Sei sulla pagina 1di 6

10/04/2019 A Grande Separação Final | Desafio Mundial

Adoramos citar as palavras de Jesus sobre a vitória que ele prometeu à sua igreja: “As portas do
inferno não prevalecerão contra ela” (Mateus 16:18) . Paulo diz que Cristo ama sua igreja, e que
ela será apresentada a ele nos últimos dias santificados e lavados pela Palavra, uma noiva gloriosa
sem mácula, ruga ou defeito de qualquer tipo (ver Efésios 5: 25-27) . Simplificando, a igreja de
Jesus Cristo no final dos tempos será um corpo de crentes glorioso, predominante e vencedor. E
podemos nos apoiar nisso como uma promessa do próprio Senhor.

No entanto, o inimigo veio para tentar destruir esta gloriosa igreja dos últimos dias. Paulo adverte
que o povo de Deus irá suportar a queda das verdadeiras doutrinas de Cristo, voltando-se para os
evangelhos da luxúria e ganância: “Virá o tempo em que eles não suportarão a sã doutrina; mas
depois de suas próprias concupiscências, ajuntarão a si mesmos mestres, com comichão nos
ouvidos; e eles desviarão os seus ouvidos da verdade ” (2 Timóteo 4: 3-4) .

Então, que mensagem devemos pregar nestes últimos dias? Paulo explica claramente nesta
passagem: uma mensagem de sã doutrina. Isso implica a cruz, a segunda vinda do Senhor, a
santidade, o sofrimento, a autonegação, o abandono do pecado - todas as coisas que Paulo diz que
muitos abandonarão naquele dia. Ele até nos diz como devemos entregar tal doutrina: “Repreenda,
repreenda, exorta com todo o sofrimento e doutrina” (4: 2) .

Por que Paulo foi obrigado a entregar uma palavra tão solene? Foi porque a tragédia já vinha à
igreja nos últimos dias, nas próprias congregações que Paulo aborda aqui. Essas congregações
haviam recusado a repreensão e repreensão de um bom evangelho e estavam se entregando à
ganância e aos prazeres deste mundo. Eles desenvolveram “comichões nos ouvidos” para ouvir
um evangelho de materialismo e pregação suave. Então surgiu entre eles a necessidade de uma
nova geração de pregadores, homens carnais que arranhariam suas orelhas com um evangelho sem
custo, sem cruz e sem repreensão.

Como Paulo, Pedro também escreve sobre aqueles que se reúnem para ouvir sermões calmantes de
falsos mestres oferecendo um evangelho de apaziguamento da carne. "Nos últimos dias virão
escarnecedores, andando segundo os seus próprios desejos, e dizendo: Onde está a promessa da
sua vinda? ... Todas as coisas continuam como eram desde o princípio da criação" (2 Pedro 3: 3-
4) .

https://worldchallenge.org/newsletter/2016/the-great-and-final-separation 1/6
10/04/2019 A Grande Separação Final | Desafio Mundial

Quem são estes escarnecedores que dizem tais coisas? Não é a multidão secular nem a multidão
ateísta ou agnóstica. Não é Hollywood, ou o bêbado ou drogado. E não são judeus ou
islamitas. Nenhum destes está preocupado com tais questões porque a vinda de Cristo não tem
significado para eles.

Não, Pedro está falando das massas dos chamados seguidores de Cristo que rejeitaram a sã
doutrina e adotaram um evangelho da ganância. A única maneira pela qual essas pessoas podem se
entregar a um evangelho da carne é deixar de pensar que Jesus está vindo. É o único meio de
livrar-se da culpa que vem com sua mentalidade e estilo de vida. Estes são os mesmos de quem
Pedro diz: “(por causa deles) o caminho da verdade será mal mencionado” (2: 2) .

Considere a condição da igreja hoje, com todas as suas influências mundanas, seu entretenimento
mundano, sua leveza e frivolidade, seu foco no sucesso e no dinheiro. E pense na ausência de
tristeza piedosa sobre o pecado, a falta de autonegação e devoção a Cristo. Está claro que a igreja
hoje perdeu sua autoridade, drenada de seu poder espiritual há muito tempo.

Cristo não vem para uma igreja que se tornou um antro de ladrões. Ele não vem para uma igreja
que é liderada por CEOs, mas pelo Espírito Santo. A igreja pela qual ele vem rejeitou toda tolice e
todo falso evangelho. É uma igreja onde os púlpitos estão cheios de profetas e vigias destemidos
que pregam como oráculos de Deus e não de mensagens emprestadas. E está cheio de santos
santificados que evitam o amor deste mundo e não permitem que ele se apodere de seus corações.

