Sei sulla pagina 1di 2

RESENHA: O FATOR MELQUISEDEQUE

O Testemunho de Deus nas culturas através do mundo


Autor: Dom Richardson
Quanto mais procuro conhecer do Deus a quem sirvo, cada vez mais me maravilho
pelo modus operandi que Ele emprega em cada circunstância. Sem nunca nos deixar sem
resposta e, de acordo a obra que nos comissionou, Ele, não só nos dará o rumo e o método a
empregarmos, mas também preparará o campo para que possamos com júbilo colher o que
com lágrimas semearmos.
Nenhum povo ou raça ficará sem desculpa diante dele, no grande dia, por nunca
ninguém ter-lhes anunciado o Evangelho! Em cada povo Deus implantou-lhe a semente que o
conduziria à busca do Deus verdadeiro; mesmo que Seus servos não se movam e recebam o
chamado para ir aos perdidos, aos povos distantes e lhes anunciar o Seu Reino. Estes não
terão desculpas pois, além de os capacitar, o Senhor há muito tempo tem criado pontes
culturais para auxiliar os Seus servos na comissão de anunciar o Reino dos Céus. A isto, Don
Richardson chamou de “o fator Mequisedeque”. Don nos demostra que em cada cultura, o
Deus Altíssimo (El Ellyon) levantou um profeta, servo Seu, que preparasse o povo para a
chegada das boas novas e recuperando “o livro perdido” do “único Deus verdadeiro”. Até do
“livro” e do “Único Filho” deu testemunho. Faz-me lembrar da “voz do que clama no deserto”
endireitando as veredas para a chegada do Messias Salvador (Lc 3:4b). Em contrapartida, o
inimigo tem enviado os seus mensageiros que têm implantou o “fator Sodoma”, levando o
povo a se tornar politeístas. As muitas evidências do “fator Melquisedeque” entre todos os
povos me empolgaram, mas três deles me chamaram a atenção: o testemunho de “Virachocha
- o Criador onipotente de todas as coisas”, por Pachacuti, rei de Machu Picchu (povo Inca), a
profecia de Pathiam e o “livro de Y'wa”, e a busca incessante de K Tchah-byu, entre os karen
(povo entre a Índia e Birmânia) e Shang-Ti / Hananim. entre os chineses e coreanos.
Cada povo adotou um nome conforme a sua língua e cultura que expressa a idéia
do Único Deus Verdadeiro, criador e mantenedor de todas as coisas. É lamentável, que todos
esses povos tenham recebido a revelação direta de Deus, não de forma exclusiva, mas
inclusiva. Mas apenas aos reis e nobres podiam buscar ao Deus Único e Verdadeiro. Só eles
podiam buscá-LO e servi-LO, enquanto os demais ficavam privados desse contato, dando-
lhes margem a buscarem outros deuses. Este livro é um despertamento para Igreja do Senhor
para ir colher os frutos que o Senhor, de antemão já os preparou para a colheita.
Então, mãos à obra!
Autor: João Bosco Rolim Esmeraldo
Acadêmico de Teologia – CETREM - JN-CE
BIBLIOGRAFIA:
RICHRADSON, Don, 1935 – O fator Mesquisedeque : O Testemunho de Deus nas culturas
através do mundo : tradução Neyd Siqueira – São Paulo – Vida Nova : 1995.

Obs.: Don Richardson nasceu em 30 de Abril de 1918, em Nova Iorque, EUA e faleceu em
10 de Janeiro de 1996, Los Angeles, Califórnia, EUA.