Sei sulla pagina 1di 5

CURSO DE ASTROLOGIA INTERMEDIARIO I

ESTRELAS FIXAS NO MAPA NATAL


A influência das estrelas fixas difere da dos planetas por ser muito mais dramática, súbita e
violenta. Como os efeitos planetários são graduais e operam relativamente devagar, quase se
poderia dizer em voz baixa, enquanto que as estrelas parecem exercem maior parte de sua
influência de maneira repentinas, dura, em rajadas veemente, produzindo efeitos tremendos
para períodos curtos. Em outras palavras, as estrelas fixas pode elevar da pobreza para a altura
extrema da fortuna ou vice-versa, enquanto que os planetas não fazem.

Pode ser tomado como uma regra bastante bem estabelecida que as estrelas não operam
sozinh, exceto talvez nos casos em que estão situadas nos ângulos do mapa, e se um planeta
cai em cima de uma estrela de seu efeito é muito ampliado, dando-lhe uma proeminência
na. Alguns casos são conhecidos por muitos astrólogos em que um determinado planeta em
um mapa que parece ser acentuado por nenhuma razão aparente, mas que ele age
drasticamente ao longo da vida e, em um caso como este geralmente há uma estrela fixa em
operação no fundo através do planeta em questão.

A extensão e magnitude dos efeitos provocados pelas estrelas dependerá de vários fatores,
nomeadamente, (a) o tamanho aparente, (b) a posição celestial, (c) natureza do planeta
através do qual elas operam, e (d) natureza geral da horóscopo.

(a) tamanho aparente: A magnitude de uma estrela tem uma relação definida com a sua
intensidade. A primeira estrela de magnitude é de grande poder, uma estrela de segunda
magnitude é consideravelmente mais fraca, e assim por diante descendo a escala, o efeito das
estrelas abaixo da 4ª magnitude são muito pequenos, exceto no caso de clusters.

(b) posição Celestial: Quanto mais próximo a estrela estiver em relação à eclíptica, maior é o
seu poder, e no hemisfério norte uma estrela com a declinação norte é mais poderosa do que
um com o sul, o inverso segurando boa no hemisfério sul. Tem sido frequentemente dito que
estrelas com grande latitude não podem nos afetar, mas é muito duvidoso se essa suposição é
correta, e experiência, particularmente no caso dos cometas, parece indicar que os corpos em
todas as partes da esfera celeste são capazes de exercer uma influência sobre a terra e seus
habitantes.

(c) Natureza do planeta através do qual elas operam: Como já apontoamos as estrelas fixas
dão força e energia para os planetas e modificam os seus efeitos, mas ao mesmo tempo a
natureza do planeta exerce uma forte influência de controle sobre o resultado. O maior efeito
é obtido quando a estrela e planeta são ambos da mesma natureza, e, em tais casos, a
influência do planeta é elevada para um passo veemente, embora ao mesmo tempo o efeito
nefasto da estrela é diminuído. Assim, se o planeta Marte cair sobre uma estrela de sua
própria natureza o seu poder é aumentado; se a uma estrela da natureza de Júpiter ou Vênus é
reduzida e modificada; enquanto se mediante uma da natureza do Saturno é muito
alterada. Em outras palavras, se um planeta cai em cima de uma estrela de natureza
semelhante ao seu próprio, adquire intensidade, enquanto que, se em cima de um dos

Ana Rodrigues – Mapa Astral.Net


natureza contrária torna-se inativo ou distorcida e pode dar uma espécie de efeito encharcada
ou maçante para o personagem.

(d) A natureza geral do mapa: Esta é uma consideração importante e não deve ser
esquecida. O resultado do efeito de uma estrela em cima de um planeta depende em grande
parte da força ou a fraqueza daquele planeta no mapa. Assim, em um mapa mostrando grande
capacidade e alta posição o sucesso alcançado com a ajuda de uma estrela será de natureza
mais duradoura do que em uma onde esta não é indicada. Além disso, em todos os casos as
estrelas fixas não contradizem as indicações planetárias. Um homem não vai se tornar um
assassino, ladrão ou falsificador apenas através do efeito de uma estrela só, e para que isso
ocorra a natureza geral do mapa deve ser adequado e em harmonia com tais indicações. A
principal função das estrelas é enfatizar qualidades em vez de conferi-las, e a natureza exata e
efeito devem ser procuradas através das regras comuns da astrologia.

