Sei sulla pagina 1di 2
CULTO DE ADORAÇÃO (18h) FUNDADOR: REV. DELACEY WARDLAW Liturgia Domingo, 30 de junho de 2019
CULTO DE ADORAÇÃO (18h)
FUNDADOR: REV. DELACEY WARDLAW
Liturgia
Domingo, 30 de junho de 2019
(Liturgo: Presb. Keber)
CONSELHO
PASTORES
 Prelúdio
Palavra de boas-vindas / Oração Inicial
EXALTAÇÃO
REV. SAMUEL – 99915.7295 (TITULAR)
REV. ANSELMO – 98818.4827 (AUXILIAR)
 Leitura Bíblica – Rute 4:13-22 (alternada) *
PRESBÍTEROS
 Hino “Castelo Forte” (HNC, nº 155) *
Oração de Exaltação *
CONTRIÇÃO
 Leitura Bíblica – 2ª Pedro 1:3-8
 Hino “Manso e Suave” (HNC, nº 201)
PRESB. ALDENILON (NILO)
PRESB. DANTAS
PRESB. KEBER
PRESB. MARCOS JR.
PRESB. TERCEIRO
Oração silenciosa (toda igreja)
Oração de confissão, gratidão pelo perdão e por santificação
ADORAÇÃO
PRESBÍTEROS EMÉRITOS
PRESB. ODILON E PRESB. ALDENILON
 Leitura Bíblica – Salmos 145:1-4 (Uníssono)
JUNTA DIACONAL
 Grupo de Música – Cânticos Congregacionais
Oração de Adoração
DEDICAÇÃO (ofertas e dízimos)
 Leitura Bíblica – Ezequiel 11:17-20 *
 Hino “Vaso de Bênção” (HNC, nº 221) *
Oração: dízimos/ofertas, crianças, enfermos, aniversariantes *
EDIFICAÇÃO
DIÁC. CÂMARA JR.
DIÁC. GILSON FIRMINO
DIÁC. HUGO
DIÁC. JOSÉ MARIA
DIÁC. PAULO CÉSAR
DIÁC. THIAGO
 MENSAGEM – Rev. Samuel Ribeiro
 Hino “A Vinda do Senhor” (HNC, nº 292) *
SOCIEDADES INTERNAS
Oração final (Tríplice Amém) *
 Poslúdio
Saudação aos visitantes e avisos.
* Congregação de pé
UCP (CRIANÇAS) – LAUREN
UPA (ADOLESCENTES) – ANA CLARA
UMP (JOVENS) – RODRIGO
SAF (MULHERES) – VIRGÍNIA
UPH (HOMENS) – PRESB. MOURA JR.
Escalas
CONSELHEIRO/COORDENADOR
PLANTÃO DO CONSELHO – PÚLPITO
DOM – 30/06/2019
DOM – 07/07/2019
Presb. Keber / Presb. Terceiro
Presb. Terceiro / CONSELHO
PLANTÃO DIACONAL – PORTA E TEMPLO
HOJE – 30/06/2019
Dc. Hugo (Manhã)
Dc. José Maria (Noite - Abrir)
Dc. Thiago (Noite - Fechar)
Dc. Valdecir (Templo)
ESCALA NA SEMANA
TERÇA (02/07) Dc. Gilson F.
QUINTA (04/07) Dc. Hugo
SEXTA (05/07) Dc. Luciano
SÁBADO (06/07) Diác. Paulo C.
JUNTA DIACONAL – PRESB. NILO
UCP – PRESB. KEBER / KELLY
UPA – PRESB. MARCOS JR. / LOUISE
UMP – REV. SAMUEL / JEMIMA
SAF – PRESB. TERCEIRO
UPH – PRESB. DANTAS
LOUVOR – PRESB. MOURA JR.
OUTRAS ÁREAS
Agenda Semanal
09h
DOM.
10h
18h
CULTO SOLENE (MATUTINO)
ESCOLA DOMINICAL
CULTO SOLENE (NOTURNO)
TER.
19h30min
CULTO DE ORAÇÃO
QUA.
15h30min
ORAÇÃO DA SAF
QUA.
19h
CORAL DA IGREJA
QUI.
19h30min
PROGRAMAÇÃO DA UCP
QUI.
19h30min
CULTO DE DOUTRINA
SEX.
15h
CAPELANIA (SAF)
SEX.
19h30min
PROGRAMAÇÃO DA UPH/SAF/UPA
SÁB.
15h
CAPELANIA (HOSPITAL DO CÂNCER)
SÁB.
18h
PROGRAMAÇÃO DA UMP
Expediente
Terça à Sexta: 07h às 11h e 13h às 17h | Sábado: 07h às 11h
Congregação: Baraúna (Miss. Erasmo)
Ponto de Pregação: Aeroporto (Miss. Erasmo)
CASAIS – PB. MOURA, EDNA, MANOEL E ROSA
CONECTADOS – BRUNO, RODRIGO E PABLO
CONSELHO FISCAL – SILAS, DC. HUGO, FÁBIO
CONSELHO MISSIONÁRIO – PB. DANTAS,
EDIVANIR, PB. MARCOS JR. E LOUISE
CORAL – SANDRA E PB. MOURA
DEPTO. INFANTIL – MAELI E SHIRLEY
ECCLESIA REFORMATA – UMP E UPA
ESC. DOMINICAL – PB. TERCEIRO E PB. NILO
EVENTOS – JEMIMA E KILZA
FAMÍLIA DA ALIANÇA – CASAIS
GRUPO DE MÚSICA – CLEYTON E THALLES
MACKENZIE VOLUNTÁRIO – REV. SAMUEL,
DC. SERGIO E MANOEL
MULTIMÍDIA – HERMESSON E DYLAN
PRECIOSIDADE – EDIVANIR, PB. DANTAS
RECEPÇÃO – DC. SERGIO, SUELI E PB.
ALDENILSON
SOM – DC. JETRO E EMERSON
RETIRO 2020 – CONSELHO E ESPOSAS, SILAS,
NINA E HERMESSON
VOCAIS – SÍLVIA E EDNA
30.06.2019 – nº 1004
30.06.2019 – nº 1004

