Sei sulla pagina 1di 32

Projeto Literacia3D

BIBLIOTEQUICES Número 1 2016/17
BIBLIOTEQUICES Número 1 2016/17

BIBLIOTEQUICES

Número

1

BIBLIOTEQUICES Número 1 2016/17

2016/17

EDITORIAL

Olá a todos!

Nesta primeira edição, o Bibliotequices relata os principais eventos que as- sinalaram o trabalho das Bibliotecas Escolares do Agrupamento de Escolas de Vale de Milhaços du- rante o 1.º período, no- meadamente: Fórum 20 Anos RBE, Mês das Biblio- tecas Escolares, Jornadas de Educação para a Cida- dania-Seixal 2016, Estação do Livro 2016 e Projeto Literacia 3D. A promoção de boas prá- ticas, a articulação curricu- lar e a formação de utiliza- dores também não foram esquecidas nas notícias sobre o trabalho realizado.

A seleção de atividades que apresentamos espe- lha, uma vez mais, o traba- lho realizado nas diferen- tes escolas do Agrupa- mento pelas professoras bibliotecárias em trabalho colaborativo com os do- centes.

Salientamos que a con- cretização deste trabalho não seria possível sem o empenho de todos os par- ceiros que ajudaram as BE’s do AEVM a levarem à prática a sua missão.

O Bibliotequices

sem o empenho de todos os par- ceiros que ajudaram as BE’s do AEVM a levarem

14 Outubro 2016 Fórum 20 Anos RBE

O Bibliotequices 14 Outubro 2016 Fórum 20 Anos RB E EM EM DESTAQUE: DESTAQUE: Fórum 20
O Bibliotequices 14 Outubro 2016 Fórum 20 Anos RB E EM EM DESTAQUE: DESTAQUE: Fórum 20
O Bibliotequices 14 Outubro 2016 Fórum 20 Anos RB E EM EM DESTAQUE: DESTAQUE: Fórum 20

EMEM DESTAQUE:DESTAQUE:

Outubro 2016 Fórum 20 Anos RB E EM EM DESTAQUE: DESTAQUE: Fórum 20 Anos BE Pág.

Fórum 20 Anos BE

Pág. 2 e 3

Receção aos Alunos

Pág. 4

Mês das Bibliotecas Escolares

Pág. 5 a 13

Projeto SOBE-Saúde Oral e Bibliotecas Escolares

Pág. 14 a 16

Estação do Livro 2016

Pág. 17 a 22

Projeto Literacia 3 D

Pág. 23

Articulação Curricular

Pág. 24

HourOfCode

Pág. 25

Clube de Leitura “Ler [quase] tudo”

Pág. 26

Clube de Leitura “Ler é uma Viagem”

Pág. 27

Oficina de Escrita Criativa com Margarida Fonseca Santos

Pág. 28

Formação de Professores “Biblioteca Escolar & Escola Virtual”

Pág. 29

Jornadas de Educação para a Cidadania 2016 - Aprender com a BE

Pág. 30

Almoço de Natal - Professores Bibliotecários do Seixal

Pág. 31

Próxima Edição

Pág. 32

BIBLIOTEQUICES Outubro, mês das Bibliotecas Escolares, foi o mês es- colhido para assinalar o 20.º
BIBLIOTEQUICES
BIBLIOTEQUICES
BIBLIOTEQUICES Outubro, mês das Bibliotecas Escolares, foi o mês es- colhido para assinalar o 20.º aniversário

Outubro, mês das Bibliotecas Escolares, foi o mês es- colhido para assinalar o 20.º aniversário da Rede de Bi- bliotecas Escolares. Na passada sexta-feira, dia 14 de Outubro, a Rede de Bibliotecas Escolares assinalou um percurso feito de trabalho em rede e em equipa com a realização do “Fórum 20 Anos RBE” que teve lugar na Fundação Calouste Gulbenkian. Foram muitos os conferencistas que deram o seu testemunho sobre o sucesso deste programa, desde parceiros a convidados. Estiveram presentes muitos dos fundadores da RBE com principal destaque para a Dr.ª Teresa Calça- da, ex-coordenadora da RBE que foi alvo de uma merecida homenagem. O evento contou com a presença do Sr. Secretário de Estado da Educação, João Costa, assim co- mo ,do Presidente da República, Professor Marcelo Rebelo de Sousa. Nas intervenções feitas ao longo do dia foi salientado o papel das Bibliotecas Escolares no processo de aprendizagem e o trabalho colaborativo empreendido pelos Professores Bibliotecários junto de alu- nos, de professores e de parceiros. Em resumo, as Bibliotecas Escolares foram reconhecidas como pólos de conhecimento essenciais ao pulsar da escola onde se deve continuar a investir. Avizinha-se um futuro risonho para a sua continuida- de, que passa pela sua integração formal no currículo no âmbito do desenvolvimento das diferentes lite- racias. Atualmente, a função do PB é reconhecida e considerada essencial pelas chefias, prevendo-se a sua continuidade. A Professoras Bibliotecárias do Agrupamento estiveram presentes no evento.

PARABÉNS RBE!

- se a sua continuidade. A Professoras Bibliotecárias do Agrupamento estiveram presentes no evento. PARABÉNS RBE!
Agrupamento estiveram presentes no evento. PARABÉNS RBE! Painel “Lançar a Rede” (da esquerda para a direita)

Painel “Lançar a Rede” (da esquerda para a direita) – Eduardo Marçal Grilo, Isabel Alçada, Bárbara Wong (moderadora), Tere- sa Calçada e Guilherme d’ Oliveira Martins.

Tere- sa Calçada e Guilherme d’ Oliveira Martins. Manuela Pargana Silva Coordenadora da Rede de Bibliotecas

Manuela Pargana Silva Coordenadora da Rede de Bibliotecas Escolares

2

BIBLIOTEQUICES Sua Excelência ,o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa também marcou presença no
BIBLIOTEQUICES
BIBLIOTEQUICES
BIBLIOTEQUICES Sua Excelência ,o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa também marcou presença no evento.
BIBLIOTEQUICES Sua Excelência ,o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa também marcou presença no evento.

Sua Excelência ,o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa também marcou presença no evento.

Marcelo Rebelo de Sousa também marcou presença no evento. Professoras Bibliotecárias do AEVM e outras PB

Professoras Bibliotecárias do AEVM e outras PB do concelho do Seixal.

