Sei sulla pagina 1di 158
a invencao das ce ‘ aa A INVENCAO DAS TRADICOES ERIC HOBSBAWN TERENCE RANGER (Organizadores) Traducio de CELINA CARDIM CAVALCANTE, 5° Eawa0 PAZ E TERRA Lecambrdge University Press “Talo do ouginal The intention of tradition “Trap: Celina Cart Cavan ‘Produgao Griftca: Katia Halbe Capa: Clan Rosas ‘Dados Interacionas de Catalogagao na Pubcag (CIP) Gana Bese do Le, SB ‘A liwengao ds racigbes organiza de Exc Hobebawne Terence Ranger Rio de Janeiro: Pare Terr, 1957 Colegio Pensaments Cio; v.55) ai.0176 ‘cob 398.012 e0u356.1 Indices para cailogo sitemsco 1. Tradigbes inventadas~ Finadades e objetivos 1 Hbsbawn, Ee 8 1. Ranger, Terence, or il Seve EDITORA PAZE TERRA SA Run do Tinto, 177 Sana Ein Sto Paulo, SP CEP. 01212-010 “els (1) 33378399 endasipazct com be ‘wo pacer come 2008, Impresso no Bras Printed in Bail COLABORADORES DAVID CANNADINE é pesquissdor do Chriss College profesor | deHstria da Unversidade de Cambridge. Autor de Lord gn! lam donde = The Ariicracs and The Tans 1974-1963 (1980) deticene Salmente» peaguitis sobre a cerimanige pubiasc sus esslucto BERNARD S. COHN & professor de Antropologia da Universidade ‘be Chicago. Autor de muitos stigos sobre a sneragbe hia {d antronlogia€ sabre 0 exude 8 sociedade ERIC HOUSBAW'M € profesor de Histris Esondmic eSosil do Bukbeck College, Unersiade de Londres. membro 80 vr stores do period Pat & Preven. PRYS MORGAN é professor de Historia no University Coleg. em Swantea, Pais de Gales. J teve publeadas varias obras em gals ¢ co iaborou som alguns saptuos pura vanoy vos sobre fstorts do Pais de Gales, Recentemente excreveu 4 New Histon of Wales" The Eighern Centr Renateance (198), TERENCE RANGER é professor de Histria Moderna da Univers: dade de Manchester. endo ji lecionado em Zimbabwe Rode) ena TTanzina. Entre seus livros sobre os protests, + historia cltural ere lisa eas tansformacbes arafas na Africa contamse The Hisar sal Stud of Afncan Religion (1972), Dane and Sots m Easier tr {cr(1975) ¢ Witchcraft Beli i he Mistry of Tree Comino a Ser publicadoy HUGH TREVOR-ROPER ¢ agora Mestre de Peteshouse, (Sain Pe- ler Colleg).cm Cambridge. sob 9 titulo de “Lord Dacre of Glanton ov profesor dacitedra eva de Historia na Unetsidade de Oxford, INDICE Invroducio: A tovencSo dss Tradigdes atest Hobsbuwm ° A Invencio das Trades: u Tradiglo das Teras Alas | 3. Da Morte me Pespectva: 4 Busi do Passado Gas (Gughlands) du Esedca = Hugh Trevor Roper 2s no Periodo Raminuso ~ Pras Morgan 3 4. Contest, Execusio¢ Sigifcado do Rit 4 Monarguia Brtinica e's “lovengto da Tradicho ‘1820 8 1977 David Cannadine un 5. A Representagio du Avtordade na Inds Vitoriana Bernard 8. Cohn ns 6. A Invencio da Tradicdo na Arica Colonial rerence Ranger ae 7. Prodogio em Massa de Trades: Europa, 1819 41918 ~ Exc Hobsbawm m 1. Introducéo: A Invengéo das Tradicées ERIC HOBSBAWM [Nada paree mais antigo eligado a um passadoimemaril do que 1 pompa que cerca a teers brite em quaisqercerimBniss pobl fas de que ela partiipe. Todavia segundo um dos caitulos deste I Sto, esteapurto. em sud Tora tual data dos séculos XIX e XX Muits vets "radides” que parsem ou slo consideradasantgas so bastante recentes quundo nlo sao inventadas. Quem conhece os ‘olleges das vehas universiades brtimeas poder ter uma ides da inattulo dese "tadicbes [a nivel Toes embora alums delay = Como o Festal of Nine Lessons.and Carol (Festa das Nove Latur Cintico) teloada snvalmente, na eapela do King’s College er Cambridge. na vespera de Natal ~possim tornar-se conkecdas do frinde lio stra de um melo moderno de comunicao de mas So tao. Partindo desta constatagio, o periodico Pow & Present ‘pecilirado em assuntos hstrios.ofganizou uma coaterEncia em {Que se baceou. por sa ver presente br. © termo “tradiio inventada” € tilzado num sentido amplo, ras nunca indefinido. Incl tanto a5 “tradigdes" realmente inven ‘ts, consiruidase Tormalmentenstiucionliandas, quanto a que su [Bram de maneira mat difiel de lcalizar num period Himitado ede- {erminado de tempo ~ Bs veres coisa de poucos anos apenas ~ ese eta beleceram com enorme rapier. A ansmissioradifOnica real reall ida no Natl a Gra Beta (nstitulda em 932) €um exempto do Primero eae coma exemplo do segundo, podemos car 9 aparece frente ¢evolucko das pratcus wssocadas final do campeonato brit rio de futebo!Eaburo que nem todas ess tadigbes perdurum: nos So abjevo primordial, porem. no €estudar suas chanees de sobrev ‘Enca, mas sim 0 modo como elas surgiram ese estabeleceram Por “trai normalmente repul {stl otic quando da reconstrogio da sede do fo século XIX, asim como delso igualmentedeliberada,spésa ‘Guerra, de resonstrir precio da CAmara partindo exatamente do ‘mesmo plano bisco anterior. O passadohstrico no qual anova tr 0 ivi ¢inserida nfo precisa ser remoto, perdido nas brumas do tempo. ‘Aieasrevoluges¢ on “movimentos propesistan ue por defn ompem conto passido, itm su pasado relevant embara lesen tem abruptamente em ima data determinada, al como 1289. Cont: dovna medida em que ha teferencias um pasado Rnoico, a al Ses imventadascaratericase por etabelecer com el na cont. fuidade bastante arc. Em poucas palaras, ean hp reages 4s {wagbesnovas gue ou sumer & forma de referénca estas ante: Tires, ou estabelecem seu propo pss staves da epee quase ‘ue obrigtons. Ew contrat ent as constants mudungas ¢ ov ‘tes do mundo modern ea tentutiva de etaturar de masers mut ‘cle imvrivel uo menos guns sapeton du vida socal que torn inven da adied0" um stunt o imeem para os etuisos 4 hss contemporines 'A“uadgdo™ nese semtido deve ser nitidament dieencads do ‘osume rigente nas socedades das “tradisonait’-O objeivo es aracerstica das "adie inclusive das nventadas, vara dade passado rel ou fojad aque ea oe serem inp pitics {aas (normalmenteformalzade), Tas como 4 repegao, O "osu tne", nas sociedades tradicional em a dupa fungio ie motor «vo. Tan. Nio impede as novagdes e pode made at cetopontoembors evidentemente sa tlhido pela tga de qu deve pareer com: Pativel ou dentin ao precedent. Sua fango dar «qualquer mudan £2 desea (oy resistencia ovagto) santo do precedent, con dade hatred natura onermee expr nite. 