SÉRIE “NO PRINCÍPIO” DEUS FALA E VIVE Domingo passado, a partir de Gênesis 40, meditamos no tema: “HÁ TEMPO E PROPÓ-

SITO PARA TUDO. Nesse texto, vimos que o SENHOR colocou José em locais estratégicos,

o capacitou com o dom de interpretar sonhos e que cada minuto que José passou na prisão foi determinado por Deus. Com isso, APRENDEMOS QUE:

1) NÃO EXISTE COINCIDÊNCIA PRA DEUS, Ele conduz tudo conforme a Sua vontade; 2) NÃO SOMOS ABANDONADOS POR DEUS, Ele nos dá as ferramentas que precisamos; 3) NÃO SABEMOS O TEMPO DE DEUS, Ele faz tudo dentro do Seu tempo.

No texto de hoje, Gênesis 41:37-57, continuaremos a história exatos dois anos depois do aniversário de Faraó, quando o copeiro foi reintegrado e o padeiro foi enforcado. É importante esse registro, porque no dia do aniversário do Faraó, segundo textos egípcios, nesses dias eram concedidas anistias, então José poderia se tornar livre. Uma outra coisa, que nos prepara pra

o texto dessa noite, é o esquecimento do copeiro em relação a José. Isso é um prenuncio do

que ocorrerá em Êxodo 1:8, que nos diz: “se levantou novo rei sobre o Egito, que não conhe- cera a José”. Aqui, após os sonhos do Faraó, o copeiro lembrará de José (41:9-13). Voltando ao texto dessa noite, permitam-me resumir o que ocorreu antes (41:1-36). Bem,

pela narrativa do texto, podemos interpretar que o dia que Faraó sonhou, era o dia do seu aniversário. Mas, um dia que deveria ser dia de alegria, foi abalado por dois sonhos que Faraó não conseguia compre-ender: das vacas gordas e magras (41:1-4) e das espigas cheias e mir- radas (41:5-7). Ele acordou tão perturbado, que mandou chamar os magos e sábios do Egito. Eles nada puderam fazer (41:8). Então, o copeiro se lembra da sua ofensa contra José, pois ele havia esquecido dele (41:9), e conta a Faraó tudo que havia acontecido na prisão os sonhos

e como José os interpretou (41:10-13). Faraó, então, manda chamar José, que se prepara para encontrar com o rei do egito (41:14). Na presença de Faraó, ele testemunha sobre o poder de Deus (41:15,16). Então, Faraó conta os sonhos para José (41:17-21;22-24) que, segundo

