Sei sulla pagina 1di 10
Instituto Politécnico de Leiria Escola Superior de Tecnologia e Gestão Departamento de Eng. Electrotécnica

Instituto Politécnico de Leiria Escola Superior de Tecnologia e Gestão

Departamento de Eng. Electrotécnica

Disciplina de Sistemas de Telecomunicações (I) Folha Teórico-Prática nº 0 – Fundamentos Matemáticos para Telecomunicações

Conteúdo Programático

Fundamentos Matemáticos para Telecomunicações

1. O DECIBEL E AS SUAS APLICAÇÕES

NOÇÃO DE DECIBEL

O decibel dá-nos a razão entre duas grandezas, numa escala não linear, sejam elas tensão (V), corrente (A) ou potência (W). Considere o seguinte sistema:

ENTRADA

DE SINAL

(W). Considere o s eguinte sistema: ENTRADA DE SINAL SAÍDA DE SINAL SISTEMA GENÉRICO atenuador /

SAÍDA DE

SINAL

o s eguinte sistema: ENTRADA DE SINAL SAÍDA DE SINAL SISTEMA GENÉRICO atenuador / amplificador /

SISTEMA GENÉRICO atenuador / amplificador / misturador / antena / linha de transmissão / comutador /

A entrada e/ou a saída pode ser caracterizada por um determinado nível de sinal, que pode ser medido em Volt, Ampere ou Watt. Se o nível à saída for superior ao nível à entrada diz-se que o sistema apresenta ganho. Caso contrário, diz-se que o sistema tem ou causa atenuação.

Sistemas de Telecomunicações – 2EICD / 2EEDC

Folha teórico-prática nº 0

DECIBEL NO DOMÍNIO DA POTÊNCIA

Considere agora que no mesmo sistema (figura em baixo) quando uma certa potência P 1

é injectada na entrada, a saída apresenta uma potência P 2 .

na entrada, a saí da apresenta uma potência P 2 . Conforme foi referido, o si

Conforme foi referido, o sistema apresenta ganho (G) se P 2 > P 1 e atenuação (A) caso contrário.

G dB = 10*log (

A dB = 10*log (

P

2

P

1

P

2

P

1

)

)

Tanto o ganho (G) como a atenuação (A) calculam-se da mesma forma e existe uma relação entre eles.

Ganho = -Atenuação

Apresentam-se de seguida vários exemplos de

P

2

P

1

e os correspondentes decibel:

Base 10

Logaritmo

 

Decibel

10 0 = 1

log = 0

10

log(1) = 0dB

10 1 = 10

log = 1

10

log(10) = 10dB

10 2 = 100

log = 2

10

log(100) = 20dB

10 3 = 1000

log = 3

10

log(1000) = 30dB

10 4 = 10000

log = 4

10

log(10 000) = 40dB

….

….

….

10 -1 = 0.1

log = -1

10

log(0,1) = -10dB

10 -2 = 0.01

log = -2

10

log(0,01) = -20dB

10 -3 = 0.001

log = -3

10

log(0.001) = -30dB

10 -4 = 0.0001

log = -4

10

log(0,0001) = -40dB

Sistemas de Telecomunicações – 2EICD / 2EEDC

Folha teórico-prática nº 0

Exemplo:

– 2EICD / 2EEDC Folha teórico-prática nº 0 Exemplo: Visto que a saída é o dobro

Visto que a saída é o dobro da entrada o sistema tem ganho igual a:

10*log ( 4mW

2mW ) = 10*log (2) = +3,01dB +3dB

Se a saída é o dobro da entrada, então o ganho é de +3dB (100%) Se a saída é metade da entrada (50%), então o ganho é de -3dB, ou seja, há uma atenuação de +3dB!

Utilizando as últimas considerações, pode-se facilmente efectuar os cálculos em decibel e, visto que, a associação em série de sistemas resulta numa operação linear, um sistema pode ser decomposto como se exemplifica na figura seguinte:

pode ser decomposto como se ex emplifica na figura seguinte: Se na entrada se encontram 6mW,

Se na entrada se encontram 6mW, então tem-se à saída do:

1º Sistema: 2*6mW = 12mW 2º Sistema: 2*12mW = 24mW 3º Sistema: 2*24mW = 48mW Ou seja, multiplica-se a entrada por 2 3 = 8 (8*6mW = 48mW) Concluindo:

+3dB é um multiplicador de duas vezes +6dB é um multiplicador de quatro vezes +9dB é um multiplicador de oito vezes

Para outros valores que não sejam múltiplos de 3, pode-se utilizar a técnica que se encontra na figura para aproveitar outros resultados conhecidos:

na figura para aproveitar outros resultados conhecidos: Dep. Engenharia Electrotécnica, Fevereiro de 2007

Sistemas de Telecomunicações – 2EICD / 2EEDC

Folha teórico-prática nº 0

O dB m e o dB W

Os valores em dB m e dB W são valores reais, isto é, são a razão entre o valor que se quer

caracterizar e uma unidade definida, respectivamente 1 miliWatt e 1 Watt.

