Sei sulla pagina 1di 16

ESCOLA SECUNDÁRIA DE ALBERTO SAMPAIO

Comunicação de Serviço
ASSUNTO: Proposta de objectivos individuais para efeitos de ADD

da política esas 08/09 n.º 06

Na sequência das orientações aprovadas pelos órgãos de gestão desta escola em matéria de
Avaliação de Desempenho Docente (ADD) e atendendo a que já se realizaram todas as reuniões
intercalares das equipas pedagógicas das diferentes turmas/cursos/modalidades de formação,
vimos por este meio agendar as restantes tarefas a cumprir.

Assim, solicita-se a todos os docentes a entrega, até ao dia 28 de Novembro (6ª Feira),
nos serviços administrativos desta escola, área de docentes, da proposta de objectivos
individuais para efeitos de avaliação de desempenho docente, nos termos do artigo n.º 9º do
Decreto Regulamentar n.º 2/2008 de 10 de Janeiro (em anexo encontra-se a transcrição do
conteúdo deste artigo).

Para o efeito, devem os docentes entregar um dos formulários que se anexam,


preenchido nos termos que entenderem como convenientes e à luz do determinado na lei
(ficheiros Word: Objectivos ADD 0; Objectivos ADD 1; Objectivos ADD 2; Objectivos ADD 3;
Objectivos ADD 4).

Constam das páginas que se seguem a esta comunicação, na qualidade de anexos, os


seguintes documentos:
1. Exemplo 0 – correspondente ao ficheiro Word designado por Objectivos ADD 0;
2. Exemplo 1 – correspondente ao ficheiro Word designado por Objectivos ADD 1;
3. Exemplo 2 – correspondente ao ficheiro Word designado por Objectivos ADD 2;
4. Exemplo 3 – correspondente ao ficheiro Word designado por Objectivos ADD 3;
5. Exemplo 4 – correspondente ao ficheiro Word designado por Objectivos ADD 4;
(Nota: Estes exemplos podem ser utilizados pelos docentes se assim o entenderem)
6. Exemplos de objectivos individuais, articulados com os diferentes itens de avaliação;
7. Decreto Regulamentar n.º 2/2008 (transcrição dos Artigos 8º e 9º);
8. Metas do Projecto Educativo em matéria de sucesso educativo;
9. Metas do Projecto Educativo em matéria de ADD.
ESCOLA SECUNDÁRIA DE ALBERTO SAMPAIO

Proposta de Objectivos Individuais


Avaliação de Desempenho Docente

Exemplo 0
(corresponde ao ficheiro: Objectivos ADD 0)
Nome do(a) docente, B.I. n.º, NIF n.º, categoria, designação do grupo de recrutamento, vem por este
meio propor os objectivos individuais que seguem, no cumprimento do estipulado no artigo n.º 9º do
Decreto Regulamentar n.º 2/2008 de 10 de Janeiro e de acordo com as orientações da escola:

Objectivos Individuais
(docente que pretende propor objectivos diferentes dos exemplos apresentados):
1
2
3
4
5
6
7
8
9

Aguardo despacho de V. Ex.as
Aos ___ /___ / 2008
O(a) Docente: _____________________________________________________________________________ (assinatura)
Despacho dos avaliadores:

O(a) Avaliador(a) (Coordenador de Departamento ou substituto legal):


Concordo com os objectivos propostos.
Observações____________________________________________________________________________________

Aos ___ /___ / 2008


O(a) Docente: ____________________________________________________________________________ (assinatura)

O(a) Avaliador(a) (Presidente do CE ou substituto legal):


Concordo com os objectivos propostos.
Observações____________________________________________________________________________________

Aos ___ /___ / 2008


O(a) Docente: ____________________________________________________________________________ (assinatura)

Notificação do(a) docente em avaliação do despacho dos avaliadores:

Aos ___ /___ / 2008, tomou conhecimento.

