Sei sulla pagina 1di 2
Boletim Operário Ano XI Nº 573 Caxias do Sul,23/nov/2019

Boletim Operário

Boletim Operário Ano XI Nº 573 Caxias do Sul,23/nov/2019

Ano XI Nº 573 Caxias do Sul,23/nov/2019

A Notícia. Rio de Janeiro 21 e 22 de dezembro de 1894. Edição nº 96 – Ano I Página 2 Noticias de Portugal

- Realizou-se aqui uma reunião de anarquistas. Correu

tudo na melhor ordem. O orador, companheiro Tavares discursou um pouco e leu vários trechos do último livro de Jean Grave. Um policia à paisana, que assistia a

reunião adormeceu e foi preciso sacudi-lo para se lhe dizer que tinha terminado a sessão.

- Foi preso no Porto um anarquista, Manuel Custódio Vieira Rosas, sapateiro. Encontraram-lhe em casa

muitos jornais revolucionários e os retratos de Ravachol

e Caserio.

revolucionários e os retratos de Ravachol e Caserio. A Notícia. Rio de Janeiro 14 e 15
revolucionários e os retratos de Ravachol e Caserio. A Notícia. Rio de Janeiro 14 e 15

A Notícia. Rio de Janeiro 14 e 15 de novembro de 1895. Edição nº 288 – Ano II Capa EF Central do Brasil A Greve O Senhor Marechal Jardim e Doutor Andrade Pinto, conservaram-se durante toda a noite de ontem na Estação Central. Continua hoje o inquérito e interrogatório dos operários detidos, o qual será feito pelo Doutor Carijó. O Senhor Marechal Jardim continuará hoje com o Doutor Cláudio da Silva, o inquérito na Estrada de Ferro, para mais esclarecer a policia no importante acontecimento. Até agora não há outros operários presos além dos que ontem mencionamos. A Estação do Engenho de Dentro continua guardada por uma força de polícia assim como a estação de São Diogo, cujo contingente policial foi hoje rendido as 10 horas da manhã. Está suspenso o Senhor Ricardo de Albuquerque oficial da Secretaria da Estrada de Ferro. Na nossa edição da noite daremos o resultado dos inquéritos e mais ocorrências.

2 / Boletim Operário Nº 573

A greve que ontem fizeram alguns operários da Estrada

de Ferro Central, tendo sido reprimida, e tendo sido punidos os seus promotores, se é ainda um mau sintoma do estado de alguns espíritos, é também um indicio bom de que a autoridade sente-se forte e prestigiada com a lei, e sabe resistir às tendências subversivas que às vezes ainda se manifestam. Nessa estrada, os desastres têm sido frequentes ultimamente, e é licito supor que nem todos têm sido casuais. Não será demasiado achar entre alguns deles e

os fatos de ontem alguma relação; é que a administração do Senhor Marechal Jardim, severa e justa, não pode merece o apoio de alguns funcionários públicos, para quem o emprego e um amontoado de

direitos sem deveres correlativos. Esses procuram criar embaraços ao administrador, desgasta-lo, desgostar dele o governo, para que fiquem a vontade no posto, que querem que seja mais de gozo que de sacrifício. Procedendo com energia nestas emergências, os poderes públicos prestam grande serviço ao país mantendo em seu posto os funcionários que tem a noção nítida do dever, chamando a eles os que a desvirtuam.

A greve, a desordem, o tumulto, a agressão material,

não são meios de fazer reclamações justas; os que de

tais recursos lançam mão, confessam antecipadamente que não lhes assiste razão, e o governo não pode dar ouvidos a quem assim procede. A força responde-se com a força, com a diferença no caso que esta empregada pela autoridade prestigia os que a empregam, e empregada pelos que se dizem queixosos faz-lhe perder o direito de ver examinadas as suas queixas. F

A Notícia. Rio de Janeiro 15 e 16 de novembro de 1895. Edição nº 289 – Ano II Capa EF Central do Brasil A Greve Ainda estão ocupadas por força policial as estações:

Central, Meyer e Engenho de Dentro. A noite passada correu tranquila. Na madrugada de ontem, quando o trem S1 manobrava em Cascadura, os grevistas colocando pedras no coração da linha (entrada de uma chave), conseguiram vira-lo, ficando danificados dois carros. O Doutor Cláudio, chefe da locomoção, deu nessa madrugada todas as providências de maneira que o trafego não fio interrompido. O Doutor Claudio continuou ontem no Engenho de Dentro o Inquérito, interrogando cerca de 100 menores. Foram despedidos depois disso mais de trinta.

interrogando cerca de 100 menores. Foram despedidos depois disso mais de trinta. https://boletim-operario.yolasite.com/

Interessi correlati