Sei sulla pagina 1di 9

QUESTIONÁRIO TEOLOGIA

1. O que é Revelação segundo a Bíblia?


Revelação segundo a Bíblia é trazer a luz aquilo que estava oculto, no que se refere ao
programa de Deus elaborado na eternidade.

2. O que é Inspiração da Bíblia? Justifique biblicamente a resposta.


Inspiração segundo a Bíblia é a influencia sobrenatural do Espirito Santo sobre os autores
do texto sagrado quando produziam esse texto, conforme revelado na Bíblia Sagrada. Os
textos bíblicos que comprovam a inspiração são: 2 Tm 3.16,17; 2 Pe 1.19-21; Is 34.16;
Jo 17.17; Hb 1.1-3; etc.

3. Descreva sucintamente sobre as teorias da Inspiração da Bíblia?


Inspiração Verbal foi a influência do Espirito Santo sobre os autores bíblicos, tanto na
direção como na escolha das palavras, quando eles grafaram o texto sagrado.
Inspiração Plenária quer dizer que não apenas partes da Bíblia foram inspiradas e sim
toda ela.

4. O que é um atributo quando relacionado a Deus?


Atributos de Deus são as características distintivas do Seu ser. Dividem-se em Atributos
Naturais e Atributos Morais.

5. O que é Atributos Natural de Deus? Usando a Bíblia mencione cinco deles.


São aquelas perfeições divinas próprias dEle não compartilhadas com nenhuma de suas
criaturas. Exemplos de Atributos Naturais: onipotência, onipresença, onisciência,
infinitude, espiritualidade.

6. O que é atributos moral de Deus? Usando a Bíblia, mencione cinco deles.


São aquelas perfeições divinas que Ele possui de forma absoluta, mas que compartilhou
em certa medida com suas criaturas morais (anjos e homens). Os Atributos Morais de
Deus são: santidade, justiça, verdade, amor (bondade, misericórdia, etc).

7. Defina o que é Trindade?


Como Trindade se quer dizer que o Deus verdadeiro é um único Deus, mas subsistindo
em três pessoas distintas (Pai, Filho e Espirito Santo), fazendo parte de uma mesma
essência. A palavra Trindade não existe na Bíblia, mas a doutrina sim, inclusive
amplamente comprovada.

8. Justifique biblicamente a existência da Trindade no Antigo e no Novo


Testamento.
Gn 1.26,27; 11.7,8; Mt 3.16,17; Jo 14.16; 2 Co 13.13; 1 Jo 5.7; etc.

9. O que é a Providência de Deus? Cite três fatos bíblicos onde a Providência


de Deus pode ser observada.
Providência de Deus é aquela obra pela qual Ele que criou todas as coisas e as preserva,
inclusive suas criaturas morais (homens), ordena ou permite e controla todos os
acontecimentos relacionados a elas visando um fim estabelecido por Ele. Três fatos que
comprovam a providência de Deus: O cabrito que foi imolado em lugar de Isaque, filho
de Abraão (Gn 22.7,8,12-14); ida de José para o Egito (Gn 45.4-7); O profeta Jonas
lançado ao mar tempestuoso (Jn 1.15-17); etc.

10. A doutrina que estuda o homem do ponto de vista teológico chama-se:


Antropologia Teológica.

11. Em relação à constituição do homem, discorra sobre as teorias existentes.


Embase com a Bíblia a sua preferência.
Monismo é uma teoria da constituição do ser humano que ensina que ele é uma unidade
radical não havendo, portanto, divisão. Os termos alma e corpo são intercambiáveis,
referem-se ao mesmo elemento.
Dicotomia – o homem é composto de dois elementos: corpo e alma chamada também de
espírito.
Tricotomia – o homem é composto de três elementos distintos: corpo, alma e espírito. O
elemento alma, sede dos sentimentos, se relaciona, segundo essa teoria, com outro
homem. O elemento espírito relaciona-se com Deus. Conforme nossa opinião é melhor
pensar na Dicotomia como doutrina correta devido a maior quantidade de textos bíblicos
sobre o assunto.

