Sei sulla pagina 1di 29

Sumário

02 Está nas suas mãos

04 F e l i c i d a d e S i m p l e s

07 Parte 1 - Hábitos diários

09 Intenção e frase motivadora


10 Busque Inspirações
11 Respiração Consciente
13 Mude sua postura, sorria, se divirta!
16 T e n h a c o n s c i ê n c i a d o s s e u s t a l e n t o s
18 G r a t i d ã o
21 O P o d e r d o E l o g i o

22 P a r t e 2 - E x e r c í c i o s s e m a n a i s
23 C e l e b r e e c o m p a r t i l h e f e l i c i d a d e
25 A u t o c o n h e c i m e n t o

26 U s e s e m m o d e r a ç ã o !
ESTÁ NAS SUAS MÃOS
     Acredito que todos nós merecemos e podemos levar uma vida feliz e
satisfatória. Cada um tem uma essência, um potencial enorme e uma sabedoria
única que são totalmente capazes de nos conectar com uma felicidade
autêntica.

     Acredito que quando conseguimos captar os recursos, internos e externos,


que estão constantemente se mostrando para nós (mas que muitas vezes nem
reparamos), ampliamos a nossa consciência e, através dessa autoconsciência,
descobrimos e damos vida à nossa verdadeira natureza que, ao ser associada às
ações necessárias (mesmo que pequenas), trazem bem-estar e realização.

     Quando você se torna mais consciente, você nota que tudo o que precisa
para se sustentar e se satisfazer já está dentro de você – não fora. Você assume
a responsabilidade e o controle de sua vida e, com isso, sabe que tem poder
para mudar sua realidade.

   Nossa realidade é, em grade parte, resultado de como interpretamos as coisas


que acontecem na nossa vida.  Você pode escolher começar a colocar um
"filtro" diferente, que traga mais leveza e equilíbrio para o seu dia a dia. A
mudança que vem de dentro tem um poder incrível de mudar o que está fora.
Comece a sua já!

A sua felicidade está nas suas mãos!


A responsabilidade é sua, assuma-a, tome o controle da sua vida e
comece a agir!

02
      Esse ebook foi escrito com muito carinho para te ajudar nessa nova
jornada. Ele foi feito com base em teorias que estudo continuamente e
exercícios que eu mesma pratico e que fazem diferença no meu dia a dia. 
Muitos deles foram cruciais no meu processo de mudança interna e espero
que também te traga inúmeros benefícios.

      Nesse ebook eu você encontrará atividades práticas para que você:
  ▪ Se conecte com tudo aquilo que é mais importante para você
  ▪ Consiga identificar seus talentos e habilidades
  ▪ Cultive seus relacionamentos de forma mais saudável
  ▪ Reduza o stress, a ansiedade e sintomas de depressão
  ▪ Aprenda cada vez mais sobre si mesmo
  ▪ Amplie a sua percepção para situações positivas que se apresentam
diariamente a você
  ▪ Crie mais consciência do seu corpo e de como você "funciona"
  ▪ Libere os "hormônios da felicidade" com muito mais frequência
  ▪ Consiga estar mais presente no AQUI e no AGORA, desfrutando mais da
sua própria vida
  ▪ Potencialize a sua inteligência emocional e a sua capacidade mental
  ▪ Melhore sua disposição, ânimo e atenção
  ▪ Se empodere diariamente
  ▪ Comece a treinar seu cérebro para construir a realidade que você quer
viver

03
FELICIDADE SIMPLES
      Todos nós queremos ser felizes, não é mesmo?! A indústria da felicidade
está a mil e, cada vez mais, as pessoas estão adotando uma cultura de se viver
uma vida com mais propósito e bem-estar. Para isso, nos colocamos numa
constante busca por respostas e meios para se atingir uma vida mais
equilibrada e feliz, o que nos encoraja a despertar para uma nova realidade.
Uma realidade onde as coisas têm mais leveza, um “porquê” mas,
principalmente, uma realidade a ser preenchida por aquilo que
verdadeiramente nos completa.
   
      É lindo ver esse “despertar” surgindo, mas para grande parte das pessoas,
é exatamente nesse processo que encontramos também algumas das mais
difíceis questões com as quais nos deparamos ao longo da vida – já que,
muitas vezes, nunca tivemos tempo pra pensar nas NOSSAS respostas, ou
em quem realmente somos, ou ainda, em qual é a nossa fórmula individual
para felicidade (se é que ela existe e/ou se mantém a mesma ao longo da
vida).

    O bem-estar subjetivo (ou felicidade) tem sido muito estudado por


0 9 como
ciências - Ia n t e n ç ãpositiva,
Psicologia o e quef r hoje
a s enosmtrazem
o t i vevidências
a d o r ae
comprovações de que a essência da felicidade pode ser acessada e
desenvolvida através de alguns hábitos simples e efetivos, que se relacionam
direta ou indiretamente com o florescimento das emoções positivas. Esses
hábitos foram alvos de estudos por anos e a cada novo estudo se
comprovam mais eficazes para a promoção do nível de satisfação pessoal. Há
inúmeras variações dessas práticas, mas o importante é cada um encontrar a
sua maneira de fazê-las de forma prazerosa e de acordo com a sua rotina.

Minha intenção com as informações e exercícios propostos aqui


é trazer algumas práticas simples e rápidas – e cientificamente
comprovadas – para que, diariamente, você saiba identificar e
acessar um maior número de situações e emoções positivas e,
com isso, viva uma vida mais empolgante e satisfatória.

