Sei sulla pagina 1di 5

PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO

POP CO - 005

PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO POP CO - 005 TÍTULO: PREPARO DE CORPO NATIMORTO

TÍTULO: PREPARO DE CORPO NATIMORTO

I - CONTROLE HISTÓRICO

 

REVISÃO

 

Nº PÁGINAS

HISTÓRICO

ELABORAÇÃO

VERIFICAÇÃO

APROVAÇÃO

DATA

ALTERAÇÃO

         

Lindinalva

 

Dezembro

EMISSÃO

Jaqueline Maria de Jesus

Costa Silva

Renata Gazzinelli

00

/2013

03

INICIAL

Alessandra de

Márcia

Cristina de

Fonseca

Souza Oliveira

Oliveira

Martins

1. Introdução

O preparo do corpo pós-morte é uma das atribuições da enfermagem, que tem por objetivo

proporcionar integridade e dignidade ao corpo e à sua família, mantendo-o limpo, organizado e

com aspecto de repouso. Segundo Vardanega et al (2002), de acordo com a 10ª Revisão da

Classificação Internacional de Doenças da Organização Mundial de Saúde, natimorto é todo feto

com idade gestacional igual ou superior a 22 semanas e/ ou peso maior ou igual a 500 gramas

cujo óbito ocorreu antes da separação completa do corpo materno e que após nascer não

apresenta nenhuma manifestação compatível com a vida (batimentos cardíacos, pulsação de

cordão umbilical ou movimentos musculares voluntários).

Oliveira, Bretas e Yamaguti, dizem que, a enfermagem deve ampliar a visão do cuidado e

compreender que o corpo após óbito, demanda algum tipo de assistência que impactará no

contexto de sua família.

2. Objetivo

Padronizar as ações de enfermagem quanto ao preparo adequado do corpo do natimorto.

3. Campos de aplicação

Este POP aplica-se à assistência de enfermagem prestada ao beneficiário no centro

obstétrico do HGIP.

4. Referencias normativas

Não se aplica.

de enfermagem prestada ao beneficiário no centro obstétrico do HGIP. 4. Referencias normativas  Não se
de enfermagem prestada ao beneficiário no centro obstétrico do HGIP. 4. Referencias normativas  Não se

1

de enfermagem prestada ao beneficiário no centro obstétrico do HGIP. 4. Referencias normativas  Não se

PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO

POP CO - 005

PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO POP CO - 005 TÍTULO: PREPARO DE CORPO NATIMORTO

TÍTULO: PREPARO DE CORPO NATIMORTO

I - CONTROLE HISTÓRICO

 

REVISÃO

 

Nº PÁGINAS

HISTÓRICO

ELABORAÇÃO

VERIFICAÇÃO

APROVAÇÃO

DATA

ALTERAÇÃO

         

Lindinalva

 

Dezembro

EMISSÃO

Jaqueline Maria de Jesus

Costa Silva

Renata Gazzinelli

00

/2013

03

INICIAL

Alessandra de

Márcia

Cristina de

Fonseca

Souza Oliveira

Oliveira

Martins

5. Responsabilidade/competência

Compete ao enfermeiro orientar e supervisionar o procedimento descrito.

Compete ao auxiliar/técnico realizar o procedimento.

6. Definições

Natimorto: aquele que não apresenta sinais vitais ao nascimento ou mesmo antes deste

e que possua peso > 500gr, I.G. ≥ a 20 semanas e estatura superior a 22 cm.

7. Conteúdo do padrão

7.1

Recursos necessários

Etiquetas de identificação do beneficiário

Luvas de procedimentos

Esparadrapo (para identificar o lençol externo que envolve o corpo)

Esparadrapo para confeccionar as etiquetas de identificação

Balança

Régua ou fita métrica

Algodão

Óleo mineral

Livro de relatório

7.2

Principais passos

Higienizar as mãos conforme o PRS CCIH-005;

Reunir o material necessário;

Principais passos  Higienizar as mãos conforme o PRS CCIH-005;  Reunir o material necessário; 2
Principais passos  Higienizar as mãos conforme o PRS CCIH-005;  Reunir o material necessário; 2

2

Principais passos  Higienizar as mãos conforme o PRS CCIH-005;  Reunir o material necessário; 2

PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO

POP CO - 005

PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO POP CO - 005 TÍTULO: PREPARO DE CORPO NATIMORTO

TÍTULO: PREPARO DE CORPO NATIMORTO

I - CONTROLE HISTÓRICO

 

REVISÃO

 

Nº PÁGINAS

HISTÓRICO

ELABORAÇÃO

VERIFICAÇÃO

APROVAÇÃO

DATA

ALTERAÇÃO

         

Lindinalva

 

Dezembro

EMISSÃO

Jaqueline Maria de Jesus

Costa Silva

Renata Gazzinelli

00

/2013

03

INICIAL

Alessandra de

Márcia

Cristina de

Fonseca

Souza Oliveira

Oliveira

Martins

Calçar as luvas de procedimentos;

Realizar higiene do corpo conforme PRS ENF - 049 de preparo do corpo pós morte;

Pesar e medir a estatura do natimorto e registrar na etiqueta de identificação da mãe;

Vestir o corpo com o conjunto padronizado do HGIP (cueiro e pagão);

Verificar com a mãe e familiares o desejo de ver o corpo antes de encaminhá-lo ao

necrotério;

Confeccionar duas etiquetas de identificação com esparadrapo, constando nome completo

da beneficiaria, data, horário do nascimento, peso, estatura e sexo;

Aplicar uma das identificações por cima da roupa;

Envolver em cueiro, aplicando a outra identificação na região do tórax de forma visível;

Retirar as luvas e higienizar as mãos, conforme o PRS CCIH-005;

Realizar anotações no PEP da mãe, quanto aos procedimentos;

Comunicar à família e encaminhar o corpo ao serviço de necrotério no subsolo;

Solicitar ao funcionário do necrotério que assine no livro de relatório, o recebimento do

corpo e a confirmação da identificação.

