Sei sulla pagina 1di 29

Os Alvos do Aconselhamento Secular

• Reduzir os sintomas

• Aliviar o sofrimento

• Normalizar o comportamento

• Elevar a autoestima
O Poder da
Psicologia/Psiquiatria
Entre a população norte-americana,
• 80% receberam alguma forma de tratamento
psicológico em determinado momento de sua vida;
• anualmente, 15% dos adultos e 21% das crianças
consultam um profissional da saúde mental;
• no mínimo 25 milhões tomam Prozac para tratar a
depressão;
• 10 milhões de crianças tomam no mínimo uma
medicação psiquiátrica;
• 40% (75 milhões de adultos) pertencem a no mínimo
um dos mais de 3 milhões de grupos de apoio.
DSM IV – DIAGNÓSTICOS do EIXO I

TRANSTORNOS TRANSTORNOS
Transtorno de Déficit de
conduta atenção/hiperatividade
Desafiador-opositor Explosivo intermitente
Disruptivo Transtornos alimentares
Transtornos sexuais Obsessivo-compulsivo
Compulsões

TRANSTORNOS TRANSTORNOS
Depressão maior Pânico
Bipolar Fobia social
Distimia Estresse pós-traumático
Ansiedade
generalizada
DSM IV – DIAGNÓSTICOS do EIXO II

TRANSTORNOS TRANSTORNOS
Antissocial Borderline
Narcisista Histriônica
Obsessiva-compulsiva

TRANSTORNOS TRANSTORNOS
Esquiva Paranoica
Esquizoide
Dependente Esquizotípica
Um Modelo de Mudança Bíblica

É importante que ensinemos aos nossos


aconselhados que o poder está em sua
identidade em Cristo, e a liberdade
está na Verdade e na responsabilidade
pessoal. (Gálatas 2.20; 5.13)
Os alvos do Aconselhamento Bíblico
1. Encorajar a semelhança com Cristo (Rm 8.28-29)
2. Entender as motivações e atitudes do
coração (Mt 12.33-37, Pv 20.5)
3. Focar a mudança do coração, que perdura, e
não um simples reajuste das dinâmicas da
carne ou dos sintomas (Ef 4.22-24)
4. Promover a reconciliação com Deus e o
próximo (2Co 5)
O que acontece
na minha vida

O que eu sinto
Como eu vejo com base nos
os fatos meus
pensamentos
Como eu
escolho agir

Agradar a Deus Entristecer a Deus


Crescimento da fé Dúvida
Apropriar-se da identidade Esquecer-se da identidade
Domínio próprio Fé tímida
Piedade / Justiça Iniquidade

Respostas repetidas Respostas repetidas


levam a hábitos de levam à habituação
santidade no pecado
... ao contrário, cada um é tentado
pela sua PRÓPRIA COBIÇA
quando esta o atrai e seduz.
Então, a cobiça, depois de haver
concebido, dá à luz o pecado; e o
pecado, uma vez consumado,
gera a morte.
Tiago 1.14-15
O CÍRCULO DO PECADO
ENTRISTECE MENTE NÃO
A DEUS MORTE RENOVADA

MAU MAU
COMPORTAMENTO PENSAMENTO

CONCEBIDO SEDUZIDO

MÁ MAU
ESCOLHA SENTIMENTO
ARRASTADO

PECADO EMOÇÃO
NO CONTROLE
Rebelde Néscio
Zombador Perverso
(malicioso) Infiel
Obstinado Negligente
Amargurado Faccioso

Desanimado Preocupado
Aflito Ansioso
Triste Inconstante
Abatido Receoso
IRA INSENSATEZ

DESESPERO TEMOR
AS QUESTÕES DO CORAÇÃO REVELADAS
DISRUPTIVO IMPULSIVO

IRA

CONTROLE

DEPRESSIVO ANSIOSO
Controle
“EU QUERO”
AS QUESTÕES DO CORAÇÃO REVELADAS
DISRUPTIVO IMPULSIVO

GRATIFICAÇÃO PESSOAL IMEDIATA


INSENSATEZ
IRA

CONTROLE

DEPRESSIVO ANSIOSO
Gratificação pessoal imediata
“EU QUERO AGORA”
AS QUESTÕES DO CORAÇÃO REVELADAS
DISRUPTIVO IMPULSIVO

GRATIFICAÇÃO PESSOAL IMEDIATA

ESTULTÍCIA
IRA

SEGURANÇA
C ONT ROL E

TEMOR

DEPRESSIVO ANSIOSO
Segurança
“Eles continuarão a gostar de mim?”
AS QUESTÕES DO CORAÇÃO REVELADAS
DISRUPTIVO IMPULSIVO

GRATIFICAÇÃO PESSOAL IMEDIATA

ESTULTÍCIA
IRA

SEGURANÇA
CONTROLE

TEMOR
DESESPERO

CONFORTO

DEPRESSIVO ANSIOSO
Conforto
“Alguém se importa de verdade?”
O CÍRCULO DA SANTIFICAÇÃO
GLORIFICA A DEUS MENTE RENOVADA

BOM
PENSAMENTO
BOM
COMPORTAMENTO

PRÁTICA

BOA
ESCOLHA
 INSTRUCÃO
NA VERDADE

BOM
SENTIMENTO

PAZ
OBEDIÊNCIA EMOÇÃO
SOB CONTROLE
NOSSA POSIÇÃO EM CRISTO
DISRUPTIVO IMPULSIVO

VENCEDOR
Romanos 8.37
DOMÍNIO
ENTREGA PRÓPRIO

TRIUNFANTE VITORIOSO
I Coríntios 15.57 I João 5.4

CONFIANÇA
ESPERANÇA
PERMANECE EM CRISTO
João 15.4-5

DEPRESSIVO ANSIOSO
Pro vérbio s 29.22 Provérbios 5.23
E f ésio s 4.31 Provérbios 13.16
T iago 1.19 Provérbios 18.13
Provérbios 26.11
Provérbios 13.12
Salmo 34.4
Jó 13.15
Provérbios 29.25
Isaías 61.3
Mateus 6.25-27
Romanos 15.13
Filipense 4.4-9
2 Coríntios 4.8
Indo além do comportamento
para alcançar o coração
 É preciso redefinir a questão no que diz respeito
ao coração e desenvolver uma linguagem do
coração, que oferece esperança.
 Ajude o aconselhado a entender sua identidade
em Cristo (Gálatas 6.14)
 Ajude o aconselhado a entender sua posição
em Cristo (2 Coríntios 5.17)
 Ajude o aconselhado a entender as armas
disponíveis por meio de Cristo (2 Coríntios 10.4)
Porque, embora andando na carne, não
militamos segundo a carne. Porque as
armas da nossa milícia não são carnais,
e sim poderosas em Deus , para
destruir fortalezas, anulando sofismas e
toda altivez que se levante contra o
conhecimento de Deus, levando
cativo todo pensamento à obediência
de Cristo.
2 Coríntios 10.3-5
Para permissão de uso,
entre em contato com Twelve Stones Ministries