12. Sobre a origem da alma, quais são as teorias existentes? Descreva-as


sucintamente.
Criacionismo: todas as almas são criadas por Deus quando do ato da concepção do
indivíduo.
Traducianismo: as almas criadas por Deus são propagadas através dos pais quando do ato
da concepção de um novo indivíduo.

13. O que é a imago Dei?


Deus ao criar o homem o fez semelhante a Si, colocando dentro dele algumas
características de natureza espiritual e psicológicas que se assemelham a Ele. Essa Imago
Dei não se refere à semelhança física, pois Deus é Espírito, não tem forma aparente. O
ser humano é parecido com Deus, mas Deus não é parecido com o homem.

14. O que é pecado?


É qualquer falta de conformidade com a lei divina ou a transgressão dessa lei.

15. Quais as consequências do pecado sobre o ser humano?


A consequência básica do pecado sobre o homem é a morte em suas dimensões espiritual,
física e eterna, nessa ordem.

16. Justifique biblicamente a morte em seus aspectos físico, espiritual e eterno?


Morte física, separação da parte imaterial (corpo) da parte espiritual do homem (alma ou
espírito) – Gn 3.19; 35.18; Ec 12.7, etc.
Morte espiritual, separação do homem de Deus por causa do pecado – Lc 9.59,60; Jo
5.25; Ef 2.1; etc.
Morte Eterna – eterna separação do homem de Deus, para aqueles que não ressuscitaram
espiritualmente pelo poder do Evangelho – Mc 16.15,16; Jo 3.18,36; 2 Ts 1.7-9, etc.

17. Prove biblicamente a natureza humana de Cristo?


Jo 1.14 (Jesus tinha uma natureza humana); Lc 2.52 (Jesus crescia física e mentalmente);
Jo 4.6,7 (Jesus teve sede); Mt 8.24 (Jesus dormia); 26.37,38 (Jesus sofreu angústias);
27.50 (Jesus morreu), etc.

18. Prove biblicamente a natureza divina de Cristo?


Jo 1.1-3 (Jesus é o logos divino, Deus); Mt 14.25 (Jesus andou sobre o mar sem o auxilio
de barco); Lc 5.24,25 (Jesus perdoou pecados, algo exclusivo de Deus); Jo 10.30 (Jesus
declarou-se um com o Pai, Deus); 11.25,26 (Jesus revelou que era a ressurreição e a vida,
e ressuscitou Lázaro depois de quatro dias sepultado); etc.

19. O que é união hipostática das naturezas de Cristo. Justifique biblicamente a


resposta?
A união hipostática é um termo usado para descrever como Deus Filho, Jesus Cristo,
tomou para Si a natureza humana, ao mesmo tempo permanecendo 100% Deus. Jesus
sempre foi Deus (João 8:58; 10:30), mas na incarnação Jesus se fez carne – Ele passou a
ser um ser humano (João 1:14). A adição da natureza humana à natureza divina resulta
em Jesus, o Deus-homem. Essa é a união hipostática, Jesus Cristo, uma Pessoa, 100%
Deus e 100% homem. As duas naturezas de Jesus, humana e divina, são inseparáveis.
Jesus vai ser para sempre Deus-homem, 100% Deus e 100% homem, duas naturezas
distintas em uma Pessoa. A humanidade de Jesus e a Sua divindade não se misturam, mas
se unem sem perderem suas identidades separadas. Jesus às vezes vivia com as limitações
de humanidade (João 4:6; 19:28) e outras vezes com o poder de Sua divindade (João
11:43; Mateus 14:18-21). Nos dois casos, as ações de Jesus foram de Sua única Pessoa.
Jesus tinha duas naturezas, mas só uma pessoa ou personalidade.
A doutrina da união hipostática é uma tentativa de explicar como Jesus pode ser os dois:
Deus e homem ao mesmo tempo. É, na verdade, uma doutrina que somos incapazes de
compreender totalmente. É impossível para nós entendermos totalmente como Deus
trabalha. Nós, como seres humanos finitos, não devemos supor que podemos
compreender um Deus infinito. Jesus é o Filho de Deus por ter sido concebido pelo
Espírito Santo (Lucas 1:35). Mas isso não significa que Ele não já existia antes de ser
concebido. Jesus tem sempre existido (João 8:58; 10:30). Quando Jesus foi concebido,
Ele se tornou um ser humano em adição ao fato de ser Deus (João 1:1,14).