7.3

Cuidados especiais

Anotar: Nome completo sem abreviaturas, Nº de matrícula e/ou registro de prontuário,

data e hora do óbito;

Anotar como natimorto de

(nome completo da beneficiária sem abreviaturas), data e

hora de nascimento, peso, estatura e sexo;

O corpo deverá ser encaminhado no colo do funcionário responsável pela assistência.

estatura e sexo;  O corpo deverá ser encaminhado no colo do funcionário responsável pela assistência.
estatura e sexo;  O corpo deverá ser encaminhado no colo do funcionário responsável pela assistência.

3

estatura e sexo;  O corpo deverá ser encaminhado no colo do funcionário responsável pela assistência.

PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO

POP CO - 005

PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO POP CO - 005 TÍTULO: PREPARO DE CORPO NATIMORTO

TÍTULO: PREPARO DE CORPO NATIMORTO

I - CONTROLE HISTÓRICO

 

REVISÃO

 

Nº PÁGINAS

HISTÓRICO

ELABORAÇÃO

VERIFICAÇÃO

APROVAÇÃO

DATA

ALTERAÇÃO

         

Lindinalva

 

Dezembro

EMISSÃO

Jaqueline Maria de Jesus

Costa Silva

Renata Gazzinelli

00

/2013

03

INICIAL

Alessandra de

Márcia

Cristina de

Fonseca

Souza Oliveira

Oliveira

Martins

8. Siglas

I.G Idade Gestacional.

POP Procedimento Operacional Padrão.

PRS Procedimento Sistêmico.

9. Indicadores

Não se aplica.

10. Gerenciamento de riscos

Categoria

de

Falhas potenciais

   

Ações

frente

ao

 

geradoras

de

Evento

Ações de prevenção

   

risco

   

evento

riscos

Assistencial

Etiqueta

de

Identificação

Registrar

e

conferir

os

Redigir novas com

identificação

incorreta

do

dados

da

beneficiária

a identificação

incompleta.

corpo.

nas

etiquetas

de

correta.

identificação.

 
a identificação incompleta. corpo. nas etiquetas de correta. identificação.   4
a identificação incompleta. corpo. nas etiquetas de correta. identificação.   4

4

a identificação incompleta. corpo. nas etiquetas de correta. identificação.   4

PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO

POP CO - 005

PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO POP CO - 005 TÍTULO: PREPARO DE CORPO NATIMORTO

TÍTULO: PREPARO DE CORPO NATIMORTO

I - CONTROLE HISTÓRICO

 

REVISÃO

 

Nº PÁGINAS

HISTÓRICO

ELABORAÇÃO

VERIFICAÇÃO

APROVAÇÃO

DATA

ALTERAÇÃO

         

Lindinalva

 

Dezembro

EMISSÃO

Jaqueline Maria de Jesus

Costa Silva

Renata Gazzinelli

00

/2013

03

INICIAL

Alessandra de

Márcia

Cristina de

Fonseca

Souza Oliveira

Oliveira

Martins

Assistencial

Encaminhamento

Falta

de

Checar

a

presença

do

Retornar ao setor

do

corpo

ao

registro

de

funcionário

 

responsável

de origem para

necrotério

sem

recebimento

pelo

recebimento

do

buscar o livro de

registro no livro de

do corpo.

corpo

e

solicitar

registros e fazer

relatório.

 

assinatura

quanto

ao

as

anotações

 

recebimento.

 

necessárias.

11. Referencias Bibliográficas

FREITAS, Fernando et al. Rotinas em obstetrícia. Porto Alegre: Artmed, 2006;

RICCI, Susan Scott. Enfermagem materno-neonatal e saúde da mulher. Rio de Janeiro:

Guanabara Koogan, 2008;

SAMPAIO, Ânderson Gonçalves et al. Fatores associados à indução do parto em gestantes

com óbito fetal após a 20ª semana. Revista Brasileira de Saúde Materno Infantil. Recife, v. 11,

n. 2, p. 125 131, 2011. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/rbsmi/v11n2/a03v11n2.pdf>.

Acesso em: 19 Dez. 2012;

VARDANEGA, Kátia et al. Fatores de risco para natimortalidade em um Hospital

Universitário da Região Sul do Brasil. Revista Brasileira de Ginecologia e Obstetrícia.

Caxias do Sul, v. 24, n. 9, p. 617- 622, 2002.

12. Anexos

Não se aplica.

Brasileira de Ginecologia e Obstetrícia. Caxias do Sul, v. 24, n. 9, p. 617- 622, 2002.
Brasileira de Ginecologia e Obstetrícia. Caxias do Sul, v. 24, n. 9, p. 617- 622, 2002.

5

Brasileira de Ginecologia e Obstetrícia. Caxias do Sul, v. 24, n. 9, p. 617- 622, 2002.