5 estucasos dos movimentos camponese saber gue quando ums Aldea se revinicam terra ou Sets comune "com base em ost ines de tempos imemoriai™“0 que express alo &um lato hii, tas o eqn de oras na ula costae du aldea Connon sero: tes de terra ou contra outs aideas. Os estudionos do movimento Upcrrio nels sabem que eowume ds clas ou de profaso pode fepresentar nao uma taco amg, mas qualquer iro, mesmo re Cente adgurigo pelos operaios ma prilich ue els agora procuam impli ou defender através da sangio da perendade:O “contume ido pode se dar a0 foxo dese invaidvel porque avda abo € asm em mesmo nas sociedad eadiionis rete com o conc {udingio ainda enbe esta combinaydo de Nexbiidage implica ¢ omprometimento formal como pasado. Ness tpt alia, dif fengu entre "wai “costume” ea bem lara, “Costme™ € oe fazer ox juz: "tratigio™ (no ease tradidoinventada)é a pers {oe outros acesvioerituas formals que cream substan que cio do magatrado.A decadénea do “costume” inevtavelmente ‘modifica a “adido""A qo ele grsiment ests asocado. necessrio extabeeser una segunda cfreng, menos importa te,enttea “tradgio" no sentido a que nos eferimos ex convensto ou Foti, que lo poss nenhuma fungio simboliea nem ritual impor. {ante embora possa adguiras evenualment. natural que qual {Guerpritica social que tenba de ser muito Feptida tends, por conve: fence para meioreficnci. a gerar um certo nimero Je conven- (her eros, formalizadas de deta ou de foto, com o fin defaii- {ara tansmissio do costume. Ito ¢ vido tanto para piteas sem, precedente (como o trabalho de um plot de aide) com para a rd (cart bastante conhecidas As sociedades que se deren partie da Revolugdo Industral foram naturalmenteobrigad {Eris ov dexenvolver nova redes de convengdes erotinas com tia feqldneia maior do que antes Na medida em que essas rotnas Funcionam melhor quando wansformadas em habto, em procedimen tos automftios ovate mesmo em reflxos, els eceaitam Se mut ‘eis 0 que pode afetar x outa exigencia necessini d pita & cape dade de dar com stuagdesimprevistas ou orginal Esa uma fa tha bastante conhecida da automatzasdo ou da buroeatizaio, espe. ‘almentea niet subalteros, onde o procedimento xo geralente ‘onuderedo como 0 mais eficiente Tai eden de conven rtina no sto “tadigdes inventadas” poissuas unedese,portanto, suas jusifctivas so eeicas, neo: Fogias (em termos marisa zen respeto a infarstutora, no 4 sopeesrutrs). As reds sio via para facbtar opeagdespelieas imedistamente deinives © podem ser prontamente modiendas ov thandonadas de acordo com as tanaformagdes das necesicades pd teas, permitindo sempre que exstm a inerra, que qualquer costume tire com o tempo. e& resstencla ke inovagbes por parte das per fous que adtaram este costume. O mesmo acontece com st "reqrat™ feconhecidat dos jogos ou de outros padres de inerato socal, ox om quslguer ovina orma de origem pragmatis.Pode-sepeebee de Imeaisto 4 dievena ene elas e4 "wadko™-O uso de bones prote ‘ores quando se monta a caval tem Um Serio pate, assim cameo ‘so de capacetesprtetores quando se anda de moto ov de eapacetes ‘deago quando se um soldada, Mas o uso de um certo tipo de bone fem conjto com um casaco termetho de caga tem sentido com pleamente diferente Sendo, sera Wo faci modifier o costume "ue- Siiona” dos cacadores de raposa como muda o formato dos capac. {esdo Exéreto insttuigho relauvameneconcervadora ato 0 n0¥0| Formato garantase maior protege. Abs ae “wradies™ ocupam um uur hametealmente oposto is convenees ox otinaspragmatiss. A ttadiglo™ mostra Sus Traguers quando, como no caso dos Judes brain restgden a theta so justiicadas de Um ponto de vista prazmtice, por exemplo, slegandoste que os antigoshebreus MEO 0. Irian carne de porco por motivos de higtene, Do mesmo mado, o& ob {tose pitas 56st liberados para uma plena ulizagtosimbslica fiual quando se ibertam do uso praca. As esporas que faze pare 4o uniforme de gala do ofcias de cavalana sho mais importantes para a"radigio® quando os avalos ndo ext presents 0 guard huvas ds oficais da Guards Res, quando eles esto 4 palsan, pet ‘dem importneia Sendo form trardor bem enrlados Gon eis) us perveas branes dos advogadosifllnente poderiam ter 4- {uinde Sua importincia all antes que as ouras pessoas denser Seu perucus CConsideramos que a invengio de tradigds é esencalmente um proceso de formalizagaoe ritualzaso, earacereado por refers Eo pasado, mesmo que apenas pela imponigi da reptigio. Os histor Fiadores ainda no estudaram adequadamente 0 proceao cxato pelo {ual tis complerossimbalios e rua slo eriador. Ele € ainda em Brande parte relatvamente deonhecido.Pesume-se que se manfeste fdemancra mais nitida quando uma "radigso"& deliberadamente i ‘entadaeesruturada por um imico inicio, como €0cat0 do eso. to, ctado por Baden Powell. Talver soja mae fl determinar fngem do proceso no caso de cermonais ofialmenteInsiides & Planesados. uma vez que provaveimente eles eta bem document fos, como, por exemplo, a consrugdo do simbolismo santa ¢ omicios do partido em Nuremberg. € mais diel descobri ext oF tem quando as traighestenham sido em pare invenadas em parte flsenvlvida em grupos fechados (onde & menos provdvel que o pro: fessolenha sido vegistrado em documentos) ou de maneia informal Slrante um certo periodo, como acontee com as tadigesparlamen- tarese juridicas. A dificulsade encontrase do x6 nas fontes, como também ns tenis, emboraesteiam a dispsigde dos estudioos tt to diciplinasesoericesespecalzades em rituas © smbolsion, ais como aherildica eo estudo ds liturpas, quanto dacplinas htorieas \earburguanas para o estdo das displinas Sadat acima,Infliz: Iente,nenhuma desses nics ¢comumenteconherda dos histori: doves da era indus Provavelmeate, alo hi lugar nem tempo invstigados pelos histo- riadores onde nio haa ocorsdo a"invengho” de trades nest sen bo, Contudo eserase que cl ocorra com mats readtnci: quando ‘uma iansfornagdo rpida da sociedadedeblta ou dest os padre. socns para os quais as "vthas” ads foram feta, proguzings ‘ovos padres com os quais as eadigder so incompatives quando 1s velhas tradgtes,jumtamente com seus promotorese Givulgadores Insttucionais, ddo mostra de haver