Sei sulla pagina 1di 19
Guia da Saúde Auditiva E-book

Guia da Saúde Auditiva

E-book

Guia da Saúde Auditiva E-book

Este Guia, foi desenvolvido pela equipe

Direito de Ouvir para ajudar você e sua família a terem uma saúde auditiva melhor. Aproveite!

I. Como funciona o Sistema Auditivo;

II. Quais são os Problemas Auditivos mais comuns;

III. As principais causas da Perda da Audição;

IV. Como cuidar do Sistema Auditivo.

Capítulo I

Como funciona o Sistema Auditivo

O que é o som?

Pra falar de audição precisamos falar primeiro do som:

som1

substantivo masculino 1. tudo que é captado pelo sentido da audição; ruído, barulho. "há s. estranhos na casa"

Essa é a definição mais utilizada, no entanto de acordo com

a física, o som é uma onda mecânica que se propaga pela

matéria (ar, agua, terra) com a frequência de 20(graves) e

20.000 Hz (agudos). Sabendo disso podemos continuar e aprender como a anatomia do sistema auditivo humano

é "desenhada" para captar essas ondas da natureza.

Conhecendo a anatomia do seu Ouvido

Nossas orelhas funcionam como receptores sonoros

para nossos cérebros, e mais do que isso, o ouvido é também o responsável pelo equilíbrio e identificação de distância sonora, dando aos seres humanos uma grande noção de localização no

ambiente. Esse órgão é de extrema importância para

os indivíduos e por isso merece todo o cuidado e atenção que geralmente não recebem por que muitas das vezes até nos esquecemos que temos dois poderosos receptores de ondas sonoras do nosso lado.

Você sabia?

Se tivéssemos que eleger um sentido mais poderoso para o ser humano, a audição seria eleita. Proporcionalmente ela é mais poderosa do que a visão. Nos primórdios da humanidade, nossos ancestrais utilizavam mais a audição do que a visão em si, uma vez que a visão só era

realmente efetiva durantes a claridade dos dia e a

noite eram limitadas, a audição por sua vez estava sempre ativa, não importa o horário do dia, inclusive, durante o sono.

Por dentro do seu Ouvido

1. Ouvido Externo: A parte externa dos nossos

ouvidos inclui o pavilhão, o meato acústico a

Escafa a concha e o Lóbulo Auricular. O pavilhão é responsável por reunir as ondas sonoras e o

meato acústico tem a função de encaminhar as

ondas até o tímpano.

2. Ouvido Médio: É uma cavidade preenchida por

ar e contém os menores ossos do corpo humano,

são eles, martelo, bigorna e estribo que se conectam

ao tímpano e o ouvido intern. A tuba auditiva mantém a pressão aérea na orelha no mesmo nível do ambiente ao nosso redor.

3. Ouvido Interno: É na parte interna de cada

orelha que o som é processado através da cóclea. Em toda extensão da cóclea existem minúsculas partículas preenchidas por líquido, que ao se deslocarem pelas ondas sonoras fazem as células ciliadas se curvarem, o que causa uma reação

química transmitida ao nosso cérebro que por sua

vez, processa e interpreta tudo o que ouvimos.

Capítulo II

Problemas Auditivos

10 problemas auditivos que afetam a vida de crianças, jovens e adultos

Muito mais comum do que se pode imaginar, problemas de saúde auditivos afetam muitas pessoas ao longo de suas vidas. Dados indicam que pelo menos uma, em cada mil crianças nasce surda e é por isso, para alertar e prevenir, que desenvolvemos esse e-book, a partir daqui, listaremos os principais tipos de problemas auditivos.

Existem duas categorias de problemas auditivos, a

primeira, conhecida como problema Condutivo ou de Transmissão, este tipo de problema afeta o ouvido

externo e médio e normalmente possui tratamento e

cura. O segundo tipo de problema auditivo ocorre no ouvido interno ou nervo auditivo e se chama Neurossenssorial. Classificam-se os problemas que ocorrem no ouvido médio e interno, como Deficiência Auditiva Mista.

A partir dessas categorias definidas com base na localização do problema em nosso sistema auditivo, existem as seguintes principais deficiências auditivas:

1. Ouvidos obstruídos Ocorre quando a cera produzida em nossos ouvidos endurece e entope o ouvido, além da cera, pequenos objetos, tumores e infecções também podem obstruir a passagem do som.

2. Cola no ouvido Ocorre quando existe algum tipo de

obstrução em nossa Trompa de Eustáquio, normalmente

causada por uma infecção. Acumula-se um líquido no ouvido

médio que com o passar do tempo se torna aderente,

alterando a pressão do interior do ouvido e podendo danificar nosso Tímpano.

3. Tímpano danificado Ao ocorrerem repetidas infecções

graves no ouvido, nosso Tímpano se enfraquece, podendo provocar até mesmo perfurações. De forma geral, essas perfurações se curam naturalmente com o tempo, porém em casos muito graves elas não se curam, passando ser necessário tratamento apropriado.

4. Doença dos ossos do ouvido Comumente chamada de

Otosclerose, essa doença causadora de problemas sérios nos

ouvidos, é um problema hereditário e ocorre principalmente

em mulheres com idade entre 18 e 30 anos. Quem apresenta esse problema possui má formação do Estribo que aos poucos passa a não conseguir se movimentar livremente,

deixando de conduzir as vibrações ao ouvido interno e com o

passar do tempo causando perda de audição.