As estrelas fixas operam pela posição e é sabido que “não lançam nenhum raio", ou em outras
palavras, os seus aspectos são ineficazes, e sua influência a ser exercida apenas pela conjunção
e paralelo, com orbe de 1 grau. Como no caso dos planetas que eles são mais poderosos
quando em ângulos e fraco quando cadente, o seu efeito ser muito acentuada quando se
levanta, culminando, no zênite ou no nadir, mesmo quando está sozinho. Nesses casos, todas
as estrelas da 1ª magnitude dão honra e preferencialmente apresentam dificuldade e perigo
se a estrela for da natureza de Marte, enquanto se forcomo Saturno haverá desgraça final e
ruína. O ângulo particular ocupado exerce o seu próprio efeito modificador, a 10ª casa
influenciando a profissão, o 7º a esposa, a quarta, a casa, e a 1ª o nativo si mesmo.

O efeito mais poderoso de uma estrela é exercido quando está em conjunto ou em paralelo
com um planeta. É habitual levar o conjunto exatamente da mesma maneira como um
conjunto planetário em um mapa astral, isto é, pelo grau de longitude elíptica afetada pela
estrela, e paralelo pela sua declinação, e estas posições são as únicas ortodoxas para usar. No
caso dos trígonos e sextis muito pouco efeito, se algum, é para ser descoberto, mas em toda a
probabilidade, isto é devido ao fato de que, com exceção da quadratura e oposição, os
aspectos ao corpo de uma estrela com latitude não caem nos graus zodiacais.

Isto é particularmente importante quando se examina o efeito angular de uma estrela que
pode operar tanto por meio de sua longitude eclíptica ou sua posição corporal, e também na
computação das direções primárias

Resta agora só considerar as naturezas reais das estrelas fixas e a maneira de representá-las. O
método geralmente aceito de expressar o tipo de influência exercida por qualquer estrela é
em termos dos planetas do nosso Sistema Solar. Assim, uma certa estrela podem ser "da
natureza de Marte" por exemplo, e isto implica que este possui características semelhantes às
exibidas num horóscopo pelo que planeta. Frequentemente, no entanto, dois ou mais planetas
são mencionados, e, neste caso, que aquele cujo nome é mencionado em primeiro lugar é a
principal influência da estrela. O segundo indica um tipo de influência como modificador, de
modo que uma estrela da natureza de Marte e Júpiter por exemplo, tem uma influência
semelhante a de Marte, mas modificada por Júpiter. Assim, as qualidades puramente marciais
são acrescidas de uma expansividade por Júpiter, há mais otimismo e boa sorte do que de
outra forma seria o caso, e assim por diante.

Este método de classificar e descrever a natureza exata das estrelas permite-nos obter uma
boa ideia de cada uma, e se ele é combinada com o signo e Decanato ocupado pela estrela, em
conjunto com o planeta e a casa através do qual a estrela está agindo, podemos refinar nosso

Ana Rodrigues – Mapa Astral.Net


julgamento do seu efeito específico consideravelmente, e também estimar a maneira em que
qualquer outra estrela pouco conhecida esteja agindo, por sua natureza, pode ser conhecida a
partir do caráter geral da constelação a que pertence.

