Sei sulla pagina 1di 1

A COMUNIDADE CRISTÃ

Dallas Willard identifica os objetivos básicos da comunidade cristã extraídos do texto


de Efésios 4.
1
Rogo-vos, pois, eu, o prisioneiro no Senhor, que andeis de modo digno da vocação a que
fostes chamados, 2 com toda a humildade e mansidão, com longanimidade, suportando-
vos uns aos outros em amor, 3 esforçando-vos diligentemente por preservar a unidade do
Espírito no vínculo da paz; 4 há somente um corpo e um Espírito, como também fostes
chamados numa só esperança da vossa vocação; 5 há um só Senhor, uma só fé, um só
batismo; 6 um só Deus e Pai de todos, o qual é sobre todos, age por meio de todos e está
em todos. Efésios 4:1-6

Neste texto, Paulo está falando sobre o que os dons concedidos a algumas pessoas
(apóstolos, profetas, evangelistas e pastores mestres) significavam no contexto da
igreja. Ele começa dizendo “eu, o prisioneiro no Senhor”, pois ele escrevia da prisão.
Paulo inicia com uma expressão muito peculiar: “rogo-vos”. O que Paulo rogava aos
crentes efésios? Ele diz: “andeis de modo digno da vocação a que fostes chamados”,
“com toda a humildade e mansidão, com longanimidade, suportando-vos uns aos
outros em amor”. Este é o texto de Efésios 4:1-2. Notem que o texto revela que a
igreja era uma comunidade onde não havia rejeição. Ninguém era rejeitado. Se
houvessem ofensas, o que não era a regra, elas seriam tratadas com paciência e
perdão. E esse tratamento das ofensas ocorria no contexto de uma comunidade onde
existia uma comunicação efetiva acerca das coisas que estavam acontecendo lá. As
pessoas desta comunidade não seriam do tipo de pessoas que saiam por conta própria
de mau humor, guardando ressentimos e ficando com raiva, tudo porque, naquela
comunidade havia um tipo de atividade comunitária que de uma maneira apropriada
os reconciliava. Paulo fala da ideia de preservar a unidade do Espírito pelo vínculo da
paz afirmando que “há somente um corpo e um Espírito, como também fostes
chamados numa só esperança da vossa vocação; há um só Senhor, uma só fé, um só
batismo; um só Deus e Pai de todos, o qual é sobre todos, age por meio de todos e
está em todos.” (Efésios 4:3-5). Esse é o tipo de unidade no amor que deve ser
vislumbrada entre os discípulos de Jesus. Devemos nos lembrar do que Jesus disse:
“Nisto conhecerão todos que sois meus discípulos: se tiverdes amor uns aos outros.”
(João 13:35). Ele não disse que seríamos conhecidos por termos uma doutrina certa.
Ele falou de uma coisa, apenas, uma coisa. Ele disse: “Nisto”. E é exatamente sobre
isso que Paulo está falando aqui. Muitos problemas existiam no contexto da
comunidade, mas eram problemas solucionáveis. Paulo então, começa a falar sobre
como esse tipo de vida deve ser praticada. Como este tipo de vida deve ser praticada
no contexto da comunidade? Por intermédio dos dons que são dados a determinadas
pessoas. De acordo com este texto, na comunidade existem pessoas que agirão com
extraordinário poder para fazerem acontecer o que está registrado no texto de
Efésios. O texto fala de crescimento. Aqui se deve destacar: O verdadeiro crescimento
da igreja não se dá mais cristãos, mas com cristãos maiores.

Um grande abraço.

Ari