Sei sulla pagina 1di 1

Vocal Pop – Estudando canto de forma eficiente

Como o objetivo central do VP é oferecer aos leitores maiores possibilidades de aprendizado


de técnica vocal, elaboramos esse texto para ajuda-los com a organização e estratégias para o
estudo em casa, seja para aqueles que têm a possibilidade de assistir aula e acesso a
professores, ou para os que estudam de forma autônoma.

Para qualquer estudo é sempre muito importante ter um bom direcionamento, por isso é
essencial que os materiais que o aluno/aprendiz tenha acesso sejam de qualidade, mas ainda é
ter um bom professor para ajudar nos direcionamentos, exercícios personalizados e
identificação de problemas, com correção adequada para os mesmos. Sempre pergunte ao seu
professor a função de cada exercício para sua voz, vai te ajudar a entender melhor seu canto e
as maneiras de melhorá-lo, de acordo com suas necessidades e o estilo pretendido.

Sabendo dessas coisas o estudo individual fica mais fácil. Para um rendimento e organização
ainda maiores você pode fazer uma “tabelinha” com os pontos que precisam ser melhorados e
ao lado as prováveis soluções, os artifícios a serem trabalhados para atingir esses objetivos.
Por exemplo, eu cantei com ajustes bem mais próximos do lírico e do legit voice, o que me fez
ter dificuldades hoje em dia na execução do drive e belting, por falta da adução das pregas
vocais na região grave, o que significa que preciso trabalhar bem a musculatura do TA.
Identificando o problema listei exercícios e vocalizes para trabalhar resistência vocal, o
controle e a ativação dessa musculatura.

As soluções nem sempre virão através de vocalizes ou exercícios muito concretos, às vezes é
uma questão de se ouvir melhor, de cantar para amigos, para o espelho, se gravar, declamar
poesia, mudar o horário de estudo, ser menos sedentário, rever hábitos alimentares... por isso
é tão importante ter informações seguras ao seu lado (e bons profissionais).

Ainda na ideia de trabalhar a partir das dificuldades, tenha sempre músicas para seu repertório
de estudo que englobem as questões abordadas na tabela, assim o estudo fica mias prático e
prazeroso, ajudando a contextualizar os objetivos e até a controlar a ansiedade no que diz
respeito a necessidade de muitos em ter resultados rápidos e “visíveis”. Mesmo que essas
canções não sejam trabalhadas para serem apresentadas são peça chave na evolução e
acompanhamento do estudo.

Com tudo isso bem claro é hora de praticar. Crie um horário de estudo realista e adequado a
sua rotina. A frequência é importantíssima para o desenvolvimento da memória muscular e
segurança no que está sendo feito. Na hora de criar a rotina de estudo, leve em consideração
as considerações listadas por você (ou seu professor), o tempo que leva para executá-las e
como distribuir isso no intervalo de tempo que tem disponível.

Tenha disciplina e paciência para com seus estudos que os resultados virão.