Sei sulla pagina 1di 26

KARATE – DÔ

A ARTE DO CAMINHO DAS MÃOS VAZIAS

Marco Frota (Preta 3º. DAN)

C
COON
NHHEEC
CIIM
MEEN
NTTO
OSS G
GEER
RAAIISS -- RESUMO
M
Maarrccoo FFrroottaa
Fortaleza, Dezembro de 2017.
INTRODUÇÃO

Marco Aurélio Frota, nascido em 19 de julho de 1960, Brasileiro, Filiado a


Federação Cearense de Karatê Esportivo sob o número 07376, aluno da Karatê Clube Kiai,
atualmente Faixa Preta – 3º. DAN. Formado em Educação Física - Licenciatura Plena.
Membro da Comissão de Arbitragem da Federação Cearense de Karate Esportivo em 2017.

Este trabalho é uma fonte de pesquisa do material que consegui pela Internet. Ele foi criado
para passar um pouco de conhecimento e de uma certa forma, poder ajudar aos iniciantes
nesta bela arte, pois com esse trabalho estou também aprendendo.

Títulos Mais Importantes:


1º. Lugar do Ranking e Melhor Árbitro.
Membro da Comissão de Arbitragem da FCKE – 2017.
Em Campeonato Brasileiro: Uma prata e 3 bronzes.
Em Campeonato Norte-Nordeste: Um Ouro, Uma Prata e 2 bronzes.

CRÉDITOS
Esta apostila foi idealizada para auxiliar o ensino do karatê, tendo em vista a
dificuldade de se encontrar literatura adequada e a atual facilidade em termos de
computação, uma vez que podemos utilizar figuras disponíveis na internet e até mesmo
aproveitar o suporte dos Scanners. Existem, é claro, as dificuldades naturais de se unificar
as informações devido a vários fatores, tais como: erros de tradução; dissidência entre
praticantes; variações entre estilos ou até mesmo a não documentação desta arte marcial.
Qualquer dúvidas ou comentários, basta entrar em contato através do e-mail
marcofro_2000@yahoo.com.br .

AGRADECIMENTOS
Gostaria de agradecer ao motivo principal: as minhas filhas MAYARA e JULIANA,
por terem me pedido que fizesse esse trabalho.

Agradecer também, a Karate Clube Kiai, em particular ao Sensei MARCOS –


Faixa Preta 5º. DAN, ao Sensei GILVAN(PINTO) – Faixa Preta 4º. DAN, ao Sensei Eujário -
Faixa Preta 4º. DAN e a todos internautas espalhados por este, agora bem menor planeta,
depois do aparecimento da Internet. Pois está apostila foi baseada em pesquisa pelo mundo
à fora.
Agradecer a minha esposa (VERIDIANA) e Eujário que ajudou-me fazendo
traduções e correções.

DEDICATÓRIA
Gostaria de dedicar este trabalho à Da. VERIDIANA (minha esposa) e aos meus
filhos (HANDERSON, MAYARA E JULIANA). Este e muitos outros trabalhos que toco
acabam me furtando de suas companhias. As glórias e elogios que sejam estendidos a eles,
como uma compensação.

Fortaleza, Dezembro de 2017.


3/26

Conhecimentos Gerais
Antes de mais nada, segue abaixo um pequeno relato sobre a Karate Clube Kiai.

O professor Edmilson Aragão juntamente com o Sensei Arnaldo Olimpio


formavam a Associação de Karatê e Defesa Pessoal (ASKADEP) e expandiram o karatê à
outros bairros. Welligton Freitas, Faixa verde, vinha treinando com o Sensei Edmilson, foi
um dos pioneiros a ministrar aulas de karatê em nossa comunidade (Guadalajara). Com
muita determinação e entusiasmo conseguiu um lugar simples para repassar os
conhecimentos adquiridos durante anos de treinamentos.

Com a ascensão de muitos atletas de qualidade, destacando-se em competições


e exames de faixa, a ASKADEP, foi ganhando prestígio e o karatê mais adeptos.

Marcos Antonio Candida de Sousa destacava-se entre os alunos do Sensei


Wellighton, sempre dedicado e presente aos treinamentos, logo tornou-se o aluno de
confiança do sensei. Em 1988 quando Marcos passou a faixa verde, sensei Welligton deixou
a academia sob sua responsabilidade. Em 1989 o Sensei Edmilson Aragão criou sua própria
associação o Centro Esportivo União (CEU) e o sensei Marcos o acompanhou, tornando-se
grandes amigos e divulgadores da arte das mãos vazias.

Com o sensei Marcos no comando, a academia não parava de crescer e a CEU II,
como era chamada pelos próprios alunos, começava a formar atletas de personalidade e
competir no mesmo nível de outras associações. Ao longo do tempo criou-se uma rivalidade
sadia entre as duas unidades do Centro Esportivo União. Até que, com coragem e ousadia
alguns atletas pertencentes a CEU II decidiram estabelecer sua própria associação, criar sua
própria bandeira e defender suas cores em competições, fazendo asism a nossa história.

Em reunião realizada pelo sensei Marcos e os alunos: Valmir Sousa, Ari, José
Pinto, Talles Brasil, Eujário Sousa, Cleonaldo, Brasil Junior e Antonio Carlos, na casa de um
dos alunos, foi definido o nome da nova associação e os primeiros rascunhos de nosso
emblema. Surgia então em 18 de fevereiro de 1999 a Karatê Clube Kiai, sendo o sensei
Marcos Antonio Candida de Sousa reconhecido, por todos que estavam na reunião, como
seu Presidente Fundador.