O(a) Docente: _____________________________________________________________________________ (assinatura)


ESCOLA SECUNDÁRIA DE ALBERTO SAMPAIO

Proposta de Objectivos Individuais


Avaliação de Desempenho Docente

Exemplo 1
(corresponde ao ficheiro: Objectivos ADD 1)
Nome do(a) docente, B.I. n.º, NIF n.º, categoria, designação do grupo de recrutamento, vem por este
meio propor os objectivos individuais que seguem, no cumprimento do estipulado no artigo n.º 9º do
Decreto Regulamentar n.º 2/2008 de 10 de Janeiro e de acordo com as orientações da escola:

Objectivos Individuais
(docente só com turmas do ensino diurno e/ou recorrente modular):
1 Desenvolverei as estratégias necessárias no sentido de cumprir as metas que estabeleci nos
diferentes projectos curriculares de turma em matéria de sucesso educativo;
2 Empenhar-me-ei no sentido de colaborar para garantir o cumprimento das metas estabelecidas nos
diferentes projectos curriculares de turma em matéria de redução do abandono escolar.
3 Comprometo-me a apoiar a aprendizagem dos alunos em função das necessidades diagnosticadas e
das estratégias estabelecidas em sede de projecto curricular de turma.
4 Participarei com empenho e profissionalismo nas diferentes estruturas de orientação educativa e
nos diferentes órgãos da escola.
5 Desenvolverei as estratégias necessárias no sentido de cumprir com empenho as actividades
previstas no Plano Anual de Actividades.
6 Comprometo-me a frequentar as acções de formação, contempladas no planos de formação
elaborados pelos Centro de Formação de Associação de Escolas, cumprindo o determinado na lei.

Aguardo despacho de V. Ex.as


Aos ___ /___ / 2008
O(a) Docente: _____________________________________________________________________________ (assinatura)
Despacho dos avaliadores:

O(a) Avaliador(a) (Coordenador de Departamento ou substituto legal):


Concordo com os objectivos propostos.
Observações____________________________________________________________________________________

Aos ___ /___ / 2008


O(a) Docente: ____________________________________________________________________________ (assinatura)

O(a) Avaliador(a) (Presidente do CE ou substituto legal):


Concordo com os objectivos propostos.
Observações____________________________________________________________________________________

Aos ___ /___ / 2008


O(a) Docente: ____________________________________________________________________________ (assinatura)

Notificação do(a) docente em avaliação do despacho dos avaliadores:

Aos ___ /___ / 2008, tomou conhecimento.

O(a) Docente: _____________________________________________________________________________ (assinatura)


ESCOLA SECUNDÁRIA DE ALBERTO SAMPAIO

Proposta de Objectivos Individuais


Avaliação de Desempenho Docente

Exemplo 2
(corresponde ao ficheiro: Objectivos ADD 2)

Nome do(a) docente, B.I. n.º, NIF n.º, categoria, designação do grupo de recrutamento, vem por este
meio propor os objectivos individuais que seguem, no cumprimento do estipulado no artigo n.º 9º do
Decreto Regulamentar n.º 2/2008 de 10 de Janeiro e de acordo com as orientações da escola:

Objectivos Individuais (docente só com equipas EFA e/ou CNO):


1 Desenvolverei as estratégias necessárias no sentido de garantir a desocultação e certificação das
competências já adquiridas pelos formandos (adultos) e/ou desenvolver as estratégias necessárias
no sentido de possibilitar aos adultos a aquisição/desenvolvimento das competências previstas nos
respectivos referenciais.
2 Participarei com empenho e profissionalismo nas diferentes estruturas de orientação educativa e
nos diferentes órgãos da escola.
3 Desenvolverei as estratégias necessárias no sentido de cumprir com empenho as actividades
previstas no Plano Anual de Actividades.
4 Comprometo-me a frequentar as acções de formação, contempladas nos planos de formação
elaborados pelos Centro de Formação de Associação de Escolas. cumprindo o determinado na lei.

Aguardo despacho de V. Ex.as


Aos ___ /___ / 2008
O(a) Docente: _____________________________________________________________________________ (assinatura)
Despacho dos avaliadores:

O(a) Avaliador(a) (Coordenador de Departamento ou substituto legal):


Concordo com os objectivos propostos.
Observações____________________________________________________________________________________

Aos ___ /___ / 2008


O(a) Docente: ____________________________________________________________________________ (assinatura)

O(a) Avaliador(a) (Presidente do CE ou substituto legal):


Concordo com os objectivos propostos.
Observações____________________________________________________________________________________

Aos ___ /___ / 2008


O(a) Docente: ____________________________________________________________________________ (assinatura)

Notificação do(a) docente em avaliação do despacho dos avaliadores:

Aos ___ /___ / 2008, tomou conhecimento.

