Sei sulla pagina 1di 6

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CELSO SUCKOW DA FONSECA


CONSELHO DEPARTAMENTAL DA GRADUAÇÃO
DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR

NORMAS DE EXAME DE SELEÇÃO PARA O INGRESSO, POR TRANSFERÊNCIA


EXTERNA, NOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DO CEFET-RJ

O Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca - CEFET/RJ torna


público que estarão abertas as inscrições para o exame de seleção para o ingresso, por Transferência
Externa, exclusivamente nos cursos de graduação, para o 1º semestre letivo de 2011.
O exame de seleção por Transferência Externa corresponde ao ingresso no CEFET-RJ de
alunos provenientes de cursos autorizados ou credenciados de outras Instituições de Ensino Superior
(IES).
O exame de seleção para o ingresso por Transferência Externa constará das seguintes
etapas sequenciais, todas de caráter eliminatório:
a) Análise da documentação relacionada no item III desta Norma.
b) Avaliação de prova discursiva.

I- DAS VAGAS OFERECIDAS


Serão preenchidas, através de provas especificas, em ordem classificatória, as seguintes
vagas:
• Unidade de Ensino Descentralizada em Nova Iguaçu (UnED NI):
NOME DO CURSO VAGAS OFERECIDAS
ENGENHARIA IND. DE CONTROLE E AUTOMAÇÃO 06
ENGENHARIA DE PRODUÇÃO 02

• Unidade de Ensino Descentralizada de Petrópolis (UnED Petrópolis) :


NOME DO CURSO VAGAS OFERECIDAS
LICENCIATURA EM FÍSICA 03

II- CRONOGRAMA
O quadro abaixo apresenta o cronograma previsto para o processo seletivo por transferência
externa para o 1º semestre de 2011.
• Unidade de Ensino Descentralizada em Nova Iguaçu (UnED NI):
DATA ASSUNTO LOCAL HORÁRIO
Estrada de Adrianópolis, 1317,
01e 02/02/11 Período de Inscrição Santa Rita – Nova Iguaçu/RJ, Das 15 às 20 horas
Secretaria Acadêmica, Térreo
Divulgação do resultado da análise de
04/02/2011 Endereço eletrônico www.cefet-rj.br ------------------
documentação
08/02/2011 Data da realização das provas Bloco A 3º andar - Sala A-306 Das 15 às 19 horas

10/02/2011 Divulgação dos candidatos classificados Endereço eletrônico www.cefet-rj.br ------------------


Estrada de Adrianópolis, 1317,
11/02/2011 Apresentação de recursos Das 15 às 17 horas
Secretaria Acadêmica, Térreo
14/02/2011 Divulgação do resultado final Endereço eletrônico www.cefet-rj.br ------------------
Estrada de Adrianópolis, 1317,
Matrícula dos candidatos selecionados
15/02/2011
em Nova Iguaçu (UnED NI)
Santa Rita – Nova Iguaçu/RJ, Das 15 às 20 horas
Secretaria Acadêmica, Térreo

1
• Unidade de Ensino Descentralizada em Petrópolis (UnED Petrópolis) :
DATA ASSUNTO LOCAL HORÁRIO
Rua do Imperador,nº971,Centro -
01e 02/02/11 Período de Inscrição Das 13 às 17 horas
Petrópolis/RJ, Secretaria Acadêmica
Divulgação do resultado da análise de
04/02/2011 Endereço eletrônico www.cefet-rj.br ------------------
documentação

08/02/2011 Data da realização das provas Sala 301 Das 9 às 13 horas

10/02/2011 Divulgação dos candidatos classificados Endereço eletrônico www.cefet-rj.br ------------------

Rua do Imperador,nº971,Centro -
11/02/2011 Apresentação de recursos Das 13 às 17 horas
Petrópolis/RJ, Secretaria Acadêmica

14/02/2011 Divulgação do resultado final Endereço eletrônico www.cefet-rj.br ------------------


Matrícula dos candidatos selecionados Rua do Imperador,nº971,Centro -
15/02/2011 Das 13 às 19 horas
em Petrópolis (UnED Petrópolis) Petrópolis/RJ, Secretaria Acadêmica

Eventuais alterações nas datas acima serão amplamente divulgadas por meio da página da
Internet: http://www.cefet-rj.br.

