Sei sulla pagina 1di 13

1

1 SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS PRODUÇÃO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR 2014
1 SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS PRODUÇÃO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR 2014
SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS
SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO
ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS

PRODUÇÃO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR

1 SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS PRODUÇÃO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR 2014
2014
2014

2

2 PRODUÇÃO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR Trabalho de Produção textual interdisciplinar apresentado à Universidade Norte do Paraná -

PRODUÇÃO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR

Trabalho

de

Produção textual interdisciplinar

apresentado à Universidade Norte do Paraná - UNOPAR, como requisito parcial para a obtenção de

média bimestral na disciplina de. Linguagens

de

Programação e Estrutura de Dados; Banco de Dados I;

Organização de Computadores; Análise e Modelagem Orientada a Objetos I

Orientador:. Anderson E. M. Gonçalves; Merris Mozer; Roberto Y. Nishimura; Adriane Loper; Polyanna P. G. Fabris.

3

SUMÁRIO

  • 1 INTRODUÇÃO

........................................................................................................

4

  • 2 OBJETIVO................................................................................................................5

  • 3 DESENVOLVIMENTO

.............................................................................................

6

  • 3.1 Funcionalidades....................................................................................................6

  • 3.2 Justificando as escolhas.......................................................................................7

  • 3.3 O SGBD................................................................................................................8

    • 3.3.1 Gráfico do SGBD...............................................................................................9

    • 3.3.2 Gráfico da tela de acesso.................................................................................10

    • 3.3.3 Parque computacional......................................................................................11

      • 4 CONCLUSÃO........................................................................................................12

      • 5 REFERÊNCIAS......................................................................................................13

4

1. INTRODUÇÃO

Foi realizada uma comparação entre três sites de locadoras de carros existentes na internet e foram extraídas suas principais funcionalidades para montar um site de locação baseado nestas informações. Para que as reservas fossem feitas, foi implementado um sistema de banco de dados para armazenar as informações dos formulários preenchidos no site. Onde no decorrer da do conteúdo será apresentado o funcionamento da solução implementada.

5

2. OBJETIVO

Criar uma solução para a empresa “Aluga Buggy”, baseado na proposta efetuada pelos mesmos. Demonstrar como será feita a filtragem de informações para a implementação de um sistema eficiente. E juntamente com isso mostrar como o será seu funcionamento.

6

3. DESENVOLVIMENTO

3.1 FUNCIONALIDADES Dos três sites escolhidos (Localiza, Hertz e Lokamig), ambos apresentam muitas funcionalidades em comum para realizar a reserva de veículos. Exemplo: Data, hora, Cidade e Agência da retirada e devolução do automóvel.

Após análise comparativa entre os sites foram escolhidos alguns dos principais aspectos encontrados que podem ser abstraídos para serem implementados no site da empesa Aluga Buggy. Nos sites da Localiza e da Hertz existem as opções “Devolver o carro em um local diferente”, ou seja você pode entrega-los em outros estados do Brasil. Recurso que está limitado ao site da Lokamig, pois o mesmo só possui agências em Belo Horizonte MG, o que é interessante para ser usado no desenvolvimento do site, pois fica explicitado que os buggys são apenas para passeio e que você tem que devolvê-los na agência onde os pegou. O site da Hertz possui a opção de “aplicar de desconto” para membros e empresas conveniadas. E o da Lokamig possui o plano de fidelidade. Recurso interessante, para conseguir membros fiéis e duradouros, já que a empresa está em expansão. O site da Lokamig também apresenta opcionais como seguro veicular com proteção individual e até mesmo de terceiros. E também foi o site no qual apresentou uma interface atrativa em relação a escolha dos veículos. Ou seja, onde existe uma imagem ilustrando o automóvel e uma descrição completa do mesmo, como a categoria de habilitação para usar o veículo, o número de portas, se o mesmo direção hidráulica e outros.

7

3.2 JUSTIFICANDO AS ESCOLHAS Como os Buggys são somente para passeio, e não serão usados para viagens, implantaremos a opção de retirada e entrega da mesma agência em que foi locado. Para membros que utilizam ou que desejam utilizar com frequência os serviços será proposto um plano de fidelidade, para que clientes ganhem descontos, de acordo com o uso e demanda dos mesmos. Também será criada uma área no site para escolha dos Buggys onde existirá uma foto do mesmo, e suas descrições como quantidade de lugares, cor e etc. Será criada a opção de seguro do buggy, caso o cliente deseje mais tranquilidade ao sair para seu passeio.

