Sei sulla pagina 1di 2

Colégio Sagrado Coração de Jesus DADOS GERAIS

Ensino Médio Nota:


Valor:
Aluno____________________________________________________ N° __ Data:_____
2ª chamada Turma: ÚNICA
1ª prova – 4º bimestre - Professor: ADEMIR D. AGUIAR - Disciplina: HISTÓRIA 2º Ano
Conteúdo: NEOCOLONIALISMO – REPÚBLICA VELHA

1) Leia o texto a seguir:

Por mais que retrocedamos na História, acharemos que a África está sempre fechada no contato com o resto do mundo, é um país
criança envolvido na escuridão da noite, aquém da luz da história consciente. O negro representa o homem natural em toda a sua
barbárie e violência; para compreendê-lo devemos esquecer todas as representações europeias. Devemos esquecer Deus e as leis
morais. HEGEL, Georg W. F. Filosofia de la historia universal. Apud HERNANDEZ, Leila M.G. A África na sala de aula: visita
à história contemporânea. São Paulo: Selo Negro, 2005. p. 20-21. [Adaptado]
O fragmento é um indicador da forma predominante como os europeus observavam o continente africano no século XIX. Essa
observação relacionava-se a uma definição sobre a cultura, que se identificava com a ideia de:

Identifique dois pretexto para a conquista européia da África e Ásia no que se denomina, “Neocolonialismo”
________________________________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________________________________

2) O neocolonialismo no continente africano foi justificado pelos europeus como missão civilizatória para encobrir seus interesses
econômicos nesse território. Além disso, o neocolonialismo era baseado em inúmeras teorias raciais do período, Identifique como
os imperialistas europeus se utilizaram do “Darwinismo Social”, como uma das bases de colonização.
________________________________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________________________________

3) A crise do Encilhamento, ocorrida durante o primeiro governo republicano, provocou um grande descontrole na economia
nacional. Essa crise

a) culminou com o desenvolvimento da forte política de industrialização no Brasil.


b) foi conseqüência da política econômico-financeira de emissão de papel-moeda e do crédito aberto, adotada por Rui Barbosa,
então Ministro da Fazenda.
c) conteve a especulação, evitando a falência de banqueiros e industriais.
d) foi conseqüência da desvalorização dos preços do café no mercado internacional.
e) levou o Ministro Rui Barbosa e a elite agroexportadora a elaborarem o primeiro programa de valorização do café.
________________________________________________________________________________________________________
4) A política do café, durante a Primeira República:

a) chegou ao auge do protecionismo com o Convênio de Taubaté passando depois a reger-se pelas leis do mercado.
b) procurou atender aos interesses dos cafeicultores através de constantes medidas de proteção ao produto.
c) pode ser equiparada à de outras produções agrícolas, todas elas amparadas por Planos de Defesa.
d) atendeu exclusivamente aos interesses dos grandes grupos internacionais, através dos Planos de Defesa.
e) foi dirigida pelo governo do Estado de São Paulo, enquanto o poder federal mantinha uma atitude distante e neutra.
________________________________________________________________________________________________________

5) Durante a Primeira República no Brasil (1889-1930), a Política dos Governadores ou "Política do Café com Leite," responda:

a) Caracterize a atuação dos coronéis durante esse período.


________________________________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________________________________

b) Cite duas revoltas, uma de caráter URBANO e outra RURAL, ocorridas neste período.
________________________________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________________________________

6) "Não seria exagero dizer que a cidade do Rio de Janeiro passou, durante a primeira década republicana, pela fase mais
turbulenta de sua existência. Grandes transformações de natureza econômica, social, política e ideológica, que se gestavam há
algum tempo, precipitaram-se com a mudança do regime político e lançaram a capital em febril agitação, que só começaria a
ceder ao final da década."
(CARVALHO, José Murilo de. OS BESTIALIZADOS: O RIO DE JANEIRO E A REPÚBLICA QUE NÃO FOI. São Paulo: Cia. das
Letras, 1987)

Dentre os movimentos populares que agitaram o Rio de Janeiro no início do século, um destacou-se: aquele que vinha contrapor
os abusos sofridos pelos elementos de patente inferior no seio da Armada. Esse movimento foi:
a) a Revolta da Chibata b) a Revolta de Canudos c) o movimento do Contestado
d) a Revolta da Armada e) a Revolta da Vacina
________________________________________________________________________________________________________

7) "Canudos era exemplo perigoso que não deveria ficar na memória"


(Rui Facó)

Segundo a afirmativa, os motivos da intensa repressão ao movimento de Canudos, na Bahia, ocorreram:


a) para que no local fosse realizada uma grande distribuição de terras pelo Governo.
b) porque se tratava apenas de um movimento de fanáticos religiosos.
c) porque foi realizada apenas pelos latifundiários locais onde não houve participação do Estado Brasileiro na repressão.
d) porque os revoltosos lutavam contra a liberdade e a ordem injusta de suas vidas.
e) para que ninguém lembrasse uma revolta dos pobres do campo contra a miséria, a exploração, o monopólio da terra mantido
pelos latifundiários que dominavam o Estado Brasileiro.
________________________________________________________________________________________________________

8) Leia o parágrafo abaixo.

“A Revolta da Vacina permanece como exemplo quase único na história do país de movimento popular de êxito baseado na
defesa do direito dos cidadãos de não serem arbitrariamente tratados pelo governo”.
(CARVALHO, José Murilo de. Os Bestializados. São Paulo: Companhia das Letras, 1987. p. 138-139)

Considere as seguintes afirmações a respeito do movimento social acima referido, ocorrido em 1904.
I. Entre as motivações da revolta, destacou-se a resistência popular ao cumprimento da vacinação obrigatória contra a varíola, o
que levou à ocorrência de uma série de distúrbios e manifestações violentas no centro da cidade do Rio de Janeiro;
II. A Revolta foi insuflada pelos remanescentes da oposição jacobina e positivista, que tentaram instrumentalizar a insatisfação
popular, a fim de derrubar o governo;
III. Apesar de ter sido derrotado, o movimento provocou a desestabilização do regime republicano, na medida em que ocasionou
uma profunda crise econômica, resolvida somente com a assinatura do funding-loan.
Quais estão corretas?

a) Apenas I. b) Apenas I e II. c) Apenas III. d) Apenas II e III. e) Apenas I e III.


________________________________________________________________________________________________________

9) Quanto à chamada República Oligárquica brasileira afirma-se:

I. O surto industrial do início do século XX ocorreu de forma desordenada, propiciando precárias condições de vida aos
trabalhadores: seus turnos eram de 14 a 16 horas por dia, não existia salário mínimo estipulado, as férias não eram remuneradas e
não havia indenização nos casos de acidentes de trabalho.
II. Antônio Conselheiro, o profeta de Canudos, é o modelo típico de liderança carismática produzida pela estrutura agrária e pelo
messianismo popular dos habitantes do sertão nordestino.
III. A Revolta da Vacina foi um movimento popular, ocorrido no Rio de Janeiro, em favor das idéias de Osvaldo Cruz, que
procurava sanear a cidade combatendo a varíola e a febre amarela.

Dessas afirmações está (estão) correta (corretas):

a) II e III somente.
b) I e III somente.
c) I e II somente.
d) apenas I.
e) I, II e III.