Sei sulla pagina 1di 7

CURA INTERIOR
Romanos 12.1

Introdução
Que é cura interior?
...é a cura de nosso homem interior: da mente, emoções, lembranças desagradáveis,
sonhos...

Cura Interior é o processo pelo qual, por meio da oração, numa dinâmica espiritual,
somos libertos de sentimentos de ressentimento, rejeição, tristeza, culpa, medo,
ódio, complexo de inferioridade...

Em Rm 12.2 lemos: “Não vivam como vivem as pessoas deste mundo, mas deixem que Deus
os transforme por meio de uma completa mudança da mente de vocês. Assim vocês
conhecerão a vontade de Deus, isto é, aquilo que é bom, perfeito e agradável a
ele”.

Jesus disse isto: “Deixo com vocês a paz. É a minha paz que eu lhes dou; não lhes
dou a paz como o mundo a dá. Não fiquem aflitos, nem tenham medo” (Jo 14.27).
Mas há inúmeras pessoas hoje que não possuem essa paz interior... muitas são
crentes, mas acham-se emocionalmente enfermas.

Algumas não entendem como é possível, se já são crentes!

Aquele verso da Bíblia de 2Co 5.17 precisa ser bem compreendido... ele diz: “Quem
está unido com Cristo é uma nova pessoa; acabou-se o que era velho, e já chegou o
que é novo”.

Nós somos constituídos de três partes: temos corpo, alma e espírito.


O que se fez novo em nós? ...o espírito... o espírito é que nasceu de novo! Mas
nosso corpo e nossa alma, não nasceram de novo. Tudo neles ainda é velho!

Então, o que fazer ao corpo e à alma? ...a Bíblia diz, quanto ao corpo, que ele
deve ser dominado, controlado: 1Co 9.27 diz: “Eu trato o meu corpo duramente e o
obrigo a ser completamente controlado...”. Isso é exercer domínio próprio.

E quanto à alma? ...a Bíblia diz que ela precisa ser renovada. Rm 12.2: “Não vivam
como vivem as pessoas deste mundo, mas deixem que Deus os transforme por meio de
uma completa mudança da mente de vocês”.
Portanto, todos os crentes ainda têm pela frente dois processos importantes:
precisam dominar o corpo e renovar a mente, a alma (a alma é composta de:
sentimento, vontade, pensamento, consciência).

Mesmo que alguém ache que não tem feridas e que por isso, não necessita de cura
interior, ao se deparar com a ordem “...deixem que Deus os transforme por meio de
uma completa mudança da mente de vocês”, é forçado a entender, através da Palavra
de Deus, que precisa de renovação.

Se ao lembrar de um fato (rejeição, abandono...) você sente dor, é porque a ferida


ainda não cicatrizou. Ocorre então uma dor na alma – essa dor se apresenta de
diversas formas: Nojo, raiva, angústia, medo, vergonha...
Uma pessoa disse: “Sinto muito inveja do meu irmão, que era o filho que minha mãe
preferia...”.

Outra pessoa disse: “...sinto nojo todas as vezes ao lembrar que fui violentada”.

Há casos da alma estar ferida, mas que a pessoa não sente, conscientemente,
qualquer dor. Mas a alma está ferida, então, ocorre da pessoa ter algum
comportamento pouco sadio.
Por exemplo: a pessoa não sente raiva do irmão que era preferido da mãe, mas não
tem assunto com ele... há uma barreira...

A pessoa não sente nojo ou raiva ao lembrar de como foi molestada sexualmente, mas
não consegue manter um relacionamento afetivo firme.

Outros sintomas de feridas de alma são os seguintes:

Viver ameaçando... jamais admitir os próprios erros... sentir prazer na desgraça do


outro... não ter aspirações, sonhos... ser ciumento... ser triste... ser risonho
demais... gastar o que não tem... ter dificuldade para dizer não... ter timidez
paralisante... masturbar-se compulsivamente...