8

3.3 O SGBD

Existem vários tipos de SGBD, tanto gratuitos quanto pagos, os mais conhecidos são: Oracle, MySql, Firebird, SQLServer, IBM Informix, PostgreSQL e vários outros. Softwares como o Oracle e o SQLServer são caros e cobram licenças por núcleos de processadores, ou por quantidades de dados armazenados e etc. Ambos são um melhores no mundo atualmente, mas não há necessidade de utilizá-los, até mesmo por questão de controle de gastos da empresa Aluga Buggy, e também porque os mesmos são para trabalhar com muito volume da dados. Já softwares como o MySQL e Firebird são gratuitos e fáceis de utilizar, mas serão descartados, pois não são tão robustos e são usados principalmente para aprendizado, e além disso, não oferecem tanta segurança. O SGBD escolhido foi o PostgreSQL, pois o mesmo é gratuito o que é interessante no momento para a empresa de locação, pois a mesma está em expansão e os gastos devem ser minimizados. E além de ser gratuito, o PostgreSQL é bem rápido, robusto e seguro, sendo uma excelente opção intermediária entre outros SGBD’s. O PostgreSQL pode trabalhar tanto em plataforma Windows como Linux. Sendo executado melhor em plataformas Linux, onde sua velocidade é superior aos outros Sistemas Operacionais, sempre levando em conta que velocidade é essencial para um SGBD. Além disso o Linux é um Sistema gratuito, que como já foi dito anteriormente, a empresa está fazendo altos investimentos e a implantação de softwares gratuitos irá minimizar este impacto, o sugerido para a implementação é o Debian, pois é mais versátil para trabalhar como um servidor. O sistema de locação será integrado em um só, ou seja, de qualquer lugar, o cliente poderá locar o veículo através do site, podendo escolher a reserva através da internet, e a mesma será efetuada. O esquema será graficamente representado.

9

  • 3.3.1 GRÁFICO DO SGBD

Gráfico 1 – Esquema da estruturação do SGBD com as outras centrais.
Gráfico 1
Esquema
da estruturação
do
SGBD
com
as
outras
centrais.

Pensando em estrutura, será somente um SGBD instalado em um servidor localizado na sede principal em Guarapari-ES, onde o mesmo fará o controle das reservas para todos os outros estados. As informações coletadas no site são armazenadas em forma de dados no servidor principal em Guarapari. Através de um software de controle as outras sedes conseguem visualizar dados sobre as reservas e clientes, que o servidor possui. Facilitando assim o controle.

10

  • 3.3.2 GRÁFICO DA TELA DE ACESSO

Gráfico 2 Tela do Software de controle do SGBD.

10 3.3.2 GRÁFICO DA TELA DE ACESSO Gráfico 2 – Tela do Software de controle do

Tela onde os devidos usuários poderão visualizar, alterar, cadastrar, ou seja, manipular todas as informações sobre reservas do SGBD, coletadas pelo site.

11

  • 3.3.3 PARQUE COMPUTACIONAL

Em relação ao parque computacional, o maior investimento seria no servidor de Guarapari, onde os requisitos da máquina devem ser condicionadas a um servidor de bando de dados, ou seja, precisará de velocidade de leitura/escrita no HD e também espaço de armazenamento no mesmo. Um processador veloz e uma memória RAM intermediária. Aprofundando mais no armazenamento que é o mais importante no servidor, será implementado um sistema de RAID 1, onde

existem dois HD’s trabalhando em paralelo, ou seja, quando um dado é

gravado em um HD, simultaneamente o mesmo dado é gravado no outro.

Com

isso é possível que

se

um

HD

parar o outro entre em

funcionamento, para que o sistema fique sempre operante. Em relação aos computadores de outras sedes, não é necessário configuração robusta. Apenas maquinas que possuam acesso ao site e suportem o software gerenciador que é leve.

12

4 CONCLUSÃO

Com o desenvolvimento do trabalho foi possível compreender como é essencial a análise de requisitos para a construção de um sistema eficiente, e que trabalhe bem ao ser implementado. Além de aprofundar como é de suma importância a administração da informação em uma rede estruturada como a apresentada.

13

5 REFERÊNCIAS

Comunidade

Hardware.

Disponível

em:

<http://www.hardware.com.br/comunidade/raid-tutorial/665151/>.

Acesso

em:

02 Maio de 2014 as 20:16

Hertz Rent-a-Car. Disponível em: <https://www.hertz.com.br>. Acesso em: 01 Maio de 2014 as 16:35

Lokamig Rent-a-Car. Disponível em <http://lokamig.com.br/>. Acesso em: 01 Maio de 2014 as 16:40

Reservas

Localiza.

Disponível

em:

<http://www.localiza.com/reservas/reserva/Passo1.aspx?CodPais=005>.

Acesso em: 01 Maio de 2014 as 16:10