Sei sulla pagina 1di 3

I I

I I
I II
I I
IRETELOGBE
IRETEUNTELU
IRETE ENTEBE MORE

REZA DE IRETELOGBE

Irete Entebe more abiri kolo omolubo abata ati Kotopó omó lubo owará yaniyé
omolubó meta laba pari ati meta laba merin lodafun Igbani, lodafun Laniyé.

Este Odu é filho de Irete e Ogbe.

O Awo deste signo tem a virtude de conseguir burlar a justiça.

Aqui foi onde Osain levantou a mão contra Orunmilá, e o bode, defendendo Orunmilá, agrediu
a Osain. Por este motivo, até hoje, Osain não pode com Orunmilá.

As pessoas deste signo não devem prestar favores pois ninguém lhes demonstrará gratidão.

Quando surge este Odu, sopra-se água por três vezes e depois otí, também por três vezes, na
porta de casa.

A pessoa deve evitar alimentos muito condimentados, enlatados e embutidos, pois tem
tendências a sofrer das hemorróidas.

Aqui nasceu Obatalá Yeku Yeku.

É caminho de Baiyani.

Aqui nasceu o toque de agogô em honra de Obatalá e o motivo pelo qual se cobre Obatalá
com algodão, ori e efun.

Não se deve permitir a permanência de estranhos dentro de casa.

A pessoa não deve permitir que donzelas durmam em sua casa em trajes sumários pois pode
perder a cabeça e cometer uma violação.

Sua casa é governada por Obatalá.

Não pode pisar em cinzas nem em sangue.

Não deve cortar ervas depois das 18 horas.

Fala de violação sexual.

A planta deste Odu é o iguí fun (Simaurobo glauca), também conhecida com "Pinhão florido"

Se oferece oito igbín a cada mão de Orunmilá.


Indica que a pessoa pode ser presa, mesmo que seja por engano, mas, que no fim, tudo se
resolverá de forma satisfatória.

Proíbe matar formigas.

Para a impotência, toma-se chá de ewe yila (Thumbergi fragans) com pau de resposta e obí
ralado.

Determina que Olokun deve ser assentado numa tigela.

Assinala fenômenos marinhos, como ressacas que fazem com que o mar, aliado à Ikú, invada
a terra e venha retomar o que um dia já foi seu.

Assinala falta de respeito e de consideração do afilhado pelo padrinho.

Fala de atividade sexual. A mulher que tem este Odu tem tendências à prática da prostituição,
ou é mulher fácil e de vida sexual desregrada.

Os donos deste signo podem morrer pelo uso excessivo do álcool.

Quando o Awo encontra este signo numa consulta, depois que o cliente sai, deve limpar-se
com um galo e perguntar se precisa fazer ebó. Se for necessário, depois que fizer, o ebó é
despachado na esquina de sua rua porque é ali que seus inimigos estão lhe fazendo feitiços.

Assinala avareza e vaidade. A pessoa faz de tudo para que seus filhos se casem com pessoas
de dinheiro ou de posição elevada, embora não exista amor. Isto trará infelicidade e revolta que
ocasionarão muitos problemas no relacionamento da pessoa com os filhos.

A pessoa teve duas mães, uma que a criou e outra que a pariu. Se não recebeu a devida
atenção do pai, e se ele já for morto, deve oferecer um bode velho para obter sua ajuda e
proteção.

Este Odu traz doenças tais como: cirrose, problemas intestinais, hemorróidas, infecções da
garganta, problemas com o sangue e com os ossos.

As folhas deste Odu são: Ewe laxéo, (Cordia collococa), ewe tete (Bredo sem espinho -
Amaranthus viridi) e ewe sansan (Espécie de trepadeira da família das corcubitáceas
cujas flores se assemelham ao jasmim).

A pessoa deste signo, seja de que forma viva, sempre será vítima de inveja e de calúnias.

Foi amaldiçoado quando ainda estava no ventre de sua mãe.

Assinala, no homem, coágulos de secreções na próstata. Neste caso a ingestão de bebidas


alcóolicas pode ser fatal.

Se a pessoa cuidar corretamente de Ifá, dos Orixás e dos Eguns, poderá possuir tudo o que
desejar em sua vida.

Tem que ter cuidado para não ser roubado, quer seja em bens materiais, por pessoas vivas,
quer seja em sua sorte, pelos mortos.
Deve evitar que uma pessoa de vida torta pernoite em sua casa. Isto acarretará problemas com
a justiça.

Aqui a babosa roubava de Obatalá que, depois de fazer ebó com cinzas e otí, logrou descobrir
o ladrão.

Para acabar com a coceira que sente na garganta, a pessoa deve fazer gargarejos de ewe
sansán (Trepadeira da família das corcubitáceas cujas flores se assemelham ao jasmim)
com a água da quartinha de Oxun.

Para assegurar a tranqüilidade e a segurança de sua casa, deve colocar dois cascos de igbín
atrás de sua porta.

Deve ter uma bandeira branca em sua casa pois, independente do Orixá de sua cabeça, sua
casa é governada por Obatalá.

Aqui Elegbara quis apoderar-se de três diloguns que não lhe pertenciam e, para isto, usou de
todos os meios, chegando a praticar verdadeiras atrocidades, não respeitando a ninguém nem
a nada, conseguindo finalmente, seu intento. Apesar de todo o mal que praticou, não sofreu
nenhuma punição por parte de Olofin.

Por este motivo o jogo de Elegbara tem 21 búzios.

Aqui nasceu a virtude de burlar a lei e a justiça.

Ensina que o ewe sasán é posto em Ifá e, por este motivo, em caso de doença, serve para
curar a pessoa, seja qual for o mal que a aflija.

A pessoa deve ter muito cuidado para não receber uma fruta ou um cigarro trabalhado para lhe
ocasionar o mal.

Este Odu é caminho de Abíkú.