Sei sulla pagina 1di 3

25/11/2016

Alémdasaladeaula:2ªLISTADEEXERCÍCIOSDEDIREITOCIVILII–(OBRIGAÇÃODEDARERESTITUIR)

2ªLISTADEEXERCÍCIOSDEDIREITOCIVILII–(OBRIGAÇÃODEDARE

RESTITUIR)

2ªLISTADEEXERCÍCIOSDEDIREITOCIVILII–(OBRIGAÇÃODEDARERESTITUIR)

Prof.ªPatriciaDonzeleCielo

1.Sobreaobrigaçãodedarcoisacertaécorretoafirmarque(72ºexameOAB/MS):

a)Seuobjetoéconstituídoporumcorpocertoedeterminado;

b)Ocredorpoderáserobrigadoareceberoutracoisaououtroobjeto,desdequemaisvalioso;

c) Ocorrendo deterioração do objeto da obrigação por culpa do devedor, poderá o credor exigir o

equivalentemaisperdasedanos,ouaceitaracoisa,noestadoemqueseacha,podendotambémneste

casoreclamarperdasedanos;

d)Todasasalternativassãoverdadeiras.

2.Ocredordacoisacerta:

a)Podeserobrigadoareceberoutra,aindaquemaisvaliosa;

b)Podeaceitaroutracoisa,desdequehajaabatimentodopreço;

c) Pode aceitar receber outro bem, mas sempre que estiver de acordo com as condições pré­

estabelecidasnonegóciojurídico;

d)Nãopodeserobrigadoareceberoutra,aindaquemaisvaliosa.

3.Porquenaobrigaçãodedarcoisacerta(art.863,C.Civ.)ocredornãopodeserobrigadoareceber

outra,aindaquemaisvaliosa?:

a)Porqueaobrigaçãonãoédaescolhadocredor;

b)Porqueimplicariaemalteraraconvenção;

c)Porqueodireitodeescolhaédocredor;

d)Porqueodevedornãotem,nahipótese,capacidade.

4.Aobrigaçãodesolverdívidaemdinheiroconstitui:

a)Obrigaçãodecontribuir;

b)Obrigaçãodefazer;

c)Obrigaçãodedar;

d)Obrigaçãoalternativa,porquepodesersatisfeitaemdinheirooucomcheque.

5.Nocasodaobrigaçãodedarcoisacerta:

a)Seacoisaseperder,semculpadodevedor,esteresponderápeloequivalente;

b)Seacoisasedeteriorar,semculpadodevedor,estepoderáaceitaracoisanoestadoemqueseacha;

c)Seacoisaseperder,comculpadodevedor,esteresponderátambémporperdasedanos;

d)Atéatradição,pertenceaodevedoracoisa,excluídososacréscimos.

6.Sealguémseobrigaaentregarmilsacasdefarinhadetrigoepartedelaseperdersemsuaculpa:

a)Ficaráexoneradodapartequeseperdeu,poisnãoteveculpa.

b)Ficaráexoneradodetodaaobrigação,poisnãoteveculpa.

c)Continuaráobrigadopelototal.

d)Deveráindenizaremperdasedanosemrelaçãoàpartequeseperdeu.

7.Assinaleaalternativacorreta.Emumcontratodeempréstimodecoisanãofungível,ocomodatário

devedevolveraocomodante,aofimdoprazo,oobjetoemprestado.Seocorrerdanosàcoisa,objetodo

contrato,semculpadodevedoreantesdesuaentrega:

a)Ocredordevereceberacoisa,semdireitoàindenização,noestadoemqueseencontre.

b)Ocredordevereceberacoisanoestadoemqueseencontre,masterádireitoàindenização.

25/11/2016

Alémdasaladeaula:2ªLISTADEEXERCÍCIOSDEDIREITOCIVILII–(OBRIGAÇÃODEDARERESTITUIR)

c)Ocredornãodevereceberacoisa,maspodeexigirindenização.

d)Ocredorpodeexigiroutracoisadomesmogêneroequalidade.

8.Opossuidordemá­fétemdireitoàindenização:

a)Dasbenfeitoriasnecessárias.

b)Correspondenteaosfrutospercebidos,inclusiveosquetenhamsidoantecipados.

c)Correspondenteaosfrutospendentes,aindanãocolhidos.

d)Dasbenfeitoriasúteis.

9.Emdecorrênciadechuvastorrenciais,umcomercianteseviuimpedidodeentregar,noprazo,ajustadocontratualmentea

mercadoriavendida,causandoprejuízoaocredor.Porconseguinte,odanoexperimentadopelocredor:

a)Nãosesujeitaàreparação,hajavistaqueocasofortuitoexcluiarelaçãodecausalidade.

b)Deveensejarreparação,inexistindocláusulacontratualdenãoindenizar.

c)Nãopodeensejarreparação,postoqueacláusulacontratualdenãoindenizaréabsoluta,operando,

inclusive,alémdoespectroobrigacional.

d)Deveprovocarareparação,eisqueocasofortuitonãoexcluiaresponsabilidadecivilearelaçãode

causalidade.

10. Alberto, na qualidade de credor, visando por fim a uma obrigação pactuada com Ricardo, aceita receber do devedor (Ricardo) um objeto diverso daquele estabelecido no instrumento obrigacional e, assimprocedendo,realizouuma:

a)Compraevenda.

b)Doação.

c)Novaçãosubjetivapassiva.

d)Daçãoempagamento.

