Sei sulla pagina 1di 30

Slides das Aulas

Capítulo 13

Trens de Engrenagens

Prof. Jorge Luiz Erthal


jorgeerthal@gmail.com

Atualizado em 09/08/2018

© 2015 by McGraw-Hill Education. This is proprietary material solely for authorized instructor use. Not authorized for sale or distribution in any manner. This document may not be
copied, scanned, duplicated, forwarded, distributed, or posted on a website, in whole or part.
Trens de Engrenagens

Shigley’s Mechanical Engineering Design


Símbolos (1)

Elementos de Máquinas de Shigley


Símbolos (2)

Elementos de Máquinas de Shigley


Símbolos (3)

Elementos de Máquinas de Shigley


Símbolos (4)

Elementos de Máquinas de Shigley


Símbolos (5)

Elementos de Máquinas de Shigley


Relação de Transmissão - Transmissão Simples
 Para um pinhão 2 acionando uma coroa 3, a velocidade tangencial no contato vale:
d2 𝑣 = 𝜔 . 𝑟 = −𝜔 . 𝑟
2 2 3 3
2. 𝜋. 𝑛2 2. 𝜋. 𝑛3
2 sendo: 𝜔2 = e 𝜔3 =
O sentido de rotação 60 60
+ segue a
2. 𝜋. 𝑛2 2. 𝜋. 𝑛3
regra da mão direita
. 𝑟2 = − . 𝑟3
60 60
- 𝑛2 . 𝑟2 = −𝑛3 . 𝑟3
𝑛2 𝑟3 𝜔2 e - Relação de transmissão
𝑒=− = =−
3 𝑛3 𝑟2 𝜔3 (ou razão de engrenamento)
d3 ou ainda:
sendo
𝑁3 𝑑3 n = velocidade ou rotação
𝑒= = N = número de dentes
𝑁2 𝑑2 d = diâmetro primitivo
Shigley’s Mechanical Engineering Design
Relação de Transmissão - Transmissão Simples

𝜔1 . 𝑟1 = −𝜔2 . 𝑟2

𝜔2 . 𝑟2 = −𝜔3 . 𝑟3

𝜔3 . 𝑟3 = −𝜔4 . 𝑟4
𝑟4 𝑟3 𝑟2
𝜔1 = − − − 𝜔4
𝑟3 𝑟2 𝑟1
•Todas as engrenagens possuem o mesmo módulo.
•Somente as engrenagens de entrada e de saída são
𝜔1 𝑟4 𝑛1 𝑟4 importantes.
=− ou =− •As engrenagens intermediárias servem apenas para
𝜔4 𝑟1 𝑛4 𝑟1 preencher o espaço e controlar o sentido de rotação:
• número par de estágios => mesmo sentido;
• número ímpar de estágios =>inversão de rotação.
•Mais de uma engrenagem intermediária é
desaconselhável => substituir por corrente ou correia.
Trem composto de engrenagens
 Limite prático da relação de transmissão para um par de engrenagens: 10:1.
 Para obter maiores valores, combiner duas engrenagens no mesmo eixo.

Fig. 13–28
Shigley’s Mechanical Engineering Design
Relação de Transmissão - Transmissão Composta
3 4
𝜔1 . 𝑟1 = −𝜔2 . 𝑟2
1 2 5 6
𝜔3 . 𝑟3 = −𝜔4 . 𝑟4

𝜔5 . 𝑟5 = −𝜔6 . 𝑟6

mas: 𝜔2 = 𝜔3 e 𝜔4 = 𝜔5

𝑟6 𝑟4 𝑟2
𝜔1 = − − − 𝜔6
𝑟5 𝑟3 𝑟1

𝜔1 𝑟6 𝑟4 𝑟2
= − − − •Relações maiores do que 10:1.
𝜔6 𝑟5 𝑟3 𝑟1 •Redução ocorre em estágios.
ou •Cada estágio possui seu próprio módulo.
𝜔1 𝑁6 𝑁4 𝑁2 •Sentido de rotação:
= − − − •núm. par de estágios=>mesmo sentido;
𝜔6 𝑁5 𝑁3 𝑁1 •núm. ímpar de estágios=>inversão.
Exemplo

