Sei sulla pagina 1di 4

MÓDULO

6 Funções da Lubrificação

Objetivos Anotações
• Descrever a força de atrito e os tipos de atrito
• Analisar os desgastes gerados pelo atrito
• Identificar as funções do óleo lubricante
• Descrever o sistema de lubrificação no motor.

Descrição
Neste módulo o treinando identifica alguns tipos de desgaste
ocasionados pelo atrito nas partes móveis do motor e analisa o
sistema de lubrificação do motor.

43
MÓDULO

6 Funções da Lubrificação

Descrição da Força de Atrito Anotações


O atrito é a resistência de um corpo ou substância que se opõe a
determinado movimento.
Esta resistência é medida por uma força denominada força de atrito,
presente em qualquer tipo de superfície em contato com outra e
em movimento.
O atrito pode ser classificado em atrito fluido e atrito sólido.
O atrito fluido ocorre entre superfícies fluidas ou entre superficieis
sólidas e fluidas. Neste caso, quanto maior a viscosidade do fluido,
maior o atrito fluido.
O atrito sólido ocorre quando há contato entre duas superficieis
sólidas.
Pode ser de deslizamento de uma superfície em relação à outra, ou
de rolamento, quando há um movimento rotativo entre um corpo
cilíndrico ou esférico através da superfície em movimento.

Desgastes Gerados pelo Atrito


Por ação do atrito, duas superfícies sólidas em movimento, uma
contra a outra, sofrerão desgaste.
Por meio de lubrificação adequada, procura-se minimizar este
desgaste, que se apresenta sob várias formas, algumas provenientes
de deficiências de lubrificação, outras de causas das mais diversas.
O conhecimento dos diverso tipos de desgaste é importante para se
averiguar suas origens e procurar-se a melhor forma de evitá-los.
Entre os tipos mais comuns de desgaste, podemos citar:
• Abrasão: gerada por partículas de material abrasivo, como por
exemplo areia ou pó, contidos no óleo lubrificante
• Corrosão: gerada por contaminantes ácidos
• Erosão: gerada pela repetição de choques com pesadas sobre-
cargas
Mencionaremos a seguir alguns tipos de desgaste: abrasão é
proveniente de partículas de material abrasivo (areia ou pó) contido
no óleo por repetições de choques com pesadas sobrecargas.

44
MÓDULO
6 Funções da Lubrificação

Funções Essenciais do Óleo Lubrificante Anotações


Óleo automotivo é um produto altamente especializado,
desenvolvido por engenheiros e químicos para desempenhar
numerosas funções essenciais.

As principais funções do óleo lubrificante no motor:


1. Lubrificar os componentes do motor e prevenir o desgaste
2. Reduzir o atrito
3. Proteger peças do motor contra ferrugem e corrosão
4. Manter limpas as peças do motor
5. Resfriar os depósitos na câmara de combustão
6. Resfriar as peças do motor
7. Proporcionar vedação contra pressões da combustão
8. Ser antiespumante
9. Contribuir para a economia de combustível
10. Permitir uma partida fácil

45
MÓDULO

6 Funções da Lubrificação

Sistema de Lubrificação Anotações


O sistema de lubrificação insere o lubrificante entre as partes
metálicas móveis do motor, para evitar o atrito e dilatações
excessivas entre elas.

Galerias do Óleo do Motor

Figura 34

A lubrificação protege os componentes contra corrosões e melhora


a vedação entre os pistões e os cilindros, além de resfriar as
superfícies em contato.

Percurso do Óleo Lubrificante

Mancais

Filtro do óleo do
Válvula Reg. motor
de Pressão
Bomba de óleo

Reservatório
do óleo

Figura 35

O filtro do óleo é posicionado após a saída da bomba do óleo, para


que as impurezas sejam retidas pelo elemento filtrante antes da
passagem do óleo lubrificante para o motor. O sistema de lubrificação
do motor é colocado sob pressão através de uma bomba de
engrenagens fixada ao bloco, denominada bomba do óleo.

46