20. Quais são os estágios do Estado de Humilhação de Cristo. Justifique


biblicamente a resposta?
Os estágios do Estado de Humilhação de Cristo: encarnação, sofrimentos, morte e
sepultamento. Fp 2.7-8, Is 53.3; Hb 5.8; 12.3-4; (Is 53.6, 12; Jo 1.29; II Cor 5.21; Gl 3.13;
Hb 9.28). (Mc 14.34; Mt 26.56).

21. Quais são os estágios do Estado de Exaltação de Cristo. Justifique


biblicamente a resposta?
Os estágios do Estado de Exaltação de Cristo: ressurreição, ascensão, entronização e
segunda vinda em glória. Fp 2.9-11, Mc 16.19; Lc 24.26; Jo 7.39; At 2.33; 5.31; Rm
8.17, 34; Ef 1.20; 4.10; 1 Tm 3.16; Hb 1.3; 2.9; 10.12.

22. Quais os Ofícios de Cristo? Descreva sucintamente cada um deles. Provando-


os biblicamente?
Os Ofícios de Cristo: profeta, sacerdote e rei.
Como profeta representou Deus Pai diante dos homens, falando da parte dEle.
Como sacerdote Jesus representou os homens diante de Deus quando ofereceu o sacrifício
de Si mesmo pelos pecados deles. Nos Céus Jesus como Sumo Sacerdote intercede pela
sua Igreja.
Como Rei entronizado nos Céus Jesus governa o universo, especialmente a sua Igreja.

23. O que é Calvinismo e qual a sequência dos passos ensinados pelo mesmo
quanto a ordem dos decretos de Deus, no que se refere à salvação?
João Calvino, um dos expoentes da reforma protestante em suas Institutas enfatizou a
doutrina da predestinação, afirmando que o ser humano só pode usufruir da salvação eterna
dispensada pelos méritos de Cristo se tiver sido predestinado para tal. “... e creram todos
quantos haviam sido destinados para a vida eterna” At 13.48. Calvino ensinava que essa
predestinação era baseada unicamente na livre graça de Deus, independente de qualquer
ato ou fé previsto do pecador que viesse a torná-lo agradável a Deus. “Nele, digo, em quem
também fomos feitos herança, havendo sido predestinados, conforme o propósito daquele
que faz todas as coisas, segundo o conselho da sua vontade” Ef 1.11. Ensinava Calvino
ainda que o pecado inabilitou completamente o homem e por isso ele é totalmente incapaz
de se aproximar de Deus se o Espírito Santo o não regenerar primeiro. “E continuou: Por
isso vos disse que ninguém pode vir a mim, se pelo Pai lhe não for concedido” Jo 6.65.
“Ninguém pode vir a mim se o Pai que me enviou não o trouxer...” Jo 6.44,45.

Os Cinco Pontos do Calvinismo


- Depravação Total
O pecado atingiu o homem tão profundamente que o inabilitou de qualquer
capacidade de dá resposta positiva aos apelos do Evangelho.
- Eleição Incondicional
Deus, na sua graça infinita, elegeu a Igreja para a salvação independente de qualquer
ato previsto.
- Expiação Limitada
Cristo morreu na cruz do calvário somente pelos eleitos, ou seja, somente aqueles
que são predestinados para a salvação é que serão eficazmente salvos.
- Graça Irresistível
Todos os eleitos serão, no devido tempo, atraídos pelo Espirito Santo a Cristo para
alcançar a salvação. Nenhum dos escolhidos de Deus deixará de receber a salvação
através de Cristo.
- Perseverança dos Santos
Todos os salvos efetivamente perseverarão na salvação durante toda a sua vida.