Atualmente a Karatê Clube Kiai tem vários Faixas Pretas ministrando aulas no seu
bairro de fundação como em outros bairros e município. Nossa Sede localizada na rua Anajé,
604 – Parque Potira – Caucaia tem a frente o Sensei Marcos Antônio 5º Dan. Outros
professores: Eujario da Costa 4º Dan, José Pinto 4º Dan, Antônio Carlos 1º Dan e
Wanderson de Sousa 1º Dan tem seus dias e horários d treinos na Sede da Kiai.
Na Jurema temos os professores Antônio Amarildo Castelo (Hybão) 2º Dan e Naelly Alves 1º
Dan ministrando suas aulas e difundindo nossa Associação.
A Karatê Clube Kiai chegou também no bairro São Cristóvão – Fortaleza, onde o Professor
Francisco Antônio 1º Dan está a frente. Nossa Associação com seus profissionais vem
educando e revelando grandes Atletas do karatê Dô para o karatê Cearense e Nacional e
cada ano formando mais Faixas Pretas que levarão nossa Associação e a Arte das Mãos
Vazias a outros bairros, municípios e quem sabe a outras cidades.

Marco Frota – marco.frota@karateclubekiai.com.br - kck@karateclubekiai.com.br - www.karateclubekiai.com.br


4/26

Segue abaixo perguntas e respostas, de conhecimentos gerais, voltadas ao karate.

01) Qual é o estilo do karate que você pratica?


R) Shotokan

02) Qual o nome do pai do karate moderno?


R) Gichin Funakoshi

03) Onde surgiu os primeiros passos do Karate e onde foi aperfeiçoado?


R) Surgiu na China e aperfeiçoado na Ilha de Okinawa, no Japão.

04) Qual a origem e o significado da palavra Shotokan?


R) Originou-se do primeiro prédio próprio que era todo de madeira, no qual Funakoshi fundou
seu primeiro Dojo. Significa escola de Shoto. Shoto era o nome que Funakoshi usava para
assinar suas poesias, significava caligrafia e Kan significa escola

05) O que significa Karate-Dô?


R) Caminho das mãos vazias.

06) Dê o significado de KARA, TE E DÔ?


R) Kara  Vazio, esvaziar a mente. Te  Mão. Dô  Caminho, via.

07) O que significa Dojo-Kun?


R) O lema do Karatê

08) Cite o Lema do Karatê (Kojo-kun)


R) Esforçar-se para formaçõ do caráter;
Fidelidade para com o verdadeiro cominho da razão
Conter o espírito de agressão
Criar o intuito de esforço
Respeito acima de tudo

09) O que você entende por Koto e Dojo?


R) Koto  Local de competições Dojo  Local de treinamento

10) Nome da Academia que você treina?


R) KARATE CLUBE KIAI

11) Defina Kiai?


R) União de espírito

12) Qual o símbolo do Shotokan?


R) Um tigre - Essa pintura ficou conhecida como o Tora No Maki (em japonês, ‘tora’ quer
dizer ‘tigre’ e ‘maki’, ‘erolado’ ou ‘rolo’).

13) O que significa Shizentai?


R) Bases naturais

Marco Frota – marco.frota@karateclubekiai.com.br - kck@karateclubekiai.com.br - www.karateclubekiai.com.br


5/26

14) Cite 6 bases naturais (Shizentai)/


R) Heisoku-dachi, Heiko-dachi, Musubi-dahi, Kake-dachi, Teiji-dachi, Henoji Dachi

15) Quantas e quais são as bases fundamentais do karate shotokan?


R) São 3. Zenkutsu-dachi, Kokutsu-dachi e Kiba-dachi.

16) Defina as bases fundamentais?


R) Zenkutsu-dachi  60% do peso do corpo na perna de frente e 40% do peso do corpo na
perna de trás.
Kokutsu-dachi  30% de poso do corpo na perna da frente e 70% do peso do corpo na
perna de trás.
Kiba-dachi  O peso do corpo é igual nas 2 pernas: 50%. Os pés ficam na m esma linha e
apontados para a frente do corpo.

17) Quem trouxe o Karate para o estado do Ceará?


R) O Capitão Maia Martins, em 23 de novembro de 1967.

18) Quantos movimentos tem os katas heian´s?


R) Heian Shodan = 21 movimentos - Heian Nidan = 26 movimentos
Heian Sandan = 20 movimentos - Heian Yodan = 27 movimentos -
Heia Godan = 23 movimentos e todos eles possuiem 2 kiais.

19) Com suas palavras defina kata.


R) É uma espécie de luta contra inimigos imaginários expressa em sequências fixas de
movimentos.É a parte mental do karate.

20) O que significa a palavra Heian?


R) Grande paz, grande dignidade.

21) Quem foi criado primeiro os Heians ou os Katas Superiores?


R) os katas superiores.

22) Qual origem da palavra Heian?


R) Mestre Yasutsume Itosu criou a série que chamou de Pinan, por volta de 1905, mais tarde
Mestre Funakoshi traduziu para o idioma japonês com o nome de Heian dado ao longo
período de paz que houve no Japão.

23) Qual a finalidade de se criar os Heians?


R) Essa série foi criada para facilitar o aprendizado aos principiantes no nível secundário,
preparando-se para katas de nível superior.

24) Defina Embussem?


R) Diagrama do kata, linha do kata.

25) Defina Bukai?


R) Aplicação do kata.

Marco Frota – marco.frota@karateclubekiai.com.br - kck@karateclubekiai.com.br - www.karateclubekiai.com.br


6/26

26) Qual o órgão que controla o Karate a nível nacional a e a nível estadual?
R) A FCKE – Federação Cearense de Karate Esportivo a nível estadual e CNEKI –
Confederação Nacional Esportiva de Karate Interestilos e nível de nacional.

