Sei sulla pagina 1di 4

Aula 2 – Calorimetria

1)

(Fatec-2000) Três grandezas físicas, capacidade calorífica (C), calor específico

(c)

e calor

de

transformação

(L),

conceitualmente explicam os fenômenos

relacionados com o aumento de temperatura ou mudança de estado de um corpo (ou

material) ao receber ou ceder calor. Considere as asserções:

 
 

I.

C mede quantidade de calor que cabe em um corpo.

II.

C relaciona a quantidade de calor e a variação da temperatura que ela produz num corpo.

 

III.

Se fornecermos uma mesma quantidade de calor a dois corpos de mesma massa, aquele que tiver maior c sofrerá maior variação de temperatura.

IV.

c é definido como a capacidade calorífica por unidade de massa.

 

V.

L, a quantidade de calor por unidade de massa, transferida durante a mudança de estado, não produz variação de temperatura.

 

Dessas asserções são corretas somente:

 

a) I, II, V.

 

d) II, IV, V.

b) I, III, IV.

e) III, IV, V.

c) II, III, IV.

 

2)

(UESPI) Dois corpos estão em contato. Para que haja fluxo de calor entre eles, é condição necessária que:

 

a) suas capacidades térmicas sejam diferentes.

b) Seus calores específicos sensíveis sejam iguais.

c) Seus calores específicos sensíveis sejam diferentes.

d) Suas temperaturas sejam iguais.

 

e) Suas temperaturas sejam diferentes.

3)

(UEBA) O calor específico sensível de uma substância indica o valor

 

a) do seu ponto de ebulição ao nível do mar.

b) da capacidade térmica de um corpo feito com essa substância.

c) da quantidade de calor necessária para elevar de um grau Celsius a temperatura de um grama dessa substância.

d) de sua condutividade térmica no estado sólido.

e) da quantidade de calor necessária para fundir um grama dessa substância.

4)

(FMSC-SP) A formação de gelo constitui um fator que:

a) dificulta a continuação da queda de temperatura

b) favorece a queda de temperatura

c) não se pode prever como irá influir no clima

d) não tem influência na queda de temperatura

e) torna os efeitos do inverno muito mais rigorosos

5) (Mackenzie) A quantidade de calor necessária para que uma unidade de massa de uma substância mude de estado de agregação molecular é chamada de calor específico latente de transformação. No caso da fusão, temos o calor específico latente de fusão (Lf) e, no caso da solidificação, temos o calor específico latente de solidificação (Ls). Considerando uma certa substância, sempre num mesmo ambiente, podemos afirmar que:

a) |Lf| > |Ls|

b) Ls > Lf

c) Ls = Lf

d) Lf = 2.Ls

 

e) Ls =

- Lf

6)

(UNIP-SP) O calor específico latente de fusão do gelo é de 80 cal/g. Para fundir

uma massa de gelo de 80g, sem variação de temperatura, a latente necessária é de:

quantidade de calor

a) 1,0 cal

b) 6,4 cal

c) 1,0 kcal

d) 64 kcal

e) 6,4.10³ cal

7)

(UF-UBERABA-MG) Assinale a afirmativa falsa:

 

a) A capacidade térmica de um corpo é função de sua massa.

b) Quando recebido por um corpo, o calor sensível produz apenas variação de temperatura.

c) O calor específico sensível é uma característica do material de que é feito o corpo, não dependendo da sua massa.

d) A capacidade térmica de um corpo indica a quantidade de calor que cada unidade de massa desse corpo necessita para sua temperatura variar por unidade.

e) O valor da capacidade térmica de um corpo depende do material de que este é feito.

8)

(UFSE) A tabela abaixo apresenta a massa m de cinco objetos de metal, com seus respectivos calores específicos sensíveis c.

METAL

c (cal/gºC)

m (g)

Alumínio

0,217

100

Ferro

0,113

200

Cobre

0,093

300

Prata

0,056

400

Chumbo

0,031

500

O objeto que tem maior capacidade térmica é o de:

a) alumínio

b) ferro

c) chumbo

d) prata

e) cobre

9)

(Mackenzie) Uma fonte calorífica fornece calor continuamente, à razão de 150

cal/s, a uma determinada massa de água. Se a temperatura da água aumenta de 20ºC para 60ºC em 4 minutos, sendo o calor específico sensível da água 1,0 cal/gºC, pode-se concluir que a massa de água aquecida, em grama, é:

a) 500

b) 600

c) 700

d) 800

e) 900

10) (Fuvest-2001) Em uma panela aberta, aquece-se água, observando-se uma variação da temperatura da água com o tempo, como indica o gráfico. Desprezando-se a evaporação antes da fervura, em quanto tempo, a partir do começo da ebulição, toda água terá se esgotado? (Considere que o calor de vaporização da água é cerca de 540 cal/g)

o cal or de vaporização da água é cerca de 540 cal/g) a) 27 minutos c)

a)

27 minutos

c) 36 minutos

b)

18 minutos

d)

e)

45 minutos

54minutos

11) (UNICAMP) Um aluno simplesmente sentando numa sala de aula dissipa uma

quantidade de energia equivalente à de uma lâmpada de 100 W. O valor energético da gordura é de 9,0 kcal/g. Para simplificar, adote 1,0 cal = 4,0J.

a) Qual o mínimo de kilocalorias que o aluno deve ingerir por dia para repor a energia dissipada?

b) Quantos gramas de gordura um aluno queima durante uma hora de aula?

12) (Fuvest) Um recipiente contendo 3600g de água à temperatura inicial de 80ºC é posto num local onde a temperatura ambiente permanece sempre igual a 20ºC. Após 5 horas, o recipiente e a água entram em equilíbrio térmico com o meio ambiente. Durante esse período, ao final de cada hora, as seguintes temperaturas foram registradas para a água: 55ºC, 40ºC, 30ºC, 24ºC e 20ºC. Dado: calor específico sensível da água = 1,0 cal/gºC Pede-se:

a) um esboço indicando valores nos eixos do gráfico da temperatura da temperatura da água em função do tempo;

b) em média, quantas calorias por segundo a água transferiu para o ambiente.

13) (Fuvest-2002) Em um processo industrial, duas esferas de cobre maciças, A e B,

com

permaneceram em um forno muito quente durante períodos diferentes. Constatou-se que a esfera A, ao ser retirada, havia atingido a temperatura de 100ºC. Tendo ambas recebido a mesma quantidade de calor, a esfera B, ao ser retirada do forno, tinha temperatura aproximada de:

à temperatura de 20ºC,

raios

Ra=

16cm

e

Rb=

8cm,

inicialmente

a)

b)

c) 100ºC

30ºC

60ºC

d)

e)

180ºC

660ºC

14) (UNICAMP) Em um dia quente, um atleta corre dissipando 750 W durante 30 min. Suponha que ele só transfira esta energia para o meio externo através da evaporação do suor e que todo seu suor seja aproveitado para sua refrigeração. Adote L = 2500 J/g para o calor latente de evaporação da água na temperatura ambiente.

a) Qual é a taxa de perde de água do atleta em kg/min?

b) Quantos litros de água ele perde nos 30 min de corrida?

Usar: densidade da água = 1,0 kg/l

Gabarito:

1)

d

2)

3)

4)

5)

6)

7)

8) e

9) e 10) e 11) a) 2,16.10³ kcal

e

c

a

e

e

d

b) 10 g

12) b) 12 cal/s 13) e 14) a) 1,8.10 -2 kg/min

b) 0,54 l