Seja p 1 a representação da potência em unidades lineares e P 1 a mesma potência em

dB m ou dB W , define-se o seguinte:

Valor de p 1 em dB m :

Valor de p 1 em dB W :

P

1 =10*log

P

1 =10*log

p

1

1mW

[dB m ]

p

1

1W

[dB W ]

Usando as últimas definições chega-se às seguintes relações entre ambas:

P

1

[

dB

m

]

=10 log

⎛⎞ p ⎝⎠ ⎜⎟ 1mW

1

⎜ ⎝

p1

1

1W 1

×

10

-3

=10 log

⎟ ⎠ =

P

1

[

dB

W

]

(

-10 log 1

×

10

-3

)

P =P +30dB ⇔ P =P - 30dB 1 [ dB m ] 1 []
P
=P
+30dB
P
=P
- 30dB
1
[
dB
m ]
1
[]
dB
11dB
[]
[
dB
m ]
W
W

Exemplifica-se o cálculo de dB W e dB m :

p

1 =1mW

P 1 =0 dB m

(por definição)

p

1 =1W

P 1 =0 dB W

(por definição)

P 1 = +30dB m1 = 0dB W

p

1 =1W

P 1 = -30dBW = 0dB m

p

1 =1mW

De seguida, demonstra-se uma propriedade útil ao utilizar o dB m e o dB W , pois torna-se

possível trabalhar apenas em decibel, ou seja, as multiplicações passam a ser somas e as

divisões passam a ser diferenças.

P

i

⎯⎯→

p

i

G [dB]

P

0

⎯⎯→

p

0

Em unidades lineares, tendo em conta que g é o ganho do sistema em unidades lineares,

a potência na saída é dada por:

p

0

= p g

i

Calculando o valor da potência na saída em dB m :

P

0

=

10 log

⎛⎞

⎝⎠ ⎜⎟ 1mW

pg

⎛⎞⋅

⎝⎠ ⎜⎟ 1mW

⎜ ⎝

⎟ ⎠

⎛⎞

⎜⎟

⎝⎠ 1mW

p

0

ii

=

10 log

p

gg

1mW

=

10 log

p

⋅=

10 log

i

+

10 log

(

)

Sistemas de Telecomunicações – 2EICD / 2EEDC

Folha teórico-prática nº 0

Agora basta aplicar a definição de dB m e dB, usando G como o valor do ganho em dB,

para se determinar o valor de

P

0

em dB m .

P

0

[]

dB

m

= P

i

[]

dB

m

+ G

Aplicando o mesmo raciocínio para dB W , chega-se à seguinte relação:

P

0

[]

dB

W

= P

i

[]

dB

W

+G

Praticam-se as propriedades referidas nos exemplos que se seguem:

as propriedades referidas nos exemplos que se seguem: Tem de se transformar a potência da entrada

Tem de se transformar a potência da entrada em dB m . Para isso note-se:

2mW +3dB m

Posto isto, na saída obtém-se:

P saída =9dB m +23dB=32dB m

4mW +6dB m

8mW +9dB m .

Neste exemplo realiza-se o exercício de forma invertida:

. Neste exemplo realiza-se o ex ercício de forma invertida: Porque o sistema tem atenuaç ão,

Porque o sistema tem atenuação, a entrada será maior que a saída. Sabendo que:

P Saída =10mW = 10dB m = P Entrada +G

Logo, à entrada temos:

P Entrada = P Saída – (-17dB) = P Saída + 17dB P Entrada = 27dB m Para calcular a potência em unidades lineares vai-se efectuar o seguinte raciocínio:

Se uma Potência de 30dB m equivale a 1W, então, como 27dB m = 30dB m – 3dB implica que

a potência em unidades lineares é 0,5W (-3dB corresponde a 50% do valor).

Sistemas de Telecomunicações – 2EICD / 2EEDC

Folha teórico-prática nº 0

DECIBEL NO DOMÍNIO DA TENSÃO E DA CORRENTE

Seja p 1 e p 2 a representação da potência em unidades lineares na entrada e saída de um

sistema e G o ganho dB, define-se:

Valor do ganho (G) em dB via Corrente:

G=10 log

p

2

IR

⎛⎞ I

⎜⎟

⎝⎠ I

2

⎛⎞ I

⎜⎟

⎝⎠ I

11

=

10 log

22

p

2

IR

2

2

=

10 log

1

⇒=

G

20 log

1

[

dB

]

Valor do ganho (G) em dB via Tensão

G=10 log

⎛⎞ p

⎜⎟

⎝⎠

1

p

2

=

10 log

O dB V e o dB μV

2 ⎛ V ⎞ 1 2 ⎜ ⎟ ⎛ VV ⎞ ⎛ ⎞ R 11
2
V
1
2
VV ⎞ ⎛
R
11
⎟=
10 log
⇒=
G
20 log
2
V
VV ⎠ ⎝
2
22
R
⎟ ⎟ ⎠

[

dB

]

Os valores em dB V e dB μV são valores reais, isto é, são a razão entre o valor que se quer

caracterizar e uma unidade definida, respectivamente 1 Volt e 1 μVolt.