27) Qual o nome que se dá ao conjunto de técnicas de bloqueio, socos e pernas?


R) Uke Waza = técnicas de bloqueios.
Exemplo: Soto-Uke, Age-Uke, Haiwan-Uke e Utchi-Uke

Gueri Waza = técnicas de pernas.


Exemplo: Mae-gueri, Mawashi-gueri e Ushiro-gueri

Zuki Waza = técnicas de socos.


Exemplo: Oi Zuki, Gyaku Zuki, Tate Zuki e Morote Zuki

Uchi Waza = técnicas de golpes indiretos.


Exemplo: Haito Uchi, Shuto Uchi, Tetsui Uchi e Mawahi Enpi

28) Defina Jodan, Thudan e Guedan?


R) Jodan  Cabeça e pescoço; Thudan  Tronco e Guedan  Cintura para baixo

29) Diga o que é TAI-SABAKI?


R) Esquiva, girar fazendo de eixo em um das pernas.

30) Defina Uoriashi?


R) Descolar, deslizar sobre as pernas

31) Com suas palavras defina Kihon?


R) É uma forma de treino onde o participante desenvolve a coordenação motora, aprende a
trajetória corretas das técnicas, postura, deslocamentos e bases.

32) Diga com suas palavras o que é Hiketê e Hikeachi?


R) Hiketê  puxada rápida de mão para o lugar de origem
Hikeachi  puxada rápida do pé para o lugar de origem

33) Defina keague e Kekomi?


R) Keague  técnica batida em forma de chicotada, num movimento rápido
Kekomi  técnica penetrante, que esmaga.

34) Defina Jun Kaiten e Gyaku Kaiten?


R) Jun Kaiten  A direção da rotação do quadril e a direção da técnica são as mesmas.
Gyaku Kaiten  A direção da rotação do quadril é contrária à direção da técnica.

35) Significado de Hidari e Migi?


R) Hidari  esquerdo e Migi  Direito.

Marco Frota – marco.frota@karateclubekiai.com.br - kck@karateclubekiai.com.br - www.karateclubekiai.com.br


7/26

36) Significado das palavras Kyu e Dan?


R) Criado pelo fundador do Judô, Jigoro Kano, são os escalações de graduação no karatê.
Kyu (Classe) segue uma ordem decrescente e Dan (Grau), segue uma ordem crescente.

37) Qual o momento certo do kiai?


R) No momento do impacto do golpe, da contração muscular.

38) Defina Mae-geri, Mawashi-geri, yoko-geri, Hisa-geri.


R) Mae-geri  chute frontal como o Koshi
Mawahi-geri  chute circular com o haisoku,
Yoko-geri  chute lateral usando o sokuto
Hisa-geri  golpe aplicado com o joelho.

39) Defina Deai, Go-no-sen, Tai-no-sen, Sem-no-sen.


Deai  Antecipação sobre o golpe do adversário. O adversário inicia o golpe e antes de
complementar deve-se antecipar.
Go-no-sen  Tomada de iniciativa posterior (dois tempos). Provocar o adversário para que
utilize uma técnica, defende-se e contra ataca.

Tai-no-sen  Espera e antecipa o contra ataque (um tempo e meio).


Sem-no-sen  Prevê a intenção do adversário e antecipa com uma técnica (um tempo).

40) Defina Kumite, Gohon Kumite, Sanbon Kumite, Sanbon Kumite, Kihoh-Ippon Kumite,
Jiyu-Ippon Kumite, Jiyu Kumite e Shiai Kumite.

kumite – combate
gohon kumite – combate a cinco deslocamentos
sanbon kumite – combate a 3 deslocamentos (branca p/ amarela, amarela p/ vermelha)
kihon-ippon kumite – kumite básico a um deslocamento (vermalha p/ laranja, laranja p/
verde);
jiyu-ippon kumite – combate livre a um deslocamento (verde p/ roxa, roxa p/ marrom, marrom
p/ preta, mudança de dan)
Jiyu kumite – combate livre (marrom p/ preta, mudança de dan)
shiai kumite – combate com objetivo de marcar ponto (marrom p/ preta, mudança de dan)

41) um exemplo de Kemi e Hiketê ao mesmo tempo.


R) Oi Zuki.

42) Os katas das faixas roxa e marrom são katas avançados e os da faixa preta são
superiores. Porque isso acontece?
R) Isto acontece por que no Japão não havia a graduação atual, existia apenas as faixas
branca, marrom e preta.

Marco Frota – marco.frota@karateclubekiai.com.br - kck@karateclubekiai.com.br - www.karateclubekiai.com.br


8/26

Há um tempo mínimo de permanência para cada faixa , verifique:

FAIXA KYU TEMPO MIN. FAIXA KYU TEMPO MIN.


Branca 7º. 3 meses Marrom 1º. 1 ano
Amarela 6º. 4 meses DAN
Vermelha 5º. 5 meses Preta 1º. 2 ano
Laranja 4º. 6 meses Preta 2º. 3 anos
Verde 3º. 9 meses Preta 3º. 4 anos
Roxa 2º. 1 ano

43) A quem se atribui também a criação da série dos 3 Tekki e como eram chamados?
R) Ao Mestre Yasutsume Itosu. Era chamados de Naihanchi.

44) Quem Aperfeiçoou os Tekki e qual o seu seguinificado.


R) Funakoshi também aperfeiçoou o Naihanchi mudando o nome para Tekki tendo o
significado literalmente de cavalo de ferro ou base do cavalo.

45) Como o karate chegou ao Brasil?


R) O Karate chegou ao Brasil com os imigrantes japoneses, em 18 de Junho de 1908,
quando o navio Kasaato-Maru aportava em Santos-SP, sendo praticado nas cidades do
interior e na capital através das colônias japonesas.