perdido grande parte da capa ‘de de adapta eda feibiidade ou quando so eliminadas de ov tras formas. Em suma, inventam-se noes tradgdes quando ocorem ransformagdessuficentementeamplas rpida tanto do lado da de- mands quanto ds oferta. Durane os iimos 200 ano, tem havido fansornagdesexpeclmene importantes, sendo razovel esperar {uc estsformaleaesmedatas de novasradgSe se grupem sexe Seviodo, A propdsto, ito implca, so conto da concep veal: Eaptoliberatmo do seulo XIX ea teoria da “modernzagio™. que iat recente, ila de que (i ormalizagdes nfo se cingem i che mass soiedades“traditonai. mas que tambem scart, Sob 36 as drs vata sea mderar De mane ge fo ie sconce mas € previo gues eve penat que formas mais Ings de strtuca de comunidad autrisae e,conseqdenemente 3 rigs ele asso eram rida ee lornacam rapdamente Soles umm que as novas” aden suriramsimplsmete por causa da meapackade de iat ou sdapar as raids veheh. ouve adapagio quando foi ecessirio conserva velhos cost imesem condi nova oa eon odo par v0 ik Ia Toigbes antiga, com foncbesesabelecdas, referencias ao pasado ¢ lingsgens € pica rusts podem sentir necesignde de fare tl ifaperco. Were Catlhea rene ton novon desis pliicos-¢ ‘evlopicos ¢ Gr madanesssubstencas na composigio do corpo de fests como o sumento consderivel do nmero de malhees tanto tite ov devotos lion quanto nas ordens religions) 8 exten Irene ete ao aatamento impasse como os tibur, qu funciona agora num outa coments ‘Zis com funghes modifiadas em novos contxtos.Tambemn 0 © ‘so dis Istitugies que goravam de uma continuidade nominal mas She no fundo etavam serendo profundas transformacSey, como ab “nevsdades, Assim sepundo, Hohnson. a tadiionalevisdo est {anu em massa das cnversdades lems (Por mats de conto ob ‘de proteu) sesou sitamente ape THES devi as mudangas no co ‘hier academico is univerndade so aumento da Made da populagio ‘Studantl ao uburguesamento dos estadants, que diminuly us tev Ses ene ces ew edade asim como a turbulenia etd nove insti da franca mobiidage entre unversdade, a coneqBente ‘mudanca nas sssocagbes extudans es outos fates” Em todos esses ‘Stor, sinovagdondg se torna menos nora po et capa de evestrse facimente de um eater de antgbidae, ih Tc Nee ear ee Belge dH Mais interessante, do nosso pont de vst, ¢ stlizasto de le ‘menos antgos na claboragdo de novasiradigoesinventadas pats fins bastante orpinas, Sempre se pode encontrar. no passido de qualquer Sociedade, um amp repertoro dests elementor, © sempre hd uma Tinguagem elaborada, composts de prdtiase comunicagdes smb cas, As vers, as novas tases podlam set prontamenteenxeradss nas vehes outras vezes, podlam ser inventades com empréstimos fo. Iecdos pelos depésitos bem supridos do ritual, simbolamo e prin Pos moras ofeas~eligtoe porpaprincipesc,flclore emaona Fis (que, por sua vez, €uma teaigdoinventad mais antiga, de grande Poder simboico) Assim o desenvolvimento do nacionslsme igo, oncomitane a formagio do Estado federal moderna no stvlo XIX. pot Rudalf Braun: extudioso que em numa disciplina ("Volkskune” oltre) {ue se presia a ese tipo de anise, eespecialzado nim pais onde su ‘odernizaczo nao fol emibargada pela saving com viola nt Zsa, As prtiasradiionasexistetes~ eangbes follies, campeo- ‘alos de nasi ede tro ao avo foram moifendas ualizadas © Institucionalizadas para serve 8 novos propésits naconas. Ax cae ‘hes foleléricas tradiionasacrescentaramve novaseangBes na mes ‘a lingua, multasvezes compostas por mesterecola transis para um repetério coral de Contegeo parstice progressta (Ne Hon, Nation, wie ol King’ der Ton) emboraincorporendo também ‘4s hinologarligiosa elementos podesasos sob oaspeto nial vale pend estudur i formacto dstsrepertro de mova cangies, especial: mente o escolar). Segundo os estatutos.o objeto do Festival Fede falda Cangao~ so no lembra os conpresoramaais de bards gle: Ss!" e“desenvolver e aprimorara eanclo popular, despertar sen ‘mentos mas elevados por Deus, pela Liberdaee pela Nato, promo Ser unlo-e confraternizagio entre amantes de Arte da Patra (A. palara “aprimorar™ indica nota de progres caactrsica & ‘eetlo XIX) Desenvolveu-se um conjunto de situs bastante fies em torno estas oraides: pales para os fesivais, masts para as bandeias, ‘emplos para oferendas,procisbes, toque de sinets pains salves de tos de Canhlo, envio de dlegagdes do Govern aos festivas, junta: tes, brindes eescurss. Houvesdaptagder de outros elementos an ‘Net nova arguitetura dos fea so inconfandine ov regulon Feemas barocs de somemoraso.ebiioe pomp, E come aus ome 4, Been, Selo rte and a acer eee toracesbatrocao Estado lj cea pan mi {sre tmben um agama de semen epson pcs ne {enor frmas Ge evidsde muwale Mack” Ni nos cabe analsar aqui até que ponto as nova tradibes po- dem langar mio de velhos elementos, até que pont eas podem er {oreadas averar novos aceadros ou linguages, ous ampli ove o'ocaoline sib. Raturments mana ute ple ¢2s, movimentoseoldpcone propor melsiveonasonalsmo™=sem Sntcesorestomaram nocesria © invenglo de uma continuldade his {Gre, por exemplo,aravs da cagio de um pasado ago ue et ttapoe'scontinadade histriea rel see pela fen (Boudin, Ver Elngerix, Arminio, o Quersco) ou pla nvenguo (Osha, manowe tos medievas theses) Tambem & Bbvio quesimboloseacess6n0s = teramente novos foram eas como pate de movimentor Estados Macionas, tas como ohino nacional (dos gus 0 Britnio, fet em 140, patece sero mais antigo) «bandera nacional (inde bastante influeniada pela bandeira tncoio da Revlugio France, chads no Periodo de 1790 1798) ou a proniengdo da Naglo™ por meio de Simos ov imagens ofc, como Martanne ou Germén, ou nao. of, como os esteretipos de eartum John Bll © magre To Sam iangue,ou'o Mice!” alemto, “Também no devemos esguee’ a ruptura da cominuidade ques ti as vers bem visvel mesmo nos opal da amgbidade renita, De ‘cordo com Lloyd 0s cinticos populares de Natal paaram de Sr Droduzdos na Inglaterra no século XVII. Sendo subuidos por Br hot. como on composts por Wats e pei rmios Wesley. embars fala verses populares dese nos em felidespreponderantemente fata, como'o Metodiamo Primitivo. Ainds ssi, oy ciicos tal tos Fram prmeio tipo decane