04
      Espero que essas práticas te ajudem a se conectar com sua essência,
criando um “ambiente interno” de paz e equilíbrio para que essa busca
pelas suas respostas seja cada vez mais fácil. O intuito é que, através da
autoconsciência corporal e mental, você aprenda mais sobre si mesmo,
amplie sua visão e percepção para o que existe de positivo ao seu redor e
comece a treinar o seu cérebro para buscar a nova realidade que você quer
criar para sua vida. Com isso você aprenderá a se automotivar, e ter mais
resiliência e entusiasmo para ir atrás dos seus sonhos e objetivos, apesar
 das adversidades que podem aparecer pelo caminho.

VOCÊ SABIA?
      Apenas 5% do funcionamento da nossa mente se dá a nível consciente
– os outros 95% acontecem a nível subconsciente.  Portanto, a forma
como agimos e reagimos a todo momento é, em grande parte, feita
inconscientemente e de modo automático. Somos como um iceberg: a
parte maior e mais profunda do nosso ser é aquela que não conseguimos
ver através da superfície.     

 
    
           Trabalhar nossa autoconsciência nos ajuda a escolher como
queremos pensar, sentir ou reagir ao que acontece no nosso universo.     
      Entenda que tudo o que fazemos, cada uma dessas escolhas, leva a
uma mudança no nosso cérebro, moldando a forma como interpretamos
os mundos interno e externo. Segundo o neuropsicólogo Rick Hanson
(no livro O cérebro e a felicidade), “aquilo que percebemos, sentimos,
queremos e pensamos está, aos poucos, esculpindo a nossa estrutura
neural”.
      Sendo assim, ao nos tornarmos mais autoconscientes, estamos agindo
e moldando nosso cérebro para assumir a responsabilidade sobre nossas
decisões, pensamentos, atitudes, emoções e assim, transformar a nossa
realidade. Se você decidir que quer que essa realidade seja voltada para o
positivo, você vai treinando seu cérebro até que a estrutura neural te leve
para esse caminho automaticamente (a nível subconsciente).

05
   Ter hábitos que recrutam e ampliam emoções positivas são, portanto, uma
maneira eficaz de aumentar o seu nível de contentamento, empolgação e
FELICIDADE!
   Criar um novo hábito pode não ser tão fácil. Exige treino e, principalmente,
que você saia da sua zona de conforto e decida, de fato, começar a ter novas
atitudes para obter novos resultados!

      Aqui você irá encontrar alguns exercícios simples e práticos para


começar a trazer, além de autoconhecimento, algumas emoções e
situações mais positivas para o seu dia a dia. Experimente realizá-los por
pelo menos 21 dias seguidos e perceba as mudanças que vão aparecendo
sutilmente, interna e externamente.
      Vá no seu tempo. Você pode escolher um ou alguns deles e ir
adaptando à sua rotina gradativamente caso sinta que é muita novidade ao
mesmo tempo! Fique à vontade para usar também a sua criatividade e criar
rituais e adaptá-los à sua maneira! Use ferramentas que te ajudem a se
motivar, como um caderno bonito onde você possa escrever sobre suas
experiências e reflexões. Anote tudo o que puder!

      Um último lembrete: Quando você estiver fazendo os exercícios, caso


surja aquele medo de não estar fazendo certo ou bem o suficiente, não
deixe que a prática seja movida por sensações negativas, foque nos
motivos pelos quais você está buscando uma mudança na sua vida. Somos
eternos aprendizes. Desvencilhe-se desse tipo de pensamento negativo e
lembre-se: o intuito aqui é promover bem-estar e felicidade (e não
desenvolver mais obrigações chatas)! Curta essa nova jornada!

Então, vamos lá?! :)

06
PARTE 1
HÁBITOS DIÁRIOS

Somos aquilo que fazemos repetidamente.


A excelência, portanto, não é resultado de um modo de agir,
mas de um hábito.
-Aristóteles
EMBARQUE NESSA JORNADA DE RECONEXÃO
COM SEU BEM-ESTAR E EMPODERE-SE DIARIAMENTE!

      Lembre-se! Você não precisa colocar em prática todas essas ações de


uma vez só. Escolha as que sejam mais apropriadas a você e defina sua nova
rotina. Quando se sentir seguro, adicione mais uma da mesma maneira.
      Então, antes que você comece qualquer uma dessas práticas, quero te
dar um conselho: desenvolva consistência.
      A consistência cria e aperfeiçoa hábitos. Para desenvolvê-la, defina
exatamente o que vai fazer e seja realista, saiba quais são seus limites,
comece praticando por poucos minutos e vá aumentando o
tempo/intensidade conforme a prática. É muito mais fácil você se motivar
sabendo que seu exercício levará apenas alguns minutos para ser
completado do que, por exemplo, uma hora.
      Desenvolva sua força de vontade, entenda que nem sempre as coisas vão
sair como você gostaria ou como foi planejado. Quantas vezes o seu dia saiu
exatamente como você previa? Imprevistos acontecem. Reconheça que isso
aconteceu, fique em paz e volte o mais rápido possível a praticar.
      Lembra das aulas de física e da famosa inércia? Corpos parados tendem a
se manter parados; corpos em movimento tendem a se manter em
movimento, portanto, se você conseguir se colocar em movimento
constante, cada vez será mais fácil de retornar à ação e atingir novos
resultados.

"Viver é como andar de bicicleta.