46) Quais os Mestres que introduziram o karate no Brasil e em que ano?


R)
* SHOTOKAN
- MITSUSUKI HARADA - chegou ao Brasil no ano de 1955, 5º Dan.
- JUICHI SAGARA - chegou ao Brasil no ano de 1957.
- EISUKE OISHI - em 1961 mudou-se para a Bahia o japonês Eisuki Oishi, 19 anos, que
tinha conhecimento do karate, mesmo não sendo faixa preta, e que iniciou Denílson Caribe
na prática do karate, sendo considerado o precursor do karate no estado da Bahia.

O fundador do estilo foi o Mestre Gichin Funakoshi (1868-1957)

* GOJURYU
- SEIICHI (Shikan) AKAMINE - chegou ao Brasil no ano de 1958, 8º Dan.

O fundador do estilo foi o Mestre Chojun Miyagi (1888-1953)

* WADORYU
- KOJI TAKAMATSU - chegou ao Brasil no ano de 1956.
- TAKEO SUZUKI - chegou ao Brasil no ano de 1960 onde permaneceu até 1973.
- MICHIZO BUYO - chegou ao Brasil no ano de 1964.

O fundador do estilo foi o Mestre Hironori Otsuka (1892/1982) .


* SHORIN-RYU
- YOSHIHIDE SHINZATO - chegou ao Brasil em 1954.

Marco Frota – marco.frota@karateclubekiai.com.br - kck@karateclubekiai.com.br - www.karateclubekiai.com.br


9/26

O fundador do estilo foi o Mestre Choshin Chibana (1892/1969) .

* KENYURYU
- AKYO YOKOYAMA - chegou ao Brasil no ano 1965.

47) Quantos e quais são os katas shotokan?


R) São 26. Heian shodan, nidan, sandan, Yodan, Godan, bassai-daí, kankudaí, jitte,
gangaku, Tekki shodan, Tekki nidan, tekki sandam, empi, jion, hangetsu, bassai-sho, jiin,
kanku sho, sochin, nijushio, wankan, chinte, meikyo, unsu, gojushio sho, gojushio daí.

48) Dê o significado de cada Kata;


R) Heians  Paz e tranquilidade. Tekki´s  Cavaleiro de ferro
Bassai  Romper a fortaleza Kanku  Contemplar o céu
Jion  Seu nome vem de um templo budista, denominado Jionji ou Grande maturidade.
Empi  Vôo da Andorinha Hangetsu  Meia lua
Gankaku  A garça sobre a rocha Jitte  Dez mãos ou Dez técnicas.
SochinCaracteriza-se por ser executado na posição de Sochin-Dachi.
Chinte Caracteriza-se pela variedade de técnicas circulares e técnicas de mãos abertas.
NijushihoCaracteriza-se pelos deslocamentos em ângulos diferentes, efetuando vários
ataques com Mae-Empi-Uchi.
JIIN  Amor e Proteção. Unsu  Defesa Contra A Nuvem
MEIKYO  Espelho Limpo ou Espelho da Alma.

49) Em que ano morreu guichin funakoshi?


R) faleceu no dia 26 de abril de 1957.

50) Como se divide os Katas?


Resposta: Inferior, Médio e superiores

51) Quantos katas existe no shotokan?


Resposta: 26 katas

52) Como se divide uma aula de karate?


Resposta: Aquecimento, alongamento, kihon, kata e kumite.

53) Quais são os estilos de karate mais praticados?


Resposta: Shotokan, Shito ryu, Goju ryu, wado ryu,Shorin

54) Como se classifica os praticantes de karate?


Resposta: Aluno iniciante (faixa branca ate laranja), aluno iniciado (faixa verde ate marrom)
e aluno avançado (faixa preta-1º Dan ate 10º dan)

55) Qual era o Kata prefirido de Guichin Funakoshi?


Resposta: Kankudai

Marco Frota – marco.frota@karateclubekiai.com.br - kck@karateclubekiai.com.br - www.karateclubekiai.com.br


10/26

SHITEI KATA

HEIAN SHODAN HEIAN YONDAN


HEIAN NIDAN HEIAN GODAN
HEIAN SANDAN TEKKI SHODAN

SENTEI KATA

BASSAI DAÍ JION


KANKU DAÍ EMPI
HANKETSU JITTE

TOKUI KATA

TEKKI NIDAN JIIN


TEKKI SANDAN WANKAN
BASSAI SHO MEIKYO
KANKU SHO UNSU
GOJUSHIHO SHO SOCHIN
GOJUSHIHO DAÍ CHINTE
NIJUSHIHO GANKAKU

OBSERVAÇÃO:
Em conformidade resolução aprovada Ata Reunião dia 20/08/2017 segue abaixo tabela de
quantidades de perguntas adotadas nos exames de kyu da Kia.

* Faixa Branca, Amarela e Vermelha  5 perguntas cada uma valendo 2 (dois) pontos;
* Faixa Laranja e Verde  8 perguntas cada uma valendo 1,25 pontos;
* Faixa Roxa  10 perguntas cada uma valendo 1 (um) ponto.

Marco Frota – marco.frota@karateclubekiai.com.br - kck@karateclubekiai.com.br - www.karateclubekiai.com.br


11/26

Pequeno Histórico.