Fig. 13–27
𝑁2 = 20
𝑁3 = 60
𝑁4 = 40 𝑁2 = 300 rpm 𝑛6 =?
𝑁5 = 70
𝑁6 = 50
Shigley’s Mechanical Engineering Design
Exemplo

Shigley’s Mechanical Engineering Design


Comentários

• Para um redutor de velocidades simples, a relação de transmissão sempre será


maior do que 1, e será calculada por:

𝑛𝑚𝑜𝑡𝑜𝑟𝑎 𝑁𝑚𝑜𝑣𝑖𝑑𝑎
𝑒= =
𝑛𝑚𝑜𝑣𝑖𝑑𝑎 𝑁𝑚𝑜𝑡𝑜𝑟𝑎

• Para um redutor de velocidades composto, a relação de transmissão será:

𝑝𝑟𝑜𝑑𝑢𝑡𝑜 𝑑𝑜 𝑛ú𝑚𝑒𝑟𝑜 𝑑𝑒 𝑑𝑒𝑛𝑡𝑒𝑠 𝑑𝑎𝑠 𝑒𝑛𝑔𝑟𝑒𝑛𝑎𝑔𝑒𝑛𝑠 𝑚𝑜𝑣𝑖𝑑𝑎𝑠


𝑒=
𝑝𝑟𝑜𝑑𝑢𝑡𝑜 𝑑𝑜 𝑛ú𝑚𝑒𝑟𝑜 𝑑𝑒 𝑑𝑒𝑛𝑡𝑒𝑠 𝑑𝑎𝑠 𝑒𝑛𝑔𝑟𝑒𝑛𝑎𝑔𝑒𝑛𝑠 𝑚𝑜𝑡𝑜𝑟𝑎𝑠

• Isto vale também para trens mistos, conforme exemplo anterior.


• O sentido de rotação deverá ser avaliado separadamente.
• No Capítulo 14, a relação de transmissão é representada por mG

Shigley’s Mechanical Engineering Design


Exemplo 13–3

2 3 4 5

Shigley’s Mechanical Engineering Design


Exemplo 13–4

Shigley’s Mechanical Engineering Design


Trem Composto Reverso
 Trem composto em que os eixos de entrada e de saída são alinhados.
 Condição geométrica a ser satisfeita: mesma distância entre centros
𝑑2 𝑑3 𝑑4 𝑑5
+ = +
2 2 2 2
𝑑 = 𝑚. 𝑁

𝑚. 𝑁2 𝑚. 𝑁3 𝑚. 𝑁4 𝑚. 𝑁5
+ = +
2 2 2 2

𝑁2 + 𝑁3 = 𝑁4 + 𝑁5

Fig. 13–29 Shigley’s Mechanical Engineering Design


Exemplo 13–5

Shigley’s Mechanical Engineering Design


Exemplo 13–5

Shigley’s Mechanical Engineering Design


Exemplo 13–5

Shigley’s Mechanical Engineering Design


Exemplo 13–5

Shigley’s Mechanical Engineering Design


Trem Planetário
 Trens de engrenagens Planetárias
ou epicíclicas permitem que os
eixos que transferem o movimento
permaneçam alinhados.
 Engrenagem Sol possui centro fixo
 Engrenagem planeta possui eixo
móvel.
 Transportador do planeta ou braço
conduz o eixo do planeta
relativamente ao eixo do Sol.
 Possui dois graus de Liberdade (i.e.
duas entradas)

Fig. 13–30
Shigley’s Mechanical Engineering Design
Trem Planetário

2 - sol
3 - braço
4 e 5 - planetas

Fig. 13–31

Shigley’s Mechanical Engineering Design


Trem Planetário

Fig. 13–31
Shigley’s Mechanical Engineering Design
Trem Planetário
 A relação de transmissão é obtida em relação ao braço.

Fig. 13–31

Fig. 13–30 Shigley’s Mechanical Engineering Design


Example 13–6

Fig. 13–30 Shigley’s Mechanical Engineering Design


Exemplo 13–6

Shigley’s Mechanical Engineering Design


Exemplo 13–6

Shigley’s Mechanical Engineering Design


Exercícios Propostos

Shigley’s Mechanical Engineering Design


Exercícios Propostos

Shigley’s Mechanical Engineering Design