Sei sulla pagina 1di 4

Clenil® 250 mcg Spray

dipropionato de beclometasona

Forma Farmacêutica e Apresentação:


Recipiente doseador com bocal para 200 doses.

USO ADULTO E PEDIÁTRICO.

Composição Completa:
Dipropionato de beclometasona: cada dose ( jato) fornece 250 mcg de dipropionato de
beclometasona.
Excipientes: trioleato de sorbitana, triclorofluorometano, diclorodifluorometano.

INFORMAÇÃO AO PACIENTE
Armazenamento: Conservar o medicamento em temperatura ambiente (15 ºC a 30 °C).
A lata de Clenil® 250 mcg Spray é pressurizada: não tentar furá-la, quebrá-la ou queimá-
la, mesmo após vazia. O recipiente não deve ser exposto a fontes de calor.

Validade: O prazo de validade é de 36 meses.

NÃO USE MEDICAMENTOS COM PRAZO DE VALIDADE VENCIDO.

Reações desagradáveis:
Até o presente não foram constatados efeitos secundários graves pelo emprego do
produto nas doses aconselhadas. Podem aparecer infecções por fungos (candidíase) na
cavidade orofaríngea de tratamento simples com antimicóticos, não impondo a suspensão
do tratamento. Alguns pacientes podem referir ressecamento da cavidade oral.

TODO MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS.


INFORMAR AO MÉDICO QUAIS OS MEDICAMENTOS QUE ESTÁ UTILIZANDO.
NÃO TOME REMÉDIO SEM O CONHECIMENTO DO SEU MÉDICO, PODE SER
PERIGOSO PARA SUA SAÚDE.

INFORMAÇÃO TÉCNICA
O princípio ativo de Clenil® 250 mcg Spray é o dipropionato de beclometasona, um
derivado cortisônico com atividade tópica antiinflamatória e antialérgica eficaz sobre a
mucosa das vias respiratórias. O dipropionato de beclometasona exerce especificamente
uma ação anti-reativa nos brônquios, reduzindo o edema e a hipersecreção e inibindo a
formação do broncoespasmo.
Administrado topicamente por inalação o dipropionato de beclometasona atua
exclusivamente sobre as estruturas da árvore respiratória; em decorrência deste fato,
desde que obedecidas às doses indicadas, não ocasiona efeitos sistêmicos e não induz
ações inibitórias sobre a atividade da córtex supra-renal.
Clenil® 250 mcg Spray está especialmente indicado para os pacientes que não
conseguem obter um controle satisfatório dos sintomas asmáticos com as doses de
dipropionato de beclometasona habitualmente administradas por via inalatória.
Com o propósito de ser obter um efeito terapêutico total e eficaz do tratamento, torna-se
indispensável que o paciente siga rigorosamente as instruções relativas à forma de
inalação do medicamento.
Indicações:
Clenil® 250 mcg Spray está indicado na prevenção e tratamento da asma brônquica e
bronquite, bem como nos processos inflamatórios das vias aéreas superiores.

Contra-indicações:
Tuberculose pulmonar ativa ou inativa;
Herpes simples; e
Hipersensibilidade individual aos derivados da cortisona.

Precauções:
Os pacientes devem ser informados da forma correta do uso do inalador. Clenil® 250
mcg Spray não é eficaz nas crises de asma já instaladas; pelo contrário, o produto
constitui-se em tratamento de fundo da doença asmática e neste caso, deverá ser
administrado de acordo com as doses prescritas da forma que o médico considerar
necessário.
O tratamento em paciente que já recebeu tratamento sistêmico com corticosteróides
necessita precauções adicionais e vigilância médica periódica, visto que a reativação da
função supra-renal, suprimida em virtude da corticoterapia sistêmica é lenta.
É necessário, no entanto, que a doença asmática esteja relativamente estabilizada com o
tratamento sistêmico.
No início o Clenil® 250 mcg Spray deve ser administrado mantendo-se a corticoterapia
sistêmica; a seguir o tratamento deverá ser progressivamente reduzido, controlando-se o
paciente em intervalos regulares (aconselha-se exames periódicos da função supra-
renal), modificando-se a posologia de Clenil® 250 mcg Spray de acordo com os
resultados obtidos. Durante as fases de stress ou de crises asmáticas graves, os
pacientes deverão ser submetidos a um tratamento suplementar com corticosteróides por
via sistêmica. Como qualquer outro medicamento recomenda-se atenção especial na
administração em pacientes idosos.

