Sei sulla pagina 1di 4

ATESTADO MÉDICO

- Documento de fé pública
- É direito do paciente solicitá-lo
- Tipos: atestado de portador de doença (que pode agregar atestado de comparecimento ou o destinado ao
acompanhante), atestado de saúde ou de sanidade e atestado de óbito
- Atestado x Declaração: na avaliação da Cremesp, os dois possuem o mesmo peso ético. Logo, qualquer inverdade e
imprecisão em qualquer um dos dois, acarreta em infração à ética

CLASSIFICAÇÃO LEGAL ESPECÍFICA SOBRE ATESTADOS


- Oficiosos: ausência de trabalho/aula
- Administrativos: licença e abono de faltas
- Judiciários: solicitados pelo juiz e interessam à administração da justiça

MOTIVOS PARA DEVOLUÇÃO


- Falta de assinatura
- Falta do nome e do CRM do profissional
- Ausência da especificação sobre dias de afastamento
- Estar ilegível
- OBS: Carimbo não é obrigatório!

Atestado médico Declaração por escrito de um fato médico e suas consequências


Documento que confirma o óbito. Possui a finalidade de definir uma causa mortis e
responder aos interesses de ordem legal, ética e médico-sanitarista, sendo considerado
como o documento-base do Sistema de Informações sobre Mortalidade do MS. Além
Declaração de óbito
da sua função legal, os dados de óbitos são utilizados para conhecer a situação de
saúde da população e gerar ações visando à sua melhoria. Para tanto, devem ser
fidedignos e refletir a realidade.
Certidão de óbito Documento emitido pelos cartórios, utilizando dados constantes na DO
Interpretação de exame complementar, ou resultado de perícia médica, elaborado por
Laudo médico
médico.
Descrição escrita minuciosa e circunstanciada de fatos clínicos ocorridos e decorrentes
Relatório médico
de um ato ou atendimento médico
Documento escrito com uma breve notícia, podendo ser diária, que expõe ao público
Boletim médico
a condição e a evolução clínica e terapêutica de um paciente internado
ATESTADO PARA PORTADOR DE DOENÇA
JUSTIFICAR FALTA AO TRABALHO
- Documento fornecido pelo médico/odontólogo afirmando que o trabalhador está acometido por doença que o
impede de comparecer ao trabalho por tempo determinado
- A CID só será colocado no atestado se o paciente autorizar, bem como a revelação da CID

JUSTIFICAR FALTA À ESCOLA


- Conterá apenas a quantidade de dias que o aluno precisa para se restabelecer e, se solicitado pelo paciente e/ou
responsáveis, o diagnóstico, sempre orientando o interessado das implicações quanto a quebra do sigilo médico

COMPROVAR DEFICIÊNCIA FÍSICA EM ADMISSÃO DE EMPREGO


- Apesar do médico desempenhar um papel importante de apoio ao médico do trabalho, é o atestado fornecido pelo
segundo que terá legitimidade para fins trabalhistas

VIAGEM AÉREA A PACIENTES ESPECIAIS


- Deixar claro à empresa aérea o grau da deficiência, e, eventualmente, o tipo de assistência a ser dispensada antes,
durante ou imediatamente após o voo
- São considerados passageiros com necessidades de assistência especial portadores de deficiência e pessoas com
mobilidade reduzida, entre outros. Idosos a partir de 60 anos; pessoas com crianças de colo; e crianças
desacompanhadas também são consideradas “especiais”, mas quando saudáveis, não necessitarão de documento
médico para viajar. Outro grupo considerado “especial” é o das mulheres em fim de gestação, condição sobre a qual
não há consenso entre as companhias

ATENDER À EXIGÊNCIA DE REDE PÚBLICA


- Isenção do IR, obtenção de passe livre da SPTrans e liberação do IPI para compra de veículos e outras demandas
- É possível que seja necessária a avaliação física por médico do serviço público, que atuará como perito médico
daquele paciente, cabendo a ele fornecer o laudo pericial

ISENÇÃO DO IMPOSTO DE RENDA


- Portadores de doenças graves, bem como os vitimados por acidente em serviço e portadores de moléstia profissional,
ficarão isentos de pagar Imposto de Renda sobre rendimentos relativos à aposentadoria, à pensão ou à reforma
- Doenças: AIDS, alienação mental, cardiopatia grave, cegueira, contaminação por radiação, doença de Paget em
estado avançado, Parkinson, esclerose múltipla, espondiloartrose anquilosante, fibrose cística, hanseníase, nefropatia
grave, hepatopatia grave, neoplasia maligna, paralisia irreversível e incapacitante, tuberculose ativa
- OBS: Se a doença puder ser controlada, o laudo deverá mencionar o tempo de tratamento, pois a isenção só será
válida durante esse período