Os templos budistas foram destruídos completamente pêlos Manchus durante a


Dinastia Ming de 1368 a 1644 A.D. Somente cinco monges escaparam, todos os outros
foram massacrados pelo imenso exército Manchu.
Os cinco sobreviventes tornaram-se conhecidos como "Os Cinco Ancestrais". Eles
vagaram por toda China.
Como cidadãos chineses emigraram para as ilhas de Okinawa, novos sistemas se
desenvolveram. O nome genérico dado às formas de luta de Okinawa foi "Te", que significa
"mão", apesar de não haver nenhum material escrito, nenhum registro relatando o
desenvolvimento do “tê”. Sabe-se que os treinamentos naquela época eram praticados
secretamente, durante o dia longe dos olhares de outras pessoas, em lugares desertos, nas
montanhas, nas matas, e tinha como parceiro nos treinamentos a natureza, treinando com a
ajuda de árvores, bambus, rochas, etc… O “tê” foi desenvolvido em três cidades de Okinawa:
Shuri, Naha e Tomari. E cada cidade adotou seu estilo que são Shuri-te, Naha-te e Tomari-
te.
O Shuri-te, veio a ser ensinado por Sakugawa (1733-1815), que ensinou Sokon
"Bushi" Matsumura (1796-1893), e que por sua vez ensinou Anko Itosu (1813-1915). Foi
Itosu o responsável pela introdução da arte nas escolas públicas de Okinawa. Shuri-te foi o
precursor dos estilos japoneses que eventualmente vieram a se chamar Shotokan, Shito Ryu
e Isshin Ryu.
Azato Yasutsume orientou os primeiros passos de Funakoshi Gichin e
posteriormente o companheiro e amigo Itosu foi quem ficou responsável pelo aprendizado do
jovem Funakoshi. Com Azato a filosofia de treinamento era chamada “Hito Kata San Nen”
(um kata em três anos).
No começo do século XX (aproximadamente 1900) o Karate foi reconhecido como
um método eficiente de condicionamento físico e educação sendo então ensinado nas
escolas públicas da pequena ilha e o responsável por esta introdução foi o Mestre Itosu. O
ensino do Karate tornou-se oficial a partir de 1902 quando da visita do inspetor da prefeitura
de Kagoshima à escola onde Funakoshi ensinava e este organizou uma demonstração para
o ilustre visitante.
Gichin Funakoshi nasceu em Shuri, Okinawa, em 1868, aos 11 anos de idade
iniciou seus estudos, com o mestre Asato, no duro sistema Naha-Te (força e contração), e
com o mestre Itosu no sistema Shuri-Te (velocidade e elasticidade).
O Mestre Gichin Funakoshi além de Mestre de Karate era também, exímio poeta e
quando escrevia os seus poemas usava o pseudônimo de SHOTO (que significa: ondas de
pinheiro). Ele usava este nome porque a cidade nativa de Shuri, local do seu nascimento, era
rodeada por colinas com florestas de pinheiros.
Em 1936, Funakoshi mudou os caracteres Kanji utilizados para escrever a palavra
Karate. O caracter "Kara" significava "China", e o caracter "Te" significava "Mão".
Para popularizar mais a arte no Japão, ele mudou o caracter "Kara" por outro, que
significa "Vazio". De "Mãos Chinesas" o Karate passou a significar "Mãos Vazias". Funakoshi
defendia que o termo "Mãos Vazias" seria o mais apropriado, pois representa não só o fato
de o Karate ser um método de defesa sem armas, mas também representa o espírito do
Karate, que é esvaziar o corpo de todos os desejos e vaidades terrenas.
Em 1936 foi fundado o primeiro DOJO Oficial de Karate, pelo Comitê Nacional e
devido aos feitos do mestre Funakoshi, foi batizado com o nome de SHOTO-KAN. Daí surgiu

Marco Frota – marco.frota@karateclubekiai.com.br - kck@karateclubekiai.com.br - www.karateclubekiai.com.br


12/26

o nome de uma escola (estilo) que até hoje é cultivada em várias partes do mundo. SHOTO
(pseudônimo de Funakoshi) + KAN (escola, classe...) = Escola de Funakoshi.
O prédio foi feito de doações particulares, e uma placa foi pendurada sobre a
entrada e dizia: "Shotokan". "Sho" significa pinheiro. "To" significa ondas ou o som que as
árvores fazem quando o vento bate nelas. "Kan" significa edificação ou salão. "Shoto" era o
pseudônimo que Funakoshi usava para assinar suas caligrafias quando jovem, pois quando
ele ia escrevê-las se recolhia em um lugar mais afastado, onde pudesse buscar inspiração,
ouvindo apenas o barulho do pinheiros ondulando ao vento. Esse nome dado ao Shotokan
Karate Dojo foi uma homenagem de seus alunos.
Gigo, também conhecido como Yoshitaka, filho de Funakoshi, um promissor jovem
mestre de Karate introduzindo no karate as modernas técnicas de pernas: yoko gueri,
mawashi gueri, fumikomi, ura mawashi gueri, pegou tuberculose em 1945 e morre enquanto
teimosamente recusa-se a comer a ração americana dada ao povo faminto.

