Sei sulla pagina 1di 12

Resumo

Hardware e Software
Podemos definir o hardware como toda parte física do computador, toda a eletrônica e
mecânica envolvidos na sua infraestrutura.
A eletrônica digital é um conjunto de componentes eletrônicos preparados para entrar em
ação mediante um estímulo ou um comando que possa ser interpretado/traduzido para uma função
específica disponível dentro desta eletrônica.
O software é simplesmente um conjunto de comandos/instruções que servem para controlar
o funcionamento do hardware (eletrônica digital). Um software, quando projetado, tem que ser
pensado para que os comandos sejam executados em uma sequência lógica que forneçam as devidas
instruções para o hardware de forma que este processe as informações coerentemente e a
computação desejada, seja alcançada. Basta um simples comando errado para que a computação
siga por caminhos não escolhidos.
De todos os softwares, existe um extremamente importante: o Sistema Operacional (OS –
Operation System). O sistema operacional é o software responsável por enviar os comandos para o
hardware. Qualquer outro software instalado no computador não tem permissão para enviar esses
comandos. Esses outros softwares devem enviar seus comandos para o sistema operacional e este
gerencia e reenvia os comandos para o hardware. Quando se constrói um software que não seja um
sistema operacional, primeiramente deve se escolher para qual sistema operacional o software em
construção irá interagir.

Componentes do Computador
a) Processador
Principal componente de processamento do computador. Todas as informações
(dados) são computadas (processados) dentro do processador. A velocidade de
processamento está relacionada com sua frequência de trabalho (mas não somente) e pode
ser medida em Hz (MHz, GHz). A frequência de trabalho traduz a quantidade de operações
que o processador pode fazer por segundo. Por exemplo, um processador de 2,4 GHz pode
fazer 2.400.000.000 de operações em um segundo.

b) Placa Mãe
Responsável por conectar todos os componentes do computador e,
consequentemente, responsável por fornecer e gerenciar a comunicação entre esses
componentes. A placa mãe conecta componentes que estão fisicamente alocados em sua
estrutura e componentes que estão fisicamente fora da sua estrutura. Esses últimos são
conectados através de fios e cabos.

c) Memórias
A principal função das memórias é o armazenamento de informações (dados). As
memórias estão espalhadas em várias partes do computador. Elas são parte da placa mãe,
estão dentro do processador, estão em módulos conectados à placa mãe e também como
dispositivos externos ao computador.
Podemos classificar as memórias em Principal, Secundárias e Auxiliares. A memória
principal é uma memória temporária e é utilizada no tempo de processamento de
informações. Todos os dados que chegam ao processador passam antes pela memória
principal.
As memórias secundárias são utilizadas para armazenamento definitivo, estável e
consistente. Existem vários tipos de memória secundária: Disco rígido (HD), disquete, CD,
DVD, BluRay, pendrive e cartões de memória (flash), HD externo, etc...
As memórias auxiliares, são todas as outras que fazem parte da construção do
computador, como por exemplo as memórias que existem na placa mãe e armazenam
informações do fabricante e informações de inicialização do sistema.
As memórias possuem características construtivas e duas delas são importantes
destacar: RAM e ROM. As memórias do tipo RAM (sigla de Random Access Memory) são
aquelas que possuem o mesmo tempo de acesso (leitura ou escrita) independente da
localização da informação dentro da memória. Essa característica só existe em memórias
puramente eletrônicas (sem partes mecânicas), como por exemplo: Memória Flash, memória
principal, chips de memória, etc... As memórias ROM (sigla de Read Only Memory) são
aquelas que permitem acesso apenas para a leitura das informações. Uma vez depositada a
informação dentro da memória, a informação não pode ser mais alterada, apenas copiada
para fora da memória. Como exemplo: CD-ROM, DVD-ROM, alguns chips de memória
que trazem informações de inicialização, etc...
Outra característica importante das memórias é a volatilidade. Memórias voláteis são
aquelas que precisam de energia constante e contínua para manter a informação armazenada.
Uma vez retirada a energia, a memória perde todas as informações. Exemplo: memória
principal.

d) Barramentos
Os barramentos são os componentes que permitem o tráfego de informações dentro
do computador. Fisicamente, eles são fios, cabos e trilhas que conduzem as informações
entre todas as partes do computador. A placa mãe que gerencia esse tráfego.