Qual é a resposta de Deus para as muitas


doutrinas da cobiça?

Como o Senhor trará dessa situação uma igreja prevalecente, vitoriosa e poderosa, uma que esteja
preparada e anseie por sua vinda? O Espírito de Deus vai levantar nazaritas espirituais, homens e
mulheres do poder do Espírito Santo, um povo totalmente separado que renunciou ao mundo e a
todas as coisas do mundo.

O que é um nazireu? Era alguém em Israel que fez um voto no nascimento para se separar do
mundo. Os nazaritas não bebiam vinho, o que representava para eles as paixões e luxúrias do
https://worldchallenge.org/newsletter/2016/the-great-and-final-separation 2/6
10/04/2019 A Grande Separação Final | Desafio Mundial

mundo. Eles não tocariam ou entrariam em contato com qualquer coisa ou pessoa morta, que
representasse a morte espiritual. E eles não se barbeavam como sinal de compromisso com a vida
de separação. Os nazireus estavam totalmente no mundo, mas não eram do mundo, estando
separados para Deus somente para seus propósitos.

O profeta Samuel era um nazireu. Assim foi João Batista, um homem que foi totalmente separado
para Deus e obviamente cheio do Espírito. Sansão, que viveu no período dos juízes, também foi
chamado para ser nazireu. O mundo reconheceu cada um desses homens como diferentes,
dizendo: “Este homem poderoso não fala como falamos. Ele não vive da maneira que nós
fazemos. Ele é separado para Deus ”.

Em todo o mundo, Deus ainda tem um remanescente de nazaritas espirituais em púlpitos e


bancos. O Senhor tem um corpo inteiro de pregadores, professores, evangelistas e servos leigos
que não foram tocados pelos desejos e ambições desta era. Esses homens e mulheres separados de
Deus estão se movendo no Espírito, pregando um evangelho inflamado que é íntegro e sólido e
testemunhando o poder transformador do Espírito Santo.

Quando Jesus começou a igreja em Jerusalém depois de sua ressurreição, ele não os instruiu a
entrevistar os pecadores, perguntando-lhes que tipo de igreja poderia atraí-los. Ele nunca lhes
disse para pregar um evangelho não-ofensivo para que as pessoas pudessem se sentir
confortáveis. Em vez disso, ele deu aos seus seguidores uma ordem simples: “Esperem pelo
derramamento, o mover do meu Espírito”.

No Pentecostes, aqui estava a mensagem que trouxe milhares de joelhos: “Vocês tomaram e por
mãos perversas crucificaram e mataram: a quem Deus ressuscitou” (Atos 2: 23-24) . Qual foi a
resposta entre aqueles que ouviram?

“Quando ouviram isso, indignaram-se no coração e disseram a Pedro e ao resto dos apóstolos:
Homens e irmãos, que faremos?” (2:37) . A resposta de Pedro e os outros foi clara: "Arrependa-
se!"

Amado, sem o mover do Espírito Santo - sem a sua presença e poder sobre nós - não temos
absolutamente nada. Todos nós estaríamos simplesmente perdendo nosso tempo. Ele tem que ser o
poder que nos move e agita os corações de um mundo pecaminoso.
https://worldchallenge.org/newsletter/2016/the-great-and-final-separation 3/6
10/04/2019 A Grande Separação Final | Desafio Mundial

O plano de Satanás era roubar Sansão desse mesmo poder e força através de Dalila. Seu nome
significa “afrouxar, aliviar, perder a intensidade”. Sansão começou forte, vivendo uma vida
separada para Deus ao julgar Israel. Então, por um período de vinte anos, não lemos nada do
Espírito movendo-se sobre Sansão. Não houve mais façanhas, nem mais vitórias poderosas sobre
o inimigo de Israel. Por quê? Ele se cansou da vida separada, pensando: “Eu tenho sido muito
intenso, vivendo de forma muito estrita. O que há de errado com algum relaxamento? Por que não
posso provar alguns prazeres do mundo? ”Então ele desceu ao vale de Sorek, que era território
filisteu, onde encontrou a prostituta Dalila e passou a noite com ela.

Na manhã seguinte, Samson percebeu que, apesar de suas ações arbitrárias, ele não havia perdido
sua força. Seu cabelo não caiu, nem o Espírito o deixou. Evidentemente, ele pensou: “Eu posso ter
proibido prazeres depois de tudo e ainda manter minha unção”. Ele começou a amar a vida
fácil. Não mais se preocupar com a segurança de Israel ou o bem-estar das viúvas e órfãos. Em
vez disso, Samson declarou: “Eu coloquei meu tempo. Agora vou me satisfazer um pouco.