Há situações que nos ferem emocionalmente;

A família é a nossa base, se foi desestruturada, você também pode ter sido
desestruturado.
Talvez aconteceram muitas coisas no período em que você ainda estava no ventre de
sua mãe, e durante a sua infância e adolescência, que lhe afetaram diretamente.
Jesus tem poder para curar os seus traumas, as suas feridas interiores e até as
suas doenças. Amém?

Jesus veio para isto! E hoje, Ele vai tratar você, tirando o que foi plantado e não
presta.

A Bíblia mostra homens e mulheres que tinham feridas na alma e que precisaram ser
curados por Deus:
Moisés tinha dificuldade na fala (língua presa, talvez)...quem sabe, por conta
disso, se achava incapaz de falar ao Faraó do Egito?

Elias foi um poderoso profeta, mas sentiu-se inferiorizado e incapaz de enfrentar


Jezabel... entrou em depressão, queria morrer...

Mirian, irmã de Moisés, sentia-se inferior a Moisés e quis se exaltar, afirmando


ser usada por Deus... ficou leprosa...

Há muitas portas que, sendo abertas, geram feridas emocionais:


É o caso da rejeição – sentimento de que não somos amados, aceitos ou bem-vindos.

A pessoa rejeitada sempre interpreta mal as atitudes das outras pessoas, tendo a
sensação de desprezo...

A rejeição vem através de várias situações:

O nome próprio, registrado em Cartório, pelos pais: Vicente Mais ou Menos de


Souza... Novalgina de Almeida... Abecedário da Silva...

Morte do pai, da mãe ou de ambos... inconscientemente a pessoa assimilou como


rejeição.

Gravidez indesejada – talvez a pessoa sido resultado de relação da mãe com um


namorado que a abandonou...

Divórcio dos pais...

Preferência dos pais – o pai dá preferência a um filho mais inteligente, bonito,


descontraído, e esquece o outro filho.
Rejeição no casamento: o marido rejeita a esposa porque está gorda, fala coisas
desagradáveis para ela, humilha...
Abandono da mãe; a mãe que deixa filho com a avó ou o pai, para ir trabalhar em
outra cidade ou morar com outro homem, ou vice-versa...

Palavras que geram maldições: mãe ou pai que lançou palavras, chamando o filho de
burro, prostituta, gay, que nunca devia ter nascido, não presta para nada, não vale
nada, não vai dar em nada...

Há muitas palavras que amaldiçoam: ah! você nunca vai prestar para nada... você é
pobre, conforme-se com isso... você vai virar uma prostituta se continuar assim...
homem que é homem não chora... ser homem mesmo precisa ter relações sexuais antes
de casar...

A rejeição também vem de apelidos dados em virtude de alguma deformação: Narigudo,


Orelhudo, Baleia, Palito...

Há rejeição que se instala devido à carência afetiva: o pai ou mãe que nunca disse
que amava o filho, que nunca lhe fez carinho ou deu abraço...

Tem também aquele sentimento de rejeição que é auto-imposto, isto é, a própria


pessoa se impõe: deficiência física... magreza excessiva... obesidade... seios
muito grandes... cravos e espinhas em excesso... doenças constantes...

Também, algumas pessoas carregam feridas de alma em virtude da culpa.

Culpa por ter abortado ou pago o aborto para alguém... culpa pela morte de
alguém... culpa por espancar filhos ou irmãos... culpa por ter roubado, enganado...
culpa por ter sido abusado sexualmente de alguém... culpa por não ser mais
virgem...

Amado, por tudo isso, é que você hoje, talvez seja: inseguro, medroso, birrento,
rancoroso, magoado, tímido, assustado, solitário...
Porém, considere o poder de Jesus, Ele é o maior dos médicos – médicos e
enfermeiros tratam dos doentes, mas é Jesus quem os cura!