e) Interfaces
O principal papel da interface é fornecer uma conexão correta entre um dispositivo e
a placa mãe ou entre dois dispositivos. Cada dispositivo possui sua própria formatação dos
dados e para ele conseguir se comunicar com outro dispositivo com formatação diferente,
ele precisará de um conversor de informações (tradutor). Esse conversor/tradutor é a
interface.
“Uma interface é um componente capaz de fornecer a comunicação entre duas
entidades que naturalmente não se comunicam”. Exemplos de interface: Placa de vídeo,
placa de som, placa de rede, placa de modem, USB, IDE, SATA, etc... Algumas interfaces já
vêm montadas dentro da placa mãe e são chamadas de “on board”. As interfaces “off board”
são vendidas separadamente e conectadas a placa mãe através de um barramento.

f) Dispositivos
Os dispositivos são equipamentos que se conectam a placa mãe através das
interfaces. A maioria dos dispositivos ficam na parte externa do gabinete do computador e
geralmente são utilizados em interação com o usuário. Exemplos: Mouse, teclado, monitor,
caixa de som, microfone, etc...

g) Fonte de alimentação
Como todas as partes do computador possuem componentes eletrônicos, é natural
que exista um equipamento que forneça a energia elétrica para todas essas partes. A fonte de
alimentação distribui energia controlada em potencia e tensão para todo o computador.
Bases de numeração
Binária (2) = 0, 1
Octal (8) = 0, 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7
Decimal (10) = 0, 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9
Hexadecimal (16) = 0, 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, A, B, C, D, E, F

Conversão de bases

Da base 10 para 2, 8, 16 = Dividir o número pela base enquanto for possível.

Exemplo para base 2:

314 / 2 = 157 resta 0


157 / 2 = 78 resta 1
78 / 2 = 39 resta 0
39 / 2 = 19 resta 1
19 / 2 = 9 resta 1
9 / 2 = 4 resta 1
4 / 2 = 2 resta 0
2 / 2 = 1 resta 0

Computar os restos de “baixo para cima”: 100111010

(314)10 = (100111010)2

Exemplo para base 8:

314 / 8 = 39 resta 2
39 / 8 = 4 resta 7

Computar os restos de “baixo para cima”: 472

(314)10 = (472)8

Exemplo para base 16:

314 / 16 = 19 resta 10
19 / 16 = 1 resta 3

Computar os restos de “baixo para cima”: 13A (resto 10 = A)

(314)10 = (13A)16
Das bases 2, 8, 16 para a base 10 = Equação do somatório.

∑ ( ) onde i = 0, 1, 2, 3,..., n

Exemplo da base 2:

1 0 0 1 1 1 0 1 0
28 27 26 25 24 23 22 21 20

1.28 + 0.27 + 0.26 + 1.25 + 1.24 + 1.23 + 0.22 + 1.21 + 0.20 =


1.256 + 0.128 + 0.64 + 1.32 + 1.16 + 1.8 + 0.4 + 1.2 + 0.1 =
256 + 0 + 0 + 32 + 16 + 8 + 0 + 2 + 0 = 314

(100111010)2 = (314)10

Exemplo da base 8:

4 7 2
82 81 80

4.82 + 7.81 + 2.80 =


4.64 + 7.8 + 2.1 =
256 + 56 + 2 = 314

(472)8 = (314)10

Exemplo da base 16:

1 3 A
162 161 160

1.162 + 3.161 + 10.160 =


1.256 + 3.16 + 10.1 =
256 + 48 + 10 = 314

(13A)16 = (314)10
Entre as bases 2, 8 e 16.

Relação entre bases 2 e 8 Relação entre bases 2 e 16

0 000 0 0000
1 001 1 0001
2 010 2 0010
3 011 3 0011
4 100 4 0100
5 101 5 0101
6 110 6 0110
7 111 7 0111
8 1000
9 1001
A 1010
B 1011
C 1100
D 1101
E 1110
F 1111

Exemplo entre bases 2 e 8:

Separar em conjunto de 3 bits (da direita para esquerda) e converter diretamente pela tabela.

(100111010)2 = (472)8

100 111 010


4 7 2

Exemplo entre bases 2 e 16:

Separar em conjunto de 4 bits (da direita para esquerda) e converter diretamente pela tabela.

(100111010)2 = (13A)16

0001 0011 1010


1 3 A

000 = Completar com “zeros” à esquerda quando não tiverem bits suficientes.
Exemplo entre bases 8 e 16:

Converter de uma base para a base 2 e depois para a outra base.

