Sei sulla pagina 1di 5

Trabalho de Vibrações e Acústica – FEIS-Unesp

Luiz Fernando Cremonez


Henrique Borduqui

Primeiramente vamos simular o espectro da perda de transmissão tomando por base o


exemplo 4.4 do livro Industrial Noise Control and Acoustics de Randall F. Barron.
Através do MatLab escrevemos uma rotina e comparamos os valores obtidos através
do programa com as respostas do exemplo.

Example 4-4. An oak door has dimensions of 0.900m (35.4 in) wide by 1.800m (70.9 in)
high by 5mm (1.38 in) thick. The air on both sides of the door has a temperature of 20°C
(688°F), for which c = 343:2 m/s (1126 ft/sec), ρ= 1.204 kg/m3 (0.0752 lbm/ft3), and Zo = 413.3
rayl. Determine the transmission loss for the following frequencies: (a) 63 Hz, (b) 250 Hz, and
(c) 2000 Hz.

Do apêndice C do livro alimentamos os dados de entrada do programa.

A freqüência de ressonância obtida é:

f11 = 94.5 Hz (do exemplo)


11 = 94.53869 Hz (calculado)

A freqüência crítica obtida é:

fc = 434.1 Hz (do exemplo)


fc = 434.13729 Hz (calculado)

Item a) Região controlada pela rigidez.

Para 63 Hz a perda de transmissão através do painel de carvalho foi de:

TL = 23.9 dB (do exemplo)


TL = 24.11026 dB (calculado)

Depois de analisar passo a passo o exemplo e o programa a única explicação para a


diferença entre os valores é devido ao truncamento de casas decimais. Já que as equações
utilizadas no exemplo e no programa foram transcritas fielmente.

Item b) Região controlada pela massa.

Para 250 Hz perda de transmissão através do painel de carvalho foi de:

TL = 29.2 dB (do exemplo)


TL = 29.19115 dB (calculado)

Item c) Região controlada pelo amortecimento.

Para 2000 Hz perda de transmissão através do painel de carvalho foi de:

TL = 34.3 dB (do exemplo)


TL = 34.35293 dB (calculado)
Assim, podemos validar que as equações empregadas estão corretas e temos o
modelo matemático adequado. Agora varrendo a faixa de freqüência audível teremos que o
espectro de perda de transmissão para uma porta de carvalho com as dimensões do exemplo
4.4 do livro do Randall F. Barron é dado pela figura abaixo.

70

60
perda de transmissao (dB)

50

40

30

20

10
1 2 3 4 5
10 10 10 10 10
frquencia (Hz)

Figura 1 – Perda de transmissão em uma porta de carvalho.

Escreva um programa em Matlab que permita calcular o espectro da perda de transmissão


em painéis retangulares e circulares dentro da faixa de freqüência audível, conforme descrito
na Seção 4.8 do livro do Barron, R.F.

Já que o programa que rodamos correspondeu aos resultados do exemplo 4.4 vamos
utilizá-lo para calculo do espectro de perda de transmissão para um painel de alumínio
retangular e circular.

Vamos apresentar aqui, o espectro o de perda de transmissão para uma placa quadrada de
Alumínio, com ar a 20°C em ambos os lados.
Propriedades do Alumínio:
a = 0.9m; b = 0.9m; h = 0.005m
E = 73.1 GPa; v = 0.33; η = 0.001; MsFc = 34090.0; cL = 5420.0; ρw = 2800.0

Propriedades do ar (20°C):
C = 343.2 m/s; ρ = 1.204 kg/m³; Zo = 413.3 rayl.

45

40

35
perda de transmissao (dB)

30

25

20

15

10

0
1 2 3 4 5
10 10 10 10 10
frquencia (Hz)

Figura 2 – Perda de transmissão em placa quadrada de Alumínio.

Vamos apresentar aqui, o espectro o de perda de transmissão para uma placa circular com
borda engastada de Alumínio, com ar a 20°C em ambos os lados.

Propriedades do Alumínio:
a = 0.9m; b = 0.9m; h = 0.005m
E = 73.1 GPa; v = 0.33; η = 0.001; MsFc = 34090.0; cL = 5420.0; ρw = 2800.0

Propriedades do ar (20°C):
C = 343.2 m/s; ρ = 1.204 kg/m³; Zo = 413.3 rayl.
45

40

35

perda de transmissao (dB)


30

25

20

15

10

0
1 2 3 4 5
10 10 10 10 10
frquencia (Hz)

Figura 3 – Perda de transmissão em placa circular com borda engastada de Alumínio.

Problema:
Suponha que uma casa de máquinas esteja separada de uma sala de operação através
de uma porta de Alumino com dimensões 0.9x2 metros e espessura de 7 mm. Calcule a perda
de transmissão através desta porta para uma freqüência de 60 Hz, identifique o limite de
freqüência para a região controlada pela rigidez e o limite da região controlada pela massa,
apresente o espectro da perda de transmissão.

A perda de transmissão em 60 Hz através deste obstáculo é de 14.08 dB.


O limite de freqüência para a região controlada pela rigidez é 25.54 Hz.
O limite de freqüência para a região controlada pela massa é 1739 Hz.

50

45

40
perda de transmissao (dB)

35

30

25

20

15

10

5
1 2 3 4 5
10 10 10 10 10
frquencia (Hz)

Figura 4 – Espectro da perda de transmissão em placa retangular de Alumínio dentro da


freqüência audível.
Apêndice:

Programa para calculo da perda de transmissão no espectro de freqüência audível.


clc;
clear all;
format long;
a = .9; b = 2; h = 0.007
E = 73.1e9; v = 0.33; n = 0.001;

c = 343.2; ro = 1.204
cl = 5420.0; rw = 2800.0;
Msfc = 34090.0;

Ms = rw*h
fc = Msfc/Ms

f11 = (pi/(4*(3^0.5)))*cl*h*((1/a^2)+(1/b^2)) %retangular


%f11 = (10.2*cl*h)/(pi*(3^0.5)*D^2) %circular

cont = 1;
TL=[];
frq=[];
for f = 20:1:20e3 % 20Hz - 20kHz
frq(cont) = f;
%Regiao I
Cs = (768*(1-v^2)) / ((pi^8)*E*h^3*((1/a^2)+(1/b^2))^2); %retangular
%Cs = (3*(D^4)*(1-v^2))/(256*E*h^3); %circular engastada
if f<f11
Ks = 4*pi*f*ro*c*Cs;
at = (Ks^2)*log(1 + (Ks^(-2)));
TL(cont) = 10*log10(1/at);
end
%Regiao II
if f>f11
if f<fc
atn = 1/(1+(pi*f*Ms/(ro*c))^2);
TLn = 10*log10(1/atn);
TL(cont) = TLn - 5;
end
end
%Regiao III
if f>fc
TL(cont) =10*log10(1+(pi*Msfc/(ro*c))^2) + 10*log10(n) + 33.22*log10(f/fc) -
5.7;
end
cont = cont + 1;
end
semilogx(frq,TL)
grid()
xlabel('frquencia (Hz)')
ylabel('perda de transmissao (dB)')