Para ter equilíbrio você precisa se manter em movimento..."
- Albert Einstein

08
1

FAÇA SUA INTENÇÃO E FRASE MOTIVADORA

      Ter uma intenção e uma frase motivadora claras tem mais poder do
que você pode estar imaginando! Elas servem como um comando para
você mesmo e servirão para te lembrar do porquê de estar fazendo tudo
isso, saindo da sua zona de conforto - principalmente quando você
desanimar ou houverem dificuldades no seu dia a dia. 
   
      Você pode começar aqui de duas maneiras (como você achar mais
conveniente para o seu dia a dia): escrevendo uma intenção específica
por dia, ou uma intenção para todo o programa.

      Escreva, de forma clara, a sua intenção em praticar esses pequenos


rituais. Seja específico e faça suas frases no positivo, falando o que você
quer. Por exemplo, se você quer deixar de ser tão afetado pelo stress no
trabalho, ao invés de escrever o que você NÃO QUER, como “eu não
quero mais ser tão estressado”, você pode trocar pelo que você
verdadeiramente quer: “eu QUERO ter mais equilíbrio emocional e ser
mais calmo no ambiente de trabalho”.

       Coloque emoção na sua intenção! Reflita: qual é o sentimento que


você quer gerar com a sua intenção? Pra quê você quer atingir isso?
O que vai fazer com que sua intenção se torne realidade?
      Crie um mantra – uma frase poderosa que vai te ajudar a se lembrar
da sua intenção durante o dia, ou quando faltar motivação para
continuar a praticar os exercícios, ou ainda para te dar uma dose extra
empolgação para começá-los. Essa frase é composta pelas principais
razões que farão você continuar. É o que te puxa até seus objetivos.
     Esse mantra também pode ser adaptado às suas necessidades diárias,
mas sempre lembrando-o das suas reais intenções. Essa prática matinal é
simples, curta e muito potente!

     Agora, pegue seu caderno e anote tudo o que vier na sua cabeça.
Escreva sua intenção positiva para essas práticas e algum comando que
te faça lembrar dela.

09
2
BUSQUE INSPIRAÇÕES
      A inspiração é uma emoção positiva que pode trazer muitos benefícios
práticos, já é capaz de restaurar nossas energias  e proporcionar estados
de paz, alegria, motivação e satisfação. Fontes de inspiração das mais
diversas nos ajudam a ampliar nossa visão sobre nós mesmos e sobre o
mundo e a nos conectar com o que é realmente importante.
   
      Ler um livro, ver um vídeo, observar uma paisagem, meditar ou até
mesmo exercitar-se são algumas das atividades que podem te trazer
inspiração. Você pode colocar frases pela casa, fazer práticas espirituais
ou simplesmente se manter em silêncio, apenas ouvindo um som
agradável.
   
      Só você saberá o que te inspira. Busque suas fontes, teste, mude e
quando encontrar as suas fontes de inspiração, se conecte com elas e
aproveite. Uma dica: tenha sempre papel e caneta por perto, vai que você
tem um insight durante esses momentos!

Quais são suas fontes de inspiração?


    Acesse-as (pelo menos uma delas) todos os dias pela manhã e
conecte-se com a visão positiva que elas podem te trazer. 

10
3
RESPIRAÇÃO CONSCIENTE
      Respirar é um ato vital para qualquer ser humano! Somos capazes de
ficar sem oxigênio por apenas alguns segundos (ou poucos minutos em
alguns casos) e, mesmo assim, não damos a devida importância a essa
prática tão essencial. Como ela é ativada inconscientemente, com a
correria do dia a dia, esquecemos de tomar consciência da nossa
respiração, utilizando apenas parte de nossa capacidade respiratória e
não aproveitando os inúmeros benefícios - já comprovados pela ciência - 
que ela pode trazer.

      Sabemos hoje que através da respiração consciente, somos capazes de


ampliar além da consciência corporal, nossa capacidade mental e
emocional. Nosso cérebro é o órgão que mais consome oxigênio e, uma
respiração devidamente realizada ajuda na oxigenação ótima desse órgão
(que então trabalha melhor), do sangue e, assim, de todo o nosso corpo
também. Ao tirarmos essa prática do “modo automático” somos capazes
de trazer ao nosso organismo benefícios como: a diminuição da pressão
arterial, aumento da função pulmonar, melhoria no sistema imune, na
digestão, na qualidade do sono, diminuição de stress, raiva e ansiedade,
produzir estados de calmaria, euforia, foco e disposição, entre outros.

       Há uma relação direta entre o grau de oxigenação do cérebro e seus


estados emocionais e mentais. Portanto, você pode usar até mesmo uma
respiração nasal simples para aliviar momentos de stress e raiva. Com o
cérebro mais oxigenado você será capaz de dar respostas mais
inteligentes e também mais conscientes aos estímulos externos.

 Para diminuir a ansiedade você pode, por exemplo, aumentar o tempo


de expiração, que ajuda a reduzir os batimentos cardíacos, voltando a
um estado emocional administrável.

11
      Então vamos à ação! Como um primeiro ritual diário proposto aqui,
escolha um momento para essa prática de respiração consciente. Ela não
demora mais que 3 minutos e você pode fazê-la em qualquer lugar!

      Uma respiração completa é composta por 3 partes: abdominal,


intercostal e torácica. Ela deve ser sempre feita pelas narinas – tanto a
entrada quanto a saída de ar.