24. O que é Justificação segundo a Bíblia. Prove biblicamente a resposta.


A Justificação pode ser definida como o ato gracioso de Deus através do qual Ele declara
justo aquele que crê na obra meritória de Cristo realizada na cruz do Calvário. Rm.4:5-6;
3:28; Fp.3:9; Rm 9.30-10.4; 1 Cor 6.11; Gl. 2.16; 3.8-9, 21, 24.

25. Quais os aspectos teológicos da morte de nosso Senhor Jesus Cristo. Use a
Bíblia na resposta.
A morte de Jesus foi pré-determinada, voluntária, vicária, sacrificial, propiciatória,
redentora e substitutiva. (2Co 5.14); (I Pe 2.24); (Rm 5.8)

26. A Bíblia prova a existência de Deus ou não? Se prova, como o faz


A Bíblia não tem a preocupação de provar a existência de Deus. Ela já começa
pressupondo isso. “No principio criou Deus os céus e a terra”. No entanto, ao longo do
que foi revelado (os livros da Bíblia), percebe-se a existência de Deus, pois a Bíblia revela
o Seu ser, os Seus atributos, o Seu caráter e, sobretudo, a Sua vontade.

27. Pode-se sustentar a posição de que não existem ateus?


Deus quando criou o homem pôs dentro dele o sentimento da eternidade. A prova disso é
que em todas as culturas existem as manifestações da religiosidade humana. Pode-se até
alguém afirmar que não acredita em Deus, mas a sede de sua alma só se satisfará na crença
nEle.

28. Que são anjos?


Anjos são seres espirituais criados por Deus, assexuados, que servem a Deus e a seu povo.

29. Existe uma gradação entre os anjos (maus e bons)? Comente o assunto à luz
da Bíblia.
A Bíblia menciona certas classes de anjos que ocupam lugares de autoridades no mundo
angélico, como principados e potestades (Efésios 3:10; Cl 2:10), tronos (Cl 1:16),
domínios (Efésios 1:21; Cl 1:16 ) e poderes (Efésios 1:21 , 1 Pe 3:22). Estes nomes não
indicam espécies de anjos, mas diferenças de classe ou de dignidade entre eles. Embora
em Efésios 1:21 a referência parece incluir tanto anjos bons quanto os maus, nas outras
passagens essa terminologia se refere definitivamente apenas aos anjos maus (Rm 8:38;
Efésios 6:12; Cl 2:15). Os anjos foram criados perfeitos e sem pecado, e como o homem
dotado de livre escolha. Sob a direção de Satanás, muitos pecaram e foram lançados fora
do céu (2 Pe 2:4; Jd 6). O pecado, no qual eles e seu chefe caíram foi o orgulho. Alguns
tem pensado que a ocasião de rebelião dos anjos foi a revelação da futura encarnação do
Filho de Deus e a obrigação deles o adorarem.
Segundo as Escrituras, os anjos maus passam o tempo no inferno (2 Pe 2:4) e no mundo,
especialmente nos ares que nos rodeiam. (Jo 12:31; 14:30; 2 Co 4:4; Apocalipse 12:4,7-
9). Enganando os homens por meio do pecado, exercem grande poder sobre eles (2 Co
4:3,4; Efésios 2:2; 6:11,12); este poder está aniquilado para aqueles que são fieis a Cristo,
pela redenção que ele consumou (Apocalipse 5:9; 7:13,14). Os anjos não são
contemplados no plano da redenção (1 Pe 1:12), mas no inferno foi preparado o eterno
castigo dos anjos maus (Mateus25:41).

