Sei sulla pagina 1di 54
Catálogo de Produtos 2014
Catálogo de Produtos 2014

Catálogo de Produtos

2014

Índice Apresentação da Empresa 3 Apresentação dos Produtos Comercializados 4 Filtragem 5 Filtros

Índice

Apresentação da Empresa

3

Apresentação dos Produtos Comercializados

4

Filtragem

5

Filtros Comercializados

15

Representação oficial Vessair/MIKROPOR®

21

Ventiladores

23

Unidades de Tratamento de Ar

30

Humidificadores

35

Humidificadores Adiabáticos

37

Baterias e Radiadores

38

Ventiloconvectores

39

Equipamento de Difusão e Acessórios

40

Diversos

46

Condições Gerais de Venda

49

Apresentação da Empresa A LUÍS GEADA – Equipamentos de Climatização, Lda. foi criada em 4

Apresentação da Empresa

A LUÍS GEADA Equipamentos de Climatização, Lda. foi criada em 4 de Março de 2002. Situa-se próximo de

Cascais e tem como principal actividade a Importação e Comercialização da uma vasta gama de produtos

relacionados com a climatização, ventilação e qualidade do ar, entre outros.

A inovação é o principal catalisador para o nosso crescimento e desenvolvimento enquanto profissionais neste

ramo. Para tal as nossas principais apostas são a formação e o apoio técnico prestado junto dos nossos clientes.

Apostamos na procura de novos produtos através de visitas a feiras internacionais do ramo, de modo a atingir

a total satisfação dos nossos clientes. Mais do que aquilo que o nosso cliente quer, procuramos sempre fornecer aquilo que efectivamente precisa.

Contando com sólidas parcerias e exigindo apenas o melhor a todos os nossos fornecedores, fazemos questão de comercializar produtos de alta qualidade e prestar o melhor apoio técnico aos nossos clientes.

Os nossos principais fornecedores possuem certificação ISO 9001, bem como outros tipos de certificações mais técnicas. Além dos próprios fornecedores, procuramos sempre ofertar produtos com Certificação EUROVENT®.

mais técnicas. Além dos próprios fornecedores, procuramos sempre ofertar produtos com Certificação EUROVENT®. 3
Apresentação dos Produtos Comercializados A gama de produtos comercializados pela LUIS GEADA – Equipamentos de

Apresentação dos Produtos Comercializados

A gama de produtos comercializados pela LUIS GEADA Equipamentos de Climatização Lda é extremamente variada, como se poderá verificar. Apesar de a filtragem ser ainda o core business da nossa empresa, possuímos um vasto leque de fornecedores e contactos que nos permitem atender mais rápida e eficientemente as necessidades dos nossos clientes.

Filtragem Filtros Diversos Electroestácticos Ar Condicionado Ventilação Ventiloconvectores Unidades de
Filtragem
Filtros
Diversos
Electroestácticos
Ar Condicionado
Ventilação
Ventiloconvectores
Unidades de
Tratamento de Ar
Humidificadores
Electroestácticos Ar Condicionado Ventilação Ventiloconvectores Unidades de Tratamento de Ar Humidificadores 4
Filtragem A Filtragem é muito importante! Face às normas em vigor e tendo em conta

Filtragem

A Filtragem é muito importante!

Face às normas em vigor e tendo em conta as necessidades básicas de funcionamento e ocupação de um espaço, a filtragem do ar que respiramos é, hoje em dia, extremamente importante.

O ar que respiramos tem diversos componentes, como poderemos verificar no gráfico abaixo:

componentes, como poderemos verificar no gráfico abaixo: Na fatia que representa “Outros gases e partículas”

Na fatia que representa “Outros gases e partículas” contém elementos tais como dióxido de carbono, gases nobres, partículas finas e gases libertados pelo tráfego automóvel e indústria. Apesar de 1 por cento nos parecer um valor residual, é esta percentagem que irá determinar se a qualidade do ar é ou não, aceitável.

Apesar de a operação de filtragem parecer relativamente simples, um filtro de ar é um equipamento com alguma complexidade. Para se conseguir um bom filtro, as fibras devem permitir a passagem do ar, oferecendo

o mínimo de resistência possível, e também deter as partículas prejudiciais.

Síndrome do Edifício Doente fonte de problemas

As pessoas no mundo ocidental passam cerca de 70% do seu tempo em ambientes fechados. Inúmeros problemas de saúde podem portanto ser atribuídos a "condições interiores" deficientes, no que diz respeito à qualidade do ar, que por vezes está longe de ser a indicada. Isto pode causar o Síndrome do Edifício Doente (SED). Aproximadamente três quartos dos casos de SED podem ser atribuídos às partículas de poeira presentes no interior das instalações. Os sintomas comuns do SED incluem apatia, problemas de concentração e respiratórios, dores de cabeça, sonolência, irritação cutânea e ocular e fadiga. A filtragem do ar adequada é um meio relativamente simples de combate ao SED e proteger as pessoas dos seus efeitos nocivos.

A filtragem na Indústria Além da protecção necessária às pessoas, a filtragem num sistema de

A filtragem na Indústria

Além da protecção necessária às pessoas, a filtragem num sistema de ventilação é também utilizada para garantir as condições indicadas e necessárias ao processo produtivo, independentemente do ramo da indústria em questão. Consoante o tipo de processo em questão, os requisitos de filtragem variam. Podemos ver de seguida alguns exemplos do ramo da indústria e o tipo de filtros que usualmente se utilizam em cada caso.

INDÚSTRIA FARMACÊUTICA

se utilizam em cada caso. INDÚSTRIA FARMACÊUTICA O processo de produção de produtos farmacêuticos,

O processo de produção de produtos farmacêuticos, biofarmacêuticos e medicinais é definido por um conjunto de orientações da Organização Mundial da Saúde (OMS / WHO World Health Organization) e refere-se às Boas Práticas de Fabricação (GMPs Good Manufacturing Practices). Estas envolvem um controlo permanente dos produtos durante o processo de produção e embalagem afim de evitar qualquer tipo de contaminação.

Para este tipo de aplicação, a LUIS GEADA Equipamentos de Climatização disponibiliza os seguintes tipos de filtros, marca GEADA.AIR®:

a LUIS GEADA – Equipamentos de Climatização disponibiliza os seguintes tipos de filtros, marca GEADA.AIR®: 6
a LUIS GEADA – Equipamentos de Climatização disponibiliza os seguintes tipos de filtros, marca GEADA.AIR®: 6
INDÚSTRIA AUTOMÓVEL Como qualquer trabalho de pintura, na indústria automóvel este tipo de trabalho requer

INDÚSTRIA AUTOMÓVEL

INDÚSTRIA AUTOMÓVEL Como qualquer trabalho de pintura, na indústria automóvel este tipo de trabalho requer um

Como qualquer trabalho de pintura, na indústria automóvel este tipo de trabalho requer um ambiente extremamente limpo. Para além disso, as cabines de pintura de automóveis necessitam de um número elevado de renovações horárias do ar no seu interior para garantir a segurança do pessoal e de toda a cadeia produtiva e também para garantir a melhor qualidade da pintura em questão.

Para este tipo de aplicação, a LUIS GEADA Equipamentos de Climatização disponibiliza os seguintes tipos de filtros, marca GEADA.AIR®:

a LUIS GEADA – Equipamentos de Climatização disponibiliza os seguintes tipos de filtros, marca GEADA.AIR®: 7
a LUIS GEADA – Equipamentos de Climatização disponibiliza os seguintes tipos de filtros, marca GEADA.AIR®: 7
INDÚSTRIA ALIMENTAR A indústria alimentar é alvo de controlo apertado de maneira a garantir aos

INDÚSTRIA ALIMENTAR

INDÚSTRIA ALIMENTAR A indústria alimentar é alvo de controlo apertado de maneira a garantir aos consumidores

A indústria alimentar é alvo de controlo apertado de maneira a garantir aos consumidores a melhor qualidade

dos produtos produzidos e comercializados. Uma vez que não existe nenhuma regulamentação internacional ou normalização completamente bem definida que se aplique a esta indústria (talvez por se tratar de uma

indústria com processos produtivos bastante distintos e condições necessárias díspares), cabe a cada empresa

a melhor definição possível das condições de funcionamento da fábrica, logo os requisitos podem variar de

empresa para empresa. No entanto, existem alguns pontos comuns a todo o tipo de processo produtivo dentro desta indústria, tais como a necessidade de utilização de materiais que não permitam a contaminação

microbiológica e que sejam resistentes à corrosão, entre outros.

Desta forma, a LUIS GEADA Equipamentos de Climatização disponibiliza os seguintes filtros para este tipo de aplicação, marca GEADA.AIR®:

– Equipamentos de Climatização disponibiliza os seguintes filtros para este tipo de aplicação, marca GEADA.AIR®: 8
INDÚSTRIA ENERGÉTICA A função de uma turbina a gás é de produzir energia. Estas instalações

INDÚSTRIA ENERGÉTICA

INDÚSTRIA ENERGÉTICA A função de uma turbina a gás é de produzir energia. Estas instalações não

A função de uma turbina a gás é de produzir energia. Estas instalações não necessitam de infraestruturas complexas, pelo que podem ser instaladas junto do local onde a energia é consumida. Por isso, estes equipamentos são por vezes temporariamente instalados no deserto, em alto mar ou mesmo nas regiões árticas. Apesar das diferentes condições ambientais em que estes equipamentos podem funcionar, existe uma desvantagem nesta versatilidade: os poluentes contidos no ar podem eventualmente causar uma erosão precoce ou mesmo a colmatação de algum componente interno da turbina.

Como tal, a LUIS GEADA Equipamentos de Climatização disponibiliza os seguintes filtros para este tipo de aplicação, marca GEADA.AIR®:

– Equipamentos de Climatização disponibiliza os seguintes filtros para este tipo de aplicação, marca GEADA.AIR®: 9
– Equipamentos de Climatização disponibiliza os seguintes filtros para este tipo de aplicação, marca GEADA.AIR®: 9
SALAS BRANCAS Uma sala branca é um local onde a concentração de partículas é controlada

SALAS BRANCAS

SALAS BRANCAS Uma sala branca é um local onde a concentração de partículas é controlada de

Uma sala branca é um local onde a concentração de partículas é controlada de maneira a minimizar a entrada, a criação e a retenção de partículas no seu interior. As salas dos blocos operatórios podem ser consideradas de salas brancas, bem como laboratórios destinados a investigação. Neste tipo de salas os níveis de temperatura, humidade e pressão são parâmetros que têm de ser mantidos a níveis específicos, sendo necessária uma parametrização constante.

Nos diversos campos em que encontramos salas brancas, as partículas manuseadas no seu interior podem chegar ao micrómetro e até mesmo ao nanómetro. Para se conseguir filtrar partículas com esta dimensão são necessários vários estágios de filtragem, em que a classe de eficiência dos filtros irá aumentando de estágio para estágio (desde a Unidade de Tratamento de Ar até aos plenos de insuflação).

