Sei sulla pagina 1di 3

Psicologia do desenvolvimento II – Mestra Sandra Cunha

ATIVIDADE DE REVISÃO

Aluno: Leonardo Alves de Souza - 2º período - Material do V1

Com base nas leituras propostas, realize as atividades:

1 - Leia:
“O único homem que se educa é aquele que aprendeu como aprender: que
aprendeu como se adaptar e mudar; que se capacitou de que nenhum
conhecimento é seguro, que nenhum processo de buscar conhecimento oferece
uma base de segurança”. (Carl R. Rogers)
A) Com base nos debates em sala de aula e no pensamento acima, concorde ou
discorde.
R: Concordo, pois o desenvolvimento humano é contínuo e ordenado, desde a
concepção até a morte. Tendo aspectos da personalidade, organismo e meio.
B) Em seguida, faça uma análise reflexiva, elaborando um texto considerando a
formação do profissional de Psicologia.
R: O psicólogo precisará de um suporte teórico metodológico. Sua escuta deve esta
perpassada por uma das linhas teóricas que dão suporte. Sejam elas sistêmicas, gestalt,
psicanálise, junguiana, abordagem centrada na pessoa, análise do comportamento,
cognitiva e comportamental, ou seja, todas as linhas, áreas que dão suporte a psicologia
clínica ao qual, estarão subsidiando a sua escuta, dentro da área de atuação deste
profissional.

2 –Reconheça os fatores e aspectos determinantes do desenvolvimento humano.


R: Fatores indissociáveis: Hereditariedade, carga génetica, Crescimento Orgânico,
Maturação Neurofisiológica, Dimensão Sócio Histórica e Cultural;
R: Aspéctos indissociáveis: Físico motores, Intelectuais, Afetivo emocionais e Sociais
e culturais.

3 – De acordo com os aspectos históricos da Psicologia do desenvolvimento II,


disserte sobre os conceitos:

Infância: A infância é o período que vai do nascimento até a puberdade.


Anteriormente classificados como pequenos adultos, os movimentos culturais e
religiosos, ocorridos nos séculos XVII e XVIII, propiciaram o descobrimento da
infância como etapa distinta da vida adulta e, portanto, merecedora de tratamento
diferenciado. O século XX representou a conquista definitiva do status de criança,
e o surgimento do conceito de adolescência. Buscou-se então prolongar a infância
e a adolescência, separando os jovens dos adultos nas escolas, por idade. A
Psicologia do desenvolvimento II – Mestra Sandra Cunha
2

adolescência, distinta da infância e da vida adulta, deve ser compreendida como


um espaço social e cultural, antes de ser psicológico.

- Puberdade: A puberdade é a fase inicial da adolescência, caracterizada pelas


transformações físicas e biológicas no corpo dos meninos e meninas. É durante a
puberdade (entre 10 e 13 anos entre as meninas e 12 e 14 entre os meninos) que
ocorre o desenvolvimento dos órgãos sexuais.

- Adolescência: inclui diversos aspectos que serão vivenciados por uma pessoa:
mudanças físicas marcantes relacionadas ao amadurecimento sexual do indivíduo;
estabelecimento de relações de grupo. desenvolvimento de novas
responsabilidades; e construção de valores pessoais relacionados ao seu ambiente
social.

4 – Explique a luz dos órgãos abaixo, o período da adolescência:

De acordo com a Organização Mundial da Saúde - OMS - Ministério da Saúde


(Brasil, 2007a) - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE - R: A
adolescência é definida como um período biopsicossocial que compreende a
segunda década da vida (10 aos 20 anos).

Estatuto da Criança e do Adolescente - ECA - R: O adolescer se estende dos 12 aos


18 anos.

5 – Defina Psicanálise, segundo Freud. Apresente ainda, uma breve reflexão sobre
a primeira teoria do aparelho psíquico do autor supra citado: (consciente, pré-
consciente e inconsciente)
R: Como DEFINIÇÃO, podemos dizer que é o método interpretativo que busca
significado oculto daquilo que se manifesta por palavras, ações e produções
imaginárias. Uma análise que busca o autoconhecimento ou a cura. Tendo em vista a
compreensão do passado.

O consciente compreende tudo aquilo de que damos conta em dado momento, é o


sistema do aparelho psíquico que recebe ao mesmo tempo as informações do
mundo exterior e as do mundo interior.

Pré-consciente se refere a fatos que se podem tornar conscientes se a tenção for


dirigida a eles. uma vasta área de posse das lembranças de que a consciência precisa
para desempenhar suas funções.
Psicologia do desenvolvimento II – Mestra Sandra Cunha
3

O inconsciente para Freud não é simplesmente qualquer coisa de que não estamos
conscientes, mas é aquilo que é ativamente reprimido e impedido de se tornar
consciente ou pré-consciente.

6 - A teoria psicanalítica de Freud foi elaborada segundo a estruturação de três


estruturas importantes. Cite-as e em seguida fundamente sua resposta.

O id funciona de forma primária, e pelo princípio do prazer pois representa todos os


dados que nos foram transmitidos, herdados, sem influência ainda dos critérios da
realidade.

O ego, é a estrutura que se forma a partir dos critérios da realidade, é considerado


o componente prático e racional da personalidade, enquanto o id é uma estrutura
pronta que se manifesta nos primeiros meses de vida.

O super Ego aparece por volta dos anos pré-escolares. É ele quem agirá de forma
moral sobre o indivíduo, através da internalização dos princípios, valores e padrões
que são estabelecidos pela sociedade e pelo mundo adulto.