Sei sulla pagina 1di 1

QUANDO O DNA APONTA SUSPEITOS

QUANDO O DNA APONTA SUSPEITOS Com a nova tecnologia, vestígios de sêmen encontrados nas roupas da
Com a nova tecnologia, vestígios de sêmen encontrados nas roupas da vítima em caso de
Com a nova
tecnologia, vestígios
de sêmen encontrados
nas roupas da vítima
em caso de estupro,
por exemplo, podem
servir para encontrar
o culpado.
Até resquícios de
saliva em uma bituca
de cigarro podem
conter DNA suficiente
para apontar a
presença de uma
pessoa no local.
No caso de a
identificação
de um corpo ser
necessária, os novos
equipamentos
conseguirão ler
resquícios genéticos
de amostras hoje
“ilegíveis”, como
as encontradas em
corpos carbonizados
ou submersos durante
longo tempo.
Os equipamentos disponíveis no Brasil até então conseguiam apenas encontrar detalhes básicos sobre o perfil
Os equipamentos disponíveis no Brasil até então conseguiam apenas encontrar detalhes básicos sobre o perfil
Os equipamentos disponíveis no Brasil até então conseguiam apenas encontrar detalhes básicos sobre o perfil

Os equipamentos disponíveis no Brasil até então conseguiam apenas encontrar detalhes básicos sobre o perfil genético de uma pessoa.

detalhes básicos sobre o perfil genético de uma pessoa. A evolução na leitura do DNA tornou
detalhes básicos sobre o perfil genético de uma pessoa. A evolução na leitura do DNA tornou
detalhes básicos sobre o perfil genético de uma pessoa. A evolução na leitura do DNA tornou

A evolução na leitura do DNA tornou possível estimar características físicas, como a cor dos olhos, do cabelo (e seu tipo), da pele, entre outros.

dos olhos, do cabelo (e seu tipo), da pele, entre outros. Dará para prever com grande

Dará para prever com grande precisão qual a ancestralidade de alguém – se tem mais traços genéticos europeus ou indígenas, por exemplo.

Só os equipamentos nãobastam:é preciso criar um banco de dados do DNA brasileiro para poder
Só os equipamentos nãobastam:é preciso criar um banco de dados do DNA brasileiro para poder

Só os equipamentos nãobastam:é preciso criar um banco de dados do DNA brasileiro para poder gerarresultados confiáveis.Issodemanda tempoedinheiro.

O número de amostras considerado “razoável” é de

2,5

mil

de amostras considerado “razoável” é de 2,5 mil Os responsáveis pelo projeto apontam que, apesar da

Os responsáveis pelo projeto apontam que, apesar da compra de equipamentos estar sendo financiada pela Polícia Federal, os recursos aprovados não serão suficientes para garantir um banco de dados confiável.

E nem tudo fica na mão da tecnologia: os perfis genéticos apontados só serão úteis se os peritos da polícia encontrarem resultados semelhantes em sua própria base de dados.