Como essas naturezas foram descobertas ou criadas não sabemos, por Ptolomeu, ao quem
somos gratos a ele, não dá regras para a sua determinação , mas perceemos ele seguiu algum
tipo de regra. De acordo com Agripa as naturezas das estrelas fixas são conhecidos a partir da
similaridade de suas cores { p.99 } aos dos planetas, que ele descreve como se segue

O efeito geral das estrelas de qualquer natureza em termos de astrologia natal é a seguinte:

SATURNO: Desgraça, ruína, calamidade. Pensativo, melancolia, suscetível de desgraça, muito


cuidado e ansiedade, conectado com a construção, minas e minerais. Se na casa 7, prto da
cúspide, e da Lua, ou aflito por Saturno regente da 7ª, uma esposa desleixada. Se culminando,
na 10, problemas através de pessoas de idade, perdas comerciais, associados fraudulentos, a
ascensão seguida de queda.

JUPITER: Ascendendo: sóbrio, grave, paciente, legados, eclesiástico. Se culminante: honra,


glória, sucesso no comércio e na Igreja.

MARTE: A morte violenta, ruína final pela loucura ou orgulho. Se próximo ao ascendnete,
riqueza, poder, coragem, generosidade, criatividade, autoridade, o sucesso marcial, sujeitos a
cortes, feridas, acidentes, feridas e lesões no rosto, dores na cabeça e febres. Se na 10,
eminência marcial, sucesso no comércio e em ocupações de natureza de Marte. Se aflige
Merccúrio, surdez.

VÊNUS: Se próximo ao ascendente: boa sorte, felicidade, presentes, sorte para o amor e o
casamento, ganho por legados e heranças. Se no MC, honra e sucesso, relações de ajuda
através das mulheres, o sucesso em profissões de natureza Vênus.

MERCÚRIO: Se próximo ao ascendente, honra, intelecto, grande aprendizado. Se culminando


(MC), atividade de negócios, ganhar através de livros e assuntos intelectuais.

SATURNO-JÚPITER: Digna, falso, conservador, aquisitivo, retentivo. Honra e preferentemente


se culminante.

SATURNO-MARTE: Negrito, cruel, sem coração, adúltero, criminal, mentiroso, perda de


propriedades, a pobreza, alguns amigos. Se da primeira magnitude, sobe pela usura ou meios
desleais. Se culminando (na 10), mau nome, subir pelo comércio seguido de desgraça e ruína.

SATURNO-VÊNUS: Imoralidade, sem vergonha, revolta, meio, dores no amor. bem-humorado,


saudável, ganho pela indústria e casamento. Se culminando, a melhoria da saúde, fama ajuda
de superiores.

SATURNO-MERCÙRIO: Profundo mentiroso, ladrão, patife, escândalo e difamação.

JÚPITER-SATURNO: legados, heranças, fama, especialmente se ascendendo, mas tolo e infeliz


em casos de amor. Se culminante, honra e gloria.

Ana Rodrigues – Mapa Astral.Net


JÚPITER-MARTE: alta ambição, orgulho, amor do poder, da grandeza de vista, Se crescente:
honras militares. Se culminando, alta honra eclesiástica,marcial, prosperidade nos negócios.

JÚPITER-VÊNUS: contente, feliz disposição, mente honrosa, filosófico, legal ou eclesiástico,


ajuda através das mulheres. Se subir ou culminando, honra e riqueza.

JúPITER-MERCÙRIO: Religiões mente, pensativo, filosófico, escritor sobre temas religiosos ou


similares.

MARTE-SATURNO: malicioso, ladrão, impiedoso, diabólico, repulsivo, mentiroso, acidente,


morte violenta. Se culminando, militar, mas a desgraça final.

MARTE-JÚPITER: Grande orgulho, grandiosamente liberal, comando, vistas cosmopolitas. Se


subir ou culminando, honra militar.

MARTE-SOL: Heroico, corajoso, desafiante, líder intrépido, guerreiro, perigo para os olhos,
morte violenta. soldados, cirurgiões e outras pessoas de Marte. Se culminando, sucesso em
negócios e em todos os assuntos marciais.

MARTE-VÊNUS: paixões fortes, sentimento artístico, ganhos com mulheres e amigos, honra e
sucesso em assuntos marciais, especialmente se subir ou culminante.