      1. Comece treinando a abdominal. Ela é responsável por 60% da nossa


capacidade pulmonar. Coloque suas mãos no abdômen e sinta-o
expandir enquanto você inspira profundamente e, ao expirar, ele volta à
posição inicial. Faça alguns ciclos (5-10) trabalhando apenas essa parte
“baixa”.  
    a. Uma respiração abdominal acelerada promove um ganho de força,
foco e atenção.
      2. Faça então a respiração intercostal, ou média. Apoie suas mãos nas
costelas, encostando a ponta dos dedos médios ao esvaziar os pulmões.
Inspire, fazendo com que os dedos se afastem e expire, voltando os dedos
à posição inicial. Repita de 5 a 10 ciclos também.
      3. Passe então à respiração torácica (alta). Apoie suas mãos no alto do
peito e inspire, expandindo essa região para o alto e para frente e
voltando durante a expiração pelas narinas. Faça 5 a 10 respirações.

      Pratique uma de cada vez e, ao final, tente juntar os 3 movimentos: ao


inspirar infle o abdômen, em seguida expanda as costelas e, por fim, o
peito. Durante a expiração, faça o sentido contrário. No começo pode ser
difícil sincronizar esses movimentos, então não se preocupe, pratique as
respirações separadas! No começo você pode sentir uma leve tontura
devido à grande quantidade de oxigênio, é normal. Volte à sua respiração
usual, que logo você se sentirá bem novamente.

Faça o teste. RESPIRE!


     
Vá marcando no seu caderno a sua evolução durante 21 dias (de uma a
três vezes por dia).

12
4
MUDE SUA POSTURA, SORRIA E SE DIVIRTA!
      Ao sorrir e se divertir a química do seu corpo muda, gerando mais
motivação e energia. Assim, você ajuda o seu corpo a produzir
hormônios, neurotransmissores e outras substâncias químicas, que te
levam a ficar mais encorajado, alegre e empolgado.

      O porquê? Assim como nos comunicamos com o mundo, temos


também a nossa comunicação interna, que além das palavras que
dizemos para nós mesmos, também diz respeito ao que nossa fisiologia
transmite ao nosso cérebro. Assim, podemos nos colocar em estados
emocionais positivos que nos apoiem simplesmente usando nosso corpo
físico: se você muda sua postura, modo de respirar, tensão muscular, logo
você muda suas representações internas e pode observar uma mudança
de estado emocional também.

      Ao sentir uma emoção, sempre experimentamos determinada reação


fisiológica e, ao produzirmos uma mudança fisiológica, geramos uma
reação em forma de emoção. Uma expressão facial, por exemplo o
sorriso, não apenas traduz um sentimento, mas também o estimula. Ou
seja, se você sorri quando está feliz, você estimula seu cérebro a provocar
ainda mais felicidade exatamente por que está sorrindo.

      No livro “Rápido e Devagar” (Daniel Kahneman) é descrito um estudo


em que se pediu que alunos universitários avaliassem a graça de alguns
cartoons enquanto seguravam um lápis com a boca. Um grupo de alunos
devia segurar o lápis entre os dentes, com uma ponta para um lado e a
borracha para o outro, simulando um sorriso enquanto o segundo grupo
deveria segurar o lápis pela borracha com os lábios, como se fizessem um
bico. Ao final do experimento, observou-se que os que estavam
“sorrindo” (sem consciência de que o faziam), achavam os desenhos mais
engraçados do que os alunos que franziam o rosto num bico.

13
        Assim, ao sorrir, você está mandando uma mensagem para seu
cérebro de que aquilo que está vivenciando é agradável e isso
potencializa o sentimento atrelado à fisiologia (a expressão facial).
Segundo Anthony Robbins “Quando sua fisiologia está esgotada, a
energia positiva de seu estado se esgota. Quando sua fisiologia se ilumina
e intensifica, seu estado faz a mesma coisa”. Quando você se diverte, cria
um estado emocional positivo que o faz ficar mais aberto e propenso a
perceber coisas positivas ao seu redor, a achar soluções mais criativas e
se abrir para novas experiências.
      Então ria, cante, corra, dance, movimente seu corpo! Dê, através dele,
o combustível que seu cérebro precisa para te ajudar a levar uma vida
mais positiva e leve. A atividade física induz ao bom humor, disposição,
melhora o ânimo e a atenção, afetando em como pensamos e nos
sentimos.

      Para isso, como um segundo ritual proponho aqui que você, ao se
levantar pela manhã (e assim que sentir necessidade durante o dia), se
coloque em uma posição de empoderamento, jogando os ombros para
trás, abrindo o peito, olhando para cima e colocando um grande e lindo
sorriso no rosto. Se quiser, faça uma dancinha na frente do espelho ou
levante seus braços como um vencedor! Quando você se coloca nessa
posição por apenas 2 minutos, você eleva seus níveis de testosterona e
reduz o nível de cortisol (hormônio do stress) no seu sangue.
            Faça um teste, e veja se consegue se sentir deprimido nessa
posição. Se ainda ficar muito estranho, identifique ações que te façam
sorrir ou gargalhar genuinamente e use isso a seu favor.
     
      Nós vemos o mundo e agimos de acordo com nosso estado emocional,
e você pode alterá-lo apenas mudando sua fisiologia. Com essa prática,
você condicionará seu corpo a reagir de uma outra maneira aos estímulos
externos. Os problemas não vão parar de surgir ou de te causar
desconforto, mas mesmo que situações ruins apareçam, você terá mais
resiliência, capacidade de acessar mais recursos para transpor essas
barreiras e voltar a um estado emocional administrável e, assim, agir com
mais consciência e assertividade.
  
