Sei sulla pagina 1di 2
Produção Descentralizada – Trabalho individual 2016/2017 Engenharia de Sistemas de Energias Renováveis

Produção Descentralizada Trabalho individual 2016/2017

Engenharia de Sistemas de Energias Renováveis

Produção Descentralizada – Trabalho individual 2016/2017 Engenharia de Sistemas de Energias Renováveis
2016/2017 Engenharia de Sistemas de Energias Renováveis Gasóleo NOME Combustível líquido, utilizado em
2016/2017 Engenharia de Sistemas de Energias Renováveis Gasóleo NOME Combustível líquido, utilizado em
Gasóleo NOME Combustível líquido, utilizado em motores de ignição por compressão (Diesel) CH 3 (CH
Gasóleo
NOME
Combustível
líquido,
utilizado
em
motores
de
ignição
por
compressão (Diesel)
CH
3 (CH 2 ) 14 CH 3 (C 16 H 34 )
FÓRMULA QUÍMICA
O
gasóleo é um óleo derivado da destilação do petróleo bruto
usado como combustível nos motores a gasóleo, constituído
basicamente por hidrocarbonetos.
O
gasóleo é um composto formado principalmente por átomos de
carbono, hidrogénio e em baixas concentrações por enxofre,
nitrogénio e oxigénio.
DESCRIÇÃO
O
gasóleo é selecionado de acordo com as suas características de
ignição e de escoamento, adequadas ao funcionamento dos
motores com o ciclo diesel.
É um produto pouco inflamável, mediamente tóxico, pouco volátil,
límpido, isento de material em suspensão e com um odor forte e
característico.
UTILIZAÇÃO DA
SUBSTÂNCIA OU
Combustível para motores a gasóleo de ignição por compressão,
para utilização em caldeiras industriais, comerciais e domésticas.
MISTURA
PERIGOS SAÚDE
Possibilidade de efeitos cancerígenos;
Nocivo por inalação;
Nocivo: pode causar danos nos pulmões se ingerido;
Irritante para a pele.
PERIGOS AMBIENTE
Tóxico para os organismos aquáticos, podendo causar efeitos
nefastos a longo prazo no ambiente aquático.
PICTOGRAMAS DE
PERIGO
China
MAIORES
Índia
CONSUMIDORES
Rússia
PREÇO (€/LITRO)
Venezuela – 0.05 (mais barato a nível mundial)
Portugal – 1.30
Islândia – 1.85 (mais caro a nível mundial)
Produção Descentralizada 2016/2017
Produção Descentralizada – Trabalho individual 2016/2017 Engenharia de Sistemas de Energias Renováveis

Produção Descentralizada Trabalho individual 2016/2017

Engenharia de Sistemas de Energias Renováveis

Produção Descentralizada – Trabalho individual 2016/2017 Engenharia de Sistemas de Energias Renováveis

CALOR LIBERTADO COMBUSTÃO - PCI (MJ/LITRO)

35,86 (valor médio)

DENSIDADE (kg/LITRO)

0.853 (valor médio)

CO 2 LIBERTADO (kg/LITRO)

2.6

FATOR CONVERSÃO ENERGIA PRIMÁRIA (tep/ton)

1.01 (1kWh = 0.0000859 tep)

FATOR EMISSÃO CO 2 (kgCO 2 e/kWh)

0.2664

ELECTRICIDADE

COMPARAÇÃO COM GASÓLEO

FATOR CONVERSÃO ENERGIA PRIMÁRIA (tep/kWh)

0.000215

FATOR EMISSÃO CO 2 (kgCO 2 /kWh)

0.1855

PREÇO (€/kWh)

0.183

TABELA COMPARATIVA ENTRE GASÓLEO E ELETRICIDADE

 

kWh

MJ

litros

m 3

E.P.

Emissões (CO 2 )

Preço

 

(tep)

(€)

Eletricidade

4500

16200

-

-

0,968

835

824

Gasóleo

4500

16200

451,757

0,530

0,456

1199

587

Variação*

-

-

-

-

0,528

0,44

0,29

CURIOSIDADE

 

Em cada ida aos postos de abastecimento, os portugueses puseram, nos dois meses do ano,

uma média de 22,7 litros. São mais dois litros que no mesmo período de 2016.

Se há um ano, em cada ida ao posto os portugueses abasteciam 20,7 litros de gasolina ou

gasóleo, no arranque deste ano esse número passou para 22,7 litros. Um aumento que revela

que em vez de reduzirem o gasto em dinheiro, os portugueses pagam quase o mesmo mas por

menos combustível. (fonte: http://www.jornaldenegocios.pt/)