5. Neurossensorial Podendo se manifestar em qualquer

idade, desde o pré-natal até idade avançada, as doenças Neurossensoriais ocorrem principalmente pela

sensibilidade da cóclea à fatores genéticos relacionados à doenças infantis , a exposição a sons muito altos e

também pelo uso de alguns medicamentos.

6. Tinido O zumbido atinge milhares de pessoas em

todo o mundo. Ele acontece quando o ouvido passa a

trabalhar sem que haja necessidade. Por ser sem interrupções, esse som/barulho pode prejudicar o sono, a concentração e o equilíbrio emocional. Essa patologia auditiva não acontece por incentivo externos, mas por associação de várias formas perda auditiva.

7. Dor de ouvido Podendo ser causada por outras doenças no próprio ouvido ou por distúrbios em outras estruturas

do corpo, a dor de ouvido é o mal mais comum entre os

problemas que afetam nossos ouvidos. Deve se ficar atento pois pode ser o alerta de patologias mais graves, recomenda- se a visita a um Otorrino.

8. Tumores do ouvido Muito menos frequente do que as dores de ouvido, os tumores normalmente causam secreções e diminuição da audição. Estes tumores normalmente estão relacionados a problemas dentários e em idosos a artrite.

9. Otite externa aguda Consiste em uma infecção na

pele do canal do ouvido, causada por fungos ou germes

que geram profundas dores de ouvido. Muitos atletas de natação sofrem com esse tipo de problema devido a frequente exposição a ambientes nocivos.

10. Otite média aguda É uma infecção no ouvido médio

causada por bactérias e vírus, muito comum em crianças.

Ocorre pela migração dos corpos nocivos, presente na

garganta ou nariz através da Tuba Auditiva.

Os sintomas causados pela doença são; vômitos, dores nos ouvidos, secreção, perda da fome, febre e diminuição da audição.

Capítulo III

As principais causas da Perda da Audição

Principais causas da perda da audição

Classifica-se como perda de audição, qualquer falha em um ou nos dois ouvidos que prejudique o ato de ouvir e entender corretamente os sons recebidos. Normalmente os problemas auditivos são causados por envelhecimento e ruídos altos.

Entre as causas de perda auditiva estão, acúmulo de

danos no ouvido interno e danos nas vias nervosas.

Podemos classificar como fatores

que colocam em risco a saúde

auditiva, as seguintes situações:

Principais causas da perda da audição

Além das causas, também é importante conhecer os sintomas da perda da audição, é comum que as pessoas que estão perdendo as funções auditivas sintam:

Dificuldade em ouvir o que os outros dizem;

Necessidade de aumentar o volume do rádio e da TV constantemente;

Dificuldades para se comunicar através de aparelhos telefônicos;

Dificuldade em entender as palavras quando várias pessoas estão falando ao mesmo tempo.

Capítulo IV

Como cuidar do Sistema Auditivo.

Como cuidar do sistema auditivo

Muitos problemas que citamos nesse material

podem ser evitados, e se resumirmos, a maioria dos problemas auditivos são causados por longa exposição a ruídos altos, infecções, tumores, obstruções de partes dos ouvidos e envelhecimento. Embora em situações relacionadas à hereditariedade e envelhecimento não se possa fazer muito, os demais problemas podem ser evitados com facilidade, veja:

CERA NÃO É SUJEIRA

A cera dos ouvidos é uma gordura naturalmente

produzida pelo nosso organismo para manter saudável o canal auditivo, impedindo que qualquer bichinho, poeira ou cabelo o machuque. A cera só incomoda se estiver ressecada ou acumulada, apertada.

Como cuidar do sistema auditivo

Os problemas de audição relacionados à exposição dos ouvidos a sons em volume alto são muito comuns, por isso é

indicado que não se escute sons altos e

em casos de necessidade, sejam usados tampões de ouvido

Comece não usando Hastes flexíveis ou outros objetos que podem estar

contaminados, ao contrário do que muitos acreditam a cera de ouvido não é sujeira! Ela serve para proteger

os ouvidos de microrganismos.

Nossos ouvidos precisam de cuidados assim como todo o resto do nosso corpo e é por isso, que é importante ter

acompanhamento de um médico

especialista de forma periódica, para que dessa forma, possíveis problemas sejam evitados e tratados da maneira correta. Quem possui mais de 50 anos deve visitar um otorrinolaringologista ao

menos 1 vez ao ano

Doenças como diabetes, hipertensão e arteriosclerose podem prejudicar

também a saúde dos ouvidos, por isso, é importante manter a alimentação e hábitos saudáveis

além de ter acompanhamento médico

periódico.

Viu como é simples cuidar da saúde auditiva?

Agora é só praticar. Cada problema auditivo possui

características e necessita de cuidados próprios, por isso, é muito

importante realizar consultas com um especialista de forma periódica, ele irá ajudá-lo a cuidar dos ouvidos e indicar o melhor tratamento em caso de problemas.

www.facebook.com/aparelhosauditivos www.direitodeouvir.com.br Fone: (16) 3720-4562 - 0800 941 5330
www.facebook.com/aparelhosauditivos www.direitodeouvir.com.br Fone: (16) 3720-4562 - 0800 941 5330

www.facebook.com/aparelhosauditivos

www.direitodeouvir.com.br Fone: (16) 3720-4562 - 0800 941 5330

www.facebook.com/aparelhosauditivos www.direitodeouvir.com.br Fone: (16) 3720-4562 - 0800 941 5330