O(a) Docente: _____________________________________________________________________________ (assinatura)


ESCOLA SECUNDÁRIA DE ALBERTO SAMPAIO

Proposta de Objectivos Individuais


Avaliação de Desempenho Docente

Exemplo 3
(corresponde ao ficheiro: Objectivos ADD 3)

Nome do(a) docente, B.I. n.º, NIF n.º, categoria, designação do grupo de recrutamento, vem por este
meio propor os objectivos individuais que seguem, no cumprimento do estipulado no artigo n.º 9º do
Decreto Regulamentar n.º 2/2008 de 10 de Janeiro e de acordo com as orientações da escola:

Objectivos Individuais
(docente com turmas do ensino diurno e/ou recorrente modular e com grupos CNO e/ou EFA):
1 Desenvolverei as estratégias necessárias no sentido de cumprir as metas que estabeleci nos
diferentes projectos curriculares de turma em matéria de sucesso educativo;
2 Empenhar-me-ei no sentido de colaborar para garantir o cumprimento das metas estabelecidas nos
diferentes projectos curriculares de turma em matéria de redução do abandono escolar.
3 Comprometo-me a apoiar a aprendizagem dos alunos em função das necessidades diagnosticadas e
das estratégias estabelecidas em sede de projecto curricular de turma.
4 Desenvolverei as estratégias necessárias no sentido de garantir a desocultação e certificação das
competências já adquiridas pelos formandos (adultos) e/ou desenvolver as estratégias necessárias
no sentido de possibilitar aos adultos a aquisição/desenvolvimento das competências previstas nos
respectivos referenciais.
5 Participarei com empenho e profissionalismo nas diferentes estruturas de orientação educativa e
nos diferentes órgãos da escola.
6 Desenvolverei as estratégias necessárias no sentido de cumprir com empenho as actividades
previstas no Plano Anual de Actividades.
7 Comprometo-me a frequentar as acções de formação, contempladas nos planos de formação
elaborados pelos Centro de Formação de Associação de Escolas, cumprindo o determinado na lei.

Aguardo despacho de V. Ex.as


Aos ___ /___ / 2008
O(a) Docente: _____________________________________________________________________________ (assinatura)
Despacho dos avaliadores:

O(a) Avaliador(a) (Coordenador de Departamento ou substituto legal):


Concordo com os objectivos propostos.
Observações____________________________________________________________________________________

Aos ___ /___ / 2008


O(a) Docente: ____________________________________________________________________________ (assinatura)

O(a) Avaliador(a) (Presidente do CE ou substituto legal):


Concordo com os objectivos propostos.
Observações____________________________________________________________________________________

Aos ___ /___ / 2008


O(a) Docente: ____________________________________________________________________________ (assinatura)

Notificação do(a) docente em avaliação do despacho dos avaliadores:

Aos ___ /___ / 2008, tomou conhecimento.

O(a) Docente: _____________________________________________________________________________ (assinatura)


ESCOLA SECUNDÁRIA DE ALBERTO SAMPAIO

Proposta de Objectivos Individuais


Avaliação de Desempenho Docente

Exemplo 4
(corresponde ao ficheiro: Objectivos ADD 4)

Nome do(a) docente, B.I. n.º, NIF n.º, categoria, designação do grupo de recrutamento, vem por este
meio propor os objectivos individuais que seguem, no cumprimento do estipulado no artigo n.º 9º do
Decreto Regulamentar n.º 2/2008 de 10 de Janeiro e de acordo com as orientações da escola:

Objectivos Individuais:
(docente com turmas do ensino diurno e grupos do desporto escolar):
1 Desenvolverei as estratégias necessárias no sentido de cumprir as metas que estabeleci nos
diferentes projectos curriculares de turma em matéria de sucesso educativo;
2 Empenhar-me-ei no sentido de colaborar para garantir o cumprimento das metas estabelecidas nos
diferentes projectos curriculares de turma em matéria de redução do abandono escolar.
3 Comprometo-me a apoiar a aprendizagem dos alunos em função das necessidades diagnosticadas e
das estratégias estabelecidas em sede de projecto curricular de turma.
4 Desenvolverei as estratégias necessárias no sentido de possibilitar aos alunos inscritos no desporto
escolar o desenvolvimento das competências inerentes a esta actividade/projecto.
5 Participarei com empenho e profissionalismo nas diferentes estruturas de orientação educativa e
nos diferentes órgãos da escola.
6 Desenvolverei as estratégias necessárias no sentido de cumprir com empenho as actividades
previstas no Plano Anual de Actividades.
7 Comprometo-me a frequentar as acções de formação, contempladas no planos de formação
elaborados pelos Centro de Formação de Associação de Escolas, cumprindo o determinado na lei.

Aguardo despacho de V. Ex.as


Aos ___ /___ / 2008
O(a) Docente: _____________________________________________________________________________ (assinatura)
Despacho dos avaliadores:

O(a) Avaliador(a) (Coordenador de Departamento ou substituto legal):


Concordo com os objectivos propostos.
Observações____________________________________________________________________________________

Aos ___ /___ / 2008


O(a) Docente: ____________________________________________________________________________ (assinatura)

O(a) Avaliador(a) (Presidente do CE ou substituto legal):


Concordo com os objectivos propostos.
Observações____________________________________________________________________________________

Aos ___ /___ / 2008


O(a) Docente: ____________________________________________________________________________ (assinatura)

Notificação do(a) docente em avaliação do despacho dos avaliadores:

Aos ___ /___ / 2008, tomou conhecimento.

O(a) Docente: _____________________________________________________________________________ (assinatura)


ESCOLA SECUNDÁRIA DE ALBERTO SAMPAIO

ADD
Exemplos de Objectivos Individuais

Os objectivos individuais são formulados tendo por referência os seguintes itens:

OBJECTIVOS - EXEMPLOS
ITENS
(ENSINO REGULAR DIURNO E RECORRENTE MODULAR )
A melhoria dos resultados escolares dos Desenvolverei as estratégias necessárias no sentido de cumprir as
alunos; metas que estabeleci nos diferentes projectos curriculares de turma
em matéria de sucesso educativo;
A redução do abandono escolar Empenhar-me-ei no sentido de colaborar para garantir o
cumprimento das metas estabelecidas nos diferentes projectos
curriculares de turma em matéria de redução do abandono escolar.
A prestação de apoio à aprendizagem dos Comprometo-me a apoiar a aprendizagem dos alunos em função das
alunos incluindo aqueles com dificuldades necessidades diagnosticadas e das estratégias estabelecidas em
de aprendizagem sede de projecto curricular de turma do ensino regular diurno.
A participação nas estruturas de
Participarei com empenho e profissionalismo nas diferentes
orientação educativa e dos órgãos de
estruturas de orientação educativa e nos diferentes órgãos da
gestão do agrupamento ou escola não
escola.
agrupada
A relação com a comunidade
A participação e a dinamização:
i) De projectos e ou actividades
Desenvolverei as estratégias necessárias no sentido de cumprir com
constantes do plano anual de actividades
empenho as actividades previstas no Plano Anual de Actividades.
e dos projectos curriculares de turma;
ii) De outros projectos e actividades
extracurriculares
A formação contínua adequada ao Comprometo-me a frequentar as acções de formação, contempladas
cumprimento de um plano individual de no planos de formação elaborados pelos Centro de Formação de
desenvolvimento profissional do docente Associação de Escolas, cumprindo o determinado na lei.
ESCOLA SECUNDÁRIA DE ALBERTO SAMPAIO

ADD
Exemplos de Objectivos Individuais

OBJECTIVOS – EXEMPLOS
ITENS
(EQUIPAS EFA E CNO)
A melhoria dos resultados escolares dos
alunos + Desenvolverei as estratégias necessárias no sentido de garantir a
A redução do abandono escolar (não se desocultação e certificação das competências já adquiridas pelos
aplica) formandos (adultos) e/ou desenvolver as estratégias necessárias
+ no sentido de possibilitar aos adultos a aquisição/desenvolvimento
Apoio Educativo das competências previstas nos respectivos referenciais.