III- DAS CONDIÇÕES DE INSCRIÇÃO


1. Poderão candidatar-se à Transferência Externa nos cursos oferecidos pelo CEFET, abaixo
relacionados, os alunos regularmente matriculados nas respectivas áreas afins:
• Engenharia de Controle e Automação: cursos nas áreas de Engenharia Elétrica, Eletrônica
ou Mecânica;
• Engenharia de Produção: curso de Engenharia de Produção;
Licenciatura em Física (UnED Petrópolis): todas as áreas de Engenharias, Física, Química

e Matemática. As vagas são destinadas para o ingresso até o 6º período.
2. Será analisada a viabilidade de integralização do curso dentro do prazo limite legal,
desconsiderada a possibilidade de prorrogação e contando-se o tempo decorrido desde o início
do curso de origem. Também será verificado se o curso da Instituição de origem possui duração
da grade curricular mínima de 4 (quatro) anos para integralização.
3. O Histórico Escolar, exigido no ato da inscrição (item VII), deverá comprovar que:
(a) O ingresso do candidato no curso da Instituição de origem foi através de vestibular ou da
avaliação do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM);
(b) O candidato obteve aprovação, no mínimo, a 70% dos créditos dos dois primeiros semestres
na instituição de origem. Esta correspondência em equivalência, a titulo do deferimento da
inscrição, não implica na dispensa automática das disciplinas no CEFET-RJ.

IV- LOCAL E DA DATA DE INSCRIÇÃO


A inscrição no exame de seleção para o ingresso por Transferência Externa implica, desde
logo, no conhecimento e a tácita aceitação das condições estabelecidas nestas Normas, das quais o
candidato não poderá alegar desconhecimento.
As inscrições para o preenchimento das vagas serão realizadas de acordo com as tabelas do
Item II, respeitando-se data,horário e local de cada Unidade.

V- DAS INSCRIÇÕES POR PROCURAÇÃO


O candidato poderá inscrever-se por meio de procuração específica para esse fim, sendo
necessário enviar, obrigatoriamente, o respectivo Termo de Procuração, sem necessidade de ter firma
reconhecida e cópia legível de documento oficial de identidade do procurador e do candidato, que não
precisarão de autenticação.
No ato da inscrição, o Termo de Concordância com as Normas de Transferência, nessa
hipótese, deverá ser assinado pelo procurador e o candidato assumirá as conseqüências de eventuais
erros de preenchimento.

2
VI- DA TAXA DE INSCRIÇÃO
A taxa de inscrição será no valor de R$ 20,00 (vinte reais), e o pagamento deverá ser feito
mediante GRU (Guia de Recolhimento da União), informando código UG nº. 153010; gestão da
Unidade Favorecida nº. 15244 e o código de recolhimento nº. 28883-7; CPF e nome do
contribuinte (o candidato), além do número de referência, 20111. O endereço eletrônico para a
impressão do GRU é: https://consulta.tesouro.fazenda.gov.br/gru/gru_simples.asp.

NOTA: O depósito deverá ser realizado em espécie, não cabendo, em nenhuma hipótese, a
devolução do valor pago.

VII- DOS DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA INSCRIÇÃO


Os candidatos ao exame de seleção para o ingresso por Transferência Externa deverão
apresentar no ato da inscrição os seguintes documentos:

a) Documento de Identidade e CPF (original e cópia);


b) Declaração de que sua matrícula não se encontra “sub-judice”;
c) Declaração da IES credenciada ou autorizada (original e cópia), devidamente assinada, de que o
aluno está regularmente matriculado;
d) Histórico Escolar do Curso de Graduação atualizado (original e cópia);
e) Apresentação da matriz curricular (fluxograma) do curso da IES de origem;

f) Termo de Concordância com as Normas de Transferência, a ser preenchido e assinado pelo


candidato ou seu representante legal, no ato da inscrição;
g) Comprovante de pagamento da taxa de inscrição.