3

BIBLIOTEQUICES O Lobo que Queria Mudar de Cor de Orianne Lallemand e Éléonore Thuillier Este
BIBLIOTEQUICES O Lobo que Queria Mudar de Cor de Orianne Lallemand e Éléonore Thuillier Este
BIBLIOTEQUICES O Lobo que Queria Mudar de Cor de Orianne Lallemand e Éléonore Thuillier Este

BIBLIOTEQUICES

BIBLIOTEQUICES O Lobo que Queria Mudar de Cor de Orianne Lallemand e Éléonore Thuillier Este livro
BIBLIOTEQUICES O Lobo que Queria Mudar de Cor de Orianne Lallemand e Éléonore Thuillier Este livro

O Lobo que Queria Mudar de Cor

de Orianne Lallemand e Éléonore Thuillier

Este livro apresenta-nos um lobo muito especial que acorda insatisfeito com a

sua cor. Depois de mudar de cor várias vezes: Verde, vermelho, amarelo

percebe que não há nada melhor do que ser castanho como sempre foi! Os alunos das turmas 1.º B e 1.º C decidiram por mãos à obra e com o apoio da ceramista Anabela Camelo e das suas professoras deram largas à imaginação! Aqui fica uma foto do trabalho realizado para quem não pode visitar a exposi- ção!

ele

largas à imaginação! Aqui fica uma foto do trabalho realizado para quem não pode visitar a

4

BIBLIOTEQUICES

BIBLIOTEQUICES Neste contexto, ao longo mês de outubro, a Biblioteca Escolar lançou desafios e promoveu várias
BIBLIOTEQUICES Neste contexto, ao longo mês de outubro, a Biblioteca Escolar lançou desafios e promoveu várias

Neste contexto, ao longo mês de outubro, a Biblioteca Escolar lançou desafios e promoveu várias atividades nomeadamente:

lançou desafios e promoveu várias atividades nomeadamente: Construção de um acróstico a partir da palavra

Construção de um acróstico a partir da palavra BIBLIOTECA

de um acróstico a partir da palavra BIBLIOTECA Os alunos participaram ativamente na atividade e os

Os alunos participaram ativamente na atividade e os vencedores foram:

1.º – Catarina Micaelo, n.º 6 e Catarina Gomes, n.º 7, 9.ºA

2.º – Tiago Santos, n.º 19, 5.º A

3.º – Carolina Grosa, n.º4, 5.º E

Parabéns a todos!

5

BIBLIOTEQUICES

BIBLIOTEQUICES Leitura de textos e poemas sobre a “Biblioteca” às turmas. Atividade dinamizada pelos alunos do
BIBLIOTEQUICES Leitura de textos e poemas sobre a “Biblioteca” às turmas. Atividade dinamizada pelos alunos do
Leitura de textos e poemas sobre a “Biblioteca” às turmas. Atividade dinamizada pelos alunos do
Leitura
de textos
e poemas
sobre a
“Biblioteca” às turmas.
Atividade dinamizada pelos alunos do Clu-
be de Leitura da BE “Ler é uma viagem” sob
a orientação da professora Rosa Henrique
Parabéns à Professora e aos
Alunos!

6

BIBLIOTEQUICES

Outubro – Mês das Bibliotecas Escolares
Outubro – Mês das Bibliotecas Escolares
BIBLIOTEQUICES Outubro – Mês das Bibliotecas Escolares Formação de Utilizadores Ao longo do mês de outubro,

Formação de Utilizadores

Ao longo do mês de outubro, realizaram-se outras atividade no âmbito da temática. Destas sali- entamos a atividade “Conhecer a Biblioteca Escolar” destinada aos alunos do 5.º ano de escolaridade que teve como objetivo formar utilizadores deste serviço. A professora bibliotecária, em articulação com as áreas curricu- lares de Educação para a Cidada- nia e Apoio ao Estudo, realizou 24 sessões (2 X 45 minutos) de for- mação de utilizadores com todas as turmas do 5.º ano de escolari- dade.

com todas as turmas do 5.º ano de escolari- dade. Na primeira sessão, os alu- nos

Na primeira sessão, os alu- nos aprenderam as regras

básicas da Biblioteca Escolar

e o que podem fazer em ca-

da uma das zonas funcionais

deste serviço.

Na segunda sessão, os dis- centes acedem ao catálogo

virtual da BE onde fazem pesquisas por nome do au- tor, titulo da obra e assunto

e conheceram os serviços de

difusão da informação da Bi- blioteca Escolar: blog Bibliomilhaços; boletim das

BE do Agrupamento Biblio- tequices e facebook.

da Bi- blioteca Escolar: blog – Bibliomilhaços ; boletim das BE do Agrupamento – Biblio- tequices

7

portas."

casa com o várias

é uma

"A leitura

"A leitura

casa com o várias é uma "A leitura "A leitura BIBLIOTEQUICES Outubro – Mês das Bibliotecas
casa com o várias é uma "A leitura "A leitura BIBLIOTEQUICES Outubro – Mês das Bibliotecas

BIBLIOTEQUICES

várias é uma "A leitura "A leitura BIBLIOTEQUICES Outubro – Mês das Bibliotecas Escolares Semear
várias é uma "A leitura "A leitura BIBLIOTEQUICES Outubro – Mês das Bibliotecas Escolares Semear
várias é uma "A leitura "A leitura BIBLIOTEQUICES Outubro – Mês das Bibliotecas Escolares Semear
várias é uma "A leitura "A leitura BIBLIOTEQUICES Outubro – Mês das Bibliotecas Escolares Semear
Outubro – Mês das Bibliotecas Escolares Semear Leituras, para (a)colher leitores! No dia 20

Semear Leituras, para (a)colher leitores!

No dia 20 realizou-se, na biblioteca escolar, uma sessão destinada a pais e encarrega- dos de educação, dos alunos do 1º ano de escolaridade e da educação pré-escolar, para promover a leitura em família.

A sessão foi dinamizada pela Drª Susana Filipe da Biblioteca Municipal do Seixal, de for- ma bem disposta, não descurando as mensagens a passar aos presentes.

Foram sugeridos alguns livros que saíram da sua maleta, assim como objetos motivadores para captar leitores.

Foi num ambiente de animação que os pais fizeram a leitura partilhada de um poema de António Torrado.

Os filhos também estiveram presentes, muito atentos, adoraram as histórias e participa- ram com intervenções, que nos marcaram e ficaram na nossa memória.

Sobre a LEITURA disseram:

ilumina-me coração!”
ilumina-me
coração!”

Agradecemos à Câmara Municipal do Seixal por ter autorizado a vinda da Drª Susana Fi- lipe e, deste modo, proporcionar às famílias presentes momentos tão enriquecedores co- mo aqueles que vivemos.

Muito obrigada Susana por tão bem "Semear leituras"; agora cabe-nos a nós comunidade educativa", (a)colher os leitores!