Dependendo do tipo de sala branca em questão, podemos distinguir dois tipos (em relação à pressão no seu interior):

Salas sobre-pressurizadas em relação à atmosfera e espaços adjacentes, para evitar a entrada não controlada de ar;

Salas sub-pressurizadas em relação à atmosfera e espaços adjacentes, para evitar a saída não controlada de ar. Nestes casos o ar extraído da sala passa ainda por um filtro absoluto antes de ser libertado na atmosfera;

de ar. Nestes casos o ar extraído da sala passa ainda por um filtro absoluto antes
Normas Europeias em vigor Como pode, o utilizador final, perceber se determinado filtro irá garantir

Normas Europeias em vigor

Como pode, o utilizador final, perceber se determinado filtro irá garantir ou não a qualidade do ar que irá filtrar?

Encontram-se actualmente em vigor normas Europeias que regulamentam a classificação/eficiência dos filtros de ar, para garantir que o cliente final consiga perceber se determinado filtro irá garantir a qualidade do ar que filtra. As normas actuais são duas e são as seguintes:

Tipo

de

   

Filtragem

Filtragem

     

Filtragem

 

Pré-Filtros

Média

 

Fina

 

Filtragem HEPA

Filtragem ULPA

Classe do

         

Filtro

G1

G2

G3

G4

M5

M6

F7

F8

F9

E10

E11

E12

H13

H14

U15

U16

U17

Norma

 

EN 779:2012

   

EN 1822

 

A actualização da EN 779 de 2012 veio trazer um novo tipo de filtragem, passando os filtros de classe 5 e 6 a filtragem média em vez de filtragem fina. Além desta alteração na denominação dos filtros, veio também introduzir a questão da eficiência energética na filtragem do ar, passando os filtros de classes F7, F8 e F9 a terem de obedecer a uma eficiência energética mínima.

A importância da eficiência energética na filtragem O consumo de energia é a maior fatia

A importância da eficiência energética na filtragem

O consumo de energia é a maior fatia quando analisados os custos associados ao processo de filtragem do ar. Pelos estudos efectuados até agora, podemos considerar que o total de custos inerentes a este processo se divide segundo o seguinte gráfico:

a este processo se divide segundo o seguinte gráfico: Tendo em conta os valores acima referidos

Tendo em conta os valores acima referidos é então muito importante analisar bem os filtros antes de se efectuar a compra. Todos os parâmetros devem ser comparados afim de saber se um filtro é efectivamente mais barato que outro ou não. Esta análise irá permitir reduzir os custos bem como reduzir a pegada ecológica.

Em suma, também na filtragem do ar podemos afirmar que muitas vezes o barato sai caro!

Vejamos então o seguinte exemplo:

- A energia consumida relacionada com um filtro de ar está directamente relacionada com a Perda de Carga do filtro. A perda de carga de cada filtro está normalmente relacionada com a área de filtragem, o que implica que um filtro com uma perda de carga inferior seja normalmente mais caro uma vez que possui uma execução mais dispendiosa. Então:

Filtro 1 Filtro mais barato (área de filtragem menor / perda de carga superior) Filtro 2 Filtro mais caro (área de filtragem maior / perda de carga inferior)

 

Qtd. De

Filtros

Classe

Perda de

Carga [Pa]

Caudal

[m

3 /h]

Tempo de

Utilização

[horas]

Eficiência

do

Ventilador

Energia

Total

Consumida

Custos de

Energia

[considerando

 

[kWh]

0,19€/kWh]

Filtro 1

10

F7

160

3.400

6.000

0,5

18.300

3.445

Filtro 2

10

F7

120

3.400

6.000

0,5

13.600

2.584

Como se pode verificar, as características dos filtros irão ter uma repercussão com algum relevo nos custos finais e utilização dos mesmos. Como tal, era importante passar a classificar cada filtro consoante a sua eficiência energética segundo a seguinte fórmula e tabela abaixo:

Em que:

Caudal de referência (0,944 m 3 /s 3400 m 3 /h);

Perda de carga média;

Tempo de utilização de referência (6.000 horas);

Eficiência do ventilador de referência (0,50)

Estágios de Filtragem A Norma Europeia EN 13779 é um guia de recomendações para os
Estágios de Filtragem A Norma Europeia EN 13779 é um guia de recomendações para os

Estágios de Filtragem

A Norma Europeia EN 13779 é um guia de recomendações para os requisitos da Qualidade do Ar Interior. O

objectivo desta norma é bastante claro: Criar condições interiores de conforto e de salubridade, minimizando

os custos de instalação e manutenção.

A Norma EN 13779 define quais os estágios de filtragem que um sistema deverá possuir para garantir as

condições interiores desejadas, tendo em conta o ambiente exterior em que o edifício se encontra inserido.

Foram definidos 3 níveis de ambiente exterior e consequentemente 3 níveis de qualidade do ar exterior:

Qualidade do Ar no Exterior

Descrição

ODA 1

Ar limpo, poluído temporariamente por pólen (zona rural)

ODA 2

Ar medianamente poluído (pequena cidade)

ODA 3

Ar poluído, incluindo gases nocivos (cidades industrializadas)

Em relação às condições interiores de referência para esta norma, foram definidos os seguintes níveis:

Qualidade do Ar no Interior

Descrição

Níveis de CO 2 acima do exterior

Caudal por Ocupante

[m 3 /h]

IDA 1

Ar Interior de Óptima Qualidade

<400

>54

IDA 2

Ar Interior de Boa Qualidade

400 600

36 54

IDA 3

Ar Interior de Média Qualidade

600 1000

22 36

IDA 4

Ar Interior de Baixa Qualidade

>1000

<22

Tendo em conta as condições definidas nas tabelas acima, a norma EN 13779 recomenda os seguintes estágios de filtragem:

Qualidade do Ar no Exterior

Qualidade do Ar no Interior

IDA 1

IDA 2

IDA 3

IDA 4

(Óptima Qualidade)

(Boa Qualidade)

(Média Qualidade)

(Baixa Qualidade)

ODA 1

F9

F8

F7

M5

ODA 2

F7 + F9

M6 + F8

M5 + F7

M5 + M6

ODA 3

F7 + FCA* + F9

F7 + FCA* + F9

M5 + F7

M5 + M6

*FCA Filtro de Carvão Activo

Dicas para a Manutenção e Substituição Um sistema de filtragem pode ser considerado limpo se

Dicas para a Manutenção e Substituição

Um sistema de filtragem pode ser considerado limpo se todos os seus componentes se encontrarem visivelmente limpos. Uma manutenção correcta começa com uma atenção regular sobre todo o sistema As dicas seguintes pretendem ajudar o cliente a aumentar o ciclo de vida dos filtros e a melhorar a eficiência do sistema de filtragem.

1. A verificação mensal de:

Nível de colmatação do material filtrante reduz o risco de desenvolvimento microbiológico;

Qualquer fenda ou rasgão do material filtrante;

Qualquer elemento mecânico danificado, como por exemplo a calha de fixação e vedação do filtro;

Manómetro diferencial de pressão e horas de funcionamento do filtro;

2. A substituição imediata dos filtros caso:

Se verifique qualquer fuga ou dano;

Se verifique a colmatação do filtro;

Se verifique qualquer alteração no sistema ou condições de funcionamento;

Se a perda de carga disponível do equipamento de ventilação for atingida;

3. Pontos de especial atenção na substituição dos filtros:

Manter o equipamento em stock devidamente arrumado e, local seco, na embalagem original (de preferência);

Utilizar roupa e equipamento de protecção indicados;

a

Embalar

cuidadosamente os

filtros utilizados para

evitar

a

fuga

de contaminantes para

atmosfera;

Limpar o sistema onde será instalado o novo filtro;

Instalar com o máximo de cuidado para não danificar o material filtrante;

Verificar a leitura (a zero) no manómetro diferencial de pressão e no contador de horas de serviço;

Filtros Comercializados De acordo com tudo o que foi referido até aqui, a LUÍS GEADA

Filtros Comercializados

De acordo com tudo o que foi referido até aqui, a LUÍS GEADA Equipamentos de Climatização Lda tem ao seu dispor um variado leque de opções no que diz respeito a filtragem. Na sua maioria, os filtros comercializados são marca GEADA.AIR®.

Rolos de Manta Filtrante

são marca GEADA.AIR®. Rolos de Manta Filtrante Rolo manta filtrante sintética – Classe G2 a G4

Rolo manta filtrante sintética Classe G2 a G4 (dimensões sob consulta)

sintética – Classe G2 a G4 (dimensões sob consulta) Rolo manta filtrante Micro Fibra de vidro

Rolo manta filtrante Micro Fibra de vidro impregnada Classe G3 e G4 (dimensões sob consulta)

impregnada – Classe G3 e G4 (dimensões sob consulta) Rolo manta filtrante Micro Fibra de vidro

Rolo manta filtrante Micro Fibra de vidro Classe G3 (dimensões sob consulta)

Fibra de vidro – Classe G3 (dimensões sob consulta) Rolo manta filtrante Micro Fibra de vidro

Rolo manta filtrante Micro Fibra de vidro Classe G3 (dimensões sob consulta)

Fibra de vidro – Classe G3 (dimensões sob consulta) Placas de material filtrante (por inércia) para

Placas de material filtrante (por inércia) para instalação em cabines de pintura 100 % cartão (dimensões sob consulta)

de pintura – 100 % cartão (dimensões sob consulta) Rolo manta filtrante kraft + sintético para

Rolo manta filtrante kraft + sintético para instalação em cabines de pintura (dimensões sob consulta)

Caso não encontre aqui o pretendido ou tenha alguma dúvida, contacte-nos.

Filtros Primários c Filtro Primário Liso – Estrutura Galvanizada Filtro Primário Micro Fibra de Vidro

Filtros Primários

c
c

Filtro Primário Liso Estrutura Galvanizada

c Filtro Primário Liso – Estrutura Galvanizada Filtro Primário Micro Fibra de Vidro – Estrutura de

Filtro Primário Micro Fibra de Vidro Estrutura de Cartão (Plano e Ondulado)

Filtros do tipo MiniPleat

de Cartão (Plano e Ondulado) Filtros do tipo MiniPleat Filtro Primário Ondulado – Estrutura Galvanizada Filtro

Filtro Primário Ondulado Estrutura Galvanizada

Filtro Primário Ondulado – Estrutura Galvanizada Filtro Primário Ondulado – Estrutura de Cartão Nota:

Filtro Primário Ondulado Estrutura de Cartão

Nota: Além das estruturas referidas, poderemos também fornecer este tipo de filtros com estrutura de poliuretano, alumínio ou aço inoxidável (sob consulta). Fornecemos este tipo de filtros com as dimensões desejadas pelo cliente. Caso não encontre aqui o pretendido ou tenha alguma dúvida, contacte-nos.

aqui o pretendido ou tenha alguma dúvida, contacte-nos. Filtro do tipo MiniPleat com estrutura galvanizada –

Filtro do tipo MiniPleat com estrutura galvanizada classe M6 a F9

MiniPleat com estrutura galvanizada – classe M6 a F9 Filtro do tipo MiniPleat com estrutura em

Filtro do tipo MiniPleat com estrutura em cartão classe M6 a F9

Nota: No caso dos filtros do tipo MiniPleat com estrutura galvanizada, estes poderão ser fornecidos com rede de ambos os lados (aspiração e descarga), só de um lado (descarga) e sem rede. Fornecemos este tipo de filtros com as dimensões da secção desejadas pelo cliente, sendo que a espessura terá de ser standard. Caso não encontre aqui o pretendido ou tenha alguma dúvida, contacte-nos.