José, se tratava de um mesmo sonho: 07 anos de abundância, seguidos por 07 anos de escas- sez (41:25-31). Que isso vinha da parte do SENHOR e começaria logo (41:32). Como bom administrador que era (ele foi administrador de Potifar, do carcereiro, do capitão da guarda e estava prestes a se tornar de Faraó também), ele deu alguns conselhos para Faraó (41:33-36):

a) Nomear um administrador-geral, ajuizado e sábio, para gerir todo o Egito;

b) Colocar administradores sob a autoridade deste homem;

c) Guardar 20% de todo alimento produzido nas terras sob a autoridade de Faraó, nos

07 anos de abundância. Assim, chegamos ao texto dessa noite e às lições que precisamos aprender. E o que seria?

ao texto dessa noite e às lições que precisamos aprender. E o que seria? SEJAM TODOS

SEJAM TODOS BEM-VINDOS À CASA DO SENHOR

MOTIVOS DE ORAÇÃO

AGENDA SEMANAL

ANIVERSARIANTES (SEMANA)

"Ensina-nos a contar os nossos dias, para que alcancemos corações sábios". (Salmos 90.12)

GABINETE PASTORAL Agende seu aconselhamento. Terça à sexta, das 08h às 11h / 14h às 17h. Ligue para secretaria: 3321-2698.

PROGRAMA DOMINICAL Culto Solene (Matutino): 09h Escola Dominical: 10h Culto Solene (Noturno): 18h ESCALA SEMANAL Terça (02.07): Presb. Nilo Quinta (04.07): Diác. Hugo CULTO DE ORAÇÃO (19h30m) Terça, agradeceremos e faremos pe- tições ao SENHOR, e meditaremos sobre o sofrimento em Jó 28. ORAÇÃO DA SAF (15h30m) Quarta, na sala de oração. Todas as mulheres estão convidadas. CULTO DE DOUTRINA (19h30m) Quinta, estudaremos sobre “O Ser Igreja” Romanos 16:7-16. SOCIEDADES INTERNAS UCP (QUINTA): 19h30m UPA (SEXTA): 19h30m SAF (SEXTA): 19h30m UPH (SEXTA): 19h30m UMP (SÁBADO): 18h CAPELANIA IPCM

Almeida Castro Sexta, 15h SAF

H. Câncer 1º Sábado, 15h UPA

2º sábado, 15h OFICIAIS

3º sábado, 15h UMP

Última sexta, 15h SAF VERDADE E VIDA Todos os sábados:

Band às 12h30min.

30/06 Helton de Medeiros Nóbrega Ozeí F. de Amorim Firmino Milena Cauane Dantas de Araújo
30/06
Helton de Medeiros Nóbrega
Ozeí F. de Amorim Firmino
Milena Cauane Dantas de Araújo
01/07
Esiom Keber do Nascimento Filho
02/07
William P. Saldanha da Camara
05/07
Maria Ferreira da Costa
06/07
Ednária Batista de Morais Góis
ORAI UNS PELOS OUTROS
“Por esta causa, me ponho de joelhos diante do Pai”.
(Efésios 3.14)
?

SAÚDE dos irmãos: Presb. Odilon e Paulo Correia; das irmãs: Ademilde, Sandra, Gina, Edna Almeida, Maria Câmara e sua mãe; Danyella, irmã de Emerson, Herick e Pedro Henrique (PP), que está em tratamento. Os demais enfermos e suas famílias; bem como por nossas gestantes e tentantes. MISSÕES: André e Itamara; Rev. Gabriel e Kelly; Rev. Omar e família; Miss. Erasmo e família; Sem. Jonas; pelas missões nacionais e transculturais (JMN e APMT) e pela plan- tação e revitalização de igrejas (PMC); ESTUDOS: estudos dos nossos membros (escola, graduação e concurso); nossas es- colas e universidades espalhadas pelo Brasil; nossos Seminários e Institutos Bíblicos; Asso- ciação Nacional de Escolas Presbiterianas e Comissão Nacional Presbiteriana de Escolas; IGREJA: Por nossa igreja e todos os seus concílios: Conselhos, Presbitérios, Sínodos, e o Supremo Concílio; as Juntas Diaconais; pe- las Sociedades Internas, federações e confe- derações; pelas demais áreas da igreja.

