Sei sulla pagina 1di 2

O que é um marco referencial?

Marco referencial trabalho em grupo. 1. ... O Marco Referencial é o que a escola planeja
com relação à sua própria identidade. Como a escola costuma ver o mundo, quais seus
valores, objetivos, compromissos.

O que é um marco doutrinal?


Marco Doutrinal. Acreditamos que o ambiente escolar é a instituição própria para a
transformação social, pois envolve pessoas que “pensam” e desejam uma sociedade mais
justa e igualitária. Sabemos que o contexto social envolve várias situações conflitantes que
põe em prova o indivíduo

O que é o projeto político pedagógico?


O Projeto Político Pedagógico ( PPP ) é um instrumento que reflete a proposta educacional
da escola. É através dele que a comunidade escolar pode desenvolver um trabalho coletivo,
cujas responsabilidades pessoais e coletivas são assumidas para execução dos objetivos
estabelecidos.

O que é o Projeto Político Pedagógico e para que serve?


Essa é a indagação que serve como base para a elaboração de Projeto Político Pedagógico.
Elaborar esse tipo de projeto é criar um guia para que a comunidade escolar — alunos, pais,
professores, funcionários e gestores — consiga transformar sua própria realidade.
Objetivos Procedimentais, Conceituais e Atitudinais

Em seu livro Prática Educativa, Antoni Zabala nos apresenta um interessante modelo de
planejamento para que os professores e a escolas se utilizem. A versão original era de C. Coll. Trata-
se da divisão dos objetivos do professor em 3 itens distintos: Objetivos Conceituais, Objetivos
Procedimentais e Objetivos Atitudinais.

Em linhas de regras, podemos definir:

Objetivos Conceituais são aqueles que antigamente eram chamados de "matérias" ou


"conteúdos", ou seja, elementos específicos dentro do saber daquela disciplina, como: O que é
constituição, como se inicia a Idade Média, o que é uma República, e assim por diante. Objetivos
que em geral os professores sempre levam em conta em seu planejamento

Objetivos Procedimentais são aqueles que estão relacionados a procedimentos, ou seja, aprender
a fazer. No caso de História, por exemplo, temos a análise de documentos, leitura de textos
históricos, relacionar duas épocas históricas, a habilidade de compreender as estruturas de
governos, de analisar criticamente uma situação, capacidade de se expressar com clareza, seja
oralmente ou na escrita. Todos esses objetivos que devemos ter claros em mente na hora de
preparar um currículo. Mesmo na escola tradicional muitos professores já pensavam em tais
objetivos, a questão é que, devemos, segundo nossa nova ideia de escola, ter em mente que esses
itens são tão importantes quanto os primeiros, e não apenas "algo mais" ou "coisa desse professor
em especial"

Objetivos Atitudinais são o tipo mais complexo de objetivos. Uma vez que eles estão relacionados
ao "ser" enquanto os conceituais são o "o que se aprende" e os procedimentais são "O que o aluno
é" ou seja, está relacionado ao conjunto de valores, atitudes, coisas interiorizadas em um nível tão
intenso que fazem parte da personalidade do aluno. Esse ítem engloba situações como:
Participação cidadã democrática, respeito às diferenças culturais, dedicação ao estudo,
curiosidade, vontade de aprender, entre outros.

Muitas vezes os professores usam essa parte de "Atitudinais" colocando em pauta apenas
elementos como "prestar atenção na aula" "não conversar" ... certamente isso está relacionado a
atitudes, entretanto devemos lembrar que Atitudinais não representa APENAS comportamentais,
e sim interiorizações que serão levadas para a vida toda.