Sei sulla pagina 1di 3

PROVA DO LIVRO: VIDAS SECAS, de Graciliano Ramos

A prova consta de 15 questões, escolha 12 e responda.


*Lembre-se: respostas iguais a do colega, prova ou questão anulada.

CADA QUESTÃO TEM VALOR DE 0.25

I- De acordo com o capítulo “Mudança” responda o que se pede:

1- O ambiente atua sobre as personagens de forma violenta e decisiva,


determinando suas atitudes e seu modo de ser. Caracterize os elementos do
ambiente, a partir do texto:
a) a terra: a planície, os caminhos, o rio, a lama.
b) A vegetação: a caatinga, os juazeiros, os galhos.
c) Os animais: os urubus, os bichos, as ossadas.

2- Como o meio ambiente age sobre as pessoa, no capítulo? Indique o que cada
uma das personagens sente:
a) Fabiano ;
b) Sinhá Vitória;
c) O menino mais velho; o menino mais novo.

3- “O pirralho não se mexeu. Fabiano desejou matá-lo.” Esse desejo do vaqueiro


não se concretizou. Por quê? Isso tem alguma relação com os urubus e as
ossadas? Explique.

4- Que decisão Fabiano tomou? Sua mulher aprovou-a? Em que passagem do


capítulo você se apoiou para dar sua resposta?

5- A linguagem usada pelas personagens parece estar condicionada ao ambiente:


ela também é seca, retorcida. Que trechos do texto provam isso?

6- “Tinha o coração grosso.” Explique o significado desta oração, relacionando-a


às características de Fabiano.

7- O capítulo “O Mundo Coberto por Penas”, inicia-se com uma descrição feita
pelo narrador, de acordo com essa descrição, podemos responder que:

a) Sinha Vitória vê a chegada das aves ao bebedouro do gado como um sinal,.


De acordo com o enredo de Vidas Secas, o que simboliza a chegada das
aves?
b) Transcreva, do capítulo citado, uma passagem que confirme a resposta dada
ao item anterior.
c) Como o sinal identificado por Sinha Vitória pode ser relacionado à trajetória da
família de Fabiano?
8- Uma personagem constantemente mencionada em Vidas Secas é Seu Tomás
da Bolandeira. Homem letrado, é tido como um exemplo de “sabedoria” por
fabiano, que muitas vezes o vê como um modelo.
a) Cite um episódio do romance em que fica evidente a dificuldade de expressão
de Fabiano, na presença de pessoas que julga superiores.
b) Como o episódio escolhido por você exemplifica a relação, percebida por
Fabiano, entre um uso mais “difícil” da linguagem e o poder exercido por
determinadas pessoas?

9- Considere agora o primeiro parágrafo do texto “Baleia”:


“ A cadela Baleia estava para morrer. Tinha emagrecido, o pêlo caíra-lhe em vários
pontos, as costelas avultavam num fundo róseo, onde manchas escuras
supuravam e sangravam, cobertas de moscas. As chagas da boca e a inchação
dos beiços dificultavam-lhe a comida e a bebida”.

O parágrafo transcrito é constituído por três períodos. Como você definiria as


relações recíprocas entre estes três períodos?
a) o primeiro faz uma afirmação geral, posteriormente explicada pelos outros dois;
b) os dois primeiros fazem afirmações gerais sobre o estado de baleia e o último
explica detalhadamente tais afirmações;
c) cada um contém uma afirmação independente;
d) o segundo e o terceiro período contradizem a afirmação do primeiro período.

10-O segundo período do parágrafo transcrito abre-se apontando a magreza da


cachorrinha. Logo a seguir, o texto faz o leitor visualizar esta magreza
focalizando:
a) o pêlo caído; b) as costelas salientes
c) as manchas sangrentas; d) as manchas purulentas.

11- Ainda no segundo período, às causas físicas do desconforto de Baleia, o texto


acrescenta outra: A cachorrinha , por estar doente, vê-se ainda atacada:
a) pelo homem; b) pelo ambiente;
c) por outros cães; d) pelas moscas.

12-Em que parte do corpo da cachorrinha baleia este outro ataque se


concentrava?
a) na boca; b) nas costelas;
c) no focinho d) na cauda.

13-No último parágrafo, como se o narrador tivesse uma câmara na mão e fosse
se aproximando mais de baleia e, consequentemente, restrigindo mais e mais
nosso campo de visão, a decriçãao focaliza, com especial ênfase:
a) a cabeça de Baleia ; b) as patas de Baleia;
c) o pescoço de Baleia d) a boca de Baleia.
14-Todas as observações anteriores nos permitem dizer que, neste parágrafo, o
movimento poderia ser descrito como conduzindo o leitor:
a) do pormenor para o global; b) da afirmação para a negação
c) do global para o pormenor; d) da negação para a afirmação.

15-De acordo com a leitura da obra responda:


a) Que importância Baleia tem na obra que Graciliano Ramos dedica-lhe um
capítulo?
b) Por que Graciliano não dá nome aos meninos, chama-os de Menino mais velho
e menino mais novo?

Interessi correlati