Sei sulla pagina 1di 2

Professor Fernando Aprato

QUESTÕES SOBRE ORIGEM E EVOLUÇÃO HISTÓRICA E LEGISLATIVA

INSS/AFPS/CESPE/1998

QUESTÃO 1

► Acerca das origens e da evolução legislativa da

seguridade social no Brasil, julgue os itens abaixo.

1. A Lei Eloy Chaves (Decreto Legislativo n.º 4.682, de

1923), primeira norma a instituir no Brasil a previdência social, que criou as caixas de aposentadorias por invalidez e ordinária, pensão por morte e assistência médica, apenas alcançou os empregados das empresas

de estradas de ferro, cujas funções estivessem definidas

como de maior risco, em face da atividade empresarial desenvolvida.

2. O Instituto de Aposentadorias e Pensões dos Marítimos, criado pelo Decreto n.º 22.872, de 1933, teve como associados, desde a sua criação, os empregados das empresas de navegação marítima e fluvial, seus próprios funcionários, prestadores de serviços subordinados a empresas a elas vinculadas, além de armadores de pesca, pescadores e indivíduos empregados em profissões conexas com a indústria de pesca.

3. A Constituição Federal de 1934, além de definir a

competência da União para fixar regras de assistência social, reservando ao Congresso a competência para fixar normas sobre aposentadoria, estabeleceu a forma tríplice de custeio do sistema, envolvendo ente público, empregado e empregador, e previu o caráter obrigatório da contribuição.

4. A Carta Magna promulgada em 1946 consagrou a

para a cobertura de certos riscos, a partir da divisão do encargo entre todos.

2. A primeira norma a instituir no Brasil a previdência

social foi a denominada Lei Eloy Chaves, pela qual foram criadas as caixas de aposentadorias e pensões, em âmbito nacional, para os trabalhadores das várias empresas de estradas de ferro existentes no país.

3. A Constituição de 1934 foi a primeira a estabelecer a

tríplice forma de custeio da previdência, que apenas alcançava as situações de velhice, invalidez, maternidade, acidentes do trabalho e morte.

4. Sob a égide da Constituição de 1946, que manteve o

sistema da tríplice contribuição (União, empregador e

empregado), foi introduzido o princípio da precedência do custeio, pelo qual nenhum benefício de caráter assistencial ou previdenciário poderia ser criado, estendido ou majorado sem a correspondente fonte total

de custeio.

5. A Constituição de 1967 introduziu diversos benefícios

no sistema previdenciário, entre os quais o auxílio- natalidade, o auxílio-funeral e o auxílio-reclusão, ampliando a área de assistência social a diversas categorias profissionais até então alijadas do sistema.

AGU/Procurador_Federal_de_2_Categoria/CESPE/2004

QUESTÃO 3

►Acerca da evolução histórica e dos conceitos da

itens

subseqüentes.

seguridade

social

no

Brasil,

julgue

os

1. Inspirada no plano Beveridge da Inglaterra e na

previdência social à proteção da maternidade e contra

doutrina norte-americana do estado do bem-estar social,

as

conseqüências da doença, da velhice, da invalidez e

a

Constituição de 1946 iniciou um processo de

da

morte, além de prever, em caráter programático, a

sistematização constitucional da matéria previdenciária,

instituição de benefício destinado a suprir o

inserindo pela primeira vez a expressão seguridade

desemprego involuntário, o que apenas foi atendido com

social.

edição, em 1965, da lei que criou o auxílio desemprego.

a

2.

A partir da década de 40 do século XX, teve início o

5. O Sistema Nacional de Previdência e Assistência Social (SINPAS), introduzido em 1977, buscou reorganizar a previdência social, integrando suas diversas atividades, por meio de órgãos tais como:

INPS, INAMPS, FUNABEM, DATAPREV e IAPAS.

SENADO_FEDERAL/Consultor_Legislativo_DT_e_DP/2

002/CESPE

QUESTÃO 2 ►A propósito da origem e da evolução legislativa da seguridade social no Brasil, julgue os itens abaixo.

1. A Constituição de 1824 determinou a criação do Montepio Geral dos Servidores do Estado (MONGERAL), caracterizado como sistema mutualista, pelo qual várias pessoas se associavam e se cotizavam

processo de uniformização das políticas legislativas relacionadas à previdência. A Lei Orgânica da Previdência Social, em 1960, operou a efetiva unificação da legislação, entretanto, apenas em 1966 é que os institutos de aposentadoria e pensão foram extintos e integrados a uma organização previdenciária centralizada: o Instituto Nacional de Previdência Social (INSS).

Professor Fernando Aprato

DPE_CE/Defensor_Público/CESPE/2007

QUESTÃO 4 ►Julgue os itens a seguir, relacionados à seguridade social.

1. No ordenamento jurídico brasileiro, a primeira referência a instituições que promovessem ações relacionadas ao que hoje se denomina seguridade social foi feita pela Constituição de 1824, que criou as casas de socorros, consideradas embriões das santas casas de misericórdia.

DPU/Defensor_Público_de_2ª_Categoria/CESPE/2010

QUESTÃO 5 ►Em relação aos institutos de direito previdenciário, julgue os itens que se seguem.

1. A Lei Eloy Chaves (Decreto Legislativo n.º 4.682/1923), considerada o marco da Previdência Social no Brasil, criou as caixas de aposentadoria e pensões das empresas de estradas de ferro, sendo esse sistema mantido e administrado pelo Estado.

QUESTÕES

RESPOSTAS

1 E

E

C

E

C

2 E

C

C

C

E

3 E

X

4 C

5 E