    

14
       Então, primeiro pare por alguns minutos e tente identificar 5 coisas,
disponíveis no seu dia a dia, que te fazem sorrir ou gargalhar.  Anote,
você vai usá-las com frequência!              
      Experimente acessar pelo menos uma delas durante seu dia e manter
o sorriso que ela te proporcionou pelo máximo de tempo possível! Rir
reduz os hormônios do estresse e eleva os níveis de beta-endorfinas
(responsáveis pelo bem-estar).    

      Não se esqueça de anotar também a sua evolução em relação ao ritual


do sorriso e da postura do poder!

* Um alerta: há pesquisas que indicam que “fingir” um estado positivo,


como estar feliz, sem tentar mudar as emoções negativas subjacentes,
leva a uma piora no estado negativo. Você pode se sentir uma fraude
tentando ser algo que não é naquele momento. Processe seus
sentimentos e use essa técnica quando estiver num estado em que sua
percepção não seja tão negativa, ou apenas lamentosa.
     Se não estiver pronto para seguir em frente ainda, prefira ouvir uma
música, assistir a um filme, algo que te faça sentir bem primeiro e depois
potencialize com o sorriso!     

15
5
TENHA CONSCIÊNCIA DOS SEUS TALENTOS
      Você sabe quais são seus talentos ou pontos fortes? Grande parte das
pessoas nunca parou para pensar em quais são seus.

Marcus Buckingham e Donald Clifton definem talento como


“qualquer padrão recorrente de pensamento, sensação ou
comportamento que possa ser usado produtivamente. Assim,
se você é instintivamente curioso, isso é um talento. Se é
competitivo, isso é um talento. Se é sedutor, isso é um talento.
Se é persistente, isso é um talento. Se é responsável, isso é um
talento”

      Nossos talentos muitas vezes são expressados tão naturalmente que
chegamos a acreditar que aquilo que fazemos, pensamos ou sentimos
não passa de um “senso comum”. O que pode parecer óbvio, fácil ou
natural para você, pode não o ser para outras pessoas e isso é, dentre
tantos outros, apenas um indício de um talento seu se manifestando.
Conectar-se com seus talentos é uma das principais maneiras que te
permitem acessar sua melhor versão e a motivação que existe dentro de
você para sonhar, colocar seus objetivos em ação e administrar suas
dificuldades!
      Seus talentos têm grande influência na maneira como você toma
decisões, como interpreta e reage ao mundo à sua volta, e a soma de
todos esses fatores contribui para sua performance diária. Ao mesmo
tempo, como você já está habituado à forma como toma as decisões e
como reage ao que acontece a sua volta, você já está familiarizado com
seus talentos e é por isso que muita gente tem tanta dificuldade em
identificá-los. Mas calma, com algumas práticas e reflexões você pode
resolver isso!
      Como um músculo, nossos talentos também devem ser exercitados
com frequência. Ao nos tornarmos conscientes deles podemos
reforçá-los através da prática e aprendizado, que nesse caso, se dão de
forma atrativa e prazerosa.

16
        Uma pessoa que conhece seus talentos, que os fortalece e
potencializa e que expressa seus dons naturais, tende a viver uma vida
com mais paixão e naturalmente a contribuir mais com o mundo
também. Assim, uma felicidade genuína é mais provável de vir como
consequência.
  
      Se você não sabe por onde começar a investigar os seus pontos fortes,
um primeiro passo para criar consciência dos seus talentos é monitorar
suas reações espontâneas aos acontecimentos. Por exemplo, qual é sua
primeira reação ao ver um acidente? Se preocupar em saber quem foi o
errado (responsabilidade), tentar resolver os problemas de todos
(restauração), pensar se as pessoas estão bem (empatia), ou tentar
apaziguar uma possível discussão (harmonia)? Cada reação imediata
pode nos dar indícios dos nossos talentos querendo se expressar para o
mundo.
      Um talento pode ser também algo que você aprende com facilidade e
rapidez, algo que você tenha satisfação ao fazer. Um talento quando
aplicado, pode nos fazer entrar em estado de flow, aquele estado em que
você nem vê o tempo passar e as coisas te absorvem e fluem tão
naturalmente.

      Com o ritual do talento, espero que você consiga se observar e se


conhecer cada dia um pouco mais. Durante os 21 dias, no melhor horário
para você, reflita sobre um possível talento que você tenha identificado
nas situações do seu dia a dia. Busque evidências desses talentos em
reações espontâneas, em situações que você teve facilidade para lidar, ou
da rapidez com que você resolveu determinado problema ou aprendeu
algo novo. Identifique se houve alguma situação em que entrou em flow,
e anote! Caso se lembre de talentos manifestados em situações passadas
ou recorrentes, fique à vontade para incluí-los também!

      Depois desses 21 dias, releia suas características, veja quais se repetem,
quais foram mais fortes e se pergunte para cada uma delas:
 - essa é uma força que me identifica?

Ao fazer essas reflexões, você pelo menos terá algumas pistas de quais
são seus pontos fortes, suas habilidades e algumas fontes de
automotivação.

17
6
GRATIDÃO
       Agradecer é sintonizar em uma energia positiva e usufruir de todas as
vantagens que ela traz!
    