fleloic a scr retauraa pelos econadores de classe media para instalation "nes novascecinas ‘ds gree corporanes gas emininas else propagaren um tovorambiente popstar urbano "uraves dor camores de eaquna dos grapor de meninosroufenhos que entoavam hin de pri em Torts, nu anesralesperanes de una recompenst Neste sentido hos como “Gal rex ye merry. Gentleman (0 Senhor sos G& paz © “legis sbo novos: no antigos Tal roptra€vkvel mesmo cm Mov Imentos que deieradamente se Senominam “saditonalts™ gue siraem grupos consideridos por unanimdade repostrios da cont ruidade histrca da trio, lis como os camponeses. Aas. 0 ou dl oid onde, 2820 proprio aparecment de movimentos gue defendem a restaragio das Iadices seam cles "raicionalisas" ou no, india ess rptare “Tate movimentos.comuns entre os itelectuas desde aépocs roman ce: nunca poder desenolver. em preservur um passadovv0 (2 m80 sei lve crando refs nuuras humanos par aspects olados 7 vida aresiay esto destinadon 2 se tranformarem em trades inventadan. Por outeo lado forca€ 4 adaptabiigade das trades {emvins ni deve cer sonfundida corsa “invengio de radigdes" Nao {Enecgsar recuperar nem invenar tradi quand 0s eh Ws sind ve comers ‘Ainda asim, pode ser que muits vere se invent rages no porque os velhos costumes nao esejam mais dponives nem jam ‘vel mas porque eles deliberadamente no so wads, nem adapts ‘os. Asim, 20 colocar-se conscientemente contra a tradigao ea favor ‘as inovacées radicals, a ideolopa liberal da iransformacdo social 0 Séulo pasado, detou de fornecer os vineuos soca e Mersrquicos ‘estos nas socedades precedents, gerando vicuos que puderam set ‘reenchidos com tadicbes invemtadas.O ex alcangado pelos dons ‘SeTbrcas Tones em Laneashire (ao contro do que acantecev com ‘0% Liberals) depos de teem utlzado estes velhos vnculos em su Proveto, mosta que eles anda existam e podam er svados~ mes: fo num ambiente ser preceentes do dnt industrial” NEo se pode regar que os costumes presindustriais nfo fo adaptdves longo pr 7014 una sociedade que tenha passado por um determinado grav de Fevolucio. Mas ests inaduptabidade nde pode set confundida com 0: Droblemas resultants du Fejeigdo dos vos costomes a curto peso Por purtediqueles que as enearam como obstculos 40 progres ou, Segue sinds€ poe. como inmgos atv0s Taio nfo impediu que os inovadates inventasem suas préprias trades" por exemple, a8 pritias dx magonaria, No entanto, em tee eda reer inca au ons rcp pa demaaoci crt ect le nr ge ‘inthe Da "ume od Sen oat ° ratte aten virtude da hoslidadegeral contr iteaionalismo, as supestices pris de costume reminicentes da reas do pasado, possve ‘mente ae provenscotes dels, aqueles que acreditavam fervorosaente fas verdades do llominssmo, tai como lideras,Socalistas€ com un tae, abominavam tanto as vlhasiadgdes quanto a nova. Os soci lists, somo veremossdiante ganharam ar Ide Mato anual Sem st terem bem como: or naconalsoialinas exporavam tals ocasioes fom um zelo esoiicago litricos e uma manipulgdo consciente ‘os simbolos” Durante sera liberal na Inglaterra tas pris foram ‘quando muito toleradas, na medide em que nem 2 idelogia, nem a [rodugieecondmicsestivam em jogo, considerando-e sso uma con EiSovelutane uo fnacionalsme dae ordensnferiores, Ax alviades caves e ritunis das sociedades de ajuda mutua eram encaradas 30 Imex tempo com hostlidade ("despesus desnecessris a como raatos com fentax de aniverrio, desfls, anurras eaderesos"eram probidus por Ie com folerinea pels liberi no que daa vspeto fos banguetes snus, peo fato de que a impertanea desta ara ‘Specimen em felagio 4 populagdo rural. no pode see regu Encanto tgorsvs am rigrono reionalismo idiidualita nb 50 tomo use de aleulos evondmicos, mas também como tel sei No Capitulo estudaremon 0 que aconeceu no periodo em que as Intaes deste racial forum se tornando cada vee mat evden. Podemos conclut eta introduc com algumas observagies ge- sais sabre as radcbeslaventadas desde a Revolugio Indust. lus parecem elasfcar-se em tréscategriss superposts: 4) agulas que etabelacem ou simbolizay a coeto socal ou as condi- {hes deaumissdo de um grupo eu de comunidades reas ou artis, Byaguelas que etabelecem ou lepitimam istiuiges, tus ou el hes de autoridade, ec) aquels eujo propésito principal € x socilizs- ‘lo, snculeagho de dias sistemas de valores e padres de comports- fnento. Embora os tradigbes dos iposb) ¢) tenham sio certaente Tnventadat (como as que simbollzam a submisstedautondade na [n+ tia ritnicn), pode-se pari do prestupesto de que tipo a) que pre. “aleve, send as outras Tunes tomadas com implies deriva ‘bas de um sentido de identiengdo com uma "comunidade” e/ou as Insttuiges que a representam,expresam ou simbolzam, tis como een Glen Te re: Stes Egon S15 nce See ee eee eae eee eee eee eee teeta eee eee ‘Uma das diiculdades foi que esta entidades soins maiores sim Pleamentenio eram Gemelschaien em setae de casts, Fn vt- {ude da mobifidade social. dosconfits de sass da ieologia Com rant, tornow-se dif apicarunivrsalment as tadigdes Que unis Comunidades e desigualdadesvisveis em herarduis formas come € ‘so do Exérito). sto ndo afetou muito a traigbesS0 ipo) uns ‘ezque a socilzagdo gerlinculeava or mesmes valores em todos o> Eidadios, membros da nacdo e suitos da Coro, e ts socalizagber funcionsimente especies do diferentes grupos social (ais somo + sos alunos de escola paricolares, em contrast comm a dos outos]£e- Falmente no sofiam Interferencas mutuas Por outro lado, a me Som quest radigbesnventadar como que entroduiam 0 status n> ‘mundo’ do contato social. superior e 0 inferior num mundo de inuas perante ae. ndo poderiam agi abertamente.Poderam sen {Modundas ctandeuinamente por meio de una aguescenci Tora ¢ simblica a uma organiacto social que ere deigul defo, como no aso da reconttuigio da eerimOnie de coroagio bntinica™ (se, dint, p- 290), Erarmals comum que els incentvaser o sentido co: leivo deperiordade das elites especialmente quando eas press ‘vam ser retrutadas entre aqueles que nfo porslam este sentido por rastiento ou or aribuigdo ao inves de ncularem vm sete de ‘obedigncia nos infetioresEncorajavamsealgns ae Seniem mals ‘guuis