Filtros de Bolsas Filtro de Bolsas Sintéticas com densidade progressiva – classe G4 e M5

Filtros de Bolsas

Filtros de Bolsas Filtro de Bolsas Sintéticas com densidade progressiva – classe G4 e M5 Filtro

Filtro de Bolsas Sintéticas com densidade progressiva classe G4 e

M5

Sintéticas com densidade progressiva – classe G4 e M5 Filtro de Bolsas Sintéticas – classe G4+F7

Filtro de Bolsas Sintéticas classe

G4+F7

Nota Importante:

de Bolsas Sintéticas – classe G4+F7 Nota Importante: Filtro de Bolsas Sintéticas – classe M5 a

Filtro de Bolsas Sintéticas classe M5 a F8

Filtro de Bolsas Sintéticas – classe M5 a F8 Filtro de Bolsas Micro Fibra de Vidro

Filtro de Bolsas Micro Fibra de Vidro classe M5 a F8

Nota: Nos filtros de bolsas, a estrutura standard será galvanizada e com uma espessura do ar de 20 mm (também é possível com 25 mm). A estrutura poderá ser também em plástico (sob consulta). Fornecemos este tipo de filtros com as dimensões desejadas pelo cliente. Para um correcto funcionamento deve ser tido em conta o número de bolsas em função do caudal que irá ser filtrado. Caso não encontre aqui o pretendido ou tenha alguma dúvida, contacte-nos.

A correcta identificação de um filtro de bolsas é muito importante na hora de pedir cotação. De maneira a conformizar o critério de definição de filtros de bolsas sintéticas, os nossos filtros são definidos sempre da mesma forma:

A (desenvolvimento do nº de bolsas) x B (altura da bolsa) x C (comprimento da bolsa) Nº de Bolsas

da bolsa) x C (comprimento da bolsa) – Nº de Bolsas A espessura D é importante

A espessura D é importante quando se deseja efetuar a encomenda (20 ou 25 mm são as espessuras possíveis para este tipo de filtros), mas não tem influência no preço.

Filtros de Bolsas Rígidas/Alta Capacidade Filtro de Bolsas Rígidas – classe M6 a F9 (alta

Filtros de Bolsas Rígidas/Alta Capacidade

Filtros de Bolsas Rígidas/Alta Capacidade Filtro de Bolsas Rígidas – classe M6 a F9 (alta e

Filtro de Bolsas Rígidas classe M6 a F9 (alta e baixa capacidade) 292 mm de profundidade

a F9 (alta e baixa capacidade) – 292 mm de profundidade Filtro de Alta Capacidade, unicelular,

Filtro de Alta Capacidade, unicelular, estrutura plástica ou galvanizada classe M6 a F9

Filtros Absolutos

ou galvanizada – classe M6 a F9 Filtros Absolutos Filtro de Bolsas Rígidas – classe F9

Filtro de Bolsas Rígidas classe F9 e H10 440 mm de profundidade

Rígidas – classe F9 e H10 – 440 mm de profundidade Filtro de 1 Bolsa Rígida

Filtro de 1 Bolsa Rígida classe F8, F9, H12 e H13 440 mm de profundidade

Nota: Fornecemos este tipo de filtros com as dimensões standard. Caso não encontre aqui o pretendido ou tenha alguma dúvida, contacte-nos.

aqui o pretendido ou tenha alguma dúvida, contacte-nos. Filtro Absoluto, estrutura em alumínio, rede metálica de

Filtro Absoluto, estrutura em alumínio, rede metálica de protecção de ambos os lados com junta semicircular em poliuretano classe E10 e H13 a U15

semicircular em poliuretano – classe E10 e H13 a U15 Filtro Absoluto, estrutura galvanizada com junta

Filtro Absoluto, estrutura galvanizada com junta semicircular em poliuretano classe E10, H13 e H14 (alta e baixa capacidade)

– classe E10, H13 e H14 (alta e baixa capacidade) Filtro Absoluto, estrutura em MDF, rede

Filtro Absoluto, estrutura em MDF, rede metálica de protecção de ambos os lados com junta semicircular em poliuretano classe E10 e H13 a U15

semicircular em poliuretano – classe E10 e H13 a U15 Filtro Absoluto, estrutura em alumínio, rede

Filtro Absoluto, estrutura em alumínio, rede metálica de protecção de ambos os lados com junta em GEL classe E10 e H13 a U15

ambos os lados com junta em GEL – classe E10 e H13 a U15 Filtro Absoluto,

Filtro Absoluto, estrutura em plástico com junta semicircular em poliuretano classe E10, H13 e H14 (alta e baixa capacidade)

Nota: Fornecemos este tipo de filtros com as dimensões standard. Caso não encontre aqui o pretendido ou tenha alguma dúvida, contacte- nos.

Plenos de Insuflação c/ filtros absolutos terminais Pleno de Insuflação descartável em alumínio + filtro

Plenos de Insuflação c/ filtros absolutos terminais

Plenos de Insuflação c/ filtros absolutos terminais Pleno de Insuflação descartável em alumínio + filtro absoluto

Pleno de Insuflação descartável em alumínio + filtro absoluto com rede metálica de protecção de ambos os lados com junta semicircular em poliuretano classe H13 a U15

com junta semicircular em poliuretano – classe H13 a U15 Pleno de Insuflação permanente em alumínio

Pleno de Insuflação permanente em alumínio + filtro absoluto com rede metálica de protecção de ambos os lados com junta em GEL classe H14

Filtros de Carvão Activo

com junta em GEL – classe H14 Filtros de Carvão Activo Pleno de Insuflação em alumínio,

Pleno de Insuflação em alumínio, permanente, com registo de caudal perfurado, tomada de pressão para teste e difusor de insuflação (rotacional, de 4 vias ou micro perfurado). (construção em inox, sob consulta)

Nota: Fornecemos este tipo de filtros com as dimensões standard. Caso não encontre aqui o pretendido ou tenha alguma dúvida, contacte-nos.

aqui o pretendido ou tenha alguma dúvida, contacte-nos. Filtro primário ondulado sintético com carvão activo

Filtro primário ondulado sintético com carvão activo impregnado Classe G4

sintético com carvão activo impregnado – Classe G4 Cartuchos de carvão activo, com estrutura plástica

Cartuchos de carvão activo, com estrutura plástica (dimensões sob consulta)

activo, com estrutura plástica (dimensões sob consulta) Filtro de Bolsas Rígidas, com material sintético

Filtro de Bolsas Rígidas, com material sintético impregnado em carvão activo Classe M5 e F7

sintético impregnado em carvão activo – Classe M5 e F7 Filtro do tipo Multidiedro de carvão

Filtro do tipo Multidiedro de carvão activo, com estrutura galvanizada (dimensões standard)

activo, com estrutura galvanizada (dimensões standard) Cartuchos de carvão activo, com estrutura galvanizada

Cartuchos de carvão activo, com estrutura galvanizada (dimensões sob consulta)

activo, com estrutura galvanizada (dimensões sob consulta) Filtro de carvão activo para caudais elevados, com

Filtro de carvão activo para caudais elevados, com estrutura galvanizada (dimensões standard)

Acessórios para filtragem e filtros especiais Módulos de Filtragem do tipo Bag in / Bag

Acessórios para filtragem e filtros especiais

Acessórios para filtragem e filtros especiais Módulos de Filtragem do tipo Bag in / Bag out

Módulos de Filtragem do tipo Bag in / Bag out

especiais Módulos de Filtragem do tipo Bag in / Bag out Aros de montagem de filtros,

Aros de montagem de filtros, para filtros absolutos

Bag out Aros de montagem de filtros, para filtros absolutos Filtros com rede de nylon (para

Filtros com rede de nylon (para unidades fan-coil)

absolutos Filtros com rede de nylon (para unidades fan-coil) Sacos de Plástico e elásticos para o

Sacos de Plástico e elásticos para o sistema Bag in / Bag out

de Plástico e elásticos para o sistema Bag in / Bag out Filtro “labirinto” em inox

Filtro “labirinto” em inox para retenção de gorduras e partículas de maior dimensão

retenção de gorduras e partículas de maior dimensão Filtros de rolo automático – classe G3 Aros

Filtros de rolo automático classe G3

maior dimensão Filtros de rolo automático – classe G3 Aros de montagem de filtros, para filtros

Aros de montagem de filtros, para filtros primários e filtros de bolsas

de filtros, para filtros primários e filtros de bolsas Filtros ondulados metálicos (para ambientes com muita

Filtros ondulados metálicos (para ambientes com muita gordura ou temperaturas elevadas)

(para ambientes com muita gordura ou temperaturas elevadas) F i l t r o s d

Filtros de Fibra de Vidro de Alta Temperatura classe M5

Caso não encontre o que pretende no nosso catálogo ou dite, queira por favor enviar-nos um e-mail para geral@luisgeada.pt para que possamos responder à Vossa solicitação.