30. O que é Escatologia?


Escatologia é a parte da Teologia Sistemática que estuda a doutrina das Últimas Coisas.
Divide-se em Escatologia Individual e Escatologia Geral ou Cósmica.

31. Quais os assuntos tratados em cada uma dessa divisão da Escatologia?


Escatologia Individual: Morte, a Imortalidade da Alma e o Estado Intermediário.
Escatologia Geral: a Grande Tribulação, a Segunda Vinda de Cristo, o Arrebatamento da
Igreja, o Milênio, a Ressurreição Corporal, o Julgamento Final e o Estado Eterno.

32. Prove biblicamente a Segunda Vinda do Senhor?


Mt.24.19-29; Atos.1:11; Tt.2:13; Apoc.19:11-21; I Ts.5:23; II Ts.2:1; Hb.9:28
33. Prove biblicamente o Arrebatamento da Igreja?
Jo.14:1-3; At. 1:9-11; 1 Co.15:51-52; 1 Ts 4:15-17; 2 Pedro 3:14

34. O que é o Juízo Final? Comprove biblicamente o assunto.


É aquele momento no plano divino em que todos os mortos irão comparecer diante de
Deus para prestar contas de suas ações enquanto viveram neste mundo. Para haver o
julgamento final pressupõe-se que todos tenham morrido e ressuscitado, a exceção da
última geração da Igreja que será transformada (não experimentará a morte). Mt.25;
Rm.14:10-11; II Co.5.10; II Ts.1:7-10.

35. O que é o Estado Eterno. Comprove biblicamente o assunto


É aquela situação escatológica, após o julgamento final, em que não haverá mais
mudanças na vida do homem. Os salvos irão habitar permanentemente com Deus e os
perdidos viverão afastados dEle, banidos para sempre. (Ap 21.1-7).

36. O Que a Bíblia fala sobre a relação sexual e pessoas do mesmo sexo?
A Bíblia diz que: Pelo que Deus os abandonou ás paixões infames. Porque até as mulheres
mudaram o uso natural, no contrário à natureza. E semelhantemente, também os varões,
deixando o uso natural da mulher, se inflamaram em sua sensualidade uns para os outros,
varão com varão cometendo torpeza e recebendo em si mesmo recompensa que convinha
do seu erro. Romanos cap.1:26-27

37. Como a Teologia explica Deus?


A Teologia é o estudo lógico de Deus. Teos significa Deus e Logia signific estudo Lógico,
embora Deus seja Espírito e não se pode compreendê-lo por meio da lógica humana, mas
por meio de mistérios.

38. Porque a Teologia verdadeira deve se apoiar na Bíblia?


Porque não existe a possibilidade de ter palavra mais sabia, mais pura e mais correta que
a bíblia. A bíblia é a profecia ou palavra de Deus ao ser humano, e , não existe, ou seria
impossível e não haverá necessidade de outra palavra para consolo, edificação e instrução,
que não seja a própria bíblia.

39. Por que nos Evangélicos devemos amar Israel?


Porque Israel foi á primeira escolha de Deus, e, é promessa bíblica de que Deus abençoa
as pessoas que abençoarem Israel, como também é promessa de maldição contra aos que
amaldiçoarem o povo Judeu. Gn.12:1-3.

40. Teologicamente como é dividido História Geral?


Teologicamente esta divido da seguinte forma, 8.101 anos, que são os 1.656 antes do
dilúvio mais os 4.430 do dilúvio a Cristo e mais estes 2015.

41. Comente a ideologia dos Judeus?


Os Judeus constantemente eram obrigados á abandonar a fé, mas preferiam torturas e
mortes a se afastarem de Deus. Foi i único povo em todo o mundo e em todos os séculos
que ficaram espalhados várias vezes por mais de 2 mil anos e não perdeu á identidade e
a nacionalidade.