TRANSPORTE GRATUITO
- SPTrans emite o Bilhete Único Especial, válido por 2 anos, que garante o transporte gratuito, nos veículos públicos
municipais (ônibus e microônibus) e metropolitanos (Metrô e CPTM), às pessoas com deficiência física, visual,
auditiva, mental e/ou intelectual, temporária ou permanente, residentes na cidade ou na Região Metropolitana de
São Paulo
- Entre os documentos necessários está o Relatório médico (valido por 60 dias a partir da data de emissão)
especificando a patologia e os comprometimentos que caracterizam a existência de deficiência, conforme previsto nas
NRs

LIBERAÇÃO DO IPI, IOF E OUTROS IMPOSTOS


- Condutores com deficiência física completa ou parcial têm direito à isenção de IPI (Imposto sobre Produtos
Industrializados); IOF (Imposto sobre Operações Financeiras); ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e
Serviços); e IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores). Para deficientes não condutores, a isenção
refere-se ao IPI e ao IOF
- Todos esses benefícios dependem de Laudo de Avaliação (laudo pericial) emitido por prestador de serviço público de
saúde ou de serviço privado de saúde, contratado ou conveniado, que integre o Sistema Único de Saúde (SUS).
ATESTADO DE SAÚDE
- Várias finalidades: especificar o tipo de atividade física adequada a um paciente; facilitar a viagem de avião de pessoas
com condições especiais; e indicar a saúde ocupacional de candidatos a empregos, entre outras
- Fornecido apenas após minucioso exame físico (e, se necessário, exames complementares). Servirá para confirmar
que o paciente, no momento do atendimento, goza de plena saúde física e mental para realizar a atividade física, viajar
ou exercer certa função profissional

PRÁTICA DE ATIVIDADE FÍSICA OU ESPORTIVA


- O fornecimento do atestado não é restrito ao médico do esporte ou cardiologistas, mas sim vinculada ao nível de
informações e conhecimentos do profissional referente às práticas escolhidas
OBS: Em SP, a partir de uma Lei Estadual, todas as academias deverão requisitar atestados médicos recentes e
específicos para a prática esportiva para a qual desejam se inscrever. Pelo Código de Defesa do Consumidor, a
responsabilidade por uma morte em academia recairá sobre o proprietário da academia, quem orienta os exercícios
e o médico que atestou sanidade

ATENDIMENTO INICIAL
- Questionar: Quer praticar atividades físicas leves, moderadas ou intensas?
Intenção é lazer ou competição?
- No atestado devem constar as seguintes informações: se existem e quais são as limitações clínicas identificadas; qual
é o tipo de exercício adequado; se a atividade só é permitida sob prescrição ou acompanhamento médico; se o
paciente está proibido de praticar exercícios
- Em caso de não encontrar problemas, informar ao paciente que os atestados apontam probabilidades, não certezas!
(O documento deve evidenciar que “até aquele momento” a pessoa não apresenta contraindicações)

EXAME
- Segundo a SBC e a SBME, a avaliação para esportes deve conter anamnese, exame físico e, ainda, agregar ao menos
o eletrocardiograma
- O TE poderá ser solicitado dependendo das atividades a realizar, da faixa etária e da constatação de pelo menos 2
fatores de risco não controlados para a aterosclerose coronariana (> 55a homens ou > 65a mulheres, HF de evento
cardiovascular precoce, DM, dislipidemia, obesidade e sedentarismo, microalbuminúria ou TFG < 60, PCR elevada)
- Pena de detenção de um mês a um ano ao médico que emitir atestado médico falso

ATESTADO DE SAÚDE OCUPACIONAL (ASO)


- Usado como referência de processos médicos de trabalhadores, pois auxilia na decisão quanto ao seu destino
profissional

OBSERVAÇÕES
- Não é ético repassar a obrigação de preencher o atestado a alguém não habilitado (secretária)
- Comprovantes de comparecimento (fornecidos de maneira não obrigatória) não se equiparam ao atestado médico,
nem substitui. Portanto, não há problema em ser preenchido pela secretária do serviço
- Quando rasurado, o documento perde totalmente o valor.