Representação oficial Vessair/MIKROPOR® Apesar de possuirmos um leque variado de fornecedores, a LUIS GEADA –

Representação oficial Vessair/MIKROPOR®

Apesar de possuirmos um leque variado de fornecedores, a LUIS GEADA Equipamentos de Climatização, Lda detém a representação oficial da Vessair/MIKROPOR® em Portugal. Este fornecedor dá-nos uma garantia especial, uma vez que todos os filtros são ensaiados de forma integral antes de saírem de fábrica. Na figura seguinte podemos ver a máquina de ensaio para os filtros de classe G3 a F9 (EN 779).

de ensaio para os filtros de classe G3 a F9 (EN 779). Na figura seguinte podemos

Na figura seguinte podemos ver os bancos de ensaio dos filtros de eficiência E, H e U que têm de obedecer aos critérios e recomendações da norma EN 1822.

de ensaio dos filtros de eficiência E, H e U que têm de obedecer aos critérios
Filtros Electrostáticos Além de todos os tipos de filtros já apresentados, comercializamos também filtros

Filtros Electrostáticos

Além de todos os tipos de filtros já apresentados, comercializamos também filtros electrostáticos de marca TRION®. Este tipo de filtros, mais recomendado para a filtragem de ar que contenha poeiras de maiores dimensões e gordura. É por isso indicada a aplicação deste tipo de filtros nas extrações dos restaurantes, por exemplo.

de filtros nas extrações dos restaurantes, por exemplo. Princípio de funcionamento de um filtro electrostático

Princípio de funcionamento de um filtro electrostático

Ficam abaixo alguns exemplos dos tipos de filtros em questão.

abaixo alguns exemplos dos tipos de filtros em questão. HE Series T4004 TRIDEX – Líquido de

HE Series

alguns exemplos dos tipos de filtros em questão. HE Series T4004 TRIDEX – Líquido de limpeza

T4004

exemplos dos tipos de filtros em questão. HE Series T4004 TRIDEX – Líquido de limpeza desincrustante

TRIDEX Líquido de limpeza

desincrustante (pouco corrosivo)

– Líquido de limpeza desincrustante (pouco corrosivo) T1001 T-CARB S e r i e s 1

T1001

Líquido de limpeza desincrustante (pouco corrosivo) T1001 T-CARB S e r i e s 1 2

T-CARB

de limpeza desincrustante (pouco corrosivo) T1001 T-CARB S e r i e s 1 2 0

Series 120 para aplicação no tecto

r a a p l i c a ç ã o n o t e c

T6002 c/ lavagem

i c a ç ã o n o t e c t o T6002 c/ lavagem

T5200 Módulo com ventilação

t o T6002 c/ lavagem T5200 – Módulo com ventilação SpaceSaver – para aplicação no tecto

SpaceSaver para aplicação no tecto com filtro de carvão activo

Ventiladores Com a representação oficial de algumas marcas de ventiladores com peso de mercado, é

Ventiladores

Com a representação oficial de algumas marcas de ventiladores com peso de mercado, é também obrigação da LUIS GEADA Equipamentos de Climatização, Lda estar actualizada no que diz respeito às normas que regulamentam este sector.

no que diz respeito às normas que regulamentam este sector. Directiva ErP 2 0 1 5

Directiva ErP 2015

Encontra-se actualmente em vigor na União Europeia a norma ErP 2015 , directiva que vai ao encontro das preocupações com a eficiência energética que hoje estão presentes em todos os sectores de actividade.

Ao assinar o Protocolo de Kyoto a União Europeia comprometeu-se em reduzir as emissões de CO 2 em 20% até 2020. Produtos de elevada eficiência energética são um importante contributo para se atingir esta meta, logo,

a directiva em questão obriga à concepção e correspondente comercialização de equipamentos com eficiência energética superior. Este aumento na eficiência energética dos equipamentos irá trazer vantagens ao consumidor final, uma vez que a energia consumida se torna inferior.

FAQ sobre a ErP 2015

Que ventiladores são abrangidos por esta Directiva? Em termos gerais, todos os ventiladores com potência entre 125W e 500kW, que sejam instalados na União Europeia são abrangidos pela Directiva ErP.

Como é que a Directiva ErP afecta os ventiladores? Os níveis mínimos de eficiência energética para os ventiladores foram definidos em 2 fases. Para 2013 foram definidos os valores mínimos de eficiência energética, níveis esses que foram revistos para 2015. Alguns modelos que não cumpriam com os requisitos mínimos foram melhorados ou retirados de produção.

A quem se aplica a Directiva?

A Directiva aplica-se em todos os países da União Europeia. Isto é, todos os equipamentos que sejam instalados na União Europeia. Isto quer dizer que mesmo os equipamentos que são produzidos fora da União Europeia

terão de cumprir com os requisitos mínimos da Directiva.

Existem excepções? Sim. Ventiladores para ambientes explosivos (com protecção ATEX), ventiladores para utilização de emergência (desenfumagem, por exemplo), ventiladores para altas temperaturas (acima de 100ºC) e ventiladores utilizados em transporte de pessoas ou bens alimentares.

As instalações existentes terão de ser reformuladas? Não. Esta directiva aplica-se apenas a instalações novas e não indica em nenhum ponto que as existentes tenham de ser reformuladas.

Os ventiladores serão mais caros? A optimização energética do ventilador poderá afectar o preço. No entanto, este será um investimento facilmente recuperável uma vez que o custo de funcionamento do ventilador é mais baixo devido à sua maior eficiência energética.

A LUIS GEADA – Equipamentos de Climatização, Lda orgulha-se de ser um dos distribuidores oficiais

A LUIS GEADA Equipamentos de Climatização, Lda orgulha-se de ser um dos distribuidores oficiais da NICOTRA||Gebhardt® em Portugal. Esta marca oferece uma vasta gama de ventiladores centrífugos, sendo que todos eles possuem as suas curvas características de funcionamento devidamente acreditadas pela AMCA (Air Movement Control Association).

acreditadas pela AMCA (Air Movement Control Association). Transmissão por correias Pás Avançadas – Dupla

Transmissão por correias

Movement Control Association). Transmissão por correias Pás Avançadas – Dupla Aspiração AT 7/7 a 30/28 ADH

Pás Avançadas Dupla Aspiração AT 7/7 a 30/28 ADH 160 a 1000

– Dupla Aspiração AT 7/7 a 30/28 ADH 160 a 1000 Pás Avançadas – Simples Aspiração

Pás Avançadas Simples Aspiração AS 9/4 a 30/14 ASH 200 a 1000

– Simples Aspiração AS 9/4 a 30/14 ASH 200 a 1000 Pás Recuadas – Dupla Aspiração
– Simples Aspiração AS 9/4 a 30/14 ASH 200 a 1000 Pás Recuadas – Dupla Aspiração

Pás Recuadas Dupla Aspiração RDH 100 a 1000

a 1000 Pás Recuadas – Dupla Aspiração RDH 100 a 1000 Pás Recuadas – Simples Aspiração

Pás Recuadas Simples Aspiração RSH 250 a 1000

1000 Pás Recuadas – Simples Aspiração RSH 250 a 1000 Duplo, Pás Recuadas – Dupla Aspiração

Duplo, Pás Recuadas Dupla Aspiração Veio comum

1000 Duplo, Pás Recuadas – Dupla Aspiração Veio comum Pás de secção aerofólio – Simples Aspiração

Pás de secção aerofólio Simples Aspiração RER 250 a 1000 Alta Performance

– Simples Aspiração RER 250 a 1000 Alta Performance Pás de secção aerofólio – Dupla Aspiração

Pás de secção aerofólio Dupla Aspiração RZR 200 a 1600 Alta performance

Pás de secção aerofólio Dupla Aspiração RZR BIG Alta performance

Transmissão Directa Pás Avançadas – Dupla Aspiração DD 160/200 a 185/176 DD 7/7 a 18/18

Transmissão Directa

Transmissão Directa Pás Avançadas – Dupla Aspiração DD 160/200 a 185/176 DD 7/7 a 18/18 Pás

Pás Avançadas Dupla Aspiração DD 160/200 a 185/176 DD 7/7 a 18/18

– Dupla Aspiração DD 160/200 a 185/176 DD 7/7 a 18/18 Pás Avançadas – Simples Aspiração

Pás Avançadas Simples Aspiração SAIR

Plug Fan

Pás Avançadas – Simples Aspiração SAIR Plug Fan Pás Avançadas – Dupla Aspiração DDM 120/126 a

Pás Avançadas Dupla Aspiração DDM 120/126 a 280/204 DDM 7/7 a 15/15

– Dupla Aspiração DDM 120/126 a 280/204 DDM 7/7 a 15/15 Pás Recuadas – Simples Aspiração

Pás Recuadas Simples Aspiração Motor IEC Acoplado através de flange RZM 400 a 1000

Motor IEC Acoplado através de flange RZM 400 a 1000 Pás Avançadas – Simples Aspiração SAI

Pás Avançadas Simples Aspiração SAI

RZM 400 a 1000 Pás Avançadas – Simples Aspiração SAI Pás Recuadas – Simples Aspiração Motor

Pás Recuadas Simples Aspiração Motor directamente acoplado REM

– Simples Aspiração Motor directamente acoplado REM Plug - Fan RLM E3 Plug - Fan RLM

Plug - Fan RLM E3

– Simples Aspiração Motor directamente acoplado REM Plug - Fan RLM E3 Plug - Fan RLM

Plug - Fan RLM E6

– Simples Aspiração Motor directamente acoplado REM Plug - Fan RLM E3 Plug - Fan RLM

Plug - Fan RLM Evo

Aplicações Industriais P2M Directamente Acoplado P4M Directamente Acoplado P4K Directamente Acoplado P4R Transmissão

Aplicações Industriais

Aplicações Industriais P2M Directamente Acoplado P4M Directamente Acoplado P4K Directamente Acoplado P4R Transmissão
Aplicações Industriais P2M Directamente Acoplado P4M Directamente Acoplado P4K Directamente Acoplado P4R Transmissão
Aplicações Industriais P2M Directamente Acoplado P4M Directamente Acoplado P4K Directamente Acoplado P4R Transmissão

P2M

Directamente Acoplado

Aplicações Industriais P2M Directamente Acoplado P4M Directamente Acoplado P4K Directamente Acoplado P4R Transmissão

P4M

Directamente Acoplado

P4K

Directamente Acoplado

Acoplado P4M Directamente Acoplado P4K Directamente Acoplado P4R Transmissão por Correia Q2M Directamente Acoplado

P4R

Transmissão por Correia

Q2M

Directamente Acoplado

Ventiladores de Cobertura

Correia Q2M Directamente Acoplado Ventiladores de Cobertura RGA Descarga Horizontal RDM 31/32 Descarga Vertical RKM

RGA

Descarga Horizontal

Acoplado Ventiladores de Cobertura RGA Descarga Horizontal RDM 31/32 Descarga Vertical RKM Descarga Vertical RFM

RDM 31/32

Descarga Vertical

RGA Descarga Horizontal RDM 31/32 Descarga Vertical RKM Descarga Vertical RFM Descarga Horizontal RDA 31

RKM

Descarga Vertical

Horizontal RDM 31/32 Descarga Vertical RKM Descarga Vertical RFM Descarga Horizontal RDA 31 Descarga Vertical RKA

RFM

Descarga Horizontal

Vertical RKM Descarga Vertical RFM Descarga Horizontal RDA 31 Descarga Vertical RKA Descarga Vertical RDA 21

RDA 31

Descarga Vertical

RKM Descarga Vertical RFM Descarga Horizontal RDA 31 Descarga Vertical RKA Descarga Vertical RDA 21 Descarga

RKA

Descarga Vertical

RKM Descarga Vertical RFM Descarga Horizontal RDA 31 Descarga Vertical RKA Descarga Vertical RDA 21 Descarga

RDA 21

Descarga Horizontal

Extracção de Fumos RDM +600 º C – 120 minutos REM +600 º C –

Extracção de Fumos

Extracção de Fumos RDM +600 º C – 120 minutos REM +600 º C – 120

RDM +600 ºC 120 minutos

Extracção de Fumos RDM +600 º C – 120 minutos REM +600 º C – 120

REM +600 ºC 120 minutos

º C – 120 minutos REM +600 º C – 120 minutos RWM +600 ºC –

RWM +600 ºC 120 minutos

Ventilação em Parques de Estacionamento

– 120 minutos Ventilação em Parques de Estacionamento RER +400 º C – 120 minutos AGM