42. O que são guetos, campos de extermínios e como eram as câmaras de gases?
Guetos são cadeiões coletivos, como em Varsóvia na Polônia, Campos de Exterminios
são as fazendas de torturas e mortes e as câmaras de gases que eram galpões com
tubulaçoes de gazes tóxicos e mortíferos da solução final de Hitler, como em Auchwitz,
Chelmo, Treblinka, Sobibor e outras 21 fábricas atacadistas de cadáeres Judeus
espalhados pela Europa.

43. Como era a sequência das maldades de Hitler contra os Judeus?


Hitler primeiro desapropriavam os bens dos Judeus, tomando propriedades, contas
bancárias e ouro, depois tomava os móveis e afinal colocavam todos em caminhões e
vagões para o alojamento dos guetos, trabalho forçado, torturas e mortes. Abria o útero
das mulheres grávidas e colocavam gatos e isentos. Usavam Judeus como cobaias para
fazer transplante de órgãos e membros. Hitler argumentava que somente a sua raça
“ariana” era pura e deveria dominar o mundo. Essa mesma maldade também era feito
com os religiosos testemunhas de Jeová e Ciganos.

44. Quanto tempo durou a cessão da ONU para aprovar o estado de Israel e qual
o brasileiro que estava lá e votou favorável?
A ONU aprovou o Estado Judeu em um só dia e felizmente teve o voto brasileiro de
Osvaldo Aranha, um dos motivos do Brasil estar sendo hoje abençoado “abençoarei os
que te abençoarem”.

45. De onde Hitler copiou o projeto de perseguição, descriminação e morte dos


Judeus?
Era um Nazismo carrasco, copiado 100% do direito canônico do sistema romano. Tudo o
que Hitler executou em 8 anos foi simplesmente nova versão de apenas uma pequena
parte do anti-semitismo romano implantado ao longo de 1.900 anos.

46. Quantas guerras Israel participou após o renascimento, e que tamanho


deverá ser o futuro território de Israel?
Após o renascimento os Judeus enfrentaram várias guerras sendo nos (ano de 48, 56,
67, 73 e 74) e foram vencedores em todas, e a tendência e, pelas profecias é terem
aumento territorial, nos limites da promessa de Deus a Abraão, Moisés, Josué e outros,
passando de seus atuais 22 mil km2 para 308 mil km2 e, que pode ocorrer até mesmo
antes da 3ª Guerra, onde todo o Líbano ainda será de Israel, bem como 70% da Síria e
Jordânia, o deserto do Sinai e partes de outros países do oriente.

47. Onde será o novo templo e quando será construído?


Os Judeus anseiam muito pelo Novo Templo igual à primeira igreja que teve na Terra
construída pelo homem mais sábio de todos os tempos “Salomão” no ano mil em
Jerusalém, e, todo o material para esta construção já está acumulado e escondido bem
próximo do local.
48. O que é e quando será a septuagésima semana?
Das 70 semanas profetizadas em Daniel 9, falta apenas a última semana, essa
Septuagésima Semana está para começar a qualquer momento, serão 7 anos de guerra
com o nome de Grande Tribulação ou a 3ª Guerra propriamente dita e, afinal os Judeus
reconhecerão o Messias Verdadeiro quando vier no final da 3ª Guerra visivelmente
registrado por Apocalipse 19.11 para implantar um reinado milenar e depois, após Juízo
Final, um reinado eterno na Nova Terra.

49. Porque devemos orar pela paz em Jerusalém?


Igreja aprendeu a orar mais pela paz em Jerusalém, embora alguns apenas com o
interesse em conquistar a prosperidade prometida em Salmos122.6, más no geral os
evangélicos aprenderam a amar e considerar mais os Judeus, porque descobriram que o
renascimento de Israel tem tudo que ver com as profecias, e com o ponteiro do relógio
de Deus, que já está se aproximando da meia-noite, para então Cristo retornar às nuvens
para arrebatar todos os Cristãos da Terra para o 3º Céu ou Jerusalém Celeste.