do que outros, o que podia er feito guslando-se as elites apr os dominantes ou autoridadespr-burguesas, sa no modelo mite: Fita/buroertgo eractersieo Ga Aleranha (caso dos emis este- ‘anus rai), sea em modelos no mitaraadoy tipo Sarstocrasis tmoralizada" como o vigente nas escais secondaries partieulare bri cas. Por Outre lado, talvez, 0 expnto de equine sutorontancs © a lieranga das ete podiam sr desenvolvides por melo e “tradi {oes" mals esotricas. que manifestassem coco de um manderine {do superior ofa (como eorreu na Frangs ou nas comunidades braneas nas colds), estaenos investiga qual seta sua natura. Com 9 uxt da antopotogia, poderemoseucidat as diferengas que porves. {ura eisam entre as praticas inventadas eon velhos costumes tad ‘ons. Aqui s® poderemos observar que, embors os tos de a {2m sjam normalmente mareados nat teadgtes de grapes lado (niciagio, promocio.afastamentoe mort) iso nem sezpre aconte- 1 PE Mt, Te aie ae oad ‘eu com agueeseiados para pseudocomunidades glbalizanes (co to as nagaese os pase). provavelmente porque estas comunidades ‘nfatizavam Seu carter eterno e imutavel» pelo menos, desde a un facto 6 comunidade, Noentanto, os novos regimes pcos e mow smentos inovadores podiam encontrar equivalntes sees para ov tos teadicionais de passigem assocados & regio (casameato cle une: 1a). Podesse observe uma ntia diferenca entre as prtias antiga © 4s inventads. AS primeiraseram priucassocas expenses e ate mete coecivas, enquanto as tli tendiam a ser bastante gece ¢ ‘agas quanto &patureca dos valores, cretoseobrigagbes que prot: favam inculear nos membros de um determinado grupo: “prot: tno", “lesidade", "deve", "as regras do jogo," espirtoexcola« {ssn por diane: Porém,cmboraoconteddo do parionme brtinice ‘unorte-amerscano fsteevdentemente mal defini, mexmo que Se- Falmenteespecificado em comentarios asociados. ocasies ia 5 Prato’ aue o sesboiravam eram peaticamentecompulsoras como. for exemplo, o levantarse para cantar 0 hino tacionl na: Gris Breunha. 0 hastcmento da bundeia nas escolus norteamericanas Parece que o elemento crus ora invengio de sins de asociagao & uma agremiagio que continham ‘oda uma carga simbélica eemocto ‘il ao inves da cro deesututor edo esabeecimento de objetvos 6: associacio. A importinen destes sna residajustament em Sua “tnivereaidide inden: ‘Bandera Nacional, Hino Nacional as Armat Naina fo oes fimbolosasaves dos tas um pls independence potas Sent ‘ee soberana. Por sna ce ae ja om rept tum ada ‘meta Ej reve todo opssedo, peste ogee ms nace Neste sentido, conforme esreveu um observador em 1880, “os sold dose potcas agora usa emblemas por nba embors ele no pret Se sa restaratao como complement de edad indviduae 5 ‘dos movimentos de mass, que esata pests a comeyat." Podemos tnibem obierar que, abviamente, apes de todas at invengies, a novas trades no preencheram mals do gue Uma pe: ‘uena parte do espugocedigo pla desadincia secular das velba tra. = F,__- TE Ges amigos costumes ais, isto poderia ser eperado em socieds- Ass nas quais 0 passado Lorna's cada ver menon importante como ‘modelo ou precedente para a maiora ds formas de comportamento Humano. Mesmo as tradigesinventadas do sculos XIX e XX cu. ‘pavam ou ocuparn um espago muito menor nas vids particulates da Talons dss pesous eas vidas auténomas de pequenos grupos tu fulturais do que as velhastradigbes ocupamn na vida das sciedades agriia, por exemplo." “Aquilo que se deve fazer” determing os dias, Sr estacdes, of sicosbioldpios ds homens e mulheres do séulo XX Imuito menos do que determinava a fase correspondents para seus Jncesris muito menos do que os impulsos exerts da economia, {ecenologis, do spartho burocritco esata, das decdes potent ede butasTorcas que ndo dependem da radigdo a que nos referimes, nem 1 derenvolvem ‘Contudo, tl generalizacio ndo se apica no campo do que pode via sec denominado a vida publica dos cidaddos(acluindo até certo onto formas pabliasdesoializagio tas como as ecols, em opos: ‘Gio is formas partculares, como os meios de comumicagdo), NBO hi Senhuo sinal fea de enfraquecimento nas pris neouraboonas Assoeiadas ou com corporates de sevigo public (Forgas Armadas, a Justa, taver ate 0 funcionalsmo publica) ou com a cldadana ‘lis maioria das ocasies em que as pessoas toma consciéncia da ‘Gadania como tal permanccem sssotiadas 4 simbolor e prices Semitituais (por exemplo. a eligdes), que em sua maior parte S20 hs- toramenteorginis lvremente invents: bandeias imagens ce Fimbniase musieas Na medida em que as tadigSs inventads 9 era {ue sucedeu ds revolugdes Francesa e industrial preencbram uma lar Shia permanente pelo menos. ae hoje = parece que avo oeoret net te campo. ‘Ors, pode-se final perguntar, ser que ot historiadores devem Aedicarse'aesudar estes fendmenos? A perpunta&, de certo modo, ‘demecesrria,j que cad ver mais eudororclaramente se ocupam eis como se pa amon pel conta date volume ee Teréncasneleinelidas.E melhor refazer a questo: o que ox iors lores ganham com o estudo da invengdo das trades? ‘Ants de mais nada, pode-se dies que as adigdes inventadas sto sintomas importantes e, portant, indicadores de problemas que de ‘tra forma poderiam ndo set detectados nem localizados no temo Else sfo indicios, Pode-se clucdar melhor como o anigo nacional: 2 mo liberal lero assumis sus nova forma imperisa-expansionists ‘Sbservando-sesripndasubettulgdo dts anias cores pet, branca ‘Souradapelasnovas cores greta, branca e vermelna(prnspalments a decada de 1990) no movimento da gindtica lem do que etudan. ‘ons as declaragbes fis de autoridades ou porta-vores. Pea hist ‘ia das finas do campeonatobriinico de ftebol posemse ober da. dos obreo desenvolvimento de uma cultura urbana operiria que nfo {Se contepiram através de fontes mais convencionais. Porsial ost: do das trades invenadas ndo pode ser separado do conte mat lmplo di historia da sociedade, 0 avangara alem da simples dsco beta desta prticas se stiverInteprado a um estado mais amplo, "Em segundo lugar, o estado dessas trades esclarece bastante as relagbes humanas com o pasado e, por consepunte, 0 propio asin: {fe oficiodohistoradar. sso porque toda adic