VIII- DA DIVULGAÇÃO DO RESULTADO DA ANÁLISE DE DOCUMENTAÇÃO


A partir do dia 04 de fevereiro de 2011 será divulgada, no mesmo local de inscrição do
candidato, e através da página do CEFET-RJ, no endereço eletrônico www.cefet-rj.br, a relação dos
candidatos que comprovarem o atendimento às exigências do item III.
Os candidatos que não atenderem aos requisitos da documentação exigida serão eliminados
da segunda etapa do processo de exame de seleção.
IX- DAS PROVAS DISCURSIVAS
O Exame de Seleção para o ingresso por transferência constará de uma avaliação dos
candidatos com o objetivo de definir o perfil do aluno desejado para a graduação do CEFET-RJ.
Os candidatos serão avaliados através de uma prova de Redação (PR), uma prova de
Matemática (PM) e uma de Física (PF), a serem realizadas no mesmo dia.
Para a realização das provas, os candidatos deverão estar de posse de caneta esferográfica
de tinta preta ou azul, lápis preto grafite nº2, apontador e borracha. Não será permitida a utilização de
calculadoras e consultas a quaisquer materiais bibliográficos, cadernos ou anotações de qualquer
espécie ou de equipamentos de comunicação.

X- CONTEÚDO DOS PROGRAMAS DAS PROVAS


1 - Candidatos aos Cursos de Engenharia e Licenciatura em Física:
a) Conteúdo da prova de Redação:
• Fatos atuais de repercussão nacional.
b) Conteúdo da prova de Matemática
• Números Reais, Funções Reais, Limites de Funções Reais e Continuidade, Derivação, Taxas
Relacionadas, Teoremas de Rolle, do Valor Médio e L’ Hôpital, Funções crescentes e
decrescentes, convexidade, Máximos e Mínimos, Traçados de Gráficos, Integrais, Anti-
Derivada, Soma de Riemman, Técnicas de Integração, Integrais Definidas, Integrais
Impróprias, Aplicações de Integrais: áreas e volumes de sólidos de revolução.
• Álgebra de Vetores no Plano e no Espaço, Retas, Planos, Cônicas e Quádricas. Sistemas
Lineares, Matrizes, Produto Interno, vetorial, misto, Espaço vetorial, Transformação linear,
Autovalores e autovetores e Produto interno.

3
• Medidas Físicas. Cinemática em uma dimensão e duas dimensões. Dinâmica da partícula.
Energia e transferência de energia. Sistema de partículas. Movimento rotacional. Gravitação.
Movimento oscilatório.
c) Conteúdo da prova de Física
• Medidas Físicas, Cinemática em uma Dimensão e duas Dimensões, Dinâmica da Partícula,
Energia e Transferência de Energia, Sistema de Partículas, Movimento Rotacional, Gravitação
e Movimento Oscilatório.
d) Referências Bibliográficas
• Alonso, Marcelo e Finn, Edward J. Física: Um curso universitário, Editora Blücher, 2007.
• Halliday, David e Resnick, Jearl Walker R., Fundamentos de Física, Volume I, Editora LTC,
2006.
• Leithold, Louis, O Cálculo com geometria analítica, Editora Habra, 2002.
• Reis, Genésio Lima dos e da Silva,Valdir Vilmar, Geometria Analítica, Editora LTC, 1996.
• Steinbruch, Alfredo e Winterle, Paulo, Introdução à álgebra linear ,Editora McGraw-Hill, 1990.
• Steinbruch, Alfredo, Geometria analítica, Editora McGraw-Hill, 1987.
Stewart, James, Cálculo, Volume I, 5a Edição, Editora Cengage Learning

XI- DA DATA, DO HORÁRIO E DAS CONDIÇÕES DE REALIZAÇÃO DAS PROVAS


As provas de transferência para os cursos oferecidos serão realizadas no dia 08//02//2011, conforme o
cronograma citado no item II deste Edital.