8

BIBLIOTEQUICES Outubro – Mês das Bibliotecas Escolares 2016-ISLM Project: Bookmark Exchange ”Learn to Decode
BIBLIOTEQUICES Outubro – Mês das Bibliotecas Escolares 2016-ISLM Project: Bookmark Exchange ”Learn to Decode

BIBLIOTEQUICES

BIBLIOTEQUICES Outubro – Mês das Bibliotecas Escolares 2016-ISLM Project: Bookmark Exchange ”Learn to Decode
BIBLIOTEQUICES Outubro – Mês das Bibliotecas Escolares 2016-ISLM Project: Bookmark Exchange ”Learn to Decode
BIBLIOTEQUICES Outubro – Mês das Bibliotecas Escolares 2016-ISLM Project: Bookmark Exchange ”Learn to Decode
BIBLIOTEQUICES Outubro – Mês das Bibliotecas Escolares 2016-ISLM Project: Bookmark Exchange ”Learn to Decode

2016-ISLM Project: Bookmark Exchange ”Learn to Decode Your World”

Project: Bookmark Exchange ”Learn to Decode Your World” Este ano, a BE da EBAM participa no
Este ano, a BE da EBAM participa no projeto 2016 ISLM Project: Bookmark Exchange -

Este ano, a BE da EBAM participa no projeto 2016 ISLM Project:

ano, a BE da EBAM participa no projeto 2016 ISLM Project: Bookmark Exchange - "Learn to

Bookmark Exchange - "Learn to De- code Your World" organizado pelo IASL (International Association of School Librarianship), no âmbito do Mês Internacional das Bibliotecas Escolares (MIBE). Nesse contexto, chegaram os pri- meiros marcadores dos nossos par- ceiros húngaros. A turma do 3.ºA fi- cou feliz com os marcadores recebidos. A acompanhar os mesmos vinha uma bonita fotografia da escola Jókai Mór Általános e um postal ilustrado da cidade, onde esta se situa, Pécs, na Hungria. Os alunos do 3.ºA estão a acabar os seus marcadores, para enviar aos seus parceiros. Estão a ficar maravilhosos!

is a fun "A book friend!"
is a fun
"A book
friend!"

9

BIBLIOTEQUICES Outubro – Mês das Bibliotecas Escolares 2016-ISLM Project: Bookmark Exchange Este projeto, promovido
BIBLIOTEQUICES Outubro – Mês das Bibliotecas Escolares 2016-ISLM Project: Bookmark Exchange Este projeto, promovido

BIBLIOTEQUICES

BIBLIOTEQUICES Outubro – Mês das Bibliotecas Escolares 2016-ISLM Project: Bookmark Exchange Este projeto, promovido
BIBLIOTEQUICES Outubro – Mês das Bibliotecas Escolares 2016-ISLM Project: Bookmark Exchange Este projeto, promovido
BIBLIOTEQUICES Outubro – Mês das Bibliotecas Escolares 2016-ISLM Project: Bookmark Exchange Este projeto, promovido
BIBLIOTEQUICES Outubro – Mês das Bibliotecas Escolares 2016-ISLM Project: Bookmark Exchange Este projeto, promovido
BIBLIOTEQUICES Outubro – Mês das Bibliotecas Escolares 2016-ISLM Project: Bookmark Exchange Este projeto, promovido

2016-ISLM Project: Bookmark Exchange

Este projeto, promovido pelo IASL (International Association School Librarianship), é uma maneira simples e divertida de compartilhar o prazer e delícias de livros e bibliotecas e de fazer novos amigos através de bibliotecas escolares em todo o mundo. Tivemos como parceiros a Roménia, a Hungria e as escolas de Mafra e o Jardim de Infância da Trofa. Neste contexto, a Biblioteca Escolar organizou uma exposição para divulgar o trabalho realiza- do, que envolveu 13 das nossas turmas, desde a educação pré-escolar ao 4.º ano de escolarida- de. O coordenador internacional do projeto “2016 ISLM Bookmark Exchange Project” foi Breege O'Brien da Irlanda.

Deixamos aqui alguns exemplos dos marcadores concebidos pelos alunos das diferentes escolas.

ENVIADOS

Deixamos aqui alguns exemplos dos marcadores concebidos pelos alunos das diferentes escolas. ENVIADOS RECEBIDOS 10
Deixamos aqui alguns exemplos dos marcadores concebidos pelos alunos das diferentes escolas. ENVIADOS RECEBIDOS 10
Deixamos aqui alguns exemplos dos marcadores concebidos pelos alunos das diferentes escolas. ENVIADOS RECEBIDOS 10

RECEBIDOS

Deixamos aqui alguns exemplos dos marcadores concebidos pelos alunos das diferentes escolas. ENVIADOS RECEBIDOS 10
Deixamos aqui alguns exemplos dos marcadores concebidos pelos alunos das diferentes escolas. ENVIADOS RECEBIDOS 10
Deixamos aqui alguns exemplos dos marcadores concebidos pelos alunos das diferentes escolas. ENVIADOS RECEBIDOS 10

10

BIBLIOTEQUICES Outubro – Mês das Bibliotecas Escolares Encontro com Pedro Seromenho No âmbito do Mês
BIBLIOTEQUICES Outubro – Mês das Bibliotecas Escolares Encontro com Pedro Seromenho No âmbito do Mês

BIBLIOTEQUICES

BIBLIOTEQUICES Outubro – Mês das Bibliotecas Escolares Encontro com Pedro Seromenho No âmbito do Mês
BIBLIOTEQUICES Outubro – Mês das Bibliotecas Escolares Encontro com Pedro Seromenho No âmbito do Mês
BIBLIOTEQUICES Outubro – Mês das Bibliotecas Escolares Encontro com Pedro Seromenho No âmbito do Mês
BIBLIOTEQUICES Outubro – Mês das Bibliotecas Escolares Encontro com Pedro Seromenho No âmbito do Mês

Encontro com Pedro SeromenhoBIBLIOTEQUICES Outubro – Mês das Bibliotecas Escolares No âmbito do Mês Internacional das Bibliotecas Escola-

No âmbito do Mês Internacional das Bibliotecas Escola- res (MIBE), recebemos no dia 20 de
No âmbito do Mês Internacional das Bibliotecas Escola-
res (MIBE), recebemos no dia 20 de outubro na BE, o
escritor Pedro Seromenho. Desta vez, foram os alunos
do 1º ano que estiveram com o autor e puderam usufru-
ir de uma excelente sessão de promoção da leitura alia-
da à partilha de bonitas mensagens, num ambiente de
boa disposição e afetividade.
Os alunos ouviram as professoras ler, em voz alta, na
sala de aula, alguns dos seus livros. Depois do contacto
com o livro, desenharam, recortaram, colaram e fize-
ram trabalhos bem interessantes, que estão expostos na
BE.
Também tiveram a possibilidade de adquirir os livros
de que mais gostaram e foram lindos os autógrafos que
Pedro Seromenho lhes deixou.
Agradecemos a disponibilidade do autor.
mais gostaram e foram lindos os autógrafos que Pedro Seromenho lhes deixou. Agradecemos a disponibilidade do

11

BIBLIOTEQUICES Outubro – Mês das Bibliotecas Escolares Formação de Utilizadores N o âmbito do Mês