RER +400 ºC 120 minutos

Parques de Estacionamento RER +400 º C – 120 minutos AGM 01/11 +300 º C –

AGM 01/11 +300 ºC 120 minutos

C – 120 minutos AGM 01/11 +300 º C – 120 minutos AGM 02/12 +300 º

AGM 02/12 +300 ºC 120 minutos

C – 120 minutos AGM 02/12 +300 º C – 120 minutos SLCS +300 º C

SLCS +300 ºC 120 minutos +400 ºC 120 minutos

º C – 120 minutos SLCS +300 º C – 120 minutos +400 ºC – 120

RGM +300 ºC 120 minutos

Além da representação da NICOTRA||Gebhardt em Portugal, somos também distribuidores de ventiladores da marca italiana

Além da representação da NICOTRA||Gebhardt em Portugal, somos também distribuidores de ventiladores da marca italiana Elektrovent®. São sobretudo ventiladores axiais para extração de fumos, ou para ambientes em que são necessários equipamentos com características ATEX.

são necessários equipamentos com características ATEX. Ventiladores Axiais Ventilador Mural c/ motor compacto

Ventiladores Axiais

equipamentos com características ATEX. Ventiladores Axiais Ventilador Mural c/ motor compacto Ventilador axial para

Ventilador Mural c/ motor compacto

ATEX. Ventiladores Axiais Ventilador Mural c/ motor compacto Ventilador axial para aplicação em conduta Ventiladores

Ventilador axial para aplicação em conduta

Ventiladores In-Line

axial para aplicação em conduta Ventiladores In-Line Ventilador Mural c/ motor IEC Ventilador axial compacto para

Ventilador Mural c/ motor IEC

conduta Ventiladores In-Line Ventilador Mural c/ motor IEC Ventilador axial compacto para aplicação em conduta

Ventilador axial compacto para aplicação em conduta

IEC Ventilador axial compacto para aplicação em conduta Ventilador Mural p/ caudais elevados Ventilador axial com

Ventilador Mural p/ caudais elevados

aplicação em conduta Ventilador Mural p/ caudais elevados Ventilador axial com motor protegido – indicado para

Ventilador axial com motor protegido indicado para extração de ar com gorduras ou muito pó

indicado para extração de ar com gorduras ou muito pó V e n t i l

Ventilador Centrífugo In-Line

o r C e n t r í f u g o I n - L

Ventilador Centrífugo In-Line p/ condutas rectangulares

n e Ventilador Centrífugo In-Line p/ condutas rectangulares Ventilador Centrífugo In-Line com isolamento acústico 28

Ventilador Centrífugo In-Line com isolamento acústico

Ventiladores para ambientes especiais V e n t i l a d o r M

Ventiladores para ambientes especiais

Ventiladores para ambientes especiais V e n t i l a d o r M u

Ventilador Mural ATEX

V e n t i l a d o r M u r a l A

Ventilador Centrífugo, pás avançadas ATEX (G / II / 2 ou 3)

Silenciadores

pás avançadas ATEX (G / II / 2 ou 3) Silenciadores Ventilador Axial p/ aplicação em

Ventilador Axial p/ aplicação em conduta ATEX

Ventilador Axial p/ aplicação em conduta ATEX Ventilador Centrífugo, pás avançadas ATEX (G ou D /

Ventilador Centrífugo, pás avançadas ATEX (G ou D / II / 2 ou 3)

Centrífugo, pás avançadas ATEX (G ou D / II / 2 ou 3) Ventilador de Cobertura

Ventilador de Cobertura ATEX

ATEX (G ou D / II / 2 ou 3) Ventilador de Cobertura ATEX Ventilador Centrífugo,

Ventilador Centrífugo, pás recuadas ATEX (G ou D / II / 2 ou 3)

Centrífugo, pás recuadas ATEX (G ou D / II / 2 ou 3) Silenciadores Circulares Ventilação

Silenciadores Circulares

Ventilação em Parques de Estacionamento/Extracção de Fumos

em Parques de Estacionamento/Extracção de Fumos Ventilador de Impulso Axial +200 º C – 120 minutos

Ventilador de Impulso Axial +200 ºC 120 minutos +300 ºC 60 minutos

Axial +200 º C – 120 minutos +300 ºC – 60 minutos Ventilador Axial p/ conduta

Ventilador Axial p/ conduta +200 ºC 120 minutos +300 ºC 60 minutos +400 ºC 120 minutos

minutos +300 ºC – 60 minutos +400 ºC – 120 minutos Ventilador de Impulso Centrífugo +300

Ventilador de Impulso Centrífugo +300 ºC 120 minutos

Ventilador de Impulso Centrífugo +300 ºC – 120 minutos Ventilador de Cobertura de descarga vertical +400

Ventilador de Cobertura de descarga vertical +400 ºC 120 minutos +600 ºC 120 minutos

+400 ºC – 120 minutos +600 ºC – 120 minutos Unidade de Ventilação +400 ºC –

Unidade de Ventilação +400 ºC 120 minutos

minutos Unidade de Ventilação +400 ºC – 120 minutos Ventilador de Cobertura de descarga horizontal +400

Ventilador de Cobertura de descarga horizontal +400 ºC 120 minutos

Unidades de Tratamento de Ar Desde 2012 que a LUIS GEADA - Equipamentos de Climatização,

Unidades de Tratamento de Ar

Desde 2012 que a LUIS GEADA - Equipamentos de Climatização, Lda tem a honra de ser o representante oficial da marca italiana de unidades de tratamento de ar TCF® (TERMOVENTILATORI CONDIZIONATORI FELSINEA). Esta marca tem já um longo percurso no seu historial, foi fundada em 1977 e quer em Itália, quer em outros pontos da Europa tem já algumas instalações de referência.

da Europa tem já algumas instalações de referência. É uma empresa que tem certificação ISO 9001®,

É uma empresa que tem certificação ISO 9001®, EUROVENT® (em alguns modelos apenas) e a certificação GOST® (que lhe permite exportar equipamentos para a Rússia, país com condições climatéricas extremas).

a Rússia, país com condições climatéricas extremas). Uma das particularidades desta marca é a flexibilidade do
a Rússia, país com condições climatéricas extremas). Uma das particularidades desta marca é a flexibilidade do

Uma das particularidades desta marca é a flexibilidade do dimensionamento e concepção de cada unidade, visto que em casos particulares poderá existir uma adaptação às necessidades do cliente.

Desde o final de 2013 que esta marca conta na sua gama de produtos com um modelo de Unidades de Tratamento de Ar com classificação máxima em todos os parâmetros da EUROVENT®.

com um modelo de Unidades de Tratamento de Ar com classificação máxima em todos os parâmetros
Gama de Modelos TCF – Unidades de Tratamento de Ar Modelo AZ Painéis de 25,

Gama de Modelos TCF Unidades de Tratamento de Ar

Gama de Modelos TCF – Unidades de Tratamento de Ar Modelo AZ Painéis de 25, 50,

Modelo AZ Painéis de 25, 50, 100 ou 45mm com corte térmico.

AZ Painéis de 25, 50, 100 ou 45mm com corte térmico. Modelo AZS Painéis de 50

Modelo AZS Painéis de 50 ou 100 mm de espessura. Estrutura interna, cuja ligação aos painéis é executada de modo a criar um corte térmico.

aos painéis é executada de modo a criar um corte térmico. Modelo AZV Painéis de 60

Modelo AZV Painéis de 60 mm de espessura. Estrutura interna e painéis revestidos com resinas de fibra de vidro auto- extinguíveis (construção higiénica) indicada para hospitais e indústrias farmacêutica e alimentar.

para hospitais e indústrias farmacêutica e alimentar. Modelo AZE Painéis de 60 mm de espessura com

Modelo AZE Painéis de 60 mm de espessura com inibição de pontes térmicas. Equipamento com Certificação EUROVENT®.

pontes térmicas. Equipamento com Certificação EUROVENT®. Modelo AZH Painéis de 50 ou 100 mm de espessura.

Modelo AZH Painéis de 50 ou 100 mm de espessura. Estrutura interna, cuja ligação aos painéis é executada de modo a criar um corte térmico. Construção em aço inoxidável (construção higiénica) indicada para hospitais e indústrias farmacêutica e alimentar.

para hospitais e indústrias farmacêutica e alimentar. Modelos AZ-I, AZS-I E AZE-I Unidades de Tratamento de

Modelos AZ-I, AZS-I E AZE-I Unidades de Tratamento de Ar fornecidas com quadro de comando e controlo, para fornecimento do tipo plug & play”.

Gama de Modelos TCF – Unidades de Recuperação de Calor Modelo URE Estrutura de Alumínio

Gama de Modelos TCF Unidades de Recuperação de Calor

Gama de Modelos TCF – Unidades de Recuperação de Calor Modelo URE Estrutura de Alumínio e

Modelo URE Estrutura de Alumínio e painéis de 20 mm de espessura. Caudais de 290 a 4.000 m 3 /h. Eficiências de 50 a 55%.

Caudais de 290 a 4.000 m 3 /h. Eficiências de 50 a 55%. Modelo URPX Estrutura

Modelo URPX Estrutura de Alumínio e painéis de 25 mm de espessura. Caudais de 1.000 a 5.500 m 3 /h. Eficiências de 90 a 95% com opção de bypass.

Gama de Modelos TCF Aparelhos Climatização

bypass . Gama de Modelos TCF – Aparelhos Climatização Modelo URP Estrutura de Alumínio e painéis

Modelo URP Estrutura de Alumínio e painéis de 25 mm de espessura. Caudais de 1.500 a 5.500 m 3 /h. Eficiências de 60 a 65% com bypass.

a 5.500 m 3 /h. Eficiências de 60 a 65% com bypass . Modelos URE-I, URP-I

Modelos URE-I, URP-I E URPX-I Unidades de Recuperação de Calor fornecidas com quadro de comando e controlo, para fornecimento do tipo plug & play”.

para fornecimento do tipo “ plug & play” . Modelo PA Ventiloconvector de baixo perfil. Caudais

Modelo PA Ventiloconvector de baixo perfil. Caudais de 930 a 4.350 m 3 /h.

de baixo perfil. Caudais de 930 a 4.350 m 3 /h. Modelo T Unidade Vertical de

Modelo T Unidade Vertical de Tratamento de Ar. Caudais de 1.500 a 30.000 m 3 /h.

de Tratamento de Ar. Caudais de 1.500 a 30.000 m 3 /h. Modelo TA Ventiloconvector com

Modelo TA Ventiloconvector com painéis de 25mm e estrutura em alumínio. Caudais de 600 a 7.000 m 3 /h.

e estrutura em alumínio. Caudais de 600 a 7.000 m 3 /h. Modelo TS low profile

Modelo TS low profile Ventiloconvector com painéis de 25mm e estrutura em alumínio. 450 mm de altura. Caudais de 1.300 a 3.500 m3/h. Possibilidade de fornecimento tipo “plug & play”.