OBSERVAÇÕES:
1. O candidato que chegar após os horários determinados acima ao local de realização das provas
será impedido de participar do processo seletivo, estando automaticamente eliminado deste.
2. É vedado ao candidato fazer as provas fora do local, data e horário pré-determinados pela
organização desta Norma.
3. Em nenhuma hipótese haverá segunda chamada para realização das provas de redação e da
área específica. O não comparecimento, qualquer que seja a alegação, acarretará a eliminação
automática do candidato.
4. Ao terminar a prova, o candidato entregará, obrigatoriamente, ao fiscal de sala, as provas e a(s)
folha(s) de rascunho preenchido e assinado.
5. Os três últimos candidatos deverão permanecer na sala de prova e somente poderão sair juntos
do recinto, após as assinaturas na folha de presença.

XII- DA PONTUAÇÃO PARA A SELEÇÃO DOS CANDIDATOS


A nota final (NF) do candidato ao curso de Engenharia e à Licenciatura em Física será obtida
através do cálculo da média ponderada entre a nota da prova de redação (PR), prova de Matemática
(PM) e prova de Física (PF), de acordo com a fórmula abaixo:
PR + (2.PM + 2.PF)
NF = , Nota Final para Área de Engenharia e Licenciatura
5

Observação: As notas NF, PR, PM e PF variarão de 0,0 (zero virgula zero) ponto a 10,0 (dez
vírgula zero) pontos, com precisão de 0,1 (zero vírgula um) ponto.

XIII- DA ELIMINAÇÃO, CLASSIFICAÇÃO E PREENCHIMENTO DAS VAGAS


1. Serão eliminados os candidatos que não fizerem qualquer uma das provas de realização
obrigatória, a saber: provas de Redação, Física e Matemática, para os candidatos aos Cursos de
Engenharia.
2. Serão eliminados os candidatos que obtiverem nota menor que 5,0 (cinco virgula zero) em cada
uma das provas de realização obrigatória.
3. As vagas disponíveis para cada curso serão preenchidas rigorosamente conforme classificação
divulgada no prazo desse edital.

4
4. A classificação dos candidatos dar-se-á segundo ordem decrescente da nota final (NF); em caso
de empate, a preferência dar-se-á em prol daquele que tiver cursado com aprovação o maior
numero de disciplinas -- comprovadas no histórico escolar apresentado no ato de inscrição.

XIV- DA DIVULGAÇÃO DOS RESULTADOS


No dia 10 de fevereiro de 2011 será divulgada, no mesmo local de inscrição do candidato, e
através da página do CEFET-RJ no endereço eletrônico www.cefet-rj.br, a relação final dos
candidatos classificados.

XV- DA FORMA DE APRESENTAÇÃO DOS RECURSOS


Na Unidade de Ensino Descentralizada em Nova Iguaçu (UnED NI), o recurso deverá ser
interposto no dia 11 de fevereiro de 2011, no horário das 15 às 17 horas .

Do mesmo modo, na Unidade de Ensino Descentralizada em Petrópolis (UnED


Petrópolis), o recurso deverá ser interposto no dia 11 de fevereiro de 2011, no horário das 13 às 17
horas.