      Estudos recentes mostraram que a gratidão está associada a diversos
benefícios relacionados ao bem-estar subjetivo. Psicólogos, como Robert
Emmons – o principal especialista científico do mundo em gratidão –
têm estudado a gratidão como uma fonte de uma vida mais feliz, capaz de
produzir também inúmeros ganhos tanto sociais quanto para nossa
saúde mental, física e emocional.

   A psicologia positiva e muitas pesquisas científicas sobre felicidade hoje


atribuem à gratidão um papel fundamental no nível de satisfação pessoal.
Cientistas descobriram que pessoas que praticam a gratidão sentem-se
até 25% mais felizes do que aqueles que não a exercem. Além de um
aumento (e sustentabilidade) de emoções positivas, pessoas gratas
experimentam benefícios como:
      • Melhoria no humor;
      • Melhoria na qualidade e eficiência do sono;
      • Aumento na resiliência a traumas;
      • Aumento na força de vontade;
      • Melhoria na capacidade de tomar decisões mais conscientes;
      • Prevenção de estresse, ansiedade, negatividade e até depressão;
      • Melhoria nos relacionamentos (provoca um sentimento de maior
conexão e assim, relações mais fortes)
      • Melhoria na saúde (como diminuição da pressão arterial e do mau
colesterol). Pessoas gratas tendem a ser mais ativas e praticarem mais
atividades físicas, e a cuidarem mais de sua saúde em geral com
comportamentos mais saudáveis.
      • Pode influenciar positivamente na autoestima e até na vida
financeira.

18
     Quem pratica a gratidão, além de acessar mais estados mentais
positivos (responder mais positivamente às situações), apresentando
maiores níveis de entusiasmo, determinação e atenção, tende a ser
também mais extrovertido, compassivo, altruísta e generoso com outras
pessoas e, com isso, se sentir mais amado e cuidado também. Há
comprovações de que pessoas gratas, em geral, doam mais também
devido à gratidão, elas se tornam mais gratas por poderem dar ou servir a
outras pessoas e, dessa maneira, alimentam esse ciclo virtuoso.

      E olha que boa notícia: Todos esses benefícios estão há poucos passos
de distância e disponíveis pra você acessar, apenas praticando a gratidão!
Quando você faz da gratidão um hábito diário, você está treinando seu
cérebro a começar a olhar para as situações e coisas que você tem que
agradecer de maneira mais positiva. Você está se conectando e entrando
em sintonia com essas coisas positivas, gerando pensamentos melhores
também. E nossos pensamentos tem um poder enorme. São eles que dão
origem às nossas emoções, e nossas ações sempre serão frutos desses
sentimentos e emoções. Então se conecte com pensamentos positivos
sendo grato.

      O ato de agradecer é uma escolha mas requer um certo “treino”! A vida
nos dá inúmeras oportunidades para sermos gratos todos os dias, mesmo
nos momentos de dificuldade. Fazer essa escolha pode não ser tarefa
fácil, já que o ser humano, por natureza, tem a tendência a amplificar
reações negativas muito mais que as positivas. Você já reparou como
muitas vezes acabamos nos entregando a emoções negativas, deixando
que elas nos consumam e influenciem nossas ações, nossa rotina e todo o
nosso estado? Já reparou também que, se compararmos a um sentimento
de felicidade, geralmente essas emoções negativas tendem a perdurar
por muito mais tempo? Por exemplo, quando nos sentimos
extremamente felizes, essa felicidade fica presente apenas por um
momento, e raramente afetam nossas atividades diárias tanto quanto um
sentimento de raiva ou tristeza.
     
      Por isso, através desse ritual, quero propor que você treine sua
habilidade de reconhecer coisas boas e enxergar o mundo cheio de
oportunidades para ser grato! Não deixe que essa atividade seja mais um
item na sua lista de tarefas, pois ela não é sobre você, mas sobre o
universo à sua volta e como você o está interpretando e absorvendo.

19
      Sugiro que você escolha um horário tranquilo para esse ritual como
pela manhã ou antes de dormir (já que ajuda no sono). Esse exercício é
um ciclo de 3 tarefas, durante 21 dias. Ou seja, cada ponto abaixo será
repetido 7 vezes. No primeiro dia você começa com a atividade 1, no
segundo dia, a atividade 2, e no terceiro dia, a atividade 3; no quarto dia
você começa a repetir, iniciando pela atividade 1 novamente:
      1. Escreva 5 coisas pelas quais você é grato, os presentes que você
recebeu da vida. Não esqueça de agradecer por seus talentos,
habilidades. Se tiver alguém envolvido, identifique essa(s) pessoa(s)
também. Por exemplo “eu sou grato a (pessoa, situação, coisa) por (algo
positivo) ”
      2. Escreva 3 coisas, situações, gestos (pequenos ou grandes) que
aconteceram a você no dia de hoje e que você pode dar crédito a outra
pessoa. Em poucas palavras, escreva porque isso aconteceu, o que
possibilitou, o que significa para você, se é possível fazer acontecer de
novo.
      3. Reflita sobre algo que foi negativo (ou não tão positivo) no seu dia, e
escreva 3 consequências ou coisas às quais você pode agradecer mesmo
nessa situação de adversidade. Pense também sobre alguma situação que
pode acabar em breve (até 3 meses) e escreva o porquê você é grato a isso
que não estará mais na sua vida em breve.

      Essas são apenas sugestões. Você pode criar seus próprios rituais ou
formas de expressar sua gratidão, como criando um “pote da gratidão”,
ou um mural com imagens que te remetam às coisas pelas quais você é
grato, estímulos visuais para lembrá-lo de agradecer...efim, seja criativo e
faça disso um hábito prazeroso!