(472)8 = (13A)16

4 7 2
100 111 010

0001 0011 1010


1 3 A

Conversão de Dados (ordem de grandeza)

1 bit = 1 dígito binário


1 Byte = 8 bits
1 KB (Kilo byte) = 1024 bytes
1 MB (Mega byte) = 1024 KB = 1024.1024 bytes = 10242 bytes
1 GB (Giga byte) = 1024 MB = 1024.10242 bytes = 10243 bytes
1 TB (Tera byte) = 1024 GB = 1024.10243 bytes = 10244 bytes
1 PB (Peta byte) = 1024 MB = 1024.10244 bytes = 10245 bytes

Tipos de Dados
Inteiro (INT)

Unsigned Short Int (16 bits) = 216 representações = [0 , 216-1] = [0, 65.535]

Unsigned Int (32 bits) = 232 representações = [0 , 232-1] = [0, 4.294.967.295]

Unsigned Long Int (64 bits) = 264 representações = [0 , 264-1] = [0, 18.446.744.073.709.551.615]

Signed Short Int (16 bits) = 216 representações = [-215 , 215-1] = [-32.768, 32.767]

Signed Int (32 bits) = 232 representações = [-231 , 231-1] = [-2.147.483.648, 2.147.483.647]

Signed Long Int (64 bits) = 264 representações = [-263 , 263-1] = [-9.223.372.036.854.775.808,
9.223.372.036.854.775.807]
Real (Ponto Flutuante) - Padrão IEEE754

Número real = 0,mantissa x 10Expoente

Float (32 bits) = 1 bit sinal / 8 bits expoente / 23 bits mantissa

Sinal do número Expoente Mantissa

00000000000000000000000000000000

3,14 = 0,314 x 101


Expoente = 1 => 1
Mantissa = 314 => 100111010

00000000100000000000000100111010

Double (64 bits) = 1 bit sinal / 11 bits expoente / 52 bits mantissa

Sinal do número Expoente Mantissa

000000000000000000000000 0000000000000000000000000000000000000000

3,14 = 0,314 x 101


Expoente = 1 => 1
Mantissa = 314 => 100111010

0000000000010000000000000000000000000000000000000000000100111010

Caracteres (CHAR) – (8 bits)

28 = 256 caracteres distintos

Cada combinação é associada a um caractere pertencente à tabela.

