Sei sulla pagina 1di 11

Curso de Capacitação de Mediadores e

Conciliadores

Resolução 125/2010 do CNJ

Curso de Capacitação de Mediadores e Conciliadores Resolução 125/2010 do CNJ
Curso de Capacitação de Mediadores e Conciliadores Resolução 125/2010 do CNJ
Curso de Capacitação de Mediadores e Conciliadores Resolução 125/2010 do CNJ

Leonard Riskin

Leonard Riskin Numa tentativa de mapear a atuação do mediador, o Professor Leonard Riskin propôs o
Leonard Riskin Numa tentativa de mapear a atuação do mediador, o Professor Leonard Riskin propôs o
Leonard Riskin Numa tentativa de mapear a atuação do mediador, o Professor Leonard Riskin propôs o

Numa tentativa de mapear a atuação do mediador, o Professor Leonard Riskin propôs

o gráfico de Riskin, que divide a mediação em quatro quadrantes, cada um definido pela orientação do mediador em relação a duas categorias: sua função mais

avaliativa ou facilitadora e a definição do conflito simples ou complexo.

A classificação trazida por Leonard L. Riskin, define aquele mediador que age com

enfoque no processo como facilitador e aquele que adentra ao conteúdo do que está

sendo discutido como avaliador. Trata-se de dois extremos havendo níveis de posturas intermediários dentro desses limites.

Leonard Riskin

Leonard Riskin Riskin define o mediador avaliador como “aquele que considera que as partes querem e
Leonard Riskin Riskin define o mediador avaliador como “aquele que considera que as partes querem e
Leonard Riskin Riskin define o mediador avaliador como “aquele que considera que as partes querem e

Riskin define o mediador avaliador como “aquele que considera que as partes querem e precisam de orientação para chegarem a uma situação propícia ao acordo baseada no direito e nas práticas industrias ou tecnológicas, sendo essa orientação decorrente de seu excelente treinamento, experiência e objetividade.Dentro do conceito de

mediador avaliador, há duas subdivisões: o avaliador amplo e o avaliador restrito.

O mediador avaliador é aquele que não fixa apenas na condução do processo de

mediação, mas penetra também no conteúdo do que está sendo discutido. Por outro

lado, mediador facilitador é o que atua como facilitador das conversas e das negociações, por meio da condução voltada apenas para o processo, sem adentrar ao conteúdo.

Leonard Riskin

Leonard Riskin
Leonard Riskin
Leonard Riskin

Leonard Riskin

Leonard Riskin
Leonard Riskin
Leonard Riskin

Leonard Riskin

Leonard Riskin
Leonard Riskin
Leonard Riskin
Leonard Riskin

Leonard Riskin

Leonard Riskin
Leonard Riskin
Leonard Riskin

Leonard Riskin

Leonard Riskin
Leonard Riskin
Leonard Riskin

Leonard Riskin

Leonard Riskin
Leonard Riskin
Leonard Riskin

Leonard Riskin

Leonard Riskin
Leonard Riskin
Leonard Riskin
Leonard Riskin

Leonard Riskin

Leonard Riskin
Leonard Riskin
Leonard Riskin
Leonard Riskin