iventads, name. did ope ila tra cmolegiadora an apr como timento da coeso grupal. Mulas vers, eas otra 0 pri smb lo'de confit, como no cao ds lute pr eausa dos monumentos er honra a Walther von der Vogelweidee a Dante, no sul do Tirol, em 1ig0 ¢ 1896." Ate mesmo os movitentos revolusondiosbaseavam suas inovagdes em referencias a0 "passa de um povo" (anbes con tea normandos, "nos ances les Gault” conta oe fencos, Espira {0} tatigdes de revolugdo(°O povoalemdo também tem sur. ‘firma Engels no inci de seu ero guerra e's cus proprios herbs e mars, No iro {eames Connoly. Labour In sk Mistry (0 operaiado a hr 4 Inlands), hi excelente exerplos desta conjugagio de temas. O ele: mento de invengdo€paricularmente nico neste ea, js ques st. fa que se tornou parte do cabedal de conhecimento ov deologi da nagho, Estado ou movimento nfo corcesponde 20 que fo realmente onsetvado na memeria popular, mas uilo que fo seleionado, ee ito, desert, popularizado e inatitucionalizado por quem extaya en: arepido de ftztlo. Os hstrladores gue teabalham com informe (bes ais observaram Feqientemente que a Greve Geral Ge 1926 tve ‘ns nemérias das pessoas idosas um efeto mals modetoe menos i= Dresionante do que oesperado pelos enreistadores.” Analisouse 3 mie ad Ein Ap n Formagio de uma imagem semethante da Revolugo Francesa durante 4 Terceira Republics " Todavia, todos 04 histonadore seam quais forem seus objlivos, eto envolidos neste proceto, uma Yer Que ‘les contibuem, conscientemente ou ado, para a cago, demoligao e Feestruturagio de imagens do pasado que pertencem nfo 56 a0 mun> do da invesigacio eapecalcada, mas tombem a esfera pabica onde 0 hhomem atua como ser politico, Ele devem estar atentos a esta dimen Ho de suse atvidades. 'Apropésito, devesedestacar um interese especie que ms Aides invetadas” podem ter de um modo ou de outo, para os et ‘isos da sta moderna econtemporinen. Eas so atamente spl: {vets no caso de uma inovag histrcacomparatvamente recente “uglo" sue fendmencestsciadox naconaismo, 0 Estado a ional simbolos nacionas, as iterpretagdes historias, e dal por ‘ane, Todos estes clementorbatlam seem exerclios de eagenhara Social muits vezesdliberados e sempre inovadores, pelo menos pot {ue a orignalidade historia implica inovacde.O nacionaismo © fugbesraehtae pulestina devem set novo, Sea ual for continu ‘be hist dos pudeus ou dor magslmnos do Oriente Medio, ma ‘ee que naquelyrepito hi um culo ats ao se coitava nem mo Gon ‘to de Fst terior do po padronizado tas, ques ¥i0 or arse uma probabidade seria pos Guerra As linguagens-padrdo rations que dever er aprenddae nas ecolaseoliteads na esti, ‘quanto mais na fala. por uma elie de dimensdesirsorite, 80, em ftande put, consrigtesrlativamente recente Conform abservou lim hstorador francés especiaizado no idioma famengoo Mamengo fesinade hoje na Bugi nao ling com que se mies won de Flandres se drglm as erancas em sums @ uma “Ungua materoa apenas metafricamente, nlo no sentido ileal Nao nos devas dt {Gr enganar por um paradoxo earoso,embora sompreensive 1 (bes moderns, com foda a sua praferalia,gealmente arma st ‘posto do novo ou sa esta enaizadas nd mais remota aniidade, ‘0 gposto do construldo, ov sea. ser eomunidades humanas,"natl= fais" 0 busante para ndo necesitarem de defnigbes que nfo dele ‘dos proprio interesses. Seam quats forem as continulads istricas ‘ou mio envolvidas no conceto modern da “Franga” ¢ dos "rane Ses" que ningutm procuraranepar ~ ete mesmo conceitos ever in Rare Ale Gon fa Re Pane Mth ners a incur um componente consrudo ou “inventudo”.€ ¢exatamente porgue grand parte dx consiuntssubjetivos da “pach: moderns nate de tah consirugdn estundo asocads a simpolo adequds em geal basin recente ou um dscursocuborado a propésto {al como o du “hisria nacional", gue 0 fenbmeno nacional io Pode ser aequadumene menudo em Sarsetstengio deve 3 Phveneio da trades alent sudo da invengo dis trades interdsipinar. um campo conium ahintradoresanropdagor sacs varios ou tron etulosor dis cnclss Numanss e que nfo pode ser adequad tent invextado sem fl colaboraca, presente obra eine ands Imenalmentesconrbuies de hsoradores Esperase qe outro > sham tamb a considers gece eee eee eee eee eee eee seca eee eee eee eee eee Geee eee eee seca eee eee eee eeeeeeeeeeee rece eee eeeeieeed| 2s 2. A Invencéo das Tradicées. a Tradi¢do das Terras Altas (Highlands) da Escécia HUGH TREVOR-ROPER Asem od cc nan a er |] swidthcnte neces were scene cite uae Seiya Sree SUSE Soy secre ieee Sepcemne pani ett ie rai care SSRN TE eT pl oto | EER eae oe eee cen Erie ltteer Siberia ncaa Soe See coat mata ie Simm cet rina eer oe Seretlani tt Satna ea ent SEI eae een ra i ' | [teste imamate meester | | | | i | fica das Terras Alas no passa de uma invengdo retronpectiva Os ‘montaneses (highlander) da EscSia no consttlam um pove sepa Fad antes dos utimos anos do seeulo XVI. Eram simplesinente ei ‘radosilandeses,vindos para a Escociadevido 1 presibes popula: nls. Naguela cosa recovtada inospita,naguele arquiplago compen To de grandes e pequenas ibs, o mar Tunciona mais como wa de co- ‘unicagto do que como divisor; e desde fins do séeuo Vg Scots do norte Ja Ilanda desembarcaram em Argyl até me século XVI sb o aspect cultural quanto socal, aquela regio era uma colada Trang, Estas duassoredades cas, ada Ilanda ea das Terras Als ‘ Oeste mesclavam se at mesmo so o aspect pole, Ox Scots de | Dalriada dominaram ister no norte da Trlenda, durante um seeulo ee 2% Os dinamarguesesgovernaram ao mesmo tempo as Hébridas, a8 cos tas a range tha de Man, em fins da Idade Média o8 Macdo- als das Ihasexrclam sobre Oeste da Ewcdia eo Norte da Ilana Us dominio mais proximo e mie efetiva do que os soberanosde dir {o, os ris da Escocia Inglaterra Sob o dominio doe Macdonald, & bale hebidense era puramenteirandess Vinnam da lang os “icionas bardoscurandeioseharpisas (poi 0 instrument tradico. hal dos hebidenss eras harpa, no agate de foles) "Os Macdonalds ontnuazam a exerect fort afuénea nos dais pales, mesmo depois {da exingdo do seu podero. Esta unidade polticn em poten 0 fo! enpida em meads do steulo XVII, quando foi etabelesica& Colo: nia nglese em Ulster (rlanda do Norte) e quando se niciow a hee. ‘monla dos Campbells as Teras Alas de Oeste. A unidede cata orem, apesar de debilitada, perdurou. No sculo XVIII as Habeas fram nda bascamente ina area de povoagio irandes, sendo.0 ‘ioma gatico que le falava pormalmentesasicado, no seco XVII, com irandes, CColuralmente dependents da Irland, sob o dominio “estrange- ro" evelativamente ineiiente da corm ecocet, as Teas Alla a8 thas da Esedciandotinham cultura propa. leaturs ers um pal do reflexo ca trata landesa Os menses dos cele deel exc ‘ts ou vinham da Irlanda ov para I vnjvam a fim de aprender © ‘feo Ais, segundo um autor do inci do sdculo XVII por sina, inandés), os meneseisescoceses erm a echria da Inianda, que volts {mela era remowids edespeada nagule montaro provident: Mes ‘mo sobo poderio repressor da lglatera, nos cule XVI © XVII, Irland eice permaneceu, do ponte de vista cultural, uma nag his ‘rica, ao passo que a Escbea celica era no maximo sus ima mais pobre’ Nao tink nem posia ter. uma Wadi independente ‘A criagdo de una tradigdo das Teras Alas independent a im- posi da nova tradiio e de seus simbolos extern em tna maps ‘icotesa fl obra ce ins do século XVII inca do ssulo NIK. Res Tzousse em is eiapas Primeto, howe um rebeio cultural contra Inlanda;usurpoussea cultura irlandese ese eescrevev a histota prim tiva da Esc, chegando-te a cumulo de desarer, ne mar ieolen- que « Escicia = Escocacliea equceraamle pata” tendo 8 llanda a nagio calturalmentedependente‘Depos, hoe a elabor {oar de nova uadigdes das Terras Alias que fram presenta: ‘as como antigay, originals e caracerisica da repdo. Ena weretrs n ‘#apa houve um processo pelo qual tai trades foram ofeecidas ds ‘Teras Buinasesoorss Mitorcas, a Exeia Osiental dos Pats bere sormandos, «por elas adotadan, ‘A primeira etapa cumpri'se no século XVIIL A afrmacto de que os scoceses cecos das Teras Alas doling ilandera nfo eram pena ivasores vindos da Irianda no séeuloV D.C. mat etavam ‘na Escécia hi muito tempo, correspondendo 20s cledBnios que he- ‘am eombatido os exeritosromanos, consti, natualmente, uma {ot lenda, muitos no paseado. Fol reftada som suger er (239 maior arquediogo escocts,o padre jacobita refugiado nes, senda, porem reabitaa em 1738 por David Malem’ de maneia mals eltva, na década de 1760, por dls escrtores de Sobrenome idntco: James Macpherson, o "radutor” de Ossian, © 0 Reverendo John Macpherson, minsto de let, nail de Skye En bora ndofostem paretes, estes dos Macphersons Se conbessam, Ji ies Macpherson ficou na casa do ministo quando vitow Skye. pee {quando sobre "Osis em 176, e0 filha do minsto, que mista Ae eto ser Si John Miacoherson. gosernadorgerl India, tor rouse depois amigo Into campiice de James = os ois agiram de ‘omum acordo. Craram socinos, através de das atosolados als Feagto desavads, uma literatura natva da Escela celica e pata fun eres seam ama cota de mal os homens de slas bast na ‘amisa de ino ssolshosda,pntada ou besuntada de re coberta ‘epetes de vendo. Alem dessa oupas normal os chelsedigntaeos ‘gt enravam em contto com os habitants mais sofistiados das Te. fas Baas aver sabem clan nas de pang axadrezado, 030, tuma combinasio de calbes com meas. Nab Teras Aas, os rem 96 porn se ados na tea por homens que tvesem ajdants Gut ot Protegesiem ou trnsporasem: cram, portant, um sina de iatineso Foci Tantos os mantos quanto os ious provavelmene era Teak eee Durante o século XVII -n0 qual se rompev vocal ente a Ir nda a8 Teas Alias ~ 0 vestuirio montans fis transformanco, ‘Atmuancasocorteram de maneiaiepular a0 longo do suo. Pe ‘mero, a camisa longa cau em desso, endo substitu aa has 90 Inco dosculo peo capotecletee cigs pcos das Teta Busan? Por outro lado, um pastor esocts, muito empo depo, lembrou-e de auc os nddmitos exoceacs do exert jacob, 20 passarem por sua Datéguia, em 1715, sndo uavam manty nem sites ape cs Te a in de ofr in gi tu oo com into Quecusaiba eam prov da pemmantasi do Ten oa Esc ee DDaante odo o séolo XVI, of excios das Tera Altassusten laram uma gtr cil contra ot ingles segundo todas as deseiges dos exdratos montanhses, os ois usavam few, enguanto oes ‘daostinham as pernasecotas nuns Tanto on iat quanto oss ‘aos usavam ui manto, of ofa para cob & pare superior Go orpo eos saiaos para emoler 0 eorpo ite, peso na intra ovum cnt, de modo qe spate neon sbato cna ormasse tins especie desi extetrje ers comheido como bream, ou "mano om cinta" que ¢ importante far € que ae aquen epoca nem 82 falava no kl conforme o conhecemos, Ouse usavam 0s ews arto critics, ou of "amos" dot “subordinador" ‘ermo “kir” 56 surge vnte anon depois da Unito, Edward Bur, oficial inglés dsignado para servir na Essa como superisot governo betinico decid afinalfaer © que havia pretendigo em 1713 (ali, ate antes), desteuindo de uma vez por todas eto de vida Independente dos montanheses, Por intermédio de vis le pal Imestaressubseguentes 4 vibra de Culloden ox montasheses foram ‘esarmados, sexs chefes, privados de sas jureigdesheredras Slim aso, 0 uso dos tajes montanheses = "ant, pile. 103 boldriesfartams ou mantoneaessrios malicolaridas™~ fo proib Go sob pena de prisho sem dreito a fang ae seis meses e, na rein ‘nei, deportao por sete anos.” Esa le draconiana permaneceu em Sipor pr nta cneo as: rata ecinco unos durante os quas todo modo de vide das Tere Altes se exfacelou rapidamente, Em 1773, to Tazerem sua famosa viagem, Johnson e Boswell descobriram que ho havi chegado tempo de ver aque que experavam, "um pov de aparéncia peculiar eum tema de vida seaico™ Durante iagem Intera, segundo lembra Johnson, nfo viram ninguem sestido com 0 trun, A's ds qual ele dncordava) havin sido imposta em tod pare. Atéa gata de fle, observou ele, "comera a ser esqueciéa" J fin 1780 os tajes montanhesespareciam ters extinguig por comple- to. enenbum homem racionl teria tdo 4 idea de restaursos, ‘A historia, contudo, no riciona: 0, plo menos, & racionl spends em parte, Aqueles que costumavam usar os aes montanheses ‘eslmentedetraram de los Depo de uma pera usando eas, ‘campesnato humilde das Highlands ndo va mais sentido em volar § vest manto ou as oupas akadrezadas que