BIBLIOTEQUICES

BIBLIOTEQUICES Outubro – Mês das Bibliotecas Escolares Formação de Utilizadores N o âmbito do Mês Internacional
BIBLIOTEQUICES Outubro – Mês das Bibliotecas Escolares Formação de Utilizadores N o âmbito do Mês Internacional
BIBLIOTEQUICES Outubro – Mês das Bibliotecas Escolares Formação de Utilizadores N o âmbito do Mês Internacional
BIBLIOTEQUICES Outubro – Mês das Bibliotecas Escolares Formação de Utilizadores N o âmbito do Mês Internacional

Formação de Utilizadores

No âmbito do Mês Internacional das Bibliotecas Escolares, na BE da EB1 de Vale de Milhaços, tiveram lugar sessões de formação de utilizadores no âmbito da utiliza- ção do serviço de Biblioteca. Neste contexto, os alunos iniciaram a requisição domicili- ária.

os alunos iniciaram a requisição domicili- ária. Na hora do conto, trabalhámos o livro “História com

Na hora do conto, trabalhámos o livro “História com Recadinho de Luísa Dacosta”, obra inserida na lista de Educação Literária das metas Curriculares da Disciplina de Português. Na turma, ficou o desafio de construir marcadores ilustrados com dese- nhos a partir da história.

de Português. Na turma, ficou o desafio de construir marcadores ilustrados com dese- nhos a partir

12

BIBLIOTEQUICES
BIBLIOTEQUICES
BIBLIOTEQUICES Outubro – Mês das Bibliotecas Escolares CARTAZ COLETIVO DAS BE DO CONCELHO DO SEIXAL No
BIBLIOTEQUICES Outubro – Mês das Bibliotecas Escolares CARTAZ COLETIVO DAS BE DO CONCELHO DO SEIXAL No
BIBLIOTEQUICES Outubro – Mês das Bibliotecas Escolares CARTAZ COLETIVO DAS BE DO CONCELHO DO SEIXAL No

CARTAZ COLETIVO DAS BE DO CONCELHO DO SEIXAL

Escolares CARTAZ COLETIVO DAS BE DO CONCELHO DO SEIXAL No âmbito das comemoração do Mês Internacional

No âmbito das comemoração do Mês Internacional da Biblioteca Escolar as Bibliotecas Es- colares do Concelho, produziram cartazes alusivos à efeméride.

Em reunião de SABE (Serviço de Apoio às Bibliotecas Escolares) da Biblioteca Municipal do Seixal, acordou-se em produzir um poster coletivo composto por todos os cartazes individu- ais das Bibliotecas Escolares. A sua impressão ficou a cargo da BMS.

Apresentamos em anexo o produto final que se encontra afixado em todas as escolas sede de Agrupamento do Conselho do Seixal e que espelha, uma vez mais, o trabalho colaborativo entre as escolas e a autarquia.

13

BIBLIOTEQUICES SOBE, SOBE, SOBE, SAÚDE SAÚDE SAÚDE ORAL, ORAL, ORAL, ALIMENTAÇÃO ALIMENTAÇÃO
BIBLIOTEQUICES SOBE, SOBE, SOBE, SAÚDE SAÚDE SAÚDE ORAL, ORAL, ORAL, ALIMENTAÇÃO ALIMENTAÇÃO

BIBLIOTEQUICES

BIBLIOTEQUICES SOBE, SOBE, SOBE, SAÚDE SAÚDE SAÚDE ORAL, ORAL, ORAL, ALIMENTAÇÃO ALIMENTAÇÃO
BIBLIOTEQUICES SOBE, SOBE, SOBE, SAÚDE SAÚDE SAÚDE ORAL, ORAL, ORAL, ALIMENTAÇÃO ALIMENTAÇÃO
BIBLIOTEQUICES SOBE, SOBE, SOBE, SAÚDE SAÚDE SAÚDE ORAL, ORAL, ORAL, ALIMENTAÇÃO ALIMENTAÇÃO
BIBLIOTECA BIBLIOTECA ESCOLAR ESCOLAR ESCOLAR A atividade Sobe, Saúde Oral, Alimentação e Bibliotecas

A atividade Sobe, Saúde Oral, Alimentação e Bibliotecas Escolares, realizada pela BE em parceria com a Higienista Oral do Centro de Saúde de Corroios, na EB do Alto do Moinho, teve como destinatários os alunos da Educação Pré-escolar e do 1.º ano de escolaridade, num total de 6 turmas. A Higienista Sofia Barata apresentou um PPT com informação sobre as dentições, a placa bacteriana, a higiene oral e a alimentação saudável. Depois de algumas noções de como proceder à escovagem dos dentinhos de leite e do rastreio, a professora bibliotecária leu aos alunos a história "Kiko, o dentinho de leite" de Manuela Mota Ribeiro. Para terminar, foram distribuídos kits de higiene oral (HO) a todos os alunos envolvi- dos na atividade.

Ribeiro. Para terminar, foram distribuídos kits de higiene oral (HO) a todos os alunos envolvi- dos

14

BIBLIOTEQUICES
BIBLIOTEQUICES
BIBLIOTEQUICES SOBE, SOBE, SOBE, SAÚDE SAÚDE SAÚDE ORAL, ORAL, ORAL, ALIMENTAÇÃO ALIMENTAÇÃO
BIBLIOTECA BIBLIOTECA ESCOLAR ESCOLAR ESCOLAR No dia 3 de novembro, realizámos a primeira sessão em

No dia 3 de novembro, realizámos a primeira sessão em parceria com a Higienista Oral da Unidade de Saúde Familiar do Centro de Saúde de Corroios, no Jardim de In- fância da EB1 Vale de Milhaços.

Como sensibilização, na hora do conto foi apresentado o livro Kiko, o dentinho de lei- te de Manuela Mota Ribeiro. As crianças adoraram a história do Kiko, o dente canino que vivia infeliz na boca de um menino que não lavava os seus dentinhos…

A higienista falou, depois, da importância da escovagem dos dentes e dos lanches saudáveis.

A sessão terminou com a entrega dos kits de higiene oral, fornecidos pela Direção Geral de Saúde, no âmbito da candidatura efetuada pela Biblioteca Escolar ao projeto.

fornecidos pela Direção Geral de Saúde, no âmbito da candidatura efetuada pela Biblioteca Escolar ao projeto.
fornecidos pela Direção Geral de Saúde, no âmbito da candidatura efetuada pela Biblioteca Escolar ao projeto.