E em assuntos de alma, Jesus é especialista... Ele deseja sarar nossas tristezas e


mágoas... quer que sejamos sadios!
Talvez você já viu um cartãozinho, onde aparece escrito assim: Médico Cirurgião: Dr
Jesus Cristo (Médico dos médicos)... Consultório: em toda parte... Graduação: Filho
de Deus... Sua Especialidade: o Impossível...

Creia no seu coração: Jesus Cristo é o mesmo ontem e hoje e o será para sempre... o
tempo e o espaço não significam nada para Ele – Jesus pode voltar ao nosso passado
e tocar aqueles pontos em que fomos feridos.

Cura interior é isso: é deixar que Jesus faça Sua luz brilhar em todos os recantos
escuros da alma, onde Satanás entulhou as mágoas e lembranças dolorosas.

Muitas vezes pensamos: “Ah! não quero ficar lembrando destas coisas ruins!” ...mas
isto é como acumular objetos dentro de um armário. Você fecha a porta e não vê, mas
as coisas estão lá e um dia rolarão para fora.

Orientação
Música de adoração.
Afaste os bancos para que haja espaço.

Dinâmica Espiritual (falar com o pessoal em pé)


A Cura Interior se dá através de uma dinâmica espiritual, nessa dinâmica saímos do
tempo e vamos para a esfera espiritual.
Essa dinâmica pode ocorrer em vários níveis:
No nível de impressões, a pessoa não chega a ver Jesus, mas sente a Sua presença...
sente que Ele está lhe dizendo alguma coisa, sente paz no coração... sente Seu
consolo.

No nível de visão, a pessoa vê Jesus agindo e, para a pessoa, esse encontro é muito
real.

No nível do arrebatamento, a pessoa é tomada espiritualmente... tem um encontro


espiritual com Jesus e, quando retorna, vem curada.

Em todos esses níveis, um fato bastante comum é que quando está havendo cura, ela
se manifesta, no mundo físico, através do choro... você deve ficar à vontade, sem
se constranger...

Vamos ter ministrações em cinco áreas: amargura, medo, rejeição, depressão e culpa.
Mas começaremos com a purificação da memória...é que durante a nossa vida, muita
sujeira vai sendo acumulada em nossa mente, em nossa memória...

Se queremos ser sadios, precisamos da purificação da nossa alma, da nossa memória.


Nossa alma pode estar contaminada com muitas coisas impuras, e a Palavra de Deus
é: “...meus irmãos e minhas irmãs, encham a mente de vocês com tudo o que é bom e
merece elogios, isto é, tudo o que é verdadeiro, digno, correto, puro, agradável e
decente” (Fp 4.8).
Todas as coisas contrárias a essas são lixo, impureza... para a limpeza, vamos orar
do seguinte modo: repita depois de mim:
“Senhor Jesus, eu quero te pedir perdão por todas as ocasiões em que me deixei
contaminar com palavras e com as cenas que presenciei que foram situações impuras
que me atingiram. Muitas delas eu poderia ter evitado, mas não evitei. Por isso, eu
te peço, Senhor, que o Senhor venha purificar agora a minha memória, aplicando
sobre ela o sangue de Jesus”.

