Sei sulla pagina 1di 5

Flua Em Mim

Adoradores Novo Tempo

Sopra em mim, Espírito, sopra em mim

Me leva mais alto, mais perto de ti

Sopra em mim, Espírito, sopra em mim

Por todos os lados, envolve-me

E se eu tentar fugir

Me alcance com teu vento

Cerca-me, Enche-me

Espírito de Deus

Flua em mim, neste lugar

Flua pelas ruas, sopra nas cidades

Flua em mim, neste lugar

Flua sobre os montes, sopra nos desertos

Flua em mim!

Enviar la traducción

Añadir a la playlist

Tamaño

Tablatura y acordes

Imprimir

Corregir
Nossa Oração

Adoradores Novo Tempo

Enxuga nossas lágrimas

Nos faça compreender

Que a dor que enfrentamos

Nos fortalecerá

Quando provados somos

Ao nosso lado estás

Os desafios nos ajudam

A exercer a fé

Venha nos moldar, Senhor

Vem, derrama o teu poder

Inunda nosso coração com teu amor

Cola em nós o espírito de adorador

Mergulha nossa vida na graça divinal

Senhor, ouça a nossa oração

Ouça nossa oração

Derrama em nós o teu poder

Ouça nossa oração

Derrama em nós o teu poder

Inunda nosso coração com teu amor

Cola em nós o espírito de adorador


Mergulha nossa vida na graça divinal

Senhor, ouça a nossa oração

Inunda nosso coração com teu amor

Cola em nós o espírito de adorador

Mergulha nossa vida na graça divinal

Senhor, ouça a nossa oração

Nas Mãos do Oleiro

Adoradores Novo Tempo

vistas

20

Em tuas mãos eu sou pó, nenhum valor, barro sou

E quem sou eu pra questionar tuas mãos a me moldar?

Tu és Deus, artesão de mim

Nas mãos do oleiro me entrego inteiro

Pra ser quebrado e refeito

Nas mãos do oleiro sou restaurado

Pra ser um novo vaso

Em tuas mãos eu sou pó, nenhum valor, barro sou

E quem sou eu pra questionar tuas mãos a me moldar?

Tu és Deus, artesão de mim

Nas mãos do oleiro me entrego inteiro

Pra ser quebrado e refeito

Nas mãos do oleiro sou restaurado


Pra ser um novo vaso

Nas mãos do oleiro me entrego inteiro

Pra ser quebrado e refeito

Nas mãos do oleiro sou restaurado

Pra ser um novo vaso

Nas mãos do oleiro me entrego inteiro

Pra ser quebrado e refeito

Nas mãos do oleiro sou restaurado

Pra ser um novo vaso

Declaração

Adoradores Novo Tempo

Na calma dessa hora eu venho te buscar, Senhor

Lá fora é tão frio, aqui eu sinto teu calor

A luz do teu Espírito, a glória do infinito me fazem bem

Prossigo caminhando à sombra do Eterno que me sustém

Naquele dia eu quero estar em pé

E face a face contemplar quem és

Quero cantar no coral dos redimidos

Quero estar com os meus irmãos e amigos

Junto ao trono do grande Rei

Quero mostrar pro Universo inteiro

Que só há um Deus verdadeiro

E que só tu és Senhor
De coração aberto eu venho te pedir, Senhor

Teu toque incomparável, profundo e restaurador

A luz do teu Espírito, a glória do infinito me fazem bem

Prossigo caminhando à sombra do Eterno que me sustém

Naquele dia eu quero estar em pé

E face a face contemplar quem és

Quero cantar no coral dos redimidos

Quero estar com os meus irmãos e amigos

Junto ao trono do grande Rei

Quero mostrar pro Universo inteiro

Que só há um Deus verdadeiro

E que só tu és Senhor

Na calma dessa hora eu venho te adorar, Senhor

Interessi correlati