antes consigetav am 0 iuratan¢utem: Naw adotaram nem mesmo 0 “praicneconveniente Ui, que ea novdade. Em compensacio,asclatses médias las, que ‘antes favim pouco daguees\ajen "Servs", adotaram com ents ro as veses que os usuitiosradicionaishaviam reeitado." Durante Suan em gut dro protic, lgunsnobres ds Terrss Alas gost ‘ae de venti aqelas roupasradictonais ede seem revatados asin, ya vepuranga de seu lares, Depo que let oi abolda,» moda te Ulastroa. Nobresescoceses angliciados, membros prospefos Pe {quensnobrer, jurists bem edad de Edimburgo epradetss met doves de Abetdcen = Romens que ado estavam & beta da miseha © fue mune teriam de ala sbe as rochas eos brejos, nem de dort fp relento nos ones ~ ebiam-se publicamente no nos histéricos fren vestimenta tradicional de suse fespectivas clase, nem nos nb todos mantor com int, mas numa versio sofiticadae dpendions Gs tal sovidade 0 plldey ou slots cure, ‘Duas sho as causas desta mudanga notivel, Ua delas eral. da [Europ toda, «pode ser rapidameatetesumida. Era o movimento ‘mintco,oesito ao bom selagem que a civilzagdo ameagava desu. ‘Antes de 1745, os babtanes das Teas Altes ium sido despecs: ‘dons por serem considera birbaosindolentes erapaces. Em 45, ‘nha sido temidos pr serem considrados rebels pergosos. Mas apis 1746, tendo-aeefacelado sus sociedad com ant facade, les Spresentavam © romantismo de um povo primitive combinado 20 {Gscnio dasespécies em perigo de etingdo. Fo! nestas eunstdncas {ue Ossian ssboreou ums trangia storia A segunda usa era ma Specifics. merce um exame mals detdo. Fou a Tormagho Sos Fee ‘mentos das Terr Alls pelo governo bein, Els havia comeeado antes de 1745 ~ aide, 0 primeira regimento ete ipo, Black Watch (Guarda Nea), Sepos 8043 eo 1 rea ‘mentos de fiera, hava Intado em Fontenoy, em 1740, Porm, fo nos nos de 1787 21760 que o presbtero Pit procurov sstematicamente Sewiaroepirito martial das Terras As a aventura jacobta par oer imperal. Conforme ele diia mais tarde Basque! o mitt onde cl devia er enontado orgulhose dee sido 0 primero minuto uc 9 rocurou es enconou aut mote 89 9 Ev o chute cout ara seis uma aca de omens epido€ Logo estes regiments montanbeses se eobririm de gira nfo dia‘e na Améfica, Também esubeleceram uma nova tradi indi 36 ‘mentiria, pois através da “Lei ConeatSria™ de 1747, foram expicita- ‘mente eximidos da proibilo que pesava sobre o rajes montanes, Portanto, durante o rnts € cinco anos em que. campesinato celica Etotou em definitvo an salen sindmeas £0 Homero dos celts ol featadpvestido com una tunica hide, foram apenss os epimen tos montanheses que mantiveram a india do tartan ey funtion reqloccsablcram snovidade ma recente detodan, oi de La ‘principio, o uniform dos regiments ea o manto com ciao ras aps a ivengéo do kl que e tornou popar vido sus con Semncia, os rehmentos o adotaram. Alem Jo mais, provavelmente Tot esta adogdo que deu ergem &iddin de dtinguir os padres de acordo om os elfs. Quanto mais os egimentos montanhess se mult Plicavam pata atender 4s necessidndes tans pla guerra, mass die Ferencavam seus uniformes: de mode que quando ot svi votaram a ‘ear 9 frman¢'0 movimento romantio ingentvou 9 ‘esse mesmo principio de diferenengio fi prontamente Fegimento para ola: Mas isso aconeceu bem mais tarde. Por enguan tor nos restringiems apenas ao hilt, que tendo sido inventado por Urania quaker ngs, fv salvo ds extinguo por um etadsa m= evista inglés © passo seguite fis invenedo de ume linhagem ‘ooest Pelo menos ese estgi fo levado 2 cabo pelos eicoeres. CComegou com um passo importante, dado em 177% a funda, ‘em Londres, da Socledade dat Teras Ait (ighand Society) uj Principal fungio era incentvar as velhs virtudes des Teras Altes & reservar ay amigas tadigbs das Teras Aas. Constiularse princy Pulmente de nobres © ofcinis montenhess, mas seu secretin. "2 ‘Quem a soredade parece esta especialmente agradecia pelo velo com flue se empentou' para que ela twee euto™ era John Macken asopudo do "Temple", "9 mas into amigo e contidene. ci lie brago deta e, mais tarde, estamenteia de James Macpherson ‘Tanto James Macpherson quanio Sit John Macpherson foram scios Fundadoves da Sonedade, de cijorobjetvasexplcos um era'0 da preservacio da antiga iteratura galca © cujo maior ito, as olhos {Se seu nistonador, Sit Job Sinclair, fois publengo do texto “or fal" em gadlico de Ossian, em 1807. Este texto ft fonecio por Mac enue partir do teahithos de Macpherson, tendo sido edtorado pelo proprio Sinclair © acompanhado de um enaio também dele que ‘save provar sua autentetdade (alas, aellmente conesivl), Cons ‘ernndo 2 duplafungio de Mackenat ea prevsopagde demenstad pela Sociedade em relagio iterator gadlic (quate oda insirada ot Produaida por Macpherson, todo ete empreendimento pode ser com. $erado como mais uma dr operas da mai dos Macpherson ” ‘A Sovedadetinha como segundo e nfo menos important objet o de wsegurararevopagdo dle: que proiia 9 uso Jos jes mon: ruses na Esc. Pata, os membros da Sociedade comprome termes, po scutes props. se encontarer (conor ea er seston com agus tres to anos por teem sg a vesimenta de ‘Ser ananrie ceico nu ream, plo menos alas nguger eh Pode-s observa ado obstante, qu aindumentdtla montanes, me to endo ainda no incliao kil: plas regras da Sociedade, consistia fot trent e no manto com cinto (mano e suite numa s6 pega)” ‘Tal objetivo fv sicangado em 1782, quando o Marqués de Graham, 4 pedi de um comit ds Soledade das Teeas Alas, propds com Ex for Cimara dos Comuns, a revogacio dale sso causou grande tlegia na Exod, eon poeta galicos elebraram a vera do manto om cisto etic Sobre atcakas sixGneas. Dall por dint, pode-se “daze que of trajes montanes tecentementeremodelados sahara populardade Ini, opdssea todo 0 proceso pelo qui os montanesesceicos, hd [uc tempo desrecados como barbarossinigena,pasavam 1st ‘: Unzor representantes dustin eda cultura esconsas. Este ho- tmem foi John Pinkerton, que, apesar de se visvelmente exintico € LTimentar fortes preconceton, mio pode delat de ser consigrade, Sonforme ce mesmo dia, 0 maor arquedlogoescoces desde Thomas inne. Pinkerton fos 0 primeio estudoso a descobni indcios da ver