Sei sulla pagina 1di 16
All you need is a hoistway
All you need is a hoistway
All you need is a hoistway
All you need is a hoistway

All you need is a hoistway

All you need is a hoistway
All you need is a hoistway

O elevador sem casa de máquinas.

Mais liberdade para seus projetos!

A Otis sabe que não se trata de qualquer projeto - é o seu projeto. Com o sistema

Gen2®, reexaminamos cada aspecto do elevador - desde o projeto e instalação até

o completo funcionamento e a manutenção. O resultado é um sistema que leva a

inovação em elevadores a um novo patamar, oferecendo liberdade de projeto de

uma forma que somente a Otis é capaz de oferecer.

Otis Gen2:

forma que somente a Otis é capaz de oferecer. Otis Gen2: Não há necessidade de Tecnologia
forma que somente a Otis é capaz de oferecer. Otis Gen2: Não há necessidade de Tecnologia
forma que somente a Otis é capaz de oferecer. Otis Gen2: Não há necessidade de Tecnologia
forma que somente a Otis é capaz de oferecer. Otis Gen2: Não há necessidade de Tecnologia
forma que somente a Otis é capaz de oferecer. Otis Gen2: Não há necessidade de Tecnologia

Não há necessidade de

Tecnologia verde

Conforto de viagem

Baixa interferência no

Confiabilidade

casa de máquinas

processo construtivo

comprovada

O elevAdOr seM CAsA de MáqUiNAs O Gen2 redefiniu o conceito de elevador com sua

O elevAdOr seM CAsA de MáqUiNAs

O Gen2 redefiniu o conceito de elevador com sua inovadora tecnologia de cintas com fios de aço revestidos com poliuretano.

de cintas com fios de aço revestidos com poliuretano. 1 2 elevAdOr CONveNCiONAl COM CAsA de
de cintas com fios de aço revestidos com poliuretano. 1 2 elevAdOr CONveNCiONAl COM CAsA de
1 2
1
2

elevAdOr CONveNCiONAl COM CAsA de MáqUiNAs e MáqUiNA COM eNGreNAGeM

elevAdOr seM CAsA de MáqUiNAs

Os elevadores convencionais com casa de máquinas e máquina com engrenagem necessitam de local específico no topo do edifício para acomodar a máquina, o limitador de velocidade e o controle.

Os avanços na indústria de elevadores eliminaram a necessidade da casa de máquinas.

de elevadores eliminaram a necessidade da casa de máquinas. eNGeNHAriA iNTeliGeNTe A Otis utilizou-se de seus

eNGeNHAriA

iNTeliGeNTe

A Otis utilizou-se de seus recursos

mundiais de engenharia para redefinir

o sistema de elevadores e estabelecer uma nova referência para projeto e desempenho.

estabelecer uma nova referência para projeto e desempenho. UMA fOrMA MAis iNTeliGeNTe de MOviMeNTAr O elevAdOr

UMA fOrMA MAis iNTeliGeNTe de MOviMeNTAr O elevAdOr

suas cintas com fios de aço revestidos com poliuretano, patenteadas pela Otis, são mais flexíveis que cabos de aço convencionais e, consequentemente, possuem um raio de curvatura muito menor. isso possibilita uma máquina sem engrenagem mais compacta.

isso possibilita uma máquina sem engrenagem mais compacta. MáqUiNA seM eNGreNAGeM MAis COMpACTA suas cintas flexíveis

MáqUiNA seM eNGreNAGeM MAis COMpACTA

suas cintas flexíveis possibilitam uma polia de tração menor, criando uma máquina 70% menor e até 50% mais eficiente comparada a máquinas com engrenagem convencionais.

CONTrOle COMpACTO O controle do Gen2 é compacto o suficiente para ser instalado ao lado
CONTrOle COMpACTO O controle do Gen2 é compacto o suficiente para ser instalado ao lado

CONTrOle COMpACTO

O

controle do Gen2 é compacto

o

suficiente para ser instalado

ao lado da porta do pavimento

superior.