MARS-MERCURIO: alta empresa, combativo, destrutivo. Se subir, erupção cutânea, muito


obstinado, arruinado por conduta teimosa e precipitar. Se culminando, variável no negócio.

MARTE-LUA: Aventuras, pérfido, insolente, arbitrário, brutal, perigo para os olhos. Se


ascendendo, dor nos olhos, visão fraca, problemas e perda por mulheres. Se culminando,
desgraça e prisão.

Sol-Marte: sem medo, em tolerante, habilidade guerreira, excesso de confiança, feroz, cruel,
vingativo organizador, energético, perigo para os olhos, acidentes, morte violenta.

Vênus-Saturno: Maus costumes, mercenário, hábitos repulsivos, gostos pervertidos, amores


infelizes, sedução.

VêNUS-JUPITER: refinado, boas, moral elevada, vivaz, sincero, puro, saudável, artístico, sorte
no amor e casamento, ajuda através de familiares.

VÊNUS-MARTE: Vergonha, auto-indulgente, abandonado, paixões violentas, perigo de


sedução, vivendo dissolutamente mas muitas vezes auto-respeito e decente.

VÊNUS-MERCÚRIO: Idealista, psíquico, bonito, puro, amável, refinado, gentil, inteligente.

MERCÚRIO-SATURNO: Sutil, estudioso, afiado e profundo na mente, muitas vezes mentiroso


sem vergonha, interessados em assuntos ocultos ou graves.

MERCÚRIO-JUPITER: otimista, alegre, filosófico, mente aberta, pontos de vista religiosos, o


sucesso através de amigos influentes ou da Igreja e do direito.

MERCÚRIO-MARTE: exagerado, argumentativo, não confiável, sem escrúpulos, habilidade


mecânica, mente muito rápida, grande conversador.

Ana Rodrigues – Mapa Astral.Net


MERCÚRIO-VÊNUS: Cortês, afável, ordeira, elegante, de temperamento doce, amável,
refinado, artístico, honra e riquezas, se asendendo, o amor da poesia, da pintura e do ensino,
mente rápida. Se culminante, o sucesso em profissões literárias e legais.

LUA-MARTE: mutável, apaixonado, devasso, passível de acidentes especialmente quando se


viaja, maus olhos, lesões a enfrentar.

NEBULOSAS e clusters: cegueira, doenças, acidentes, febres, brigas, estupro, assassinato,


expulsão e decapitação.

Nenhuma dificuldade deve ser experiente no uso das estrelas fixas em astrologia natal, mas
para o benefício do novato as seguintes regras podem ser estabelecidas:

I. Note no mapa ou faça uma lista das estrelas fixas que caem em conjunto e em paralelo com,
ou em oposição aos planetas, junto com suas magnitudes e naturezas. As seguintes esferas
podem ser permitidas para conjunção e oposição. Para uma estrela de primeira magnitude, 7
graus 30 minutos; para uma segunda magnitude, 5 graus e 30 minutos; para uma terceira
magnitude, 3 graus e 40 minutos; e para uma estrela magnitude quarto, 1 GRAU 30
minutos. [Discordo totalmente com essas esferas - orbes, a maioria das pessoas dão 1 grau
para uma estrela fixas de primeira magnitude. Eu daria Sirius um máximo de 2 graus. Sirius é,
de longe, a estrela mais brilhante. Eu dou uma primeira estrela de magnitude sobre 1 grau 15
minutos, diminuindo gradualmente para 15 minutos para uma estrela de sexta magnitude.

2. Procure a constelação que contém a estrela, a sua natureza de tabulados acima, e a


influência combinada de estrela e planeta.

3. Adapte estas características ao signo, decanato e casa ocupada, juntamente com os


aspectos para o planeta e as casas que ele governa, assim como seria feito no caso de uma
conjunção planetária comum.

4. A magnitude da estrela, se na posição por casa angular, sucedente ou cadente vai dar uma
ideia da força susceptível a ser exibida.

Ana Rodrigues – Mapa Astral.Net