15

BIBLIOTEQUICES
BIBLIOTEQUICES
BIBLIOTECA BIBLIOTECA ESCOLAR ESCOLAR ESCOLAR No dia 10 de Novembro, realizámos a primeira sessão no

No dia 10 de Novembro, realizámos a primeira sessão no âmbito do projeto SOBE, em parceria com a Higienista Oral da Unidade de Saúde Familiar do Centro de Saúde de Corroios, no Jardim de Infância da EB Quinta da Cabouca. Como sensibilização, na hora do conto foi apresentado o livro Kiko, o dentinho de leite de Manuela Mota Ribeiro. As crianças adoraram a história do Kiko, o dente canino que vivia infeliz na boca de um menino que não lavava os seus dentinhos… A Higienista falou depois da importância da escovagem dos dentes e dos lanches sau- dáveis. A sessão terminou com a entrega dos kits de higiene oral, fornecidos pela Direção Ge- ral de Saúde, no âmbito da candidatura efetuada pela biblioteca escolar ao projeto. No final, ficou acordado com a educadora Fátima Serôdio, a exemplo do que se tem feito nos anos anteriores, que as crianças utilizem diariamente os kits HO no Jardim de Infância.

do que se tem feito nos anos anteriores, que as crianças utilizem diariamente os kits HO
do que se tem feito nos anos anteriores, que as crianças utilizem diariamente os kits HO

16

BIBLIOTEQUICES

BIBLIOTEQUICES Mais uma vez, o Serviço de Apoio às Bibliotecas Esco- lares da Câmara Municipal do
BIBLIOTEQUICES Mais uma vez, o Serviço de Apoio às Bibliotecas Esco- lares da Câmara Municipal do
BIBLIOTEQUICES Mais uma vez, o Serviço de Apoio às Bibliotecas Esco- lares da Câmara Municipal do

Mais uma vez, o Serviço de Apoio às Bibliotecas Esco- lares da Câmara Municipal do Seixal (SABE), durante o mês de novembro, dinamizou a atividade “Estação do Li- vro” em articulação com as Bibliotecas Escolares do AEVM. Neste contexto, promoveram-se diversas ações que passamos a noticiar.

promoveram - se diversas ações que passamos a noticiar. No dia 16 de novembro, no âmbito
promoveram - se diversas ações que passamos a noticiar. No dia 16 de novembro, no âmbito
promoveram - se diversas ações que passamos a noticiar. No dia 16 de novembro, no âmbito

No dia 16 de novembro, no âmbito da Estação do Livro 2016, teve lugar, na Biblio- teca Escolar, a atividade Atelier de Escrita Cri- ativa, tendo o mesmo sido dinamizado por Jo- aquim Semeano. Esta atividade contou com a participação dos alunos do 5.ºH e da sua Professora de His- tória e Geografia de Portugal, Isabel Bola. Joaquim Semeano introduziu o tema, solici- tando aos alunos que indicassem duas pala- vras (binómio fantástico), com as quais pode- riam iniciar a construção de uma história. Se- guidamente, os alunos visualizaram um pe- queno filme e construíram a árvore do heroís- mo onde, apontaram características físicas e psicológicas dos seus heróis favoritos. Por último, foram distribuídas aos alunos peque- nas imagens inspiradoras. Todo este material serviu de base às histórias que os alunos construíram e leram aos colegas. Foi uma atividade muito interessante. Os nossos parabéns ao dinamizador e ao 5.º H que superou todas as expetativas! Parabéns a todos!

17

BIBLIOTEQUICES

BIBLIOTEQUICES No âmbito da Estação do Livro 2016 , no dia 24 de novembro, realizou -

No âmbito da Estação do Livro 2016, no dia 24 de novembro, realizou-se, na Biblioteca Escolar, a atividade Contos Pós-republicanos, tendo a mesma sido dinamizada por Cláudio Pereira.

A atividade contou com a participação dos alunos do 9.ºA e da sua Diretora de Turma, professo- ra Teresa Lopes.

Cláudio Pereira apresentou uma recolha de contos de tradição oral portuguesa feita por Teófilo Braga, entre outros. Os alunos escolheram os contos que queriam ouvir e participaram na dinami- zação dos mesmos.

Foi uma atividade tão interessante que, quando terminou, todos queriam que continuasse…

Os nossos parabéns ao dinamizador e aos alunos do 9.º A.

que, quando terminou, todos queriam que continuasse… Os nossos parabéns ao dinamizador e aos alunos do

18

BIBLIOTEQUICES
BIBLIOTEQUICES
BIBLIOTEQUICES No âmbito da Estação do Livro 2016, tivemos no dia 21 de novembro na biblioteca

No âmbito da Estação do Livro 2016, tivemos no dia 21 de novembro na biblioteca da EB n.º 1 de Vale de Milhaços, a visita de BRUNO MAGINA, que apresen- tou a 3.ª edição do seu livro de estreia, A VILA DAS CORES, que faz parte do Plano Nacional de Leitura.

Antes da sessão com o escritor, o livro foi lido e tra- balhado pela Professora Bibliotecária em parceria com a professora titular de turma, Teresa Tamanquira, em contexto de sala de aula.

Após a leitura do livro, os alunos deram as suas opi- niões sob as temáticas abordadas e colocaram ques- tões sobre os diversos tipos de famílias, a adoção, o

bullying, o racismo e a discriminação.

a adoção, o bullying, o racismo e a discriminação. Na sessão, o escritor leu o livro
a adoção, o bullying, o racismo e a discriminação. Na sessão, o escritor leu o livro

Na sessão, o escritor leu o livro de viva voz.

Os alunos seguiram a leitura com interesse e após a mesma, colocaram algumas questões relacionadas com o tema, às quais o Bruno respondeu com muita clareza.

No final da sessão, foram autografados, de forma personalizada, os livros adquiridos pelos alunos.

Foi uma atividade muito interessante!

foram autografados, de forma personalizada, os livros adquiridos pelos alunos. Foi uma atividade muito interessante! 19

19

BIBLIOTEQUICES
BIBLIOTEQUICES

Conto tradicional - António Fontinha

Mais uma vez, no âmbito da Estação do Livro, a Biblioteca Escolar teve a honra de receber o excelente contador de histórias António Fontinha. Neste contexto, é de louvar o papel desenvolvido pela Biblioteca Municipal e nomeadamente do Serviço de Apoio às Bibliotecas Escolares (SABE), na preservação e partilha dos contos da nossa tradição oral.

Participaram nesta atividade os alunos de 2 turmas do 4.º ano.

e partilha dos contos da nossa tradição oral. Participaram nesta atividade os alunos de 2 turmas

20

e partilha dos contos da nossa tradição oral. Participaram nesta atividade os alunos de 2 turmas
BIBLIOTEQUICES
BIBLIOTEQUICES

A PRINCESA ESPERTALHONA (Uma princesa diferente!) Este é um livro que nos mostra uma princesa bem diferente das que marcam o universo habitual de histórias. Não quer casar, tem roupas diferentes e ani- mais assustadores. E, com tudo isto, faz as delícias das crianças, mostrando- lhes que nem todas as princesas querem um príncipe ou que precisam dele para serem felizes para sempre. Este livro potencia essa reflexão, mas também abre portas para inúmeras atividades que permitem desenvolver a imaginação das crianças. A animação e a leitura desta obra leitura foi dinamizada pela Susana e pela Sílvia da Biblioteca Municipal do Seixal, tendo participado nesta atividade 3 tur- mas do 2.ºAno.