TCF – Tecnologia e Acessórios Com os ventiladores do tipo plug-fan, a motorização destes poderá

TCF Tecnologia e Acessórios

TCF – Tecnologia e Acessórios Com os ventiladores do tipo plug-fan, a motorização destes poderá ser

Com os ventiladores do tipo plug-fan, a motorização destes poderá ser do tipo EC que permite a variação da rotação em função da perda de carga na instalação, de maneira a manter o caudal constante.

na instalação, de maneira a manter o caudal constante. Dando resposta às necessidades especiais dos clientes,

Dando resposta às necessidades especiais dos clientes, a pintura das Unidades TCF poderá ser personalizada.

TCF - Referências Nacionais

TCF poderá ser personalizada. TCF - Referências Nacionais Especialmente indicada para industrias que necessitam de

Especialmente indicada para industrias que necessitam de Unidades com construção higiénica, a TCF tem no seu leque de produtos a construção de UTAs com revestimento em resinas de fibra de vidro auto- extinguível.

em resinas de fibra de vidro auto- extinguível. Como já referido, as unidades poderão vir equipadas

Como já referido, as unidades poderão vir equipadas de fábrica com o quadro de comando e controlo, bem como os dispositivos de sensoriamento necessários ao correcto funcionamento da máquina.

necessários ao correcto funcionamento da máquina. Hospital Garcia da Orta Almada Hospital São Francisco

Hospital Garcia da Orta Almada

ao correcto funcionamento da máquina. Hospital Garcia da Orta Almada Hospital São Francisco Xavier Restelo 33

Hospital São Francisco Xavier Restelo

TCF - Referências Internacionais Biblioteca Nacional Russa Moscovo Igreja da paróquia de Megliadino San Vitale

TCF - Referências Internacionais

TCF - Referências Internacionais Biblioteca Nacional Russa Moscovo Igreja da paróquia de Megliadino San Vitale (Pádua)

Biblioteca Nacional Russa Moscovo

Internacionais Biblioteca Nacional Russa Moscovo Igreja da paróquia de Megliadino San Vitale (Pádua) Chiesi

Igreja da paróquia de Megliadino San Vitale (Pádua)

Igreja da paróquia de Megliadino San Vitale (Pádua) Chiesi Farmaceutici SpA Parma Sede da BMW Milão

Chiesi Farmaceutici SpA Parma

Megliadino San Vitale (Pádua) Chiesi Farmaceutici SpA Parma Sede da BMW Milão Instituto de Ciência e
Megliadino San Vitale (Pádua) Chiesi Farmaceutici SpA Parma Sede da BMW Milão Instituto de Ciência e

Sede da BMW Milão

(Pádua) Chiesi Farmaceutici SpA Parma Sede da BMW Milão Instituto de Ciência e Tecnologia de Masdar

Instituto de Ciência e Tecnologia de Masdar - EAU

Milão Instituto de Ciência e Tecnologia de Masdar - EAU Fábrica da Latte Giglio Bolonha Diversos

Fábrica da Latte Giglio Bolonha

Tecnologia de Masdar - EAU Fábrica da Latte Giglio Bolonha Diversos Aeroportos Itália Complexo Termal –
Tecnologia de Masdar - EAU Fábrica da Latte Giglio Bolonha Diversos Aeroportos Itália Complexo Termal –

Diversos Aeroportos

Itália

Fábrica da Latte Giglio Bolonha Diversos Aeroportos Itália Complexo Termal – Terme Felsinee - Bolonha Fábrica

Complexo Termal Terme Felsinee - Bolonha

Itália Complexo Termal – Terme Felsinee - Bolonha Fábrica de presuntos Negroni Parma Complexo de Produção

Fábrica de presuntos Negroni Parma

Terme Felsinee - Bolonha Fábrica de presuntos Negroni Parma Complexo de Produção da Ferrari Refinaria ENI

Complexo de Produção da Ferrari

Refinaria ENI

Hospital S.Giuseppe

Maranello

Sannazzaro

Empoli

Humidificadores No que diz respeito a humidificadores, a LUIS GEADA – Equipamentos de Climatização, Lda

Humidificadores

No que diz respeito a humidificadores, a LUIS GEADA Equipamentos de Climatização, Lda detém a distribuição da marca PEGO®.

Esta marca é italiana e desde 1997 que se dedicou ao projecto e concepção de humidificadores de eléctrodos submersos. Possui uma gama variada de equipamentos, dependendo da utilização pretendida.

Gama de Modelos de Humidificadores Pego

pretendida. Gama de Modelos de Humidificadores Pego EASYSTEAM ES MINI E A S Y S T

EASYSTEAM ES MINI

Gama de Modelos de Humidificadores Pego EASYSTEAM ES MINI E A S Y S T E

EASYSTEAM ES 100

ES MINI E A S Y S T E A M E S 1 0 0

EASYSTEAM ES OM COMPACT 3M/6M/6/12/24 (indicado para instalação em UTA’s ou outros espaços de dimensões reduzidas)

em UTA’s ou outros espaços de dimensões reduzidas) EASYSTEAM ES 3M/6M/6/12/24/48 EASYSTEAM ES OM 3M/6M/6/12/24

EASYSTEAM ES 3M/6M/6/12/24/48

de dimensões reduzidas) EASYSTEAM ES 3M/6M/6/12/24/48 EASYSTEAM ES OM 3M/6M/6/12/24 (indicado p ara instalação

EASYSTEAM ES OM 3M/6M/6/12/24 (indicado para instalação em UTA’s)

OM 3M/6M/6/12/24 (indicado p ara instalação em UTA’s) EASYSTEAM ES OEM CCU (indicado para instalação em

EASYSTEAM ES OEM CCU (indicado para instalação em unidades do tipo Close Control devido ao elevado rendimento)

Acessórios para Humidificadores Pego Lanças de Vapor – Aço inoxidável Boquilha Difusora de Vapor Sondas

Acessórios para Humidificadores Pego

Acessórios para Humidificadores Pego Lanças de Vapor – Aço inoxidável Boquilha Difusora de Vapor Sondas para

Lanças de Vapor Aço inoxidável

Humidificadores Pego Lanças de Vapor – Aço inoxidável Boquilha Difusora de Vapor Sondas para medição da

Boquilha Difusora de Vapor

de Vapor – Aço inoxidável Boquilha Difusora de Vapor Sondas para medição da Humidade Relativa no

Sondas para medição da Humidade Relativa no ar

de Vapor Sondas para medição da Humidade Relativa no ar Lanças de Vapor – Alumínio e

Lanças de Vapor Alumínio e plástico

Relativa no ar Lanças de Vapor – Alumínio e plástico Distribuidor de vapor (para EasySTEAM série

Distribuidor de vapor (para EasySTEAM série ES)

no ar Lanças de Vapor – Alumínio e plástico Distribuidor de vapor (para EasySTEAM série ES)

Tubo de Vapor

Humidificadores Adiabáticos A LUIS GEADA – Equipamentos de Climatização, Lda distribui também outro tipo de

Humidificadores Adiabáticos

A LUIS GEADA Equipamentos de Climatização, Lda distribui também outro tipo de equipamentos destinados à humidificação do ar. Além dos humidificadores de vapor já referidos, distribuímos também painéis evaporativos adiabáticos, que permitem a humidificação do ar através da passagem do ar por estes painéis.

do ar através da passagem do ar por estes painéis. Humidificador Evaporativo por painel adiabático Este

Humidificador Evaporativo por painel adiabático

Este equipamento é indicado para intercalar em conduta ou mesmo para instalar numa Unidade de Tratamento de Ar, pelo que as suas dimensões e outras características deverão ser confirmadas.

Mais indicado para o arrefecimento, através da humidificação, de grandes espaços (naves, armazéns, por exemplo) temos o equipamento abaixo.

(naves, armazéns, por exemplo) temos o equipamento abaixo. “Refrigerador” evaporat ivo com painéis celulares

“Refrigerador” evaporativo com painéis celulares

Separadores de Gotas

evaporat ivo com painéis celulares Separadores de Gotas Painel em fibra de vidro com revestimento especial

Painel em fibra de vidro com revestimento especial

de Gotas Painel em fibra de vidro com revestimento especial P a i n e l

Painel em fibra de vidro

i n e l e m f i b r a d e v i d

Painel em papel com impregnação de agentes endurecedores

Baterias e Radiadores Tendo como objectivo a comercialização de todos os componentes de equipamentos relacionados

Baterias e Radiadores

Tendo como objectivo a comercialização de todos os componentes de equipamentos relacionados com a ventilação e o tratamento de ar, a LUIS GEADA Equipamentos de Climatização, Lda distribui baterias da marca Radiadores Cerezo. Esta é uma marca espanhola que conta já com 70 anos de existência, período que lhe confere uma vasta experiência na produção deste tipo de componentes.

vasta experiência na produção deste tipo de componentes. Equipamento diverso – Radiadores CEREZO Baterias com

Equipamento diverso Radiadores CEREZO

de componentes. Equipamento diverso – Radiadores CEREZO Baterias com tubos de cobre, alhetas em alumínio ou

Baterias com tubos de cobre, alhetas em alumínio ou cobre e estrutura galvanizada ou em alumínio.

alumínio ou cobre e estrutura galvanizada ou em alumínio. Dissipadores de Calor para sistemas solares. Evaporadores

Dissipadores de Calor para sistemas solares.

em alumínio. Dissipadores de Calor para sistemas solares. Evaporadores para sistemas de expansão directa com tubos

Evaporadores para sistemas de expansão directa com tubos de cobre, alhetas em alumínio ou cobre e estrutura galvanizada ou em alumínio.

alumínio ou cobre e estrutura galvanizada ou em alumínio. Condensadores Simples com tubos de cobre, alhetas

Condensadores Simples com tubos de cobre, alhetas em alumínio ou cobre e estrutura galvanizada ou em alumínio.

alumínio ou cobre e estrutura galvanizada ou em alumínio. Permutadores de Calor de tubos alhetados com
alumínio ou cobre e estrutura galvanizada ou em alumínio. Permutadores de Calor de tubos alhetados com

Permutadores de Calor de tubos alhetados com tubos em aço ou inox e alhetas em alumínio, aço ou inox.

tubos em aço ou inox e alhetas em alumínio, aço ou inox. Condensadores Duplos com tubos

Condensadores Duplos com tubos de cobre, alhetas em alumínio ou cobre e estrutura galvanizada ou em alumínio.

Módulos de Climatização com Ventilação

Ventiloconvectores No campo da climatização a LUIS GEADA – Equipamentos de Climatização, Lda distribui em

Ventiloconvectores

No campo da climatização a LUIS GEADA Equipamentos de Climatização, Lda distribui em Portugal a marca italiana de ventiloconvectores, EDEN-CLIMA.