A participação nas estruturas de orientação Participarei com empenho e profissionalismo nas diferentes
educativa e dos órgãos de gestão do estruturas de orientação educativa e nos diferentes órgãos da
agrupamento ou escola não agrupada escola.
A relação com a comunidade
A participação e a dinamização:
i) De projectos e ou actividades constantes Desenvolverei as estratégias necessárias no sentido de cumprir
do plano anual de actividades e dos projectos com empenho as actividades previstas no Plano Anual de
curriculares de turma; Actividades.
ii) De outros projectos e actividades
extracurriculares
A formação contínua adequada ao Comprometo-me a frequentar as acções de formação,
cumprimento de um plano individual de contempladas no planos de formação elaborados pelos Centro de
desenvolvimento profissional do docente Formação de Associação de Escolas. cumprindo o determinado na
lei.
ESCOLA SECUNDÁRIA DE ALBERTO SAMPAIO

Anexo
Decreto Regulamentar n.º 2/2008
(transcrição dos Artigos 8º e 9º)
Artigo 8.º
Elementos de referência da avaliação
1 — A avaliação do desempenho tem por referência: a) Os objectivos e metas fixados no projecto educativo e no
plano anual de actividades para o agrupamento de escolas ou escola não agrupada; b) Os indicadores de medida
previamente estabelecidos pelo agrupamento de escolas ou escola não agrupada, nomeadamente quanto ao
progresso dos resultados escolares esperados para os alunos e a redução das taxas de abandono escolar tendo
em conta o contexto socioeducativo.
2 — Pode ainda o agrupamento de escolas ou escola não agrupada, por decisão fixada no respectivo regulamento
interno, estabelecer que a avaliação de desempenho tenha também por referência os objectivos fixados no projecto
curricular de turma.
Artigo 9.º
Objectivos individuais
1 — Os objectivos individuais são fixados, por acordo entre o avaliado e os avaliadores, através da apresentação de
uma proposta do avaliado no início do período em avaliação, redigida de forma clara e rigorosa, de modo a aferir o
contributo do docente para a concretização dos objectivos constantes da alínea a) do artigo anterior.
2 — Os objectivos individuais são formulados tendo por referência os seguintes itens: a) A melhoria dos resultados
escolares dos alunos; b) A redução do abandono escolar; c) A prestação de apoio à aprendizagem dos alunos
incluindo aqueles com dificuldades de aprendizagem; d) A participação nas estruturas de orientação educativa e
dos órgãos de gestão do agrupamento ou escola não agrupada; e) A relação com a comunidade; f) A formação
contínua adequada ao cumprimento de um plano individual de desenvolvimento profissional do docente;
g) A participação e a dinamização: i) De projectos e ou actividades constantes do plano anual de actividades e dos
projectos curriculares de turma; ii) De outros projectos e actividades extracurriculares.
3 — Os itens referidos nas alíneas a) e b) do número anterior são fixados anualmente nos termos do n.º 1 sendo
objecto de avaliação nos termos do artigo 5.º
4 — Na falta de acordo quanto aos objectivos a fixar prevalece a posição dos avaliadores.
5 — Verificando -se a situação prevista no número anterior pode o avaliado registar esse facto na ficha de auto-
-avaliação.
6 — Os objectivos individuais podem ser redefinidos em função da alteração do projecto educativo, do plano
anual de actividades e do projecto curricular de turma, bem como quando se verifique uma mudança de
estabelecimento de educação ou de ensino.
7 — Sempre que se verifique a impossibilidade de acordar novos objectivos, a avaliação decorre relativamente aos
objectivos inicialmente acordados e mantidos.
ESCOLA SECUNDÁRIA DE ALBERTO SAMPAIO

Projecto Educativo
Metas – Sucesso Educativo

Do Problema Ao Objectivo Estratégico

 Desarticulação entre Ensino Básico e


Ensino Secundário;
 Elevada taxa de retenção nos 10º e 12º Aumentar os índices de
Anos;
 Elevada duração média de frequência
sucesso educativo
para a conclusão do Ensino Secundário; interno e externo dos
 Elevada taxa de abandono (AM e EF); alunos e formandos
 Fraco nível de habilitações académicas
da maioria dos Pais e Encarregados de
da ESAS
Educação;