Susana e pela Sílvia da Biblioteca Municipal do Seixal, tendo participado nesta atividade 3 tur- mas

21

BIBLIOTEQUICES Antes da apresentação do livro "A ovelhita que sabia assobiar" de David Cortegaça com
BIBLIOTEQUICES Antes da apresentação do livro "A ovelhita que sabia assobiar" de David Cortegaça com

BIBLIOTEQUICES

BIBLIOTEQUICES Antes da apresentação do livro "A ovelhita que sabia assobiar" de David Cortegaça com ilustra-
BIBLIOTEQUICES Antes da apresentação do livro "A ovelhita que sabia assobiar" de David Cortegaça com ilustra-
BIBLIOTEQUICES Antes da apresentação do livro "A ovelhita que sabia assobiar" de David Cortegaça com ilustra-
BIBLIOTEQUICES Antes da apresentação do livro "A ovelhita que sabia assobiar" de David Cortegaça com ilustra-

Antes da apresentação do livro "A ovelhita que sabia assobiar" de David Cortegaça com ilustra- ções de Cristina Viana, foi proposto às turmas do 3.ºA da professora M.ª de Jesus e do 4.ºA, profes- sora Clotilde a participação no Com curso Literá- rio A OVELHITA QUE SABIA ASSOBIAR, de modo a motivar os alunos para a história que iriam ouvir no dia 16 de novembro e, ao mesmo tempo, como forma de estimular a criação literária.

Esta atividade foi proposta pela editora The Lit- tle Tree às escolas, abrangidas pela Estação do Livro.

Os alunos das duas turmas participantes escre- veram, conforme ditava o regulamento, uma his- tória original com um mínimo de 90 palavras, com pelo menos, 5 dos seguintes 9 elementos:

Personagens Ovelhita, Pardal e Lobos;

Lugares Vale da Lã Verde, Bosque pesado, Coli- na agreste;

Acontecimentos um longo passeio; uma grande correria; um forte vendaval.

Os trabalhos a concurso foram entregues à profes- sora bibliotecária.

uma grande correria; um forte vendaval. Os trabalhos a concurso foram entregues à profes- sora bibliotecária.
uma grande correria; um forte vendaval. Os trabalhos a concurso foram entregues à profes- sora bibliotecária.
uma grande correria; um forte vendaval. Os trabalhos a concurso foram entregues à profes- sora bibliotecária.
uma grande correria; um forte vendaval. Os trabalhos a concurso foram entregues à profes- sora bibliotecária.

22

BIBLIOTEQUICES
BIBLIOTEQUICES
– O desafio do conhecimento – Porto Editora - LITERACIA 3D é um concurso nacional que

LITERACIA 3D é um concurso nacional que pretende avaliar as competências dos alunos na literacia da leitura, matemática e ciência e tem como objetivo primordial contribuir para o seu desenvolvimento educativo, pessoal e social. Mais uma vez, a EBVM aderiu a este projeto, da Porto Editora. A realização das provas decorreu entre os dias de 21 e 25 de novembro na Biblioteca Es- colar, sob a supervisão da professora bibliote- cária e de acordo com o calendário em anexo.

bibliote- cária e de acordo com o calendário em anexo. Os resultados serão divulgados du- rante

Os resultados serão divulgados du- rante o mês de janeiro de 2017. Os 3 alunos que obtiverem as melho- res classificações nas diferentes litera- cias irão representar a EBVM a nível distrital. O nosso obrigada a todos os professo- res que abraçaram, uma vez mais, este projeto. Parabéns a todos os participantes!

obrigada a todos os professo- res que abraçaram, uma vez mais, este projeto. Parabéns a todos
obrigada a todos os professo- res que abraçaram, uma vez mais, este projeto. Parabéns a todos

23

BIBLIOTEQUICES

No âmbito da disciplina de História, o 9.º A apresenta à comunidade educativa a expo-
No âmbito da disciplina de História, o 9.º A apresenta à comunidade educativa a expo-
sição Mass Media / Movimentos Artísticos do século XX, que está patente na Biblioteca
Escolar.
Esta exposição enquadra-se no tema 9 do programa da disciplina “A Europa e o Mundo
no limiar do século XX” – Meta 6 – Conhecer e compreender as transformações sociocul-
turais das primeiras décadas do século XX e representa o produto final do trabalho de
articulação realizado entre a Biblioteca Escolar e a Sala de Aula.
Neste contexto, sob a orientação da docente da disciplina e da professora bibliotecá-
ria, os discentes procederam à pesquisa e tratamento da informação de acordo com o
plano delineado. Seguidamente, apresentaram um resumo do tema num slide de Power-
Point.
Seguidamente, os trabalhos foram imprimidos a cores e colados em K-line.
Finalmente, procedeu-se à apresentação harmoniosa do dos temas abordados numa ex-
posição que tem sido muito elogiada pela comunidade educativa.
Parabéns aos alunos pela qualidade dos trabalhos apresentados!
Agora, os alunos irão explorar estes conteúdos em articulação com as disciplinas de
Francês e Educação Visual.
Agora, os alunos irão explorar estes conteúdos em articulação com as disciplinas de Francês e Educação

24

BIBLIOTEQUICES

BIBLIOTEQUICES A hora de código é um movimento global, que envolve dezenas de milhões de alunos
BIBLIOTEQUICES A hora de código é um movimento global, que envolve dezenas de milhões de alunos

A hora de código é um movimento global, que envolve dezenas de milhões de alunos em mais de 180 países. Qualquer pessoa, em qualquer lugar pode organizar um evento sobre a Hour of Code. Os tutoriais, com uma hora de duração, estão disponíveis na inter- net, em mais de 30 idiomas e não é necessária experiência para os levar à prática. Esta experiência abrange uma faixa etária vasta que vai dos 4 aos 104 anos. Sob a direção da professora de TIC Andrea Graça, membro da Equipa da Biblioteca Es- colar, os alunos da EBVM participaram no evento. Foi uma atividade muito interessante em que os alunos adoraram participar. Parabéns a todos!

participaram no evento. Foi uma atividade muito interessante em que os alunos adoraram participar. Parabéns a
participaram no evento. Foi uma atividade muito interessante em que os alunos adoraram participar. Parabéns a
participaram no evento. Foi uma atividade muito interessante em que os alunos adoraram participar. Parabéns a
participaram no evento. Foi uma atividade muito interessante em que os alunos adoraram participar. Parabéns a
participaram no evento. Foi uma atividade muito interessante em que os alunos adoraram participar. Parabéns a
participaram no evento. Foi uma atividade muito interessante em que os alunos adoraram participar. Parabéns a