Esta marca possui um leque variado de opções, dentro do campo dos ventiloconvectores. É ainda importante referir que este fornecedor possui Certificação EUROVENT®.

Ventiloconvectores

possui Certificação EUROVENT®. Ventiloconvectores V e n t i l o c o n v e

Ventiloconvectores do tipo mural

e c t o r e s d o t i p o m u r

Ventiloconvectores do tipo consola (parede / tecto) com ventiladores tangenciais

tipo consola (parede / tecto) com ventiladores tangenciais V e n t i l o c

Ventiloconvectores do tipo conduta

t o r e s d o t i p o c o n d u

Ventiloconvectores do tipo consola (parede / tecto) com ventiladores centrífugos

tipo consola (parede / tecto) com ventiladores centrífugos Ventiloconvectores do tipo cassete Recuperador de calor de

Ventiloconvectores do tipo cassete

ventiladores centrífugos Ventiloconvectores do tipo cassete Recuperador de calor de fluxos cruzados, com bateria de 2

Recuperador de calor de fluxos cruzados, com bateria de 2 tubos

Equipamento de Difusão e Acessórios Através da representação oficial da marca espanhola EUROCLIMA®, dispomos também

Equipamento de Difusão e Acessórios

Através da representação oficial da marca espanhola EUROCLIMA®, dispomos também na nossa gama de produtos de um variado leque de opções no que diz respeito à difusão do ar e outros acessórios. Trata-se de uma empresa com mais dez anos de experiência, localizada na região de Barcelona. Além dos tamanhos presentes em catálogo, existe a possibilidade de se conceberem soluções particulares junto do departamento técnico da EUROCLIMA®.

particulares junto do departamento técnico da EUROCLIMA®. Grelhas de Insuflação Grelhas de Simples e Dupla deflexão

Grelhas de Insuflação

técnico da EUROCLIMA®. Grelhas de Insuflação Grelhas de Simples e Dupla deflexão (alhetas móveis,
técnico da EUROCLIMA®. Grelhas de Insuflação Grelhas de Simples e Dupla deflexão (alhetas móveis,
técnico da EUROCLIMA®. Grelhas de Insuflação Grelhas de Simples e Dupla deflexão (alhetas móveis,

Grelhas de Simples e Dupla deflexão (alhetas móveis, independentes)

Grelhas de Simples eDupla deflexão (alhetas móveis, comandadas por alavancas)

Grelhas de Simples e Dupla deflexão (alhetas curvas) especial para aplicação em tectos

(alhetas curvas) especial para aplicação em tectos Grelhas de Simples e Dupla deflexão para aplicação em
(alhetas curvas) especial para aplicação em tectos Grelhas de Simples e Dupla deflexão para aplicação em

Grelhas de Simples e Dupla deflexão para aplicação em conduta

Aplicação de registos motorizados em todas as grelhas (excepto as de conduta)

Grelhas de Retorno / Extracção

(excepto as de conduta) Grelhas de Retorno / Extracção Grelhas de Simples e Dupla deflexão (alhetas

Grelhas de Simples e Dupla deflexão (alhetas direitas, fixas)

de Simples e Dupla deflexão (alhetas direitas, fixas) Grelhas de Simples e Dupla deflexão (alhetas curvas,

Grelhas de Simples e Dupla deflexão (alhetas curvas, fixas)

deflexão (alhetas direitas, fixas) Grelhas de Simples e Dupla deflexão (alhetas curvas, fixas) Grelhas de Quadrícula

Grelhas de Quadrícula

Grelhas de Exterior Grelhas de Exterior – com rede anti pássaro Grelhas Lineares Grelhas lineares

Grelhas de Exterior

Grelhas de Exterior Grelhas de Exterior – com rede anti pássaro Grelhas Lineares Grelhas lineares com

Grelhas de Exterior com rede anti pássaro

Grelhas Lineares

de Exterior – com rede anti pássaro Grelhas Lineares Grelhas lineares com aro de 25, 15

Grelhas lineares com aro de 25, 15 e 8 mm.

Grelhas Lineares Grelhas lineares com aro de 25, 15 e 8 mm. G r e l

Grelhas lineares sem aro

l h a s l i n e a r e s s e m a

Grelhas especiais para aplicação em paredes de gesso cartonado

Grelhas de Porta

aplicação em paredes de gesso cartonado Grelhas de Porta Fixação especial para aplicação em placas de

Fixação especial para aplicação em placas de gesso cartonado

Grelhas de Porta Fixação especial para aplicação em placas de gesso cartonado Grelhas de Porta/Transferência 41

Grelhas de Porta/Transferência

Grelhas de Pavimento Grelhas de Pavimento em alumínio de Simples e Dupla deflexão (alhetas fixas)

Grelhas de Pavimento

Grelhas de Pavimento Grelhas de Pavimento em alumínio de Simples e Dupla deflexão (alhetas fixas) Difusores

Grelhas de Pavimento em alumínio de Simples e Dupla deflexão (alhetas fixas)

Difusores Circulares

e Dupla deflexão (alhetas fixas) Difusores Circulares Grelhas de Pavimento (para piso técnico) Grelhas de

Grelhas de Pavimento (para piso técnico)

Circulares Grelhas de Pavimento (para piso técnico) Grelhas de Pavimento em alumínio de Simples deflexão

Grelhas de Pavimento em alumínio de Simples deflexão (alhetas fixas)

Difusores Quadrados

de Simples deflexão (alhetas fixas) Difusores Quadrados Difusores Circulares Difusores Circulares de Alta Indução

Difusores Circulares

(alhetas fixas) Difusores Quadrados Difusores Circulares Difusores Circulares de Alta Indução Difusores Rotacionais

Difusores Circulares de Alta Indução

Difusores Rotacionais

Difusores Circulares de Alta Indução Difusores Rotacionais Difusores Quadrados Difusores Rotacionais – Estrutura

Difusores Quadrados

de Alta Indução Difusores Rotacionais Difusores Quadrados Difusores Rotacionais – Estrutura Quadrada Difusores

Difusores Rotacionais Estrutura Quadrada

Quadrados Difusores Rotacionais – Estrutura Quadrada Difusores Rotacionais – Estrutura Quadrada (alhetas

Difusores Rotacionais Estrutura Quadrada (alhetas orientáveis)

Rotacionais – Estrutura Quadrada (alhetas orientáveis) Difusores Rotacionais Alta Indução – Estrutura

Difusores Rotacionais Alta Indução Estrutura Quadrada (alhetas orientáveis)

Difusores Rotacionais – Estrutura Circular Difusores Rotacionais – Estrutura Quadrada (indicado para caudais
Difusores Rotacionais – Estrutura Circular Difusores Rotacionais – Estrutura Quadrada (indicado para caudais

Difusores Rotacionais Estrutura Circular

Difusores Rotacionais – Estrutura Circular Difusores Rotacionais – Estrutura Quadrada (indicado para caudais
Difusores Rotacionais – Estrutura Circular Difusores Rotacionais – Estrutura Quadrada (indicado para caudais
Difusores Rotacionais – Estrutura Circular Difusores Rotacionais – Estrutura Quadrada (indicado para caudais

Difusores Rotacionais Estrutura Quadrada (indicado para caudais elevados)

Difusores Rotacionais Estrutura Circular (indicado para caudais elevados)

– Estrutura Circular (indicado para caudais elevados) Difusores Rotacionais Quadrados Difusores Rotacionais de

Difusores Rotacionais Quadrados

Difusores Rotacionais de Pavimento

Registos de Caudal

Difusores Rotacionais de Pavimento Registos de Caudal Registos de Caudal motorizados – secção rectangular

Registos de Caudal motorizados secção rectangular Equipado com actuador tudo ou nada.

secção rectangular Equipado com actuador tudo ou nada. Registos de caudal compensadores de pressão – secção

Registos de caudal compensadores de pressão secção rectangular

Tubeiras/Injectores

de pressão – secção rectangular Tubeiras/Injectores Registos de Caudal motorizados – secção rectangular

Registos de Caudal motorizados secção rectangular Equipado com actuador tudo ou nada, proporcional ou de mola.

Equipado com actuador tudo ou nada, proporcional ou de mola. Registos de caudal compensadores de pressão

Registos de caudal compensadores de pressão secção rectangular

caudal compensadores de pressão – secção rectangular Registos de Caudal motorizados – secção circular

Registos de Caudal motorizados secção circular Equipado com actuador tudo ou nada, proporcional ou de mola.

Equipado com actuador tudo ou nada, proporcional ou de mola. Registos de caudal compensadores de pressão

Registos de caudal compensadores de pressão secção circularr

de caudal compensadores de pressão – secção circularr Tubeira simples de alumínio Multi tubeiras de alumínio

Tubeira simples de alumínio

– secção circularr Tubeira simples de alumínio Multi tubeiras de alumínio Injector de alta difusão

Multi tubeiras de alumínio

Tubeira simples de alumínio Multi tubeiras de alumínio Injector de alta difusão (indicado para aplicação directa

Injector de alta difusão (indicado para aplicação directa em condutas e climatização de grandes espaços)

Outros/Diversos Bocas de Ventilação Registos de Sobrepressão Aros de Montagem Plenum Piramidal em poliestireno ligeiro

Outros/Diversos

Outros/Diversos Bocas de Ventilação Registos de Sobrepressão Aros de Montagem Plenum Piramidal em poliestireno ligeiro

Bocas de Ventilação

Outros/Diversos Bocas de Ventilação Registos de Sobrepressão Aros de Montagem Plenum Piramidal em poliestireno ligeiro

Registos de Sobrepressão

Bocas de Ventilação Registos de Sobrepressão Aros de Montagem Plenum Piramidal em poliestireno ligeiro

Aros de Montagem

de Ventilação Registos de Sobrepressão Aros de Montagem Plenum Piramidal em poliestireno ligeiro compacto.

Plenum Piramidal em poliestireno ligeiro compacto.

Sensoriamento/Controlo e Comando

ligeiro compacto. Sensoriamento/Controlo e Comando Grelhas de plástico para ventilação Através da

Grelhas de plástico para ventilação

Através da utilização dos registos reguladores de caudal motorizados já referidos, em conjunto com uma série de equipamentos de sensoriamento/controlo e comando, é possível conseguir-se um sistema do tipo Caudal de Ar Variável numa instalação. Abaixo poderemos ver os equipamentos de sensoriamento/controlo e comando disponibilizados pela EUROCLIMA.

