Sei sulla pagina 1di 2

A Psicologia Como Ciência Independente

1. Quais as dificuldades envolvidas na criação de uma nova ciência e,


especificamente, na elaboração de uma psicologia científica?
A psicologia não tinha um objeto de estudo próprio. O seu conteúdo era
(e ainda é) derivado de várias outras disciplinas do conhecimento. Por
isso, basicamente tudo que poderia ser o foco dessa disciplina já havia
sido explorado por outras diversas ciências e pela própria filosofia.
2. Como você vê a questão da independência da psicologia e das suas
relações com as demais ciências? Justifique a sua resposta.
Vejo como uma relação complexa. Qualquer ciência, seja ela qual for, vai
depender primeiramente de outras disciplinas para encontrar o seu objeto de
estudo. Observemos que a maioria delas surgiram a partir dos
questionamentos da própria filosofia. O que fez de cada uma uma ciência

Precondições socioculturais para o aparecimento da psicologia como


ciência no século XIX
1. Em que condições a experiência da subjetividade privatizada se aprofunda e
generaliza? Por que isso ocorre? Quais são, para você, nas nossas atuais condições
de vida, os fatores socioculturais que propiciam a privatização das experiências?
Exemplifique.
2. Em que sentido Descartes pode ser considerado o fundador da concepção
moderna de sujeito?
3. O Romantismo ao mesmo tempo critica a modernidade e valoriza o sujeito.
Como é possível essa tarefa aparentemente contraditória?
4. Como Nietzsche acaba por dissolver a concepção de sujeito?
5. Por que o sistema mercantil plenamente desenvolvido favorece o
aprofundamento e a generalização da experiência subjetiva privatizada? Mostre na
sua resposta as implicações do mercado de bens e do mercado de trabalho para a
existência social dos indivíduos.
6. O que se ganha e o que se perde com a "liberdade negativa"?
7. Por que a ideologia liberal e o movimento romântico podem ser considerados
como manifestações da experiência subjetiva privatizada nos tempos modernos?
8. O que quer dizer "fazer ciência é sempre ir além das aparências e para isso é
preciso que eu desconfie delas"? Quais as consequências dessa afirmação para a
criação de uma psicologia científica?
9. O que faz com que a experiência subjetiva privatizada entre em crise? Discuta a
partir do texto e das suas próprias vivências as ideias de liberdade e singularidade
do indivíduo.
10. Para quê e com que finalidades as grandes agências de controle social (Estado,
as forças armadas, as empresas, etc.) se interessam pela psicologia científica?
A prática científica e a emergência da psicologia como ciência

1. Mostre as relações entre a metodologia científica própria da ciência moderna e o


interesse nos fatores subjetivos.
2. Que contradição o texto aponta na relação da metodologia científica com a
subjetividade?