O recurso deverá ser individual, com indicação precisa do objeto em que o candidato se julgar
prejudicado.
Admitir-se-á recurso somente nos seguintes casos:
a) relativamente à formulação ou ao conteúdo das questões;
b) relativamente ao gabarito;
c) no caso do resultado da prova específica, desde que se refira a erro de cálculo das notas.
Do resultado do julgamento dos recursos poderá decorrer, eventualmente, alteração da
classificação inicialmente obtida para uma classificação superior ou inferior, ou ainda, se for o caso,
poderá ocorrer à classificação ou desclassificação do candidato em função da pontuação obtida.
As alterações da classificação final que vierem a ocorrer após julgamento dos recursos
estarão à disposição dos candidatos na página do CEFET/RJ, no endereço eletrônico www.cefet-
rj.br, no dia 14 de fevereiro de 2011. A decisão do recurso é soberana e definitiva, não cabendo,
portanto, recurso da mesma.

XVI- DA MATRÍCULA DOS CANDIDATOS SELECIONADOS


No dia 15 de fevereiro de 2011, os candidatos selecionados para o preenchimento das
vagas deverão procurar o Local de matricula na tabela do item II no horário indicado.
O não comparecimento implicará a desclassificação do candidato.
ATENÇÃO: Não será feita matrícula com documentação incompleta.
Os candidatos selecionados deverão apresentar os seguintes documentos no ato da
matrícula:
a) Certificado de Conclusão do Ensino Médio (antigo 2º grau) – uma cópia;
b) Histórico Escolar do curso de graduação, sistema de avaliação e conteúdo programático
detalhado das disciplinas cursadas com aprovação.
c) Certidão de Nascimento ou Casamento (uma cópia);
d) Carteira de Identidade e CPF (uma cópia);
e) Título de Eleitor, para maiores de 18 anos (uma cópia, com comprovante da última eleição);
f) Prova de estar em dia com o serviço militar (uma cópia);
g) Dois retratos 3x4.
OBS: As cópias deverão ser autenticadas ou acompanhadas dos respectivos originais, para
conferência e posterior devolução.

XVII- DO TRANCAMENTO DA MATRÍCULA


O aluno que, por motivos pessoais, quiser requerer o trancamento de sua matrícula, poderá
fazê-lo dentro do prazo previsto no Calendário Acadêmico, desde que tenha cursado no CEFET-RJ,
com aproveitamento, um mínimo de 12 (doze) créditos. Caso contrário a matrícula será cancelada.
. O trancamento de matrícula não conta para o prazo limite de conclusão dos Cursos de
Graduação.

5
XVIII- DO APROVEITAMENTO DE CRÉDITOS
1. A solicitação de aproveitamento dos créditos das disciplinas cursadas em outra Instituição,
devera ser realizada pelo aluno, no ato da matricula, e será submetida aos critérios
estabelecidos pelo CEFET/RJ, constantes no Manual do Aluno.
2. É vedado o aproveitamento de créditos de disciplinas cursadas em outra Instituição, que tenham
sido integralizados ao histórico em semestre letivo após a efetuação da matricula do aluno no
CEFET-RJ.

XIX- DAS DISPOSIÇÕES FINAIS


1. Em qualquer época, mesmo após a matrícula, o candidato que usar documentos e/ou
informações falsas, bem como qualquer outro meio ilícito para atender às exigências deste
processo seletivo, será eliminado.
2. Não será permitida, em qualquer época, a mudança de curso, habilitação e/ou ênfase aos alunos
transferidos para o CEFET/RJ.
3. Caso algum candidato selecionado desista da matrícula ou não atenda a alguma exigência destas
Normas, o CEFET/RJ convocará novos candidatos, obedecendo à ordem de classificação dentro
da área específica.
4. Casos omissos e situações não previstas nestas Normas serão decididos pelos Departamentos
Acadêmicos e/ou Diretor-Geral do CEFET/RJ.
5. As presentes Normas não se aplicam às transferências regidas por legislações específicas.

Rio de Janeiro, 20 de dezembro de 2010.

Prof. Paulo Felix da Silva Filho


Presidente do CONDEP

Homologo em ___/___/___

Prof. Miguel Badenes Prades Filho


Diretor-Geral do CEFET-RJ