(somente o ministrador)
Oh! Senhor, de tudo o que não é verdadeiro, e que entrou em nossa alma, em nossa
mente, eu te peço, limpa, Senhor. Limpa da mente todos os ensinos e doutrinas
falsas. De tudo o que não é respeitável, nem honesto, de tudo que é mentiroso,
purifica, Senhor. Purifica a memória completamente de todas essas coisas. Purifica
também, Senhor de tudo o que não é justo. Limpa a memória de todos os pecados
cometidos, e que já foram perdoados pelo Senhor, porque já foram confessados em
arrependimento... purifica a memória também, Senhor, de todos os pecados que foram
vistos serem cometidos por outras pessoas... Purifica, Senhor, da lembrança de
toda impureza decorrente da infidelidade. Limpa da memória toda a sujeira sexual.
Limpa, oh! Deus, a memória de toda pornografia que foi vista, limpa a mente dos
palavrões, das piadas sujas. Limpa tudo isso da memória, lavando com o sangue de
Jesus. Purifica da memória ainda tudo aquilo que não é amável. Limpa do lixo dos
filmes de terror, de violência, de guerra e de maldades que foram assistidas.
Purifica a mente, completamente, de tudo o que não é amável. Limpa ainda a memória,
ó Deus, de tudo que foi visto, ouvido e praticado, relacionado com a manipulação de
pessoas, corrupção, vícios, trapaças, roubos e furtos. Sim, ó Deus, limpa
completamente toda a memória, tanto a consciente como a inconsciente, de todas
essas coisas. E liga agora, ó Deus, a mente de cada um com a mente de Jesus Cristo,
e coloca sobre cada um o capacete da salvação, para que fique protegido contra
todas as sujeiras. Em nome de Jesus. Amém.

Além da nossa memória, temos que limpar espiritualmente os pensamentos que temos...
porque há pensamentos imundos, contaminados.
Na área da amargura e da baixa estima, tipo: não posso nem ver fulano... esta é a
cruz que eu carrego... nasci para ser infeliz... sou um caso perdido...
Na área do medo, a pessoa diz: tenho medo de água, escada...

Na área do ódio, pensamentos tipo: não consigo me controlar... não consigo


perdoar...

E há ainda os pensamentos egoístas, cheios de orgulho, ganância...

Para fazer essa limpeza, ore em voz alta depois de mim:


Senhor, quero pedir perdão por todas as vezes em que eu disse ou fiz alguma coisa
simplesmente para ser visto pelos outros, ou para encobrir algum problema da minha
vida. Eu declaro que detesto e que repudio toda falsidade em minha vida. E sirvo-me
do sangue de Jesus para me purificar de todos os pensamentos sujos que tive.
Senhor, purifica o meu coração de todo o orgulho, de toda vaidade e de tudo o mais
que me contaminava. Expulso da minha vida agora todo espírito de engano e
falsidade. E, Senhor, eu te agradeço por minha purificação. Em nome de Jesus. Amém.

(somente o ministrador)
Senhor, pedimos-te perdão por todos os pensamentos imundos em nossa mente. E em
nome de Jesus, cancelamos agora, tudo o que Satanás programou em nossa mente. Que
todos os pensamentos sejam dirigidos pelo Espírito Santo, e estejam de acordo com a
Tua Palavra. Que cada um guarde a Tua Palavra no coração para não pecar contra Ti.
Que a mente seja ligada à mente de Cristo. E que todo pensamento humano obedeça a
Cristo. Agora, em nome de Jesus!

Agora vamos tratar de áreas específicas. (orientar grupo sentar em círculo)


Primeiro, a cura na área da amargura...

Eu vou mencionar várias situações que podem ter lhe causado uma ferida de
amargura... se tiver algo a ver com você, então, levante-se e venha para o meio do
grupo e fique em pé aqui.
Você passou por um momento de grande tristeza, causado pela perda de um ente
querido, cuja morte você crê que aconteceu por culpa de alguém.

Você sofreu uma grande perda financeira, por culpa de alguém.


Você passou por uma desilusão e uma grande tristeza pela traição do seu cônjuge com
uma outra pessoa, talvez, até mesmo abandonando o lar.

Você passou por um abuso sexual na infância, causado por alguém de maior idade que
forçou a situação e lhe causou, assim, uma revolta no coração.

Seus pais não lhe deram proteção o quanto deveriam em sua infância ou adolescência,
e assim você foi vítima de uma agressão por alguém, machucando, ferindo o seu corpo
ou o abusando sexualmente.

Você passou por uma grande perda, ou foi vítima de um roubo.

Você, sendo mulher, foi estuprada por alguém.

Você passou por um momento de forte humilhação.