20
7
O PODER DO ELOGIO
      Os relacionamentos são um dos pilares que compõem o bem-estar e a
felicidade. Quando cultivamos relacionamentos saudáveis com as
pessoas que nos cercam - sejam as mais próximas ou as mais distantes, no
ambiente social, familiar ou de trabalho - temos mais recursos para
atingir nossos objetivos, temos nossas necessidades emocionais
satisfeitas, temos apoio para seguir em frente. O ser humano é um ser
social, portanto, cultivar bons relacionamentos é um fator de grande
importância para nossa evolução.
     
      Pare por um momento e reflita, como você tem levado seus
relacionamentos? Eles tendem para o positivo ou para as críticas e
exigências o tempo todo?

        Uma das necessidades mais profundas da natureza humana é ser


importante, ser aceito. Todos nós (por mais que as vezes seja difícil
admitir) queremos, no fundo, ser apreciados. Um exemplo enorme disso
é o (quase) desespero por curtidas e comentários de aprovação nas redes
sociais que tanto vemos hoje em dia.
      Quando fazemos um elogio genuíno a alguém estamos suprindo sua
maior necessidade psicológica: ser reconhecido e notado. Elogiar é
transformar positividade em palavras, e tem o poder de abrir portas para
que sentimentos positivos floresçam e ajudem a instalar mais felicidade.
      Um elogio sincero é capaz de trazer satisfação e motivação. Então, por
que não começar a reconhecer mais nas outras pessoas o que elas fazem
bem? Não é gratificante ver o sorriso no rosto de quem você convive?
      Você tem esse poder, basta ficar atento! Você se surpreenderá como
isso trará mais positividade para sua vida e para a de outras pessoas. Além
disso, as pessoas preferem muito mais ter a presença de alguém com uma
energia positiva ao seu lado do que alguém negativo que só sabe
reclamar.
      Sendo assim, proponho que você pratique a arte do elogio. Elogie
GENUINAMENTE pelo menos uma pessoa por dia, procure notar algo de
especial nela e observe sua reação e como você se sente com isso! Se
puder elogiar mais de uma pessoa, vá em frente! Você só tem a ganhar!

21
PARTE 2
EXERCÍCIOS SEMANAIS

"Eu não posso mudar a direção do vento,


mas posso ajustar minhas velas
para sempre alcançar o meu destino."
-Jimmy Dean
8

CELEBRE E COMPARTILHE FELICIDADE

     Uma outra forma de ativar e aumentar os hormônios responsáveis pelo


sentimento de felicidade, além da postura corporal e do sorriso (falados
no item 4), é celebrando. A maioria das pessoas fica esperando ter
grandes motivos para comemorar, adiando sempre essas pequenas doses
de felicidade que podem acessar mais frequentemente.
      Pare pra pensar em uma grande conquista que você já teve. Quanto
tempo ela durou?
      Em geral, esse sentimento de felicidade não dura muito mesmo -
alguns dias, uns meses. Logo já queremos mais. Por que então, não
aproveitar pequenas doses de satisfação constantes também? Se você
está pensando que isso vai fazer com que você fique menos feliz quando
conquistar os seus sonhos, te digo o contrário, esse hábito vai alimentar a
sua positividade, sua vontade e sua capacidade de atingí-los.
      Então, aprenda a comemorar suas pequenas conquistas diárias.
Quando a gente comemora, está dando importância para aquela
conquista, valorizando também a jornada. Aproveitando o caminho e não
só o destino final. Dessa maneira, mandamos uma mensagem para o
nosso cérebro de que estamos no caminho certo e que vale a pena
continuar a buscar o nosso objetivo.
      
           
    

23
Não estou falando de grandes festas, gastos enormes. Você pode
comemorar contando empolgado pra alguém que você ama, chamando
alguém pra tomar um café ou comer algo simples que você goste.
Compartilhar felicidade gera mais felicidade, use isso a seu favor! O
importante é você saber que você está se dando "parabéns", valorizando
essa pequena conquista e espalhando felicidade por onde passa.

     Quero propor aqui que você comece a se atentar  às suas pequenas
conquistas e se dê o direito de comemorar, pular, dançar, abraçar. Cada
passo é importante para sua chegada ao destino final!
        
Registre aqui, quais pequenos motivos você teve para comemorar. Não
esqueça de se parabenizar, elogiar ou compartilhar sua felicidade com
outras pessoas.

Observação: não é porque coloquei essa prática nos exercícios semanais que você precisa
esperar uma semana para comemorar, mas sim para que você se lembre, ao menos uma
vez por semana, de registrar (para sempre se lembrar) e comemorar suas pequenas
conquistas que podem ser diárias ou sem uma frequência exata.

24
9
AUTOCONHECIMENTO
      Na constante busca pelo equilíbrio, o bem-estar e a felicidade, estamos
sempre tentando identificar o que falta em nossas vidas, tentamos
adquirir mais conhecimentos, comprar isso ou aquilo.
      São tantas informações, técnicas e meios disponíveis para alcançar
tudo isso que, às vezes, essa busca se torna “insana” e infinita, gerando
cada vez mais dúvidas, ansiedade e medo. Como consequência desse
turbilhão, acabamos nem notando que as respostas que mais
procuramos, muitas vezes, estão bem diante do nosso nariz, ou melhor,
dentro de nós mesmos.
     