25

BIBLIOTEQUICES
BIBLIOTEQUICES
BIBLIOTEQUICES CLUBE CLUBE CLUBE DE DE DE LEITURA LEITURA LEITURA “Ler “Ler “Ler [quase] [quase]
BIBLIOTEQUICES CLUBE CLUBE CLUBE DE DE DE LEITURA LEITURA LEITURA “Ler “Ler “Ler [quase] [quase]

CLUBECLUBECLUBE DEDEDE LEITURALEITURALEITURA “Ler“Ler“Ler [quase][quase][quase] tudo”tudo”tudo”

“Ler [quase] [quase] [quase] tudo” tudo” tudo” No âmbito do Clube de Leitura da Biblioteca Escolar,
“Ler [quase] [quase] [quase] tudo” tudo” tudo” No âmbito do Clube de Leitura da Biblioteca Escolar,

No âmbito do Clube de Leitura da Biblioteca Escolar, “Ler [quase] tudo”, o professor Renato Dias iniciou , com as turmas do 8.º ano de escolaridade, a leitura de parte da obra Diário de Anne Frank . Com este projeto, a Biblioteca Escolar, procura dinamizar um trabalho colaborativo com os professores de Português no âmbito da Literacia da Leitura, trabalho esse que se traduz numa ação de apoio ao currículo que pretende motivar os alunos para a leitu- ra das obras das metas de educação literária.

a leitu- ra das obras das metas de educação literária. Ainda neste contexto, o professor Renato

Ainda neste contexto, o professor Renato Dias dinamizou, com as turmas do 7.º ano de escolaridade, a leitura da obra O Cavaleiro da Dinamarca. Através do apoio ao currículo e da motivação dos alunos para a leitura das obras das metas de educação literária, a Biblioteca Escolar, continua a promover um traba- lho colaborativo com os professores de Português, no âmbito da Literacia da Leitura.

26

BIBLIOTEQUICES
BIBLIOTEQUICES
BIBLIOTEQUICES CLUBE CLUBE CLUBE DE DE DE LEITURA LEITURA LEITURA “Ler “Ler “Ler é é é
BIBLIOTEQUICES CLUBE CLUBE CLUBE DE DE DE LEITURA LEITURA LEITURA “Ler “Ler “Ler é é é

CLUBECLUBECLUBE DEDEDE LEITURALEITURALEITURA “Ler“Ler“Ler ééé umaumauma viagem”viagem”viagem”

No dia 15 de dezembro, de manhã o clube de leitura “Ler é uma viagem” e a sua dinamizadora, Professora Rosa Henriques (Equipa da BE), dinamizaram uma sessão de leitura de Contos de Natal.

Os alunos foram muito expressivos na leitura dos textos e o público adorou.

Parabéns a todos! Continuem a LER cada vez +!

foram muito expressivos na leitura dos textos e o público adorou. Parabéns a todos! Continuem a
foram muito expressivos na leitura dos textos e o público adorou. Parabéns a todos! Continuem a

27

BIBLIOTEQUICES Oficina de Escrita Criativa com Margarida Fonseca Santos No dia 19 de novembro, recebemos

BIBLIOTEQUICES

BIBLIOTEQUICES Oficina de Escrita Criativa com Margarida Fonseca Santos No dia 19 de novembro, recebemos na

Oficina de Escrita Criativa com Margarida Fonseca Santos

Oficina de Escrita Criativa com Margarida Fonseca Santos No dia 19 de novembro, recebemos na EBVM
Oficina de Escrita Criativa com Margarida Fonseca Santos No dia 19 de novembro, recebemos na EBVM
Oficina de Escrita Criativa com Margarida Fonseca Santos No dia 19 de novembro, recebemos na EBVM
Oficina de Escrita Criativa com Margarida Fonseca Santos No dia 19 de novembro, recebemos na EBVM

No dia 19 de novembro, recebemos na EBVM a escritora Margarida Fonse- ca Santos. A convite do Grupo de Articulação Curricular de Português, Margarida Fonseca Santos dinamizou uma Ofici- na de Escrita Criativa para os docen- tes do Agrupamento de escolas. Segundo a autora, a escrita criativa baseia-se no jogo: é através dele que se desenvolve a capacidade de asso- ciar e guardar ideias, imagens, memó- rias, que dão origem a contos, cróni- cas, reflexões, diálogos. Na oficina, os docentes foram convi- dados a enfrentar a folha em branco onde experimentaram exercícios que fizeram nascer histórias. As professoras bibliotecárias do AEVM estiveram presentes no evento. Foi um dia cheio de boa disposição e de textos muito criativos.

do AEVM estiveram presentes no evento. Foi um dia cheio de boa disposição e de textos

28

BIBLIOTEQUICES

BIBLIOTEQUICES “A Escola Virtual é uma plataforma de aprendizagem que disponibiliza um vasto banco de recursos
BIBLIOTEQUICES “A Escola Virtual é uma plataforma de aprendizagem que disponibiliza um vasto banco de recursos
BIBLIOTEQUICES “A Escola Virtual é uma plataforma de aprendizagem que disponibiliza um vasto banco de recursos

“A Escola Virtual é uma plataforma de aprendizagem que disponibiliza um vasto banco de recursos interativos que abrange os currículos de diferentes disciplinas dos Ensinos Básico e Secundário. Neste sentido, é a ferramenta ideal para apoiar o estudo autónomo do aluno, no computador, permitindo-lhe rever a matéria, esclarecer dúvidas, aprofundar conhecimentos e realizar testes e fichas de avaliação.”

In, Manual de utilizador Bibliotecas, Porto Editora

Atenta à importância das novas tecnologias no processo de ensi- no e aprendizagem, a Direção Exe- cutiva adquiriu o pacote Biblioteca Escolar & Escola Virtual. Assim, ao disponibilizar, a alu- nos e docentes o acesso à Escola Virtual, a Biblioteca promoverá a democratização no acesso a esta ferramenta, potencializando ainda todos os recursos informáticos já existentes. Neste contexto, em parceria com a Porto Editora, no dia 30 de no- vembro, pelas 17H00, teve lugar, na Biblioteca Escolar, a Ação de formação, para professo- res, Biblioteca Escolar & Escola Virtual. Esta formação foi dinami- zada pelo Sr. Rui Moura da Porto Editora e teve como grande objeti- vo divulgar o recurso junto dos docentes para que estes o utili- zem com as suas turmas.

e teve como grande objeti- vo divulgar o recurso junto dos docentes para que estes o
e teve como grande objeti- vo divulgar o recurso junto dos docentes para que estes o

29

BIBLIOTEQUICES Jornadas de Educação para a Cidadania 2016 - Aprender com a Biblioteca Escolar -

BIBLIOTEQUICES

BIBLIOTEQUICES Jornadas de Educação para a Cidadania 2016 - Aprender com a Biblioteca Escolar - No
BIBLIOTEQUICES Jornadas de Educação para a Cidadania 2016 - Aprender com a Biblioteca Escolar - No

