Sei sulla pagina 1di 4

ESTUDANDO A BÍBLIA

GÊNESIS
Palavra que significa princípio, no sentido de formação, criação
(cap. 2, 4). Nesse livro está contida a história do princípio de todas
as coisas. O princípio do céu e da terra, de todas as formas de vida
e de todas as instituições de relações humanas (comportamentos,
leis, medicina, educação, ensino, culto etc, etc), e também todas
as doutrinas referentes a Deus, ao homem, ao pecado e à
salvação.

FATOS PRINCIPAIS - PARTE 3

A Aliança de Deus com Noé – Cap. 9, 1-18.

- Depois do dilúvio o mundo teve um novo começo, com um


governo humano ordenado por Deus. O homem recebeu aí a
responsabilidade de governar também sobre os outros seres
humanos, além de cuidar da terra e dominar sobre todos os
seres viventes (animais), como havia sido atribuído a Adão;
Deus também ordenou que se multiplicassem e enchessem
a terra.

Profecias relativas aos filhos de Noé – Cap. 9, 20-28.

- Noé plantou uma vinha, produziu vinho, bebeu e


embriagou-se. Embriagado, Noé descobriu sua nudez dentro
da tenda, sendo visto por seu filho Cam, que não agiu com
respeito. Seus irmãos, ao contrário, sabedores do ocorrido
procuraram cobrir a nudez do pai imediatamente. Versíc.
22-23. Conforme o v. 24 Noé então pronunciou sua benção
e sua maldição aos seus filhos:
“Despertando Noé do seu vinho, soube o que fizera o seu
filho mais moço, (v. 25) e disse: Maldito seja Canaã; seja
servo dos servos a seus irmãos. (v. 26) e ajuntou: Bendito
seja o Senhor, Deus de Sem; e Canaã lhe seja servo. (v. 27)
Engrandeça Deus a Jafé, e habite ele nas tendas de Sem”.
Relato de Sem, Cam e Jafé – Cap. 10-11, 9.

Noé faz menção de forma profética à futura servidão da


descendência de Cam à descendência de Sem (Israel) e Jafé
(povos do mar). No capítulo 9, v. 1-18 é visto que Deus já
tinha abençoado Noé e seus filhos, dando-lhes toda a terra
em sujeição, tanto no governo sobre os animais como sobre
os homens; ordenando-lhes fecundidade e multiplicação; e
estabelecendo com eles uma aliança. Porém, mais uma vez,
o homem erra. Noé, por ter perdido a decência ao se
embriagar, seu filho Cam por ter faltado com respeito ao
pai. A linha da promessa messiânica fica então
reduzida à linhagem de Sem.

- Relato de Jafé (10, 2-5).: “[...] Estes repartiram entre si as


ilhas das nações nas suas terras, cada qual segundo a sua
língua, segundo as suas famílias, em suas nações”.

º Descendentes: Gomer (Nômades, ao norte do mar Negro,


depois Ásia Menor – Turquia); Magogue – identidade incerta;
Madai – os Medos (2 Rs. 17, 6; Jr. 51, 11; Dn 5, 28); Javã – os
Gregos; Tubal, Meseque – Ásia Menor central e oriental;
Tiras – povos marítimos do mar Egeu, talvez Etruscos hoje;
Asquenaz – provavelmente os Citas (Cl. 3, 11); Rifate – Ásia
Menor; Togarma – área oeste do Eufrates; Elisá e Quitim –
habitantes de Chipre; Társis – Tartesso, ao sul da Espanha;
e Dodanim – provavelmente Tiro ou ilha grega de Rodes.

- Relato de Cam (10, 6-20) “[...] São estes os filhos de Cam,


segundo as suas famílias, segundo as suas línguas, em suas
terras e nações”.