Administração durante a gravidez ou aleitamento:


Nas mulheres grávidas o produto só deverá ser administrado apenas em caso de
necessidade absoluta e sob supervisão médica mais intensa. As crianças cujas mães
durante a gravidez receberam doses elevadas de corticosteróides por via inalatória
deverão ser rigorosamente observadas a fim de se diagnosticar eventual insuficiência
supra-renal.

Reações adversas:
Até o momento não foi constatado qualquer efeito grave (para-efeito), pela utilização do
produto de acordo com as doses aconselhadas. Podem ocorrer, às vezes, infecções
localizadas do tipo micótico (candidíase), na cavidade orofaríngea; em geral, essas
infecções regridem rapidamente com tratamento local à base de antimicóticos, não sendo
necessária a interrupção do tratamento.
Pode-se reduzir ou prevenir o aparecimento dessas micoses orais, realizando-se uma
lavagem bucal com água após cada inalação. Alguns pacientes relataram ressecamento
da cavidade oral.
Os efeitos sistêmicos são extremamente improváveis quando respeitadas as doses
indicadas.
Entretanto, nos tratamentos prolongados os pacientes devem ser rigorosamente
controlados, a fim de constatar o eventual aparecimento de manifestações, tais como:
osteoporose, úlcera péptica, sinais de insuficiência supra-renal secundária, tais como:
hipotensão e perda de peso, para prevenir acidentes decorrentes de um quadro de
insuficiência supra-renal aguda.
A inalação de doses elevadas do produto (superiores a 1500 mcg ao dia) por período
prolongado, poderá provocar depressão da função supra-renal.

Interação medicamentosa:
Conforme já mencionado, o uso do produto deverá levar em consideração o uso
concomitante de corticosteróides sistêmicos, a fim de possibilitar o ajuste das doses.

Posologia:
Cada dose ( jato ) fornece 250 mcg de dipropionato de beclometasona.
Adultos: Em geral 2 doses (jatos), 2 vezes ao dia, conforme prescrição médica. Nos
casos de necessidade pode-se aumentar a dose para 2 doses ( jatos) 3 a 4 vezes ao dia.
Não se deve interromper bruscamente o tratamento com Clenil® 250 mcg Spray,
reduzindo-se progressivamente as doses.
Crianças: Em crianças menores de 5 anos de idade que podem manusear o spray e com
asma moderada ou severa, recomenda-se iniciar com 200 a 500 mcg/dia ou conforme
prescrição médica.
Em crianças maiores de 5 anos de idade e com asma moderada ou severa recomenda-se
iniciar com 500 mcg a 1000 mcg/dia ou conforme prescrição médica.

INSTRUÇÕES DE USO DO BOCAL

1- Encaixar o frasco no bocal e tirar a tampa de


proteção;

2- Segurar em posição vertical, com o bocal para baixo


como indicado na figura;

3- Agitar energicamente, sem apertar;

4- Fazer uma expiração completa e colocar o bocal entre


os lábios bem fechados;

5- Inspirar demorada e profundamente, somente com a


boca e simultaneamente apertar uma só vez. Segurar
a respiração o maior tempo possível;
6- Terminada a inalação, fechar o bocal com a tampa
de proteção. O bocal deve estar sempre limpo. A
limpeza deve ser efetuada com água morna, após ter
extraído a “bombinha”.

VENDA SOB PRESCRIÇÃO MÉDICA

Lote, Data de Fabricação e Prazo de Validade: VIDE CARTUCHO.

FARMALAB Indústrias Químicas e Farmacêuticas Ltda.


Uma empresa do Grupo Chiesi Farmaceutici S.p.A.
Rua Dr. Giacomo Chiesi, nº 151 - Estrada dos Romeiros Km 39,2 Santana de Parnaíba –
SP
CNPJ 61.363.032/0001-46 - ® Marca Registrada – Indústria Brasileira
Reg. MS nº 1.0058.0009 Farm. Resp.: C.M.H. Nakazaki - CRF-SP nº 12.448
SAC (Serviço de Atendimento ao Consumidor): 0800-114525
www.chiesibrasil.com.br