 0,6%
10. Trietanolamina 1,3%
11. Imidazolinidil uréia 0,25%
12. Metilparabeno 0,15%
13. Etanol 4,9%
14. EDTA 0,10%
15. Água destilada q.s.p 100