Jornadas de Educação para a Cidadania 2016 - Aprender com a Biblioteca Escolar -

No âmbito das “Jornadas de Educação para a Cidadania – Seixal 2016”, na Escola Secundária da Amora, Isabel Mendinhos, da Rede de Bibliotecas Escolares, apresen- tou o referencial “Aprender com a Biblioteca Escolar”. Seguidamente, várias Bibliotecas Escolares do concelho apresentaram exemplos de boas práticas que ilustram a operacionalização dos diferentes domínios do referido referencial. Neste contexto, as professoras bibliotecárias do Agrupamento de Escolas de Vale de Milhaços, representadas pela sua Coordenadora, Valentina Pereira, apresentaram a atividade “Olimpíadas da Leitura”, que se insere no domínio A – Literacia da Leitura desse referencial. O projeto de articulação vertical apresentado foi dinamizado pelas professoras bibli- otecárias em articulação curricular com os Professores Titulares de Turma do 3.º ano e as Professoras de Português do 5.º, 6.º, 7.º e 8.º anos de escolaridade. Esta intervenção espelha as práticas do nosso Agrupamento de escolas no âmbito do trabalho colaborativo entre a Biblioteca Escolar e a sala de aula.

do nosso Agrupamento de escolas no âmbito do trabalho colaborativo entre a Biblioteca Escolar e a

30

BIBLIOTEQUICES Professores Bibliotecários do Concelho do Seixal Foi num ambiente de alegria e boa disposição

BIBLIOTEQUICES

BIBLIOTEQUICES Professores Bibliotecários do Concelho do Seixal Foi num ambiente de alegria e boa disposição que
Professores Bibliotecários do Concelho do Seixal Foi num ambiente de alegria e boa disposição que os
Foi num ambiente de alegria e boa disposição que os professores bibliotecários das escolas do

Foi num ambiente de alegria e boa disposição que os professores bibliotecários das escolas do Seixal se encon- traram para almoçar, com o coordenador inter- concelhio da Rede de Bibliotecas Escolares RBE).

Feliz Natal e Bom Ano de 2017

para almoçar, com o coordenador inter- concelhio da Rede de Bibliotecas Escolares RBE). Feliz Natal e

31

BIBLIOTEQUICES

BIBLIOTEQUICES Amigos da Biblioteca Escolar Escolar? net e audiovisuais)? Queres ocupar os teus tempos livres?
BIBLIOTEQUICES Amigos da Biblioteca Escolar Escolar? net e audiovisuais)? Queres ocupar os teus tempos livres?
BIBLIOTEQUICES Amigos da Biblioteca Escolar Escolar? net e audiovisuais)? Queres ocupar os teus tempos livres?
Amigos da Biblioteca Escolar Escolar? net e audiovisuais)? Queres ocupar os teus tempos livres? Dirige-te
Amigos da Biblioteca Escolar Escolar? net e audiovisuais)? Queres ocupar os teus tempos livres? Dirige-te
Amigos da Biblioteca Escolar
Escolar?
net e audiovisuais)?
Queres ocupar os teus tempos livres?
Dirige-te à Biblioteca e informa-te.
Podes vir a ser um Monitor (um Amigo da BE).

Biblioteca

És aluno da escola e gostas de ler, ou tens conheci-

mentos: na área da multimédia (Informática / Inter-

PRÓXIMA EDIÇÃO Uma noite na Biblioteca Escolar Semana Internet Segura Dia dos Namorados Março, Mês
PRÓXIMA EDIÇÃO
Uma noite
na Biblioteca Escolar
Semana
Internet Segura
Dia dos Namorados
Março,
Mês da Leitura
Vem descobrir as novidades da tua
Biblioteca Escolar
http://bibliomilhacos.pt/novidades/
FICHA TÉCNICA

Podes colaborar na elaboração do

BIBLIOTEQUICES.

Entrega na BE/CRE os teus poemas,

narrativas ou comentários sobre assuntos

atuais ou do teu interesse.

Contamos contigo !

assuntos atuais ou do teu interesse . Contamos contigo ! REDAÇÃO: Equipa da Biblioteca Escolar.
assuntos atuais ou do teu interesse . Contamos contigo ! REDAÇÃO: Equipa da Biblioteca Escolar.
REDAÇÃO:

REDAÇÃO:

REDAÇÃO:
REDAÇÃO: Equipa da Biblioteca Escolar. COORDENAÇÃO: Professora Valentina Pereira A redação agradece a colaboração
REDAÇÃO: Equipa da Biblioteca Escolar. COORDENAÇÃO: Professora Valentina Pereira A redação agradece a colaboração
Equipa da Biblioteca Escolar.

Equipa da Biblioteca Escolar.

Equipa da Biblioteca Escolar.
REDAÇÃO: Equipa da Biblioteca Escolar. COORDENAÇÃO: Professora Valentina Pereira A redação agradece a colaboração
REDAÇÃO: Equipa da Biblioteca Escolar. COORDENAÇÃO: Professora Valentina Pereira A redação agradece a colaboração
COORDENAÇÃO:
COORDENAÇÃO:

COORDENAÇÃO:

COORDENAÇÃO:
COORDENAÇÃO:
REDAÇÃO: Equipa da Biblioteca Escolar. COORDENAÇÃO: Professora Valentina Pereira A redação agradece a colaboração
REDAÇÃO: Equipa da Biblioteca Escolar. COORDENAÇÃO: Professora Valentina Pereira A redação agradece a colaboração
Professora Valentina Pereira

Professora Valentina Pereira

Professora Valentina Pereira
Escolar. COORDENAÇÃO: Professora Valentina Pereira A redação agradece a colaboração das Professoras
Escolar. COORDENAÇÃO: Professora Valentina Pereira A redação agradece a colaboração das Professoras
A redação agradece a colaboração das Professoras

A redação agradece a colaboração das Professoras

A redação agradece a colaboração das Professoras
Bibliotecárias do Agrupamento e da Direção Execu-
Bibliotecárias do Agrupamento e da Direção Execu-

Bibliotecárias do Agrupamento e da Direção Execu-

Bibliotecárias do Agrupamento e da Direção Execu-
Bibliotecárias do Agrupamento e da Direção Execu-
tiva sem as quais não seria possível a produção deste
tiva sem as quais não seria possível a produção deste

tiva sem as quais não seria possível a produção deste

tiva sem as quais não seria possível a produção deste
tiva sem as quais não seria possível a produção deste
boletim.

boletim.

boletim.
Bibliotecárias do Agrupamento e da Direção Execu- tiva sem as quais não seria possível a produção
Bibliotecárias do Agrupamento e da Direção Execu- tiva sem as quais não seria possível a produção
do Agrupamento e da Direção Execu- tiva sem as quais não seria possível a produção deste
do Agrupamento e da Direção Execu- tiva sem as quais não seria possível a produção deste
do Agrupamento e da Direção Execu- tiva sem as quais não seria possível a produção deste

Queres

colaborar

na

dinamização

da

32