A revolução continua.

3
3

elevAdOr GeN2

Com o Gen2, não há a necessidade de casa de máquinas. O controle é tão compacto que pode ser instalado ao lado da porta do pavimento superior. Não há mais necessidade de projetar um espaço adicional específico para alocar os componentes do elevador.

O design compacto e os componentes integrados possibilitam:

• Maior liberdade no projeto arquitetônico;

• Um elevador que ocupa menos espaço, possibilitando maior área útil para o edifício;

• Menos peças móveis, para obter maior durabilidade e confiabilidade;

• Baixa interferência no processo construtivo.

• Baixa interferência no processo construtivo. pAiNel de TesTe e iNspeÇÃO Os mais importantes recursos de

pAiNel de TesTe e iNspeÇÃO

Os mais importantes recursos de teste e manutenção ficam ocultos, atrás de um painel ao

lado da

entrada do elevador.

Menor Última Altura Otis Mercado Menor profundidade de poço
Menor
Última Altura
Otis
Mercado
Menor profundidade
de poço

MeNOr CAiXA de COrridA

O Gen2 lidera o segmento com as menores dimensões de profundidade de poço e última altura.

Consumo total de energia (kWh/ano)

Consumo total de energia (kWh/ano) TeCNOlOGiA verde inovação com sustentabilidade. A Otis lidera a indústria com

TeCNOlOGiA verde

inovação com sustentabilidade.

(kWh/ano) TeCNOlOGiA verde inovação com sustentabilidade. A Otis lidera a indústria com o programa “The Way

A Otis lidera a indústria com o programa “The Way to Green”. Começa com

um pensamento “verde” em escala global. encorajamos e capacitamos os

nossos mais de 60.000 funcionários em todo o mundo a cuidar do futuro

de forma positiva e proativa. Tudo isso faz parte do nosso compromisso

de incorporar a conscientização ambiental em tudo o que fazemos. O Gen2,

com sua notável eficiência energética, é o resultado deste pensamento.

eficiência energética, é o resultado deste pensamento. NÃO Há NeCessidAde de lUBrifiCAÇÃO A máquina selada sem

NÃO Há NeCessidAde de lUBrifiCAÇÃO

A máquina selada sem engrenagem e a cinta com fios de aço revestidos com poliuretano do Gen2 não necessitam de lubrificação adicional, eliminando - assim - a necessidade de armazenamento, limpeza e descarte de resíduos perigosos.

de armazenamento, limpeza e descarte de resíduos perigosos. fABriCAÇÃO liMpA selecionamos todos os componentes visando

fABriCAÇÃO liMpA

selecionamos todos os componentes visando ao melhor desempenho e ao menor impacto ambiental possíveis. por exemplo, os elevadores Gen2 utilizam tintas com baixo nível de carbono. Além disso, parte de nossos resíduos industriais são reciclados.

efiCiÊNCiA eNerGÉTiCA MAXiMiZAdA

O sistema Gen2 - em conjunto com o

inversor de frequência vvvf reGen®

e iluminação a led - maximiza a

eficiência energética do elevador.

(*)

(*)

(*) verificar disponibilidade destes produtos para

cada projeto.

elevador

Hidráulico

elevador

com máquina

com

engrenagem,

com drive

não-

elevador

com máquina

sem

engrenagem,

com drive

não-

5000

regenerativo

regenerativo

 

4000

3000

2000

2000
2000
2000
2000

1000

Baseado em um elevador de 1.000 kg a 1 m/s, 8 paradas e 200.000

viagens ao ano

iluminação da Cabinaem um elevador de 1.000 kg a 1 m/s, 8 paradas e 200.000 viagens ao ano

Controlede 1.000 kg a 1 m/s, 8 paradas e 200.000 viagens ao ano iluminação da Cabina

Máquina + inversor de frequência vvvf1000 Baseado em um elevador de 1.000 kg a 1 m/s, 8 paradas e 200.000 viagens

Tecnologia verde. presente nos elevadores Gen2.