Seja v 1 a representação de uma tensão em unidades lineares e V 1 a mesma tensão em

dB V ou dB μV , define-se o seguinte:

Valor de v 1 em dB V :

Valor de v 1 em dB μV :

V

1 =10*log

V

1 =10*log

v

1

1V

⎠ ⎟ ⎞ [dB V ]

v

1

1μV

⎠ ⎟ ⎞ [dB μV ]

Sistemas de Telecomunicações – 2EICD / 2EEDC

Folha teórico-prática nº 0

O dB A e o dB μA

Os valores em dB A e dB μA são valores reais, isto é, são a razão entre o valor que se quer

caracterizar e uma unidade definida, respectivamente 1 Ampere e 1 μAmpere.

Seja i 1 a representação de uma tensão em unidades lineares e I 1 a mesma tensão em dB A

ou dB μA , define-se o seguinte:

Valor de i 1 em dB A :

Valor de i 1 em dB μA :

I

I

1 =10*log

1 =10*log

i

1

1A

⎠ ⎟ ⎞ [dB A ]

i

1

1μA

⎠ ⎟ ⎞ [dB μA ]

Sistemas de Telecomunicações – 2EICD / 2EEDC

Folha teórico-prática nº 0

2. Exercícios

Exercício. 1.

Exercício. 2.

Exercício. 3.

Exercício. 4.

Calcule as seguintes potências em dB m e dB W :

p=1W

p=2W

p=0.5W

p=4W

p=0.25W

p=10W

p=20W

p=100W

p=0.1W

p=0.05W

p=0.01W

Calcule a potência de saída do seguinte sistema em unidades lineares.

de saída do segui nte sistema em unidades lineares. Calcule a potência de entrada do seguinte

Calcule a potência de entrada do seguinte sistema em W, mW, dB m e dB W

p

i

⎯⎯→

G = 23dB

p

0

= 100mW

⎯⎯⎯⎯⎯→

Calcule o ganho(g)/atenuação(a) em unidades lineares e em dB do seguinte sistema

p

i

=

10,1mW

⎯⎯⎯⎯⎯→

Sistema

p

0

=

20mW

⎯⎯⎯⎯⎯→

Sistemas de Telecomunicações – 2EICD / 2EEDC

Folha teórico-prática nº 0

Exercício. 5. Prove que os dois sistemas seguintes são equivalentes. p pp p ⎯⎯→ i
Exercício. 5.
Prove que os dois sistemas seguintes são equivalentes.
p
pp
p
⎯⎯→
i
GG = 3dB
= 10dB
⎯⎯→
⎯⎯→⇔ ⎯⎯→
0
i
G = 13dB
⎯⎯→
0
Exercício. 6.
Considere o seguinte sistema. Calcule a potência de entrada que dá
origem a 40mW na saída.
a potência de entrada que dá origem a 40mW na saída. Exercício. 7. Calcule a potência

Exercício. 7.

Calcule a potência de saída deste sistema.

Exercício. 7. Calcule a potência de saída deste sistema. Exercício. 8. Calcule a potência da ent

Exercício. 8.

Calcule a potência da entrada do seguinte sistema.

8. Calcule a potência da ent rada do seguinte sistema. Exercício. 9. Calcule a potência da

Exercício. 9.

Calcule a potência da entrada do seguinte sistema.

9. Calcule a potência da ent rada do seguinte sistema. Exercício. 10. Considere os seguintes valo

Exercício. 10. Considere os seguintes valores de potências de um sinal: 50μW, 1mW e 100mW. Calcule essas potências em dB m e dB W e exprima em dB V e dB μV a tensão que essas potências produzem numa resistência de 600e 50.

Sistemas de Telecomunicações – 2EICD / 2EEDC

Folha teórico-prática nº 0

Exercício. 11. Tendo em conta que a definição de dB R no ponto de referência (Y) relativo ao ponto X é a seguinte:

dB

R

= 10log

P

X

P

Y

Considere a figura que segue na qual constam 3 pontos do sistema (A, B, C) para além do ponto de referência (ref) ao qual se calculam os dB R :

−− 10dB 2dB − 4dB ⎯⎯⎯→ ⎯⎯⎯⎯→ R ⎯⎯⎯⎯→ RR ⎯⎯⎯⎯→ ref A B C
−− 10dB
2dB
− 4dB
⎯⎯⎯→
⎯⎯⎯⎯→
R
⎯⎯⎯⎯→
RR
⎯⎯⎯⎯→
ref
A
B
C

Determine:

a) A potência de sinal medido no ponto B, admitindo que no ponto de referência se injecta uma potência de 1mW

b) O valor do Ganho que o sinal sofre quando se propaga de A para C.