NO BRASIL

Como o Judo, o Karate também chegou ao Brasil com os imigrantes japoneses,


em 18 de Junho de 1908, quando o navio Kasaato-Maru aportava em Santos-SP,
principalmente nas cidades do interior, nada mais lógico do que este estado se transformar
no pioneiro do Karate nacional. Foi introduzido através das colónias japonesas nas cidades
de Biguá, Pedro de Toledo, Bastos, Maria e Garça, além do litoral e da capital paulista.
Durante vários anos, os imigrantes japoneses ensinaram a "arte da mão vazia" aos jovens
japoneses e aos poucos brasileiros que se interessavam. Só em 1955 é que o Mestre
Mitsusuke Harada organizou oficialmente a primeira academia na Rua Quintino Bocaiúva,
255, no centro da capital paulista. Nascido na Manchuria, em 1928, começou a estudar
Karate em 1943 com o Mestre Funakoshi no Dojo Shotokan. Recebeu seu 5º Dan
diretamente do Mestre Funakoshi.
Seguindo o exemplo , O Mestre Yoshihide Shinzato imigrou para o Brasil em 15 de
janeiro de 1954 e ministrou aulas de Karate-Do em sua casa, para jovens da colônia
japonesa. Em 25 de janeiro de 1954 fez demonstração de Karate-Do no Parque Ibirapuera,
juntamente com os grupos de folclore de Okinawa e com seu irmão Yuzo, em comemoração
aos 400 anos de aniversário da cidade de São Paulo. Em 03 de junho de 1962, fundou a
Academia Santista de Karate-Do na Rua Brás Cubas em Santos-SP e em 1970 mudou o
nome para Associação Okinawa Shorin-Ryu Karate-Do do Brasil. Em 1976 criou a União
Shorin-Ryu Karate-Do do Brasil e em 1992 fundou a International Union Shorin-Ryu Karate-
Do Federation.
Em 1958, o Mestre Seiichi Yoshitaka Akamine chegou ao Brasil com o propósito
de ensinar Karate. Nascido no dia 14 de Maio de 1920, em Naha, Okinawa, foi instruído no
estilo Shorin-ryu pelo Mestre Chomo Hanashiro, estilo que praticou até os dezasseis anos,
quando recebeu o 1º Dan. Chegando em São Paulo fundou sua escola e formou diversos
alunos que se espalharam pelo Brasil e pela América do Sul, como era o seu sonho. Viajou
muito fazendo demonstrações e difundindo o Karate no interior paulista e paranaense. A sua
primeira academia foi fundada na rua Tabatinguera, chegando a ter filiais em vários estados
do Brasil e outros países. Faleceu no dia 18 de julho de 1995.

Marco Frota – marco.frota@karateclubekiai.com.br - kck@karateclubekiai.com.br - www.karateclubekiai.com.br


13/26

O Mestre Akamine começou a ensinar Karate num clube japonês no bairro da Vila
Prudente, Clube Santos, e em sua própria casa, na Rua Oriente, no bairro do Brás,
juntamente com Kawamura, Nakaema, Osaka, Higashino, Yasutaka Tanaka, Sadamu Uriu,
Juichi Sagara e Sawaguchi (este último, logo depois retornou ao Japão).
Os primeiros faixas prestas formarem-se no Brasil pela Shotokan foram: Milton Osaka, Inoki
(irmão de Sagara), Benedito Nelson Augusto Santos (que já era faixa preta pela Goju-ryu),
Lirton Monassa, Fernando Pessoa, Yasuyuki Sassaki, Ailton M. Menezes, Oswaldo Duncan,
Raimundo Bastos, Maurício, Márcio Bievenutti, Claudio Trigo, William Felippe, Júlio Takuo
Arai e Dinor. Nomes que ajudaram a construir a história do Karate no Brasil.

Posteriormente vieram do Japão: Takeushi (RJ), Taketo Okuda (SP), Oishi e


Yoshizo Machida (BA).

O 1º Campeonato Brasileiro de Karate foi realizado na cidade do Rio de Janeiro


no Ginásio de Esportes do Botafogo Futebol e Regatas. Esta foi a primeira competição oficial
de karate no Brasil, realizada nos dias 2 e 3 de dezembro de 1969 e teve a participação dos
seguintes estados: São Paulo, Distrito Federal, Bahia e Rio de Janeiro. A entidade dirigente
da modalidade na época era a Confederação Brasileira de Pugilismo, através do seu
Departamento de Karate.

Em 1972, a equipe brasileira de Karatê ganha destaque internacional. Naquele


ano, fomos campeões mundial com Luís Watanabe e no ano seguinte vice-campeão
novamente com Watanabe e segundo lugar por equipe no 1º Campeonato Pan-americano
realizado no Rio de Janeiro.

Em 1977, o Brasil terminou entre as 8 primeiras equipes no Mundial de Tóquio, no


ano seguinte, bicampeão por equipe no Pan-americano de Montreal em 1978 e em 1981
vice-campeão Sul-americano em Buenos Aires.

Em 1983, o Brasil conquistou o 4º lugar no Mundial realizado no Egito.


Gostaria de lembrar que todos estes títulos foram conquistados por atletas de uma
mesma organização pois no Brasil nesta época não existiam CBK e outras.

E assim o Karate foi-se espalhando e crescendo de norte a sul do Brasil.

No Ceará

Com o sucesso de Funakoshi, muitos mestres migraram, levando o conhecimento


do Karate para diversos lugares. No Brasil, chegando aqui na década de 60, os mestres
Tanaka e Sadamu Uriu vieram para o Rio de Janeiro. o mestre Uriu cria na brigada
aeroterrestre de pára-quedismo do Rio de Janeiro uma turma de Karate, sendo oriunda desta
o então capitão Maia Martins.

Foi no ano de 1967 que a estimada arte do karatê-do chegou em nossa terra da luz, por meio
do oficial do exército brasileiro, transferido para o ceará, Joaquim Antonio Maia Martins,

Marco Frota – marco.frota@karateclubekiai.com.br - kck@karateclubekiai.com.br - www.karateclubekiai.com.br


14/26

Capitão de Infantaria Paraquedista, ou como é mais conhecido aqui no estado do Ceará


entre os karatecas “Capitão Maia Martins” . Prestou serviços como Capitão no Colégio Militar
de Fortaleza (CMF) de 10 de Março de 1967 a 19 de Janeiro de 1972, sendo chefe da seção
técnica de ensino (STE) e professor de Ciências Físicas e Biológicas. Foi neste período que
ele introduziu o karatê no estado do Ceará. A primeira escola de karatê do estado foi a
ASKACE (Associação de Karate do Ceará), fundada em 23 de novembro de 1967, sendo
instalada em um antigo estábulo (onde hoje está localizado o ginásio coberto do Círculo
Militar de Fortaleza, adaptado para ser a primeira academia especializada em karatê no
nosso estado. Seguidas de ASKAFOR, TOXICAN, VERDES MARES, ASBEKA, GAUTAMA.
Nessa época, com a implantação do karatê foi criado um Departamento Técnico de Karatê
na Federação Cearense de Pugilismo, que organizava os eventos e deixava os exames de
faixa a critério e organização de cada Associação. Dia 12 de novembro de 1983 foi fundada a
FCK (Federação Cearense de Karatê) sendo assim a primeira federação de karatê no estado
que posteriormente filou-se a CBK. Em 1987 foi fundada a Federação Cearense de Karatê
Do Tradicional.