Com o drive regenerativo reGen da Otis:

A energia gerada pelo seu elevador é devolvida - através do drive reGen - para a rede elétrica do edifício.

do drive reGen - para a rede elétrica do edifício. ilUMiNAÇÃO A led (*) A iluminação
do drive reGen - para a rede elétrica do edifício. ilUMiNAÇÃO A led (*) A iluminação

ilUMiNAÇÃO A led (*)

A iluminação a led reduz o consumo de energia e dura até 10 vezes mais que as lâmpadas fluorescentes convencionais.

(*) verificar disponibilidade destes produtos para cada projeto.

verificar disponibilidade destes produtos para cada projeto. Tecnologia regenerativa (*) O drive vvvf regenerativo reGen

Tecnologia regenerativa (*)

O drive vvvf regenerativo reGen devolve a energia elétrica gerada ao seu edifício, ao invés de desperdiçá-la. Graças à baixa distorção por correntes harmônicas, a energia elétrica regenerada é uma energia limpa, o que minimiza os impactos ao sistema elétrico de seu edifício. Todos esses fatores fazem com que o elevador Gen2 possa ser até 75% mais eficiente que os sistemas convencionais (máquina com engrenagem e drive vvvf não regenerativo). e quando se trata de consumo de energia, o Gen2 pode consumir até 40% menos energia elétrica que os elevadores não regenerativos e sem casa de máquinas.

os elevadores não regenerativos e sem casa de máquinas. desliGAMeNTO AUTOMáTiCO (*) As luzes e o

desliGAMeNTO AUTOMáTiCO (*)

As luzes e o ventilador podem ser desligados

quando não houver chamada, o que torna a

iluminação a led até 80% mais eficiente que

a iluminação convencional. eles voltam a ligar

normalmente no momento que o botão de

chamada for pressionado.

CONfOrTO de viAGeM Uma viagem tão suave e confortável, você irá notar! fUNCiONAMeNTO sUAve As

CONfOrTO de viAGeM

Uma viagem tão suave e confortável, você irá notar!

Uma viagem tão suave e confortável, você irá notar! fUNCiONAMeNTO sUAve As cintas com fios de

fUNCiONAMeNTO sUAve

As cintas com fios de aço revestidos com poliuretano eliminam o contato do metal das polias com o metal dos cabos de aço utilizados em sistemas tradicionais. O resultado é uma viagem com níveis de vibração e ruído visivelmente menores.

COMpArAÇÃO de MerCAdO

O cuidado no projeto e na seleção dos componentes possibilitou a Otis criar um elevador incrivelmente silencioso e suave. isso significa uma viagem mais confortável para o passageiro, bem como um funcionamento silencioso, fundamental para os apartamentos mais próximos aos elevadores.

Analisando a fundo todas as possíveis fontes de ruído e vibração, os engenheiros da Otis projetaram

o elevador Gen2 pensando no conforto de todos os usuários.

A qualidade de viagem do Gen2 é tão suave e

silenciosa que normalmente os passageiros nem chegam a perceber que o elevador está partindo, em movimento, ou parando nivelado no andar.

está partindo, em movimento, ou parando nivelado no andar. 5 0 25 20 vibração vertical [mg]

50

25

20

vibração vertical

[mg]

45

28

12

vibração horizontal

[mg]

Mercado - sistema hidráulicovertical [mg] 45 2 8 12 vibração horizontal [mg] Mercado - sistema com engrenagem sistema Gen2

Mercado - sistema com engrenagem12 vibração horizontal [mg] Mercado - sistema hidráulico sistema Gen2 75 65 55 ruído na cabina

sistema Gen2- sistema hidráulico Mercado - sistema com engrenagem 75 65 55 ruído na cabina [dBA] Nota:

75

65

55

ruído na cabina [dBA]

Nota: Considerando ruído ambiente de no máximo 45dBA.

BAiXA iNTerferÊNCiA NO prOCessO CONsTrUTivO

BAiXA iNTerferÊNCiA NO prOCessO CONsTrUTivO eficiente. impacto mínimo na obra. Com um rápido tempo de entrega,

eficiente. impacto mínimo na obra.