Tabela ASCII

Decimal Binário Referência


0 00000000 Null – NUL
1 00000001 Start of Heading – SOH
2 00000010 Start of Text – STX
3 00000011 End of Text – ETX
4 00000100 End of Transmission – EOT
5 00000101 Enquiry – ENQ
6 00000110 Acknowledge – ACK
7 00000111 Bell, rings terminal bell – BEL
8 00001000 BackSpace – BS
9 00001001 Horizontal Tab – HT
10 00001010 Line Feed – LF
11 00001011 Vertical Tab – VT
12 00001100 Form Feed – FF
13 00001101 Enter – CR
14 00001110 Shift-Out – SO
15 00001111 Shift-In – SI
16 00010000 Data Link Escape – DLE
17 00010001 Device Control 1 – D1
18 00010010 Device Control 2 – D2
19 00010011 Device Control 3 – D3
20 00010100 Device Control 4 – D4
21 00010101 Negative Acknowledge – NAK
22 00010110 Synchronous idle – SYN
23 00010111 End Transmission Block – ETB
24 00011000 Cancel line – CAN
25 00011001 End of Medium – EM
26 00011010 Substitute – SUB
27 00011011 Escape – ESC
28 00011100 File Separator – FS
29 00011101 Group Separator – GS
30 00011110 Record Separator – RS
31 00011111 Unit Separator – US
32 00100000 Space – SPC
33 00100001 !
34 00100010 "
35 00100011 #
36 00100100 $
37 00100101 %
38 00100110 &
39 00100111 '
40 00101000 (
41 00101001 )
42 00101010 *
43 00101011 +
44 00101100 ,
45 00101101 –
46 00101110 .
47 00101111 /
48 00110000 0
49 00110001 1
50 00110010 2
51 00110011 3
52 00110100 4
53 00110101 5
54 00110110 6
55 00110111 7
56 00111000 8
57 00111001 9
58 00111010 :
59 00111011 ;
60 00111100 <
61 00111101 =
62 00111110 >
63 00111111 ?
64 01000000 @
65 01000001 A
66 01000010 B
67 01000011 C
68 01000100 D
69 01000101 E
70 01000110 F
71 01000111 G
72 01001000 H
73 01001001 I
74 01001010 J
75 01001011 K
76 01001100 L
77 01001101 M
78 01001110 N
79 01001111 O
80 01010000 P
81 01010001 Q
82 01010010 R
83 01010011 S
84 01010100 T
85 01010101 U
86 01010110 V
87 01010111 W
88 01011000 X
89 01011001 Y
90 01011010 Z
91 01011011 [
92 01011100 \
93 01011101 ]
94 01011110 ^
95 01011111 _
96 01100000 `
97 01100001 a
98 01100010 b
99 01100011 c
100 01100100 d
101 01100101 e
102 01100110 f
103 01100111 g
104 01101000 h
105 01101001 i
106 01101010 j
107 01101011 k
108 01101100 l
109 01101101 m
110 01101110 n
111 01101111 o
112 01110000 p
113 01110001 q
114 01110010 r
115 01110011 s
116 01110100 t
117 01110101 u
118 01110110 v
119 01110111 w
120 01111000 x
121 01111001 y
122 01111010 z
123 01111011 {
124 01111100 |
125 01111101 }
126 01111110 ~
127 01111111 Delete
128 10000000 Ç
129 10000001 ü
130 10000010 é
131 10000011 â
132 10000100 ä
133 10000101 à
134 10000110 å
135 10000111 ç
136 10001000 ê
137 10001001 ë
138 10001010 è
139 10001011 ï
140 10001100 î
141 10001101 ì
142 10001110 Ä
143 10001111 Å
144 10010000 É
145 10010001 æ
146 10010010 Æ
147 10010011 ô
148 10010100 ö
149 10010101 ò
150 10010110 û
151 10010111 ù
152 10011000 ÿ
153 10011001 Ö
154 10011010 Ü
155 10011011 ø
156 10011100 £
157 10011101 Ø
158 10011110 ×
159 10011111 ƒ
160 10100000 á
161 10100001 ù
162 10100010 ó
163 10100011 ú
164 10100100 ñ
165 10100101 Ñ
166 10100110 ª
167 10100111 º
168 10101000 ¿
169 10101001 ®
170 10101010 ¬
171 10101011 ½
172 10101100 ¼
173 10101101 ¡
174 10101110 «
175 10101111 »
176 10110000 ░
177 10110001 ▒
178 10110010 ▓
179 10110011 │
180 10110100 ┤
181 10110101 Á
182 10110110 Â
183 10110111 À
184 10111000 ©
185 10111001 ╣
186 10111010 ║
187 10111011 ╗
188 10111100 ╝
189 10111101 ¢
190 10111110 ¥
191 10111111 ┐
192 11000000 └
193 11000001 ┴
194 11000010 ┬
195 11000011 ├
196 11000100 ─
197 11000101 ┼
198 11000110 ã
199 11000111 Ã
200 11001000 ╚
201 11001001 ╔
202 11001010 ╩
203 11001011 ╦
204 11001100 ╠
205 11001101 ═
206 11001110 ╬
207 11001111 ¤
208 11010000 ð
209 11010001 Ð
210 11010010 Ê
211 11010011 Ë
212 11010100 È
213 11010101 ı
214 11010110 Í
215 11010111 Î
216 11011000 Ï
217 11011001 ┘
218 11011010 ┌
219 11011011 █
220 11011100 ▄
221 11011101 ¦
222 11011110 Ì
223 11011111 ▀
224 11100000 Ó
225 11100001 ß
226 11100010 Ô
227 11100011 Ò
228 11100100 õ
229 11100101 Õ
230 11100110 µ
231 11100111 þ
232 11101000 Þ
233 11101001 Ú
234 11101010 Û
235 11101011 Ù
236 11101100 ý
237 11101101 Ý
238 11101110 ¯
239 11101111 ´
240 11110000
241 11110001 ±
242 11110010 ‗
243 11110011 ¾
244 11110100 ¶
245 11110101 §
246 11110110 ÷
247 11110111 ¸
248 11111000 °
249 11111001 ¨
250 11111010 ·
251 11111011 ¹
252 11111100 ³
253 11111101 ²
254 11111110 ■
255 11111111