O primeiro campeão Cearense foi o Sensei Ostevaldo Tavares Filho


representando a academia BAUÊ.

Dia 20 de agosto de 1995 foi fundada a FKIC (Federação de Karatê Interestilos do


Ceará, hoje denominada FCKE ( Federação Cearense de Karatê Esportivo).

O capitão Maia Martins formou as primeiras turmas de karatecas.

Muitos dos seus alunos vieram mais tarde dar a sua contribuição como
professores, mais em 1972, com a transferência militar do professor Maia Martins, assumem
a presidência e vice-presidência, respectivamente, Heraldo lôbo e Iko Trindade.

- NIJU KUN

O Niju Kun é a síntese do pensamento de Funakoshi sobre como deve ser o


espírito do praticante de karate. São vinte preceitos cujo propósito é dar subsídios à cerca da
prática cotidiana do karate, servindo também como um guia para o autoconhecimento.

- O karate começa e termina com saudação (rei);


- No karate não existe atitude ofensiva;
- O karate é um assistente da justiça;
- Antes de julgar os demais, procure conhecer a si mesmo;
- O espírito é mais importante do que a técnica
- Evitar o descontrole do equilíbrio mental
- Os infortúnios são causados pela negligência;
- O karate não deve se restringir ao dojo;
- O aprendizado do karate deve ser perseguido durante toda a vida
- O karate dará frutos quando associado à vida cotidiana;
- O karate é como água quente. Se não receber calor constantemente esfria;
- Não alimentar a idéia de vencer, pense em não ser vencido;

Marco Frota – marco.frota@karateclubekiai.com.br - kck@karateclubekiai.com.br - www.karateclubekiai.com.br


15/26

- Adaptar sua atitude conforme for o adversário;


- A luta depende do manejo dos pontos fracos (kyo) e fortes (jitsu);
- Imagine que os membros dos adversários são como espadas;
- Para o homem que sai do seu portão, há milhões de adversários;
- No início seus movimentos são artificiais, mas com a evolução tornam-se naturais;
- A prática de fundamentos deve ser correta, porém sua aplicação é diferente;
- Não esqueça de aplicar: (1) alta e baixa intensidade de força, (2) expansão e contração
corporal e (3) técnicas lentas e rápidas;
- Estudar, praticar e aperfeiçoar-se sempre.

Tora No Maki
O tigre foi pintado por Hoan Kosugi, um dos homens que ajudaram o Mestre Gichin
Funakoshi na difícil missão de divulgar o Karatê por todo o Japão.
Hoan Kosugi foi um grande artista japonês e um dos responsáveis por convencer
o Mestre Funakoshi a transmitir seus conhecimentos sobre o Karatê. Além de convencer o
Mestre Funakoshi a permanecer em Tóquio e ensinar suas técnicas, também o convenceu a
escrever um livro para que ficasse registrado seus conhecimentos. Em 1922 a pedido do
artista Hoan Kosugi, Funakoshi publicou seu primeiro livro, Ryukyu Kempo Karatê. Com um
grande terremoto em 1923, foi destruida as placas de seu livro.
Hoan Kosugui, nunca treinou Karatê-Dô, mas sem dúvida influenciou muito nosso querido
mestre Funakoshi na divulgação da nobre arte.

Marco Frota – marco.frota@karateclubekiai.com.br - kck@karateclubekiai.com.br - www.karateclubekiai.com.br


16/26

NOMES DE ALGUMAS REGIÕES DA PERNA

Peito do Pé (HAISOKU)

Marco Frota – marco.frota@karateclubekiai.com.br - kck@karateclubekiai.com.br - www.karateclubekiai.com.br


17/26

NOMES DE ALGUMAS REGIÕES DO BRAÇO

Ippon Nukite e Nihon Nukite Ippon Ken e Nakadaka Ippon Ken

Marco Frota – marco.frota@karateclubekiai.com.br - kck@karateclubekiai.com.br - www.karateclubekiai.com.br


18/26

BASES NATURAIS (Shizentai)

Heisoku-Dachi Musubi-Dachi Hachiji Dachi Uchi-Hachiji Dachi

Heiko-Dachi Teiji Dachi (Em T) Henoji Dachi (Em L) Kake-Dachi

Marco Frota – marco.frota@karateclubekiai.com.br - kck@karateclubekiai.com.br - www.karateclubekiai.com.br


19/26

BASES PRINCIPAIS

Sochin Dachi Shiko Dachi Fudo Dachi

Hangetsu Dachi Sanchin Dachi Nekoachi Dachi Sagiachi Dachi

BASES FUNDAMENTAIS

Kokutsu Dachi Kiba Dachi Zenkutsu Dachi

Marco Frota – marco.frota@karateclubekiai.com.br - kck@karateclubekiai.com.br - www.karateclubekiai.com.br