11.Empostodeserviçodeatendimentoaveículosautomotores,opossuidordeboa­fé(pessoaquelocou

deoutroquenãoeraorealproprietário)construiueinstaloucômodopararecomposiçãodepneumáticos,

com especificação própria, inclusive alvenaria para instalação de maquinário. Demandado para a devolução, não como locatário, certamente, já que o real proprietário não mantinha com ele nenhum

contrato,emformaprópriadedefesa,pediuarespectivaindenização,complenaprovadoscustosda

obra,earespectivaretenção,atéquefosseindenizado.Ojuizjulgarácomacertose:

a) negaraindenizaçãoearetenção,entendendoquequalquerresponsabilidadedeveráserdequem

indevidamentelocou.

b) considerar a obra como benfeitoria necessária ao posto de serviço, concedendo a indenização e a

retenção.

c) concederaindenização,masnãoaretenção,considerandoaobracomosimplesconstruçãoenão

comobenfeitoria.

d) consideraraobracomobenfeitoriaútileconcederaindenização,comretenção.

e)entenderque,sehouvelocaçãoporquemnãoeraproprietário,qualquerindenizaçãosóseriapossível

comaconsideraçãodesolidariedadeentreaqueleeorealproprietário.

12.Segundooartigo776doCC,oseguradoréobrigadoapagaremdinheirooprejuízoresultantedo

riscoassumido,salvoseconvencionadaareposiçãodacoisa.Emumcasoconcretonoqualocontratode segurocontempleasduassituações(pagamentoemdinheirooureposiçãodacoisa),silenciandoquantoà

escolha,estacaberánostermosdoart.252doCC:

a)Aosegurador. b)Aosegurado. c)Aojuiz,poisemcasodedúvidaéelequemdeverásolucioná­la. d)N.d.a.

13.Quemsofreosprejuízos,quandoocorreperdatotalouparcialdacoisa,antesdesuaentrega,sem

culpadodevedor,nasobrigaçõesdeentregarequemsofreaperdatotalouparcialdacoisa,quandonão

ocorreculpadodevedor,nasobrigaçõesderestituir?

25/11/2016

Alémdasaladeaula:2ªLISTADEEXERCÍCIOSDEDIREITOCIVILII–(OBRIGAÇÃODEDARERESTITUIR)

a)Odonodacoisa;

b)Ocredoreodevedor;

c)OPoderPúblico,emaçãoregressiva,seprovadaasuaresponsabilidade;

d)Odevedorquetinhaaobrigaçãodeentregarourestituir;

e)nenhumadasalternativasanteriores.

14. Ao comodatário, a quem se impõe obrigação de restituir a coisa emprestada, fora reconhecido o direito,pelocomodante,deperceberosfrutosdasárvoresqueintegramoimóvel,atéofinaldoprazo contratual.Assim:

a) Fará jus o comodatário aos frutos colhidos, durante todo o tempo em que permaneça licitamente

noimóveldeboa­fé.

b) Fará jus o comodatário aos frutos colhidos, durante todo o tempo em que permaneça no imóvel,

independentedeboa­fé.

c)Apenasemrelaçãoaosfrutospendenteséqueinteressaaanálisedaboa­fé,poisquedeverãoser

restituídosaotempoemquecessaraboa­fé,deduzidasasdespesasdeproduçãoecusteio.

d)Apenasemrelaçãoaosfrutospendenteséqueinteressaaanálisedaboa­fé,poisquedeverãoser

restituídosaotempoemquecessaraboa­fé,semdeduçãodasdespesasdeproduçãoecusteio.

15.Sobreopossuidordeboaféécorretoafirmarque:

a)Nãotemdireitoàindenizaçãodasbenfeitoriasnecessárias;

b)Sótemdireitoàindenizaçãodasbenfeitoriasnecessárias;

c)Nãopodelevantarasbenfeitoriasvoluptuárias;

d)Podeexercerodireitoderetençãodacoisa,opondo­seàsuarestituiçãoatéserpagodovalordas

benfeitoriasúteisenecessáriasquefez.

16.SeAobriga­seaentregaraescultura“obeijo”deRodinouatela“Maya”dePicassoaB,aescolha

caberáaodevedorA,seocontrárionãoforestipuladonocontrato.Daípode­seafirmarque:

a)Cabendoaescolhaaodevedor,poderáeleobrigarocredorareceberparteemumaparteemoutra

obrigação.

b)Nãotendosidoexercitadoodireitodeescolhanoprazomarcado,aopçãopassaaocredor.

c)Tornando­seimpossívelasduasprestaçõesporculpadodevedor,ficaráesteobrigadoapagarovalor

damaisvaliosamaisperdasedanos.

d)Nocasodeimpossibilidadedeumadasprestaçõessemculpadodevedor,aobrigaçãoseconcentrana

outra,sempoderexigirocredorperdasedanos.

e)N.d.a.

17.Emrelaçãoàobrigaçãodedar,assinaleaalternativaincorreta:

a) Ocorrendo a deterioração da coisa sem culpa do devedor, surgirá para o credor duas alternativas:

resolveraobrigaçãoouaceitaracoisacomabatimentoemseupreço.

b)Seadeterioraçãosederporculpadodevedor,asalternativasdocredorsão:exigiroequivalentemais

perdasedanosouaceitaracoisanoestadoemeuestivermaisperdasedanos.

c)Seantesdatradiçãoocorrerperdadacoisasemculpadodevedor,restaráextintaaobrigaçãopara

ambasaspartes.

d)N.d.a.

Gabarito:

1­a,2­d,3­b,4­c,5­c,6­c,7­a,8­a,9­a,10­d,11­d,12­a,13­a,14­a,15­d,16­d,17­d.