Essa mesma mentira está enganando muitos seguidores de Cristo hoje. Eles estão dizendo a si
mesmos: “Ah, um pouco de pornografia na internet não vai me machucar. E esses filmes não vão
tirar minha vida espiritual. O pouco que eu bebo não está me afetando. ”No entanto, quando
Samson relaxou sua vida separada, o inimigo estava trabalhando nos bastidores. Os filisteus
pediram a Dalila: “Ame-o. Descubra o segredo do seu poder para que possamos prevalecer contra
ele. Use seus encantos e vamos amarrá-lo e levá-lo cativo.

A tragédia de Sansão não foi sua fornicação com Dalila, embora esse pecado tenha sido grave o
suficiente para desqualificá-lo do serviço de Deus. Não, a tragédia de Sansão era que ele não mais
valorizava a obra do Espírito em sua vida. A presença do Senhor não era mais a coisa mais
importante para ele. Este outrora poderoso homem de Deus agora tomou o poder e a bênção do
Senhor em sua vida completamente como garantido.

É claro que Samson acordou naquela manhã no colo de Delilah, com o cabelo arrancado. Ele disse
a si mesmo: “Eu me afastei deles antes. Isso não é grande coisa. ”Porém, desta vez, quando os
filisteus se aproximaram, Samson descobriu que ele era tão fraco quanto um gatinho. Ele não
havia percebido que o Espírito do Senhor se afastara dele. O mais trágico é que o povo de Deus
voltou à servidão opressora sob os filisteus.
https://worldchallenge.org/newsletter/2016/the-great-and-final-separation 4/6
10/04/2019 A Grande Separação Final | Desafio Mundial

Milhares de cristãos hoje se sentam em igrejas


mortas, nunca percebendo que o Espírito de
Deus partiu.

O espírito de Dalila conseguiu colocar muitos na igreja para dormir em seu colo. Todo o tempo,
sua vida espiritual e força estão sendo drenadas deles. Eu te pergunto, a igreja de Cristo terminará
nas mãos de seus inimigos, amarrados e capturados pelo diabo? Será que vai viver seus dias um
corpo inchado, sem oração e indiferente dos chamados crentes?

Não nunca! Graças a Deus, nosso libertador não é um mero homem como Sansão. E o espírito de
Dalila não é páreo para o Filho do Deus vivo, Jesus Cristo. Ela vai cair de joelhos e se curvar
diante dele. De fato, agora Cristo está lidando com o espírito de Dalila em sua igreja. Ele instruiu
o Espírito Santo:

“Destrua esse espírito de Dalila, e afugente todos que foram seduzidos por ele - todo pregador,
todo leigo, qualquer um chamado pelo meu nome. Condená-los, cortejá-los e dizer-lhes que quero
dar-lhes outra chance de ver a minha glória, assim como fiz com Samson. Diga-lhes que esta casa
de conforto em que se abrigaram - uma casa de sedução que arruinou tantos - será abalada até a
fundação. O telhado vai desmoronar e tudo vai cair.

No entanto, também nos é dada uma palavra esperançosa. Deus disse ao profeta Ageu que ele
prometeu preencher sua igreja dos últimos dias com sua glória. “Assim diz o Senhor dos
exércitos; Mas uma vez, faz pouco, e sacudirei os céus, a terra, o mar e a terra seca; e abalarei
todas as nações, e virá o desejo de todas as nações; e encharei esta casa de glória, diz o Senhor dos
Exércitos ” (Ageu 2: 6-7) .

Simplificando, Cristo é o desejo de todas as nações, e ele está vindo de novo. Mas primeiro haverá
um grande tremor. Tudo o que pode ser abalado, diz Jesus, será abalado. Isso significa que haverá
uma grande separação e tudo o que não puder ser abalado permanecerá. Então, qual será a parte
restante?

https://worldchallenge.org/newsletter/2016/the-great-and-final-separation 5/6
10/04/2019 A Grande Separação Final | Desafio Mundial

Será um povo correndo de volta aos braços de Cristo - uma igreja intensamente em chamas, de
joelhos, contrita, bem acordada e procurando sua vinda. Será uma igreja que se afastou de todo o
flerte com o pecado e é separada para o Senhor, com as mãos limpas e um coração puro. Em tal
igreja, o Espírito Santo é livre para se mover e trabalhar de maneira poderosa. Nada impede sua
unção e fluxo, e a glória de Deus se torna clara para todos verem.

https://worldchallenge.org/newsletter/2016/the-great-and-final-separation 6/6