Sei sulla pagina 1di 3

1

P1- METODOLOGIA DA PESQUISA

Acadêmico (a)

Turma 1º V E S P E R T I N O - A Data

Professor (a) A M A N D A M O T A Nota

 Leia atentamente as instruções específicas para cada questão.


 Distribua seu tempo em função do tipo (discursiva e objetiva) e da dificuldade das questões (inicie a prova pelas
mais fáceis e não se detenha longamente nas difíceis).
 Procure responder a todas as questões.
 Atente-se ao horário de início e término da avaliação.
 A prova deverá ser feita à caneta esferográfica azul ou preta.

1. Indique a alternativa que representa quais afirmações são corretas:


(I) Quando um cientista enuncia uma lei ou uma teoria, ele está contando como se processa
a ordem, está oferecendo um modelo de ordem.
(II) Enunciada a lei ou teoria, o cientista poderá prever como a natureza (ou determinado
fenômeno) vai se comportar no futuro.
(III) Testar uma teoria significa verificar se, no futuro, o fenômeno descrito se comporta da
forma como o modelo previu.

a) I e III são corretas.


b) Todas são incorretas.
c) Somente III é correta.
d) II e III são corretas.
e) Todas são corretas.

2. A Metodologia Científica está presente em diversos cursos de nível técnico,


tecnológico e superior. Dessa forma, pode-se perceber que o conhecimento científico
diferencia-se do popular mais no que se refere ao seu contexto metodológico do que
propriamente no que concerne ao seu conteúdo. Visto assim, assinale a resposta
certa.

a) Conhecimento Científico: valorativo, reflexivo, assistemático, verificável, falível e inexato.


b) Conhecimento Científico: factual, contingente, sistemático, verificável, aproximadamente
exato.
c) Conhecimento Científico: valorativo, racional, sistemático, não verificável, infalível e exato.
d) Conhecimento Científico: valorativo, inspiracional, sistemático, não verificável, infalível e
exato.
e) Nenhuma das alternativas acima.
2

3. Explicações míticas e religiosas foram antepassados da ciência moderna por:

a) darem importância central aos seres humanos na ordem das coisas


b) determinarem códigos de conduta baseados na ordem cósmica
c) oferecerem explicações de alguns fenômenos naturais
d) determinarem a hierarquia dos componentes da natureza
e) permitirem a experimentação e a verificação

4. Misturar leite com manga faz mal?


Como qualquer outro alimento, tanto a ingestão de manga quanto de leite pode
resultar em um “revertério” no estômago de algumas pessoas: a nutricionista clínica
Fernanda Bernaud explica que os laticínios são especialmente propensos a gerar esse
tipo de reação, visto que muitas pessoas apresentam algum grau de intolerância à
lactose. No entanto, a indigestão causada pela combinação com a fruta é tabu. "Na
verdade, não existe nenhuma substância ou nutriente na composição desses
alimentos que possa acarretar uma má digestão", diz Fernanda. A versão mais aceita
para o surgimento dessa crendice afirma que o mito foi inventado pelos senhores de
engenho no Brasil Colonial, para evitar que os escravos - cuja última refeição do dia
era um copo de leite - aproveitassem a noite para roubar mangas para matar a fome.
Diego Medina / Arte Terra
O Texto faz menção ao conhecimento:

a) conhecimento científico;
b) conhecimento filosófico;
c) conhecimento mitológico;
d) conhecimento religioso;
e) conhecimento popular;

5. (1,0) Com relação aos tipos de conhecimento e seus objetivos, correlacione a coluna
da direita com a da esquerda.
I. Filosófico.
( ) Conhecer a essência de todas as coisas.
II. Religioso. ( ) Explicar os fenômenos sociais e naturais
a partir da fé.
III. Senso comum. ( ) Resolver os problemas do cotidiano.
( ) Explicar os fenômenos naturais e
IV. Científico. sociais, a partir dos cinco sentidos,
gerando conhecimento sistematizado, ou
seja, organizado com base em
experimentos, com comprovação.

6. Esse vasto conjunto de concepções geralmente aceitas como verdadeiras em


determinado meio social recebe o nome de “senso comum”. Para o filosofo belga
Chosim Perelman (1912-1984), o senso comum consiste em uma série de crenças
admitidas por um determinado grupo social, cujos membros acreditam serem
compartilhadas por todos os homens. Em nossas conversas diárias com as pessoas,
surge uma série de opiniões sobre os mais variados assuntos. Na maioria das vezes,
essas opiniões informais que ouvimos ou emitimos em nossas conversas, refletem
conhecimentos vagos, superficiais ou ingênuos a respeito de inúmeros temas que
3

abordamos. Isto é, conhecimentos pouco profundos, adquiridos ocasionalmente no


cotidiano, sem uma procura séria e reflexiva por parte das pessoas. (Apresentando a
Filosofia - do Senso Comum ao Logos).
Considerando o fragmento acima, descreva um exemplo de senso comum.
RESPOSTA
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15

7. (1,0) Os dias atuais caracterizam-se como a “era dos especialistas”. O problema da


especialização do mundo científico é que ela conduz a uma pulverização (divisão) do
saber, à perda de uma visão mais ampla do conhecimento, a uma restrição mental
sistemática (especialidades científicas e técnicas). Como diria o educador Rubem
Alves, “quanto maior a visão em profundidade, menor a visão em extensão”. A
tendência da especialização é conhecer cada vez mais de cada vez menos.
(Apresentando a Filosofia - do Senso Comum ao Logos)
Considerando o fragmento acima, qual era a extensão e o papel do conhecimento
filosófico na antiguidade?
RESPOSTA
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
Boa Prova!