Promover o sucesso educativo dos alunos mediante:

 Diversificação da oferta formativa;


 Diversificação das modalidades de formação;
 Reforço e diversificação das actividades de apoio educativo;
 Reforço das actividades de enriquecimento e complemento curricular;
 Promoção da inter e transdisciplinaridade;
 Redução da Taxa de abandono, por ano de escolaridade1 e por disciplina2,
quando pertinente (meta a estabelecer anualmente em sede de PAA e de
PCT);
 Redução da taxa de retenção por ano de escolaridade e por disciplina,
quando pertinente (meta a estabelecer anualmente em sede de PAA e de
PCT);
 As metas são definidas anualmente, após diagnóstico por turma,
concorrendo, as diferentes turmas/cursos, de forma diferenciada, para as
metas estabelecidas (ficando sujeitas a eventuais ajustamentos).

1
Atendendo à especificidade do ensino secundário, enquadram-se neste contexto: Excluídos de Frequência por Excesso de
Faltas ou Anulações de Matrícula a todas as disciplinas quando não ocorreram por transferência ou mudança de curso,
reconversão de currículo ou para efeitos de melhoria de notas
2
Atendendo à especificidade do ensino secundário, enquadram-se neste contexto: Excluídos de Frequência por Excesso de
Faltas ou Anulações de Matrícula quando não ocorreram por transferência ou mudança de curso, reconversão de currículo ou
para efeitos de melhoria de notas.
ESCOLA SECUNDÁRIA DE ALBERTO SAMPAIO

Projecto Educativo
Metas – ADD

Domínio
Domínio C – Desenvolvimento de procedimentos de avaliação adequados.
C.3. – Avaliação do desempenho do pessoal docente.
Problemas Identificados
 Necessidade de implementar um sistema que promova o desenvolvimento da qualidade da acção educativa da escola e o
desenvolvimento profissional dos docentes.
Metas
Assegurar que a avaliação é um processo transparente, fundamentado e rigoroso;
Garantir que a avaliação é uma construção para qual todos os actores contribuem;
Pretende-se que o dispositivo adoptado fomente as relações colegiais, desenvolva os contextos colaborativos e a confiança
entre pares;
Desenvolver o processo de avaliação como um processo pedagógico e regulador, inerente à gestão e procura de uma melhoria
contínua do desempenho dos docentes, com vista à construção de um clima profissional que propicie o desenvolvimento do
sucesso educativo/formativo dos jovens e adultos que a escola integra;
Transformar este dispositivo num instrumento que propicie a reflexão conjunta sobre as práticas, mobilizando a acção
colectiva no sentido do desenvolvimento do trabalho cooperativo;
Transformar este dispositivo num instrumento que propicie um ambiente profissional compatível com a necessidade de
formação e investigação permanentes, com o desenvolvimento de atitudes de abertura à partilha de experiências, à inovação
pedagógica, adequando as práticas educativas aos desafios colocados pela contemporaneidade;
Garantir a flexibilidade dos procedimentos, respeitando as especificidades dos projectos da escola e de cada realidade concreta
em análise (ano de escolaridade, disciplina, curso, turma,…);
Garantir igualmente a exequibilidade do dispositivo, não permitindo que se sobreponha à função primacial da escola e dos seus
profissionais e que é a acção educativa;
Estratégias de Actuação
Desenvolver uma abordagem essencialmente qualitativa, e holística orientada para uma análise dos processos e numa
perspectiva formativa;
Garantir que a análise dos resultados é sempre devidamente contextualizada no sentido de se ajustarem os procedimentos à
complexidade das matérias em análise, subordinando-se sempre as questões instrumentais/administrativas às questões
pedagógicas e científicas;
Atendendo à complexidade da análise dos resultados dos alunos, é fundamental que, nesta fase, se promova o desenvolvimento
de instrumentos de diagnóstico que permitam aos docentes reunir evidências fundamentadas sobre os progressos obtidos
pelos seus alunos;
Garantir a flexibilidade dos procedimentos, respeitando as especificidades dos projectos da escola e de cada realidade concreta
em análise (ano de escolaridade, disciplina, curso, turma,…).