Sei sulla pagina 1di 9

Relatório 001/2018

Objeto: Monitoramento e Manutenção Preventiva


doPrograma Água Doce

Teresina, maio de 2018


A TECNIC ENGENHARIA LTDA firma estabelecida nesta capital na rua
Juliano Moreira, 491, Bairro Cabral, inscrita no CNPJ 04.717.160/0001-07, vem
apresentar relatório 001/2018 referente ao monitoramento, manutenção preventiva e
corretiva dos 64 sistemas do programa Água Doce, parte integrante do contrato Nº
022/2016 EMATER-PI.

As viagens foram realizadas no período de 10 a 22 de maio de 2018, percorrendo


as localidades Laranjo,Batãnia do piaui,

Teresina,12 de maio de 2018.


1.0 - Caracterização da Viagem:

Técnico: Genesio Pascoal Ribeiro

Formação: Elettreista mecanico

Função:Encarregado de de operação.

Período da viagem: 10/05/2018 a 22/05/2018

Município: Betânia do Piauí e Campo Alegre do Fidalgo PI

Comunidades:

 Laranjo;
 Espirito-Santo;

Objetivo: Monitoramento, manutenção preventiva e corretiva dos sistemas existentes


do Programa Água Doce – PAD.

Deslocamento: Realizado com picape de propriedade da construtora Tecnic


Engenharia Ltda.

Atividades Realizadas:

Em Laranjo:
 Conserto na tubulação da de chafariz!
 Troca da tampa de pressão bomba de chafariz!
 Limpesa no motor eletrico bomba de chafariz!
 Limpesa no rotametro de consentrdo!
 Reparo na conecção bomba booster!
 Troca do selo mecanico da bomba auxiliar!
 Limpesa no motor eletrico bomba auxiliar!
2.0 – Localidade Laranjo:

Checklist de Manutenção – Comunidade Laranjo Conforme Não conforme

1. Condições de higiene e conservação do poço e tubulação adutora


do sistema x

2. condições de higiene e conservação dos reservatórios de água


bruta, permeado, concentrado e do chafariz; x

3. Estado dos sistemas de bombeamento de água bruta, verificando


as condições das bombas hidráulicas, motores e tubulações; x

4. Manter no abrigo do sistema, livro com leituras das variáveis dos


instrumentos de medida do dessalinizador, realizadas pelo operador X
todos os dias de funcionamento/inspeção visual, teste e verificação
de todos os demais componentes do dessalinizador

5. Verificação e registro das pressões de operação do dessalinizador x

6. Verificação e registro das vazões das correntes de permeado e x


concentrado
7. Verificação de vazamentos x

8. Efetuar a manutenção preventiva do sistema de pré-tratamento


físico e químico, verificando as condições da bomba dosadora,
x
mangueiras, conexões, tubulações, copos dos filtros, fornecimento e
troca de filtros de cartucho a cada 60 dias, que deverão ser limpos
e/ou substituídos por outros novos, caso seja constatada esta
necessidade;
2.1 – Problemas encontrados:

a) Bomba auxiliar queimada;

b) Chafariz desregulado;

c) etc.

2.2 – Solução:

a) Troca da bomba auxiliar;

b) regulagem do chafariz;

c) etc. sempre informando as datas que os equipamentos foram trocados

2.3 – Informações de funcionamento:

a) Volumes diários utilizados (litros) de permeado, concentrado e água bruta.


- 400 LITROS POR ABASTECIMENTO
b) Horas e dias de funcionamento do equipamento de dessalinização.
- 3 VEZES POR SEMANA SEGUNDA QUARTA E SEXTA
c) Consumo de energia mensal.
- 230 DESCREVE O CONSUMO
d) Quantidade de famílias atendidas
- 40 FAMÍLIAS
e) Dados de operação
-P1:
-P2:
-P3:
-P4
- Q rejeito:
- Q permeado:

2.4 – Situação atual do sistema:

Descreve como ficou o sistema ...

2.5 – Registro fotográfico: (com Data)

Insere as fotos com as principais atividades realizadas, não esquecer de tirar a


foto da ficha de acompanhamento diária do operador. Todas as fotos com legenda.

TROCA SELO
MECANICO
LIMPEZA DO MOTOR TROCA DATAMPA DE PRESSAO DA BOMBA DE CHAFARIS
ELETRICO AXILIAR

Reparo na conexão bomba

booster

Controle de pressão
3.0 – Localidade Silvino:

Checklist de Manutenção – Comunidade Laranjo Conforme Não conforme

1. Condições de higiene e conservação do poço e tubulação adutora


do sistema

2. condições de higiene e conservação dos reservatórios de água


bruta, permeado, concentrado e do chafariz;

3. Estado dos sistemas de bombeamento de água bruta, verificando


as condições das bombas hidráulicas, motores e tubulações;

4. Manter no abrigo do sistema, livro com leituras das variáveis dos


instrumentos de medida do dessalinizador, realizadas pelo operador
todos os dias de funcionamento/inspeção visual, teste e verificação
de todos os demais componentes do dessalinizador

5. Verificação e registro das pressões de operação do dessalinizador

6. Verificação e registro das vazões das correntes de permeado e


concentrado
7. Verificação de vazamentos
8. Efetuar a manutenção preventiva do sistema de pré-tratamento
físico e químico, verificando as condições da bomba dosadora,
mangueiras, conexões, tubulações, copos dos filtros, fornecimento e
troca de filtros de cartucho a cada 60 dias, que deverão ser limpos
e/ou substituídos por outros novos, caso seja constatada esta
necessidade;

2.1 – Problemas encontrados:

a) Bomba auxiliar queimada;

b) Chafariz desregulado;

c) etc.

2.2 – Solução:

a) Troca da bomba auxiliar;

b) regulagem do chafariz;

c) etc. sempre informando as datas que os equipamentos foram trocados

2.3 – Informações de funcionamento:

a) Volumes diários utilizados (litros) de permeado, concentrado e água bruta.


- 400 LITROS POR ABASTECIMENTO
b) Horas e dias de funcionamento do equipamento de dessalinização.
- 3 VEZES POR SEMANA SEGUNDA QUARTA E SEXTA
c) Consumo de energia mensal.
- 230 DESCREVE O CONSUMO
d) Quantidade de famílias atendidas
- 40 FAMÍLIAS
e) Dados de operação
-P1:
-P2:
-P3:
-P4
- Q rejeito:
- Q permeado:

2.4 – Situação atual do sistema:

Descreve como ficou o sistema ...

2.5 – Registro fotográfico:

Insere as fotos com as principais atividades realizadas, não esquecer de tirar a


foto da ficha de acompanhamento diária do operador. Todas as fotos com legenda.

CONTINUA FAZENDO PARA CADA COMUNIDADE VISITADA

Interessi correlati