º Descendentes: Cuxe – área ao sul do Egito; Mizraim – o


Egito; Pute – Líbia; Filhos de Cuxe (Sebá, Havilá, Sabtá,
Raamá e Sabtecá) – Provavelmente toda a região da Arábia;
Ninrode (Babel, Araque, Acade e Calné em Sinear) – região
da Babilônia, atual Iraque; Assíria – atual Iraque; Calá –
entre os rios Tigre e Zab, hoje chamada Ninrud, no Iraque;
Resém – localização incerta; Mizraim (Ludim, Anamim,
Leabim, Naftuim, Patrusim, Casluim e Caftorim) – as cinco
primeiras atual Egito, Casluim não foi identificada
corretamente e Caftorim são os habitantes de Creta; Canaã
(Sidom, Hete, jebuseus, amorreus, girgazeus, heveus,
arqueus, sineus, arvadeus, zemareus e hamateus, Sodoma,
Gomorra, Admá, Zeboim e Lasa) – vai da moderna Síria até
Gaza.

- Relato de Sem (10, 21-31) “[...] São estes os filhos de


Sem, segundo as suas famílias, segundo as suas línguas,
em suas terras, em suas nações”.

º Descendentes: Elão – cidade localizada no sudoeste do Irã


e muitos analistas supõem que se trata da região em que
são produzidos os mísseis para transporte de ogivas
nucleares (confira Jr. 49, 34-39); Assur – ancestral dos
assírios, cuja cidade localiza-se no atual Iraque; Arfaxade –
ancestral de várias tribos semíticas, incluindo os hebreus.
Arfaxade gerou a Salá, que gerou a Héber, pai dos hebreus
e de onde provavelmente se origina o nome; Lude – talvez
os lídios da Ásia Menor; Arã (Uz, Hul, Geter e Más) – atual
Turquia, sendo Padã-Arã as pradarias existentes em torno
dessa cidade, e para onde foi Abrão.

A Torre de Babel – Cap. 11

- O propósito de Deus era que o homem se espalhasse e


ocupasse os diferentes pontos da terra (At. 17, 26; Dt. 32,
8), mas liderados por Ninrode, descendente de Cam, eles
levantaram-se em rebelião contra Deus, e como
manifestação disso, construíram a Torre de Babel (Cap. 10,
vers. 9-12).

- Os habitantes da terra, que falava uma mesma língua,


tiveram a linguagem confundida por Deus, e pararam de se
entender, sendo assim dispersos por toda a terra, cada qual
segundo a língua que passaram a falar.
- Surgiram daí as primeiras raças, de onde orginaram-se às
demais nações: Os Camitas, os Semitas e os Jefetitas,
descendentes dos três filhos de Noé.

A Profecia proferida por Noé, em forma de benção e


maldição, cumpriu-se na descendência de seus filhos:

º JAFÉ – “Engrandeça Deus a Jafé, e habite ele nas tendas


de Sem.” Cumpriu-se no extenso território possuído por ele,
todas as ilhas e países do oeste. E quando os gregos, depois
os romanos, subjugaram a Ásia e a África eles, então,
ocuparam as moradas de Sem e de Canaã.

º CAM – Os egípcios foram castigados com muitas pragas,


Canaã foi entregue por Deus aos israelitas onde várias raças
foram destruídas, ou tornaram-se escravos, ou fugiram
especialmente para a África, onde muitos países são
conhecidos hoje por sua condição de pobreza.

º SEM – Noé profetizou que “Bendito seja o Senhor, Deus de


Sem;[...]”, ou seja, Deus Habitaria nas tendas de Sem, e a
verdadeira adoração seria preservada entre a sua
descendência; dele viria o Messias, sendo os judeus a sua
posteridade!

Gênesis, do capítulo 1 ao capítulo 11, abrange um período


de mais ou menos 2 mil anos, quase o mesmo espaço do
restante da Bíblia.

Os fatos iniciais da história da humanidade, ocorrido em


aproximadamente dois mil anos, ocuparam 11 capítulos da
Bíblia, ao passo que os acontecimentos de um período
quase igual de tempo, ocuparam todo o restante da Bíblia.
Pelo fato de ser a Palavra de Deus, em primeiro lugar, a
história da redenção que Ele providenciou para a
humanidade caída. Aleluia por isso!!!

-----------------------------------------------------------------