50. O que a Teologia define como tempo dos Gentios?


Gentios para Israel são todos os não Hebreus. Tempo dos Gentios para eles é o período
da dominação sobre suas terras.

51. O que é tempo do fim do 5° marco e último da Igreja na Terra?


Com a liberdade religiosa na maioria dos países, estamos, então, vivendo Mateus 24 de
1 a 14 e, especificamente, os versos 12 e 14 “tempo do fim”, onde o amor está se
esfriando devido à iniquidade da ciência e a evolução social. Mas, em contrapartida, a
evangelização está chegando a todos os locais e usando todos os recursos possíveis como
grandes teles evangelismo em massa, rádios e internet.

52. Como a Teologia vê a aproximação do momento do Arrebatamento?


Afirma com todas as letras que esse evento acontecerá e até fala que será um mistério.
“Eis que vos digo um mistério I Cor 15.51-52”, e sem dúvida será o ponto culminante e
máximo da Fé Cristã. Os mortos ressuscitarão, e nós seremos transformados, e todos
juntos subiremos para encontrar-nos com o Senhor Jesus.

53. Porque Amasiados e quem prática o Jugo desigual e o sexo Pré extra não
serão Arrebatados?
Por que já estão condenados, devido às más obras, e a principal será a má obra de rejeição
de Cristo e, serão lançados no Lago de Fogo e Enxofre, que arde 50 vezes mais que o
fogo comum.

54. Para onde iremos e como será a Jerusalém Celeste?


A nossa morada sera no céu no dia do arrebatamento e serão convoladas ou
transformadas em coroas e galardões, no Tribunal de Cristo, dentro da cidade de ruas de
ouro e de cristal, onde a presença de Deus será o Sol eterno e radiante. A cidade de
Jerusalém celestial descerá e pairará nas alturas, acima da Jerusalém terrestre (Is 2.2; 4.5
e 24.23; Ml 4.1). A nova Jerusalém está agora no céu (Gl 4.26); dentro em breve, ela
descerá à Terra como a cidade de Deus, que Abraão e todos os fiéis esperavam, da qual
Deus é o arquiteto e construtor (Fp 3.20; Hb 11.10,13,16). A Nova Terra será a sede do
governo Divino e Ele, o Senhor habitará para sempre com o Seu povo. Será nessa cidade
de ouro e pedras preciosas que os justos reinarão com Cristo eternamente (Ap 21.9-10).
55. Quando e como será a Terceira Guerra ou Grande Tribulação?
Terá início no primeiro segundo após o Arrebatamento.

56. Como será o Milênio?


Será um governo de paz e isento de guerra; as armas serão transformadas em ferramentas
de campo, tanques em colheitadeiras e serão gastos vários anos para sepultar os seis
bilhões de mortos, ou os restos- mortais dos que não foram totalmente consumidos pelas
nucleares, ou comidos pelas aves do Céu.

57. Como será a 4ª e última Guerra na Terra?


A Terra será restaurada por completo, iniciam-se pela queima do Armagedom no final
da Grande Tribulação; limpezas de mil anos sem guerra, sem maldição e praticamente
sem problemas; e depois purificada pelo fogo descendo do Céu no final da 4ª Guerra.

58. Para quem será o Juízo Final?


Será o julgamento dos ímpios, desde Caim até o último homem que viver sobre a terra.
Este julgamento será perfeito ninguém conseguirá escapar dos olhos do Todo-Poderoso.
Os culpados serão severamente lançados no lago de fogo, onde serão atormentados pelos
séculos dos séculos.

59. Quem habitará no Novo Céu e na Nova Terra?


A Noiva do Cordeiro, todos os salvos e remidos pelo sangue do cordeiro. Os justos
herdarão a terra e nela habitarão para sempre” (cf. Sl 37:29)

60. Como ficar rico no Céu?


A Bíblia diz que somos herdeiros de Deus e co-herdeiros de Jesus Cristo, portanto a
nossa maior riqueza será herdar a coroa de vitória e a coroa da vida eterna.