Agradecemos o contacto caso surja alguma questão acerca das soluções abaixo referidas.

alguma questão acerca das soluções abaixo referidas. Termostato DIGITAL BASIC 2 Sistema RADIOMATIC Sistema

Termostato DIGITAL BASIC 2

das soluções abaixo referidas. Termostato DIGITAL BASIC 2 Sistema RADIOMATIC Sistema SINTESI Sistema RADIO CLIM

Sistema RADIOMATIC

abaixo referidas. Termostato DIGITAL BASIC 2 Sistema RADIOMATIC Sistema SINTESI Sistema RADIO CLIM Sistema RADIOTACTIL 44

Sistema SINTESI

abaixo referidas. Termostato DIGITAL BASIC 2 Sistema RADIOMATIC Sistema SINTESI Sistema RADIO CLIM Sistema RADIOTACTIL 44

Sistema RADIO CLIM

abaixo referidas. Termostato DIGITAL BASIC 2 Sistema RADIOMATIC Sistema SINTESI Sistema RADIO CLIM Sistema RADIOTACTIL 44

Sistema RADIOTACTIL

Esquema de princípio do Sistema RADIOTACTIL: Esquema de princípio do RADIOMATIC 45

Esquema de princípio do Sistema RADIOTACTIL:

Esquema de princípio do Sistema RADIOTACTIL: Esquema de princípio do RADIOMATIC 45

Esquema de princípio do RADIOMATIC

Esquema de princípio do Sistema RADIOTACTIL: Esquema de princípio do RADIOMATIC 45
Diversos Além de todos os tipos de equipamentos já referidos nas respectivas categorias, comercializamos também

Diversos

Além de todos os tipos de equipamentos já referidos nas respectivas categorias, comercializamos também uma série de componentes e outros tipos de equipamento dedicados à Climatização e Sistemas de Ar Comprimido (directa ou indirectamente).

Diversos

de Ar Comprimido (directa ou indirectamente). Diversos Conduta Flexível Semirígida em Alumínio Perfis de

Conduta Flexível Semirígida em Alumínio

Diversos Conduta Flexível Semirígida em Alumínio Perfis de alumínio e cantos para Unidades de

Perfis de alumínio e cantos para Unidades de Ventilação/Tratamento de Ar.

e cantos para Unidades de Ventilação/Tratamento de Ar. Motores Eléctricos Conduta Flexível PVC Acessórios para

Motores Eléctricos

de Ventilação/Tratamento de Ar. Motores Eléctricos Conduta Flexível PVC Acessórios para Unidades de

Conduta Flexível PVC

de Ar. Motores Eléctricos Conduta Flexível PVC Acessórios para Unidades de Ventilação/Tratamento de A r

Acessórios para Unidades de

Ventilação/Tratamento de

Ar.

para Unidades de Ventilação/Tratamento de A r . Equipamento de Controlo Bombas Circuladoras e Equipamento

Equipamento de Controlo

Ventilação/Tratamento de A r . Equipamento de Controlo Bombas Circuladoras e Equipamento Hidráulico Equipamento de

Bombas Circuladoras e Equipamento Hidráulico

Equipamento de Frio

Circuladoras e Equipamento Hidráulico Equipamento de Frio Conduta resistente ao Fogo – classe 0 Variadores de

Conduta resistente ao Fogo classe 0

de Frio Conduta resistente ao Fogo – classe 0 Variadores de Frequência Sistemas de Transmissão

Variadores de Frequência

de Frio Conduta resistente ao Fogo – classe 0 Variadores de Frequência Sistemas de Transmissão Compressores

Sistemas de Transmissão

de Frio Conduta resistente ao Fogo – classe 0 Variadores de Frequência Sistemas de Transmissão Compressores

Compressores

Equipamento de Medição Material Eléctrico Diversos Filtros para Ar comprimido e líquidos S p a
Equipamento de Medição Material Eléctrico Diversos Filtros para Ar comprimido e líquidos S p a

Equipamento de Medição

Equipamento de Medição Material Eléctrico Diversos Filtros para Ar comprimido e líquidos S p a r

Material Eléctrico

Diversos Filtros para Ar comprimido e líquidos

Eléctrico Diversos Filtros para Ar comprimido e líquidos S p a r e s p a

Spares para equipamentos de Ar Condicionado (qualquer marca)

n t o s d e A r Condicionado (qualquer marca) Elemento filtrante em micro fibra

Elemento filtrante em micro fibra de vidro.

(qualquer marca) Elemento filtrante em micro fibra de vidro. Porta filtros que combina filtro coalescente +

Porta filtros que combina filtro

coalescente + filtro de

membrana

Controlo de Pressão

filtro coalescente + filtro de membrana Controlo de Pressão Porta filtro em nylon. P o r

Porta filtro em nylon.

de membrana Controlo de Pressão Porta filtro em nylon. P o r t a f i

Porta filtros multi-cartucho.

l t r o s m u l t i - c a r t u

Porta filtro para análise de processo

r t u c h o . Porta filtro para análise de processo Filtros de Saco

Filtros de Saco em polipropileno, poliéster e nylon.

Filtros de Saco em polipropileno, poliéster e nylon. Reguladores e Analisadores de Pressão Reguladores de Alta

Reguladores e Analisadores de Pressão

poliéster e nylon. Reguladores e Analisadores de Pressão Reguladores de Alta Pressão – Ambiente ATEX Reguladores

Reguladores de Alta Pressão Ambiente ATEX

de Pressão Reguladores de Alta Pressão – Ambiente ATEX Reguladores de Alta Pressão – Gás e

Reguladores de Alta Pressão Gás e Líquido

Condições Gerais de Venda Todas as relações comerciais entre a LUIS GEADA – Equipamentos de

Condições Gerais de Venda

Todas as relações comerciais entre a LUIS GEADA Equipamentos de Climatização, Lda e os seus clientes reger- se-ão pelas seguintes condições Gerais de Venda, que se entendem como aceites pelo cliente no acto de colocação de cada encomenda.

1. ORÇAMENTOS

1.

Os orçamentos/propostas são sempre enviados física ou digitalmente para o cliente;

2.

Os

orçamentos são válidos por trinta

dias, excepto quando exista outra validade neles indicada;

3.

As meras estimativas verbais ou

mesmo escritas não são orçamentos

e

nunca implicam a aceitação de

qualquer valor ou quantidade por parte da LUIS GEADA Equipamentos de Climatização, Lda;

4.

Sobre os valores apresentados será aplicado o EcoREEE (quando aplicável) e o I.V.A. à taxa legal em vigor;

2. ENCOMENDAS

1.

Todas as encomendas deverão obrigatoriamente ser formalizadas por escrito, contendo os artigos, quantidades e condições acordadas. Na omissão das condições entendem-se como aceites as Condições Gerais de Venda. Não são aceites encomendas verbais;

2.

A

LUIS GEADA Equipamentos de

Climatização, Lda reserva-se ao direito de exigir uma caução ou pré- pagamento sempre que a natureza ou valor dos artigos assim o determinem;

3.

Os prazos de entrega começam a contar desde a data da adjudicação e são sempre indicados a título estimativo e poderão ser alterados, não podendo a sua prorrogação constituir fundamento para anulação da encomenda ou qualquer indemnização por qualquer prejuízo;

4.

Para que todos os prazos sejam cumpridos, torna-se necessário que todos os pagamentos sejam efectuados nas datas indicadas na proposta;

5.

Considera-se

cumprido

 

o

fornecimento,

desde

que

seja

comunicado

ao

cliente

que

as

mercadorias

estão

prontas

a

ser

expedidas;

3. PAGAMENTOS

1.

Os

artigos devem ser pagos no acto

do seu levantamento ou contra entrega;

2.

Os pagamentos não poderão ser retardados, seja com que pretexto for, mesmo em caso de litígio;

3.

Qualquer atraso no pagamento por parte do cliente, em relação às

condições acordadas permitir-nos-á suspender o prazo de entrega do equipamento ou ainda debitar os juros nos termos da Portaria

1015/2004;

4.

Os

artigos consideram-se pagos após

boa cobrança do meio de pagamento. O levantamento ou entrega os artigos deverá ocorrer após a boa cobrança do pagamento;

5.

Os

artigos facturados sem IVA, por se

destinarem ao mercado externo, estão sujeitos à entrega de caução

correspondente ao valor do IVA no acto do seu levantamento/entrega, que será devolvida contra a entrega

do certificado de exportação;

4. TRANSPORTE

1. As presentes Condições Gerais de

Venda são válidas à saída das nossas instalações, excepto quando indicação de outras condições. As mercadorias viajam sempre por conta e risco do comprador, excepto quando devidamente acordado entre

as duas partes;

2. Qualquer anomalia resultante do transporte deve ser identificada e registada pelo Cliente na presença e com a validação do transportador aquando da entrega;

5. DEVOLUÇÕES

1. Não são aceites devoluções;

2. Excepcionalmente, poderá ser aceite

a devolução de artigos que não

tenham sofrido alteração de forma, não apresentem vestígios de uso e se encontrem na embalagem original devidamente acondicionada, desde que o motivo da devolução, apresentado por escrito no prazo máximo de oito dias, seja considerado pela LUIS GEADA - Equipamentos de Climatização, Lda justificável.

6. GARANTIA

1. De acordo com as Condições Gerais de Venda dos fabricantes, os artigos vendidos pela LUIS GEADA Equipamentos de Climatização, Lda têm garantia de um ano a contar da data da n/ factura para artigos cujos defeitos sejam comprovadamente de fabrico e confirmado pelo fabricante;

2. A garantia exclui todas as despesas associadas à substituição/reparação do artigo, nomeadamente transporte (a LUIS GEADA Equipamentos de Climatização Lda receberá e entregará nas nossas instalações os artigos que se enquadrem no

presente ponto);

3. Os custos de reposição, montagem, assistência ou reparação são da responsabilidade dos nossos Clientes que se consideram, pela sua

natureza, habilitados para o efeito;

4. A garantia cessa caso:

a) O equipamento ou peça tiver uma utilização diferente da preconizada

pelo fabricante;

b) O equipamento ou peça tiver sido incorrectamente manuseado ou aplicado;

c) A garantia não cobre as consequências do desgaste normal resultante da utilização das peças e/ou acessórios, nem as consequências indirectas de eventuais defeitos, bem como prejuízos ou lucros cessantes;

d) Da garantia excluem-se peças

eléctricas ou electrónicas, grelhas e vidros;

7. DIREITOS DE PROPRIEDADE

1. A LUIS GEADA Equipamentos de Climatização, Lda reserva para si o direito de propriedade de todo o equipamento adjudicado até ao integral pagamento nas condições estipuladas no ponto 3, ou das que vierem a ser expressamente acordadas, não podendo o cliente aliená-lo, onerá-lo ou danificá-lo.

2. A transferência de propriedade efectuar-se-á automaticamente logo que se verifique a liquidação integral, em moeda corrente, do valor da transacção.

Notas 50

Notas

Notas 50
51
51
52
52

Morada Estrada Manuel Correia Lopes (Estrada de Polima à Conceição da Abóboda) Parque Empresarial Progresso, Armazém nº 4 A 2785-126 São Domingos de Rana

Contactos Tel.: +351 214 447 831 / +351 214 456 063 Fax: +351 214 451 613

Rev. 1/2014

E-mail

geral@luisgeada.pt

Web

www.luisgeada.pt