OREMOS POR NOSSA IGREJA E PAÍS

Se você deseja ajudar na realização da obra de Deus através da IPCM, deposite sua oferta ou dízimo nas contas abaixo:

IGREJA PRESBITERIANA DE MOSSORÓ

CNPJ: 08.351.504/0001-68 CAIXA: Ag. 0560 / Op. 003 / Conta:1345-5 B. BRASIL: Ag. 3526-2 / Conta: 46.436-8

AVISOS

SERMÃO (ESBOÇO)

AJUDE NOSSO SEMINARISTA Jonas Justiniano de Sousa Júnior CPF: 121.352.724-42 Banco do Brasil (001) Agência/conta:
AJUDE NOSSO SEMINARISTA
Jonas Justiniano de Sousa Júnior
CPF: 121.352.724-42
Banco do Brasil (001)
Agência/conta: 3526-2 / 53852-3
Caixa Econômica Federal (104)
Agência/conta: 3064 / 51650-2
ESSE TEXTO NO ENSINA SOBRE:
CONFRATERNIZAÇÃO
Hoje, após o culto, teremos nosso
habital chá gelado. Não perca!
1) PROVIDÊNCIA – Aqui, bem como em toda a
história de José e dos patriarcas, vemos a provi-
dência em ação. Já temos tratado deste conceito
há algum tempo. Desde o momento que foi cap-
turado e vendido por seus irmãos, até o momento
que se torna o 2º no comando, vemos Deus cum-
prindo Gênesis 15:13,14 e 37:6-9. Essa grande
seca recaiu sobre todo o mundo, sobre todos
aqueles que estavam sob a autoridade de Faraó,
inclusive Jacó e os irmãos de José: “Havendo,
pois, fome sobre toda a terra [
].
E todas as terras
EBF 2019 (06 A 07/07)
Tema: “Os Exploradores”;
Dias: 06 (08h às 12h – 14h às 17h);
07 (09h às 11h).
Pais e tutores, inscrevam suas crian-
ças até o dia 04/07, pelo telefone:
(084) 99906.2799 – Joyce.
REUNIÃO – CONSELHO (06/07)
Sábado, a partir das 14h, teremos
reunião do Conselho. A pauta será
fechada na quinta, às 17h.
SALA ÚNICA (MÊS DE JULHO)
Domingo, iniciaremos a Sala Única
em nossa Escola Dominical. “O
Culto Emergente à Luz da Teologia
Reformada”, com o Rev. Samuel.
--------------------------------------------------------------------------

EVENTOS/DATAS 2019

06 e 07.07 Escola Bíblica de Férias

12.08

159 anos (IPB)

17.08

VIII Mackenzie Voluntário

28

e 29.09 136 anos (Central)

18

a 20.10 VI Ecclesia Reformata

21.12

Jantar de final de ano

24.12

Natal das Famílias

25.12

Culto de Natal

31.12

Culto de Ano Novo

vinham ao Egito, para comprar de José, porque a fome prevaleceu em todo o mundo” (41:56,57). 2) PROPÓSITO Todos os eventos na vida de José glorificam a Deus. Potifar, o carcereiro, o capitão da guarda e o próprio Faraó, todos reconhecem que Deus está com José e que o abençoa e usa. Faraó diz sobre ele: “Acharíamos, porventura, homem como este, em quem há o Espírito de Deus? Depois, disse Faraó a José: Visto que Deus te fez saber tudo isto, ninguém há tão ajuizado e sábio como tu” (41:38,39). O nome egípcio de José deixa isso bem claro: “Deus fala e vive”. Deus está sendo glorificado em cada pe- queno detalhe dessa história, em todo o tempo. 3) PIEDADE Durante 13 anos, ele viveu de forma injusta. É isso o que ele diz ao copeiro: “fui roubado da terra dos hebreus; e, aqui, nada fiz, para que me pusessem nesta masmorra” (40:15). Ele espera e confia em Deus, sem reclamar, sem deixar de viver de forma piedosa. E, em todo tempo, o seu testemunho glorifica a Deus. Cada posição que ele ocupou dentro da hierarquia egípcia, foi fundamental, não apenas para o propósito de Deus se cumprir, mas também para o nome do SENHOR ser conhecido em toda a terra. Todos os filhos de Deus devem viver assim.

CONCLUSÃO: E que aplicações podemos tirar? APRENDEMOS QUE:

1) NADA FOGE AO SEU CONTROLE, logo, preci- samos descansar totalmente no SENHOR; 2) TUDO ACONTECE PARA UM FIM, tanto para O glorificarmos, como para sermos aperfeiçoados; 3) PRECISAMOS CONFIAR NO SENHOR e isso precisa ser algo prático e verdadeiro.