20/26

TÉCNICAS ZUKI WASA

Kagi Suki Gyaku Nukite


Guedan Suki e Otochi - Suki

Awase Suki Sokume Tchan Suki Mawashi - Suki

Marco Frota – marco.frota@karateclubekiai.com.br - kck@karateclubekiai.com.br - www.karateclubekiai.com.br


21/26

TÉCNICAS GUERI WASA

Yoko Geri Fomikomi MAE-GERI MAWASHI GUERI

Mikatsuki-Geri Uke Mikatsuki-Geri Ushiro Geri

Ura mawashi geri

Nidan – Geri

Marco Frota – marco.frota@karateclubekiai.com.br - kck@karateclubekiai.com.br - www.karateclubekiai.com.br


22/26

TÉCNICAS UCHI WASA

Tetsui Uchi Shuto Uchi

Uraken Uchi Age Enpi


mesma perna e braço

Mawashi Enpi
Mesma perna do braço

Tetsui Uchi

Otochi-Enpi Yoko-Empi Ushiro-Empi Tate Uraken Uchi

Marco Frota – marco.frota@karateclubekiai.com.br - kck@karateclubekiai.com.br - www.karateclubekiai.com.br


23/26

TÉCNICAS UKE WASA

Juji Uke Gedan Kosa Uke Haiwan Uke

Otochi Uke Nagashi Uke Gedan Enpi uke Morote Uke

Kakewake Uke Juji Uke Jodan Sokume Awase

Teisho uke

Osae Uke Manji Uke


Gedan Uke Gedan Shuto Uke

Marco Frota – marco.frota@karateclubekiai.com.br - kck@karateclubekiai.com.br - www.karateclubekiai.com.br


24/26

JODAN HAISHU UKE GYAKU-TATE-SHUTO UKE AWASE UKE

Shuto Uke Soto Uke Age Uke Gedan Barai

Kata Hiza Dachi Gedan Sukui Uke Jodan Naiwan Uke Chudan-Jodan Teisho Uke

Marco Frota – marco.frota@karateclubekiai.com.br - kck@karateclubekiai.com.br - www.karateclubekiai.com.br


25/26

CONTAGEM ATÉ 50

01 – ITI 11 – DYU – ITI 21 – NI-DYU-ITI


02 – NI 12 – DYU-NI 22 – NI-DYU-NI
03 – SAN 13 – DYU-SAN 23 – NI-DYU-SAN
04 – SHI 14 – DYU-SHI
05 – GO 15 – DYU-GO 30 – SAN-DYU
06 – ROKU 16 – DYU-ROKU 31 – SAN-DYU-ITI
07 – SHITI 17 – DYU-SITHI 32 – SAN-DYU-NI
08 – HATHI 18 – DYU-HATHI 33 – SAN-DYU-SAN
09 – KYU 19 – DYU-KYU
10 – DYU 20 – NI-DYU

40 – SHI-DYU 50 – GO-DYU
41 – SHI-DYU-ITI 51 – GO-DYU-ITI
42 – SHI-DYU-NI 52 – GO-DYU-NI
43 – SHI-SYU-SAN 53 – GO-DYU-SAN

Marco Frota – marco.frota@karateclubekiai.com.br - kck@karateclubekiai.com.br - www.karateclubekiai.com.br


26/26

BIBLIOGRAFIA

* Confederação Esportiva e Educacional Brasileira de Karatê. “Regras de Competição”. São Paulo.


Apostila.
* Federação Nacional de Karatê - Portugal. “Regras de Competição”. Portugal. Apostila.
* Funakoshi, Gichin. Karatê-Do Nyumon – Texto Introdutório do Mestre. Tradução de: Euclides Luis
Calloni. São Paulo: Cultrix, 1999.
* Henrique, Professor. “Karate” - Henshin Karate Dojo. SEFET– RN. Apostila.
* Howar, R.; Michael, C. O Caminho do Guerreiro – Paradoxo das Artes Marciais. Tradução de:
Marcelo Brandão Cipolia. São Paulo: Cultrix, 2003.
* Tavares, Professor O. Pesquisa de Karatê – Associação de Karatê Bauê. Ceará. Apostila.

* http://www.karateskifargentina.com.ar, acessado em abril de 2013;

* http://pt.wikipedia.org/wiki/Shotokan, acessado em fevereiro de 2010;


* http://www.karatedo.hdfree.com.br, acessado em fevereiro de 2010;
* http://www.solnascente.esp.br/historia.htm, acessado em fevereiro de 2010;
* http://www.olimpiadas.etc.br/historia-do-karate.html, acessado em fevereiro de 2010;
* http://karatedoshotokanbrasil.blogspot.com/2009/11/historia-do-karate-no-brasil.html,
acessado em fevereiro de 2010;
* http://www.kcp.rg10.net/Historico_do_Karate_no_Brasil.pdf, acessado em fevereiro de
2010;
* http://pt.wikipedia.org/wiki/Shotokan, acessado em fevereiro de 2010;
* http://www.karatebarramansa.com/oqueekarate.html, acessado em fevereiro de 2010;
* http://escolaasteka.blogspot.com/, acessado em fevereiro de 2010;
* http://www.karatebarramansa.com/karatekatashotokan.html, acessado em fevereiro de
2010;
* http://okinawatedojo.webnode.com/, acessado em fevereiro de 2010;
* http://home7.swipnet.se/~w-72482/page3.html, acessado em fevereiro de 2010;
* http://karatecassiense.blogspot.com/2009/11/os-nomes-e-significados-dos-kata.html,
acessado em fevereiro de 2010;
* www.karatedobrasil.org.br/historia.asp, acessado em fevereiro de 2010.

Marco Frota – marco.frota@karateclubekiai.com.br - kck@karateclubekiai.com.br - www.karateclubekiai.com.br