      A maioria de nós foi ensinada a encontrar todas essas respostas sobre
felicidade no lado de fora, no ambiente em que vivemos. Quando
crianças, nós não somos naturalmente estimulados a desenvolver e a
acessar nossa autoconsciência e, conforme crescemos e adquirimos
informações de todos os meios, a clareza que tanto necessitamos fica
cada vez mais difícil de atingir. É uma tarefa que exige empenho e muita
reflexão e os exercícios que estou propondo aqui são para que você
comece a trabalhar em cima das suas verdades e descobrir o que, de fato,
é capaz de te trazer estados cada vez mais positivos e satisfação pessoal.

      Através de exercícios para estimular o autoconhecimento, vamos nos


tornando mais conscientes de nossas escolhas, comportamentos,
sentimentos e desenvolvemos a autoliderança. Quando você se conhece,
você sabe o que quer (mais do que “o que não quer”), aonde quer chegar
e como fazer para atingir o que almeja e sua realização pessoal. Se
conecte com seu verdadeiro “EU”.

      Você dedica algum tempo da sua semana para ter uma “conversa” com
você mesmo? O que você acha de, uma vez por semana, separar por volta
de meia hora do seu dia (se fizer sentido, pode fazer por mais tempo!)
para se dedicar a se conhecer?

25
      Escolha um dia da semana e um horário (agende com você mesmo) e
reflita sobre sua semana. Se faça as seguintes perguntas:

      1. O que eu aprendi sobre mim essa semana?


Você pode colocar qualquer coisa (pequena ou grande, positiva ou
negativa): pensamentos, comportamentos, ações, sentimentos. Tente
relacioná-los com os resultados que você obteve.
      Por exemplo, “Eu fiquei 2 dias na correria e não me alimentei bem e,
por isso, fiquei com dor de cabeça. Eu aprendi que não posso ficar mais
que x horas sem comer se não quiser ficar sofrendo com as dores”.

      2. Agora que aprendi isso, o que eu posso fazer daqui pra frente, que
ações eu posso ter em relação a esse aprendizado? O que posso fazer para
manter ou mudar isso?
      No caso do exemplo acima, eu poderia colocar que vou comprar/
preparar algumas “comidinhas” para deixar na bolsa caso isso venha a
acontecer novamente.

      Além dessas reflexões, pratique o autoconhecimento constantemente.


Comece a se observar mais, ficar atento aos seus pensamentos,
sentimentos e o que eles podem estar querendo te dizer. Seja curioso,
criativo, explore o que há de mais profundo dentro de você, entenda
como você verdadeiramente funciona.
      Essas são algumas perguntas básicas para que você comece a se
conectar com a sua essência, com aquilo que você sente, pensa, faz e
descobrir os "porquês" que governam a sua vida e assim, gerar a
felicidade autêntica que você busca.

26
USE SEM MODERAÇÃO

      Tenho uma última recomendação sobre esse ebook pra você: Use-o
sem moderação!

      Agora você tem nas suas mãos algumas ferramentas e informações
para iniciar o seu processo de autodescoberta e de busca dos seus
sonhos. Você tem o alicerce necessário para começar a construir,
diariamente, uma vida com mais satisfação, alegria, autoconsciência e
realização.
     
      Pessoas realizadoras buscam algo novo todos os dias. Mas lembre-se
de que qualquer conhecimento sem ação é inútil e que uma decisão só é
realmente tomada quando envolve uma atitude. Decida (de verdade!)
que quer começar a ter uma vida mais positiva e equilibrada e coloque
em prática o que aprendeu aqui. Junte com seus conhecimentos prévios,
adapte-os da forma como for melhor para você. Mas PRATIQUE!

Como disse Lao Tsé, “Uma jornada de mil milhas começa com um único
passo”

      Pratique por pelo menos 21 dias seguidos, para que você possa sentir
benefícios reais. Coloque num calendário a sua evolução diária pois,
como falei acima, é importante que cada progresso seja comemorado.
Use essas ideias para fazer com que seus objetivos (independentemente
de quais forem eles) se tornem reais.

     

27
  

      Você tem o poder de transformar a sua realidade! Pare de esperar os


outros, a situação do país melhorar ou qualquer outra desculpa que você
possa estar dando para não começar a SUA mudança...Só depende de
você!

      E eu estou aqui para te dar o suporte que precisar para se manter firme
nesse caminho. Tenho sempre postado vídeos, artigos ou reflexões para
ajudar pessoas que querem ser a sua melhor versão todos os dias e viver
uma vida apaixonante, com mais satisfação, propósito e felicidade.
    
      Se você quiser me contar da sua evolução ou das suas dificuldades
nesse processo, ou mesmo bater um papo comigo para tirar dúvidas,
compartilhar suas experiências, fique à vontade para entrar em contato
comigo por esse email aqui abaixo ou através das redes sociais. Eu amo
isso que faço e darei sempre o meu melhor para estar junto com você
nessa jornada de autoconhecimento, evolução e realização!
     Ah! Não esquece de me contar também o que achou desse ebook. Com
o seu feedback eu também posso trazer conteúdos cada vez melhores pra
você!

                                                   ▪ contato@erikarossi.co
                                    ▪ www.facebook.com/erikarossicoach
                                           ▪ www.erikarossi.coach/contato

"Sonhe como se você fosse viver para sempre.


Viva como se você fosse morrer hoje"
- James Dean

E aí, que tal começar HOJE a sua mudança?

Conte comigo!

Érika Rossi

28