Você foi objeto de um assalto, com risco de vida.

Quero dizer que a Palavra de Deus ensina isto: “Assim como o Senhor perdoou vocês,
perdoem uns aos outros” (Cl 3.13).
Perdoar é uma ordem de Deus... quem não perdoa, sofre... quem não perdoa, a si
mesmo se atordoa... mas, quem perdoa, a si mesmo abençoa.

Decida liberar perdão... a quem você deve liberar perdão? ...libere agora!
Ore assim:
Senhor, eu sei que tenho que perdoar. Com a tua capacitação eu posso perdoar, pois
tudo posso naquele que me fortalece! Assim, sendo, capacitado pelo Senhor, perante
Deus Pai, Filho e Espírito Santo, perante os anjos de Deus e perante os principados
e potestades, eu tomo a decisão de declarar que perdôo.....................
(fulano) por tudo o que me fez. E os abençôo com as bênçãos de Jesus! Senhor, que a
tua paz agora, invada o meu coração. Eu te agradeço porque todo esse peso de falta
de perdão, que estava sobre mim, agora Jesus levou. E ordeno que todo espírito
torturador, que antes me atribulava, saia agora da minha vida, indo para o lugar
que Jesus determinar. Muito obrigado, Senhor. Em nome de Jesus. Amém.

Agora, oremos por cura, do seguinte modo: diga depois de mim:


Oração pg 209. (após oração, voltar ao lugar).
Cura na área do medo... vou mencionar várias situações que podem ter lhe causado
medo... se tiver algo a ver com você, levante-se e venha para o meio do grupo e
fique em pé aqui.
Medo de certos animais, porque acredita que eles terão o poder de lhe fazer algum
mal...

Medo de dirigir um carro, quem sabe porque enfrentou um acidente de carro no


passado?

Medo de mar, piscina...

Medo de trovões, quem sabe você, na infância, você foi deixado sozinho e de repente
começou a trovejar?

Medo de altura, medo de mar, de piscina...

Medo da morte
Ore assim: Pg 216

Cura na área da rejeição... se tiver algo a ver com você, levante-se e venha para o
meio do grupo e fique em pé aqui.
Se você veio fora de programação, se veio num momento em que seus pais não estavam
em condições de recebe-lo.

Se queriam um menino, e você nasceu menina, ou o contrário... por isso você se


sentiu rejeitado.

Ou então, você se sentiu rejeitado na infância, por alguma razão: até mesmo por
causa do irmãozinho menor, que tomou toda a atenção de seus pais.

Se seus pais, por alguma razão, o deram para ser criado por outras pessoas, e você
sentiu que eles o estavam rejeitando.

Quando você foi gerado, seus pais não eram casados, e por isso, pensaram ou
tentaram um aborto...

Qualquer que tenha sido a situação, isso lhe foi muito doloroso, eu sei. Mas você
pode recorrer a Jesus. Ele pode curar essa sua ferida de alma.
Ore com as seguintes palavras: Pg 222.

Cura na área da depressão... se tiver algo a ver com você, levante-se e venha para
o meio do grupo e fique em pé aqui.
Você teve objetivos, alvos e pedidos que esperou receber, não recebeu, acabou
perdendo a esperança, então entrou em depressão?
Se vive em meio à frustração, sem esperança, sem ânimo...

Peça ao Senhor curar o seu coração.


Ore assim: Pg 227

Cura na área da culpa.


Você tem sentimentos de culpa? ...se sente culpado de alguma coisa? ...o inimigo
ainda o acusa de algum pecado, mesmo tendo confessado a Deus?

Ore assim: Pg 237

Após Ministração de Cura


Abraçar aqueles que necessitam sentir-se amados.

Pedir que uns abracem aos outros e, pouco a pouco, retornem ao lugar.

Pr Walter Pacheco da Silveira


OBS.: As páginas recomendadas são do livro “Plena Paz” autoria de Milton Andrade