Com um rápido tempo de entrega, o Gen2 oferece mais flexibilidade e melhor relação custo-benefício.

iNsTAlAÇÃO rápidA e eCONôMiCA

Com todos os componentes principais localizados dentro da caixa do elevador, o processo de instalação otimizado – padrão internacional – gera pouquíssimo impacto na construção do edifício. Os profissionais altamente treinados da Otis utilizam procedimentos padrão para assegurar que cada tarefa, durante a instalação, seja executada de forma segura e eficiente. O resultado é uma solução abrangente que proporciona rapidez e facilidade de instalação.

que proporciona rapidez e facilidade de instalação. redUZ O TeMpO e Os CUsTOs dA CONsTrUÇÃO O
que proporciona rapidez e facilidade de instalação. redUZ O TeMpO e Os CUsTOs dA CONsTrUÇÃO O

redUZ O TeMpO e Os CUsTOs dA

CONsTrUÇÃO

O Gen2 não necessita casa de máquinas, o que reduz o tempo e os custos de material e mão-de- obra durante a construção.

CONfiABilidAde COMprOvAdA empresa orientada para serviços. A Otis compromete-se a garantir o melhor desempenho dos

CONfiABilidAde COMprOvAdA

empresa orientada para serviços.

A Otis compromete-se a garantir o melhor desempenho dos equipamentos ao longo de toda sua

vida útil. Novas tecnologias e serviços exclusivos possibilitam à Otis identificar antecipadamente

e com precisão ou prever possíveis problemas nos seus equipamentos em manutenção, e atender

seus Clientes com agilidade e qualidade. e, quando nossos técnicos chegam aos edifícios, eles já estão preparados para realizar os reparos de maneira rápida e eficiente.

para realizar os reparos de maneira rápida e eficiente. pUlse ® O sistema pulse oferece segurança
para realizar os reparos de maneira rápida e eficiente. pUlse ® O sistema pulse oferece segurança
para realizar os reparos de maneira rápida e eficiente. pUlse ® O sistema pulse oferece segurança
para realizar os reparos de maneira rápida e eficiente. pUlse ® O sistema pulse oferece segurança

pUlse ®

O sistema pulse oferece segurança e tranquilidade através do

monitoramento 24 horas por dia e 7 dias por semana das cintas planas com fios de aço revestidos com poliuretano do Gen2. ele avisa previamente quando há qualquer desgaste nas cintas.

reM

O reM é um exclusivo sistema de monitoramento remoto. Com ele, os

equipamentos são monitorados 24 horas por dia e todos os dados coletados são enviados ao Centro de Atendimento ao Cliente. isto permite a detecção de problemas de forma pró-ativa e precisa, oferecendo respostas mais rápidas e maior disponibilidade dos equipamentos e segurança aos usuários.

Ao detectar um problema, o reM imediatamente envia estas informações ao CAC abrindo automaticamente um chamado, sem interferência humana. Caso algum usuário fique preso na cabina, ao pressionar o botão de alarme, o CAC receberá a informação que existem pessoas presas no elevador e, via reM, o atendente poderá conversar com estas pessoas tranqüilizando-as e informando-as que o técnico já está a caminho.

eservice

empenhada em reforçar o caráter global e atender seus Clientes com agilidade e qualidade, a Otis busca - através da internet - estabelecer um contato mais rápido e mais próximo. Por isso, a Otis criou o eservice - uma ferramenta on-line disponível no site Otis.com.

Através do eservice, a Otis disponibiliza para seus Clientes de manutenção, 24 horas por dia, informações sobre o funcionamento e chamados técnicos de seus equipamentos via e-mail ou relatórios e gráficos obtidos diretamente na internet.

Na Otis, a confiabilidade é a garantia de projeto excepcional.

O Gen2 representa o auge do comprometimento da Otis na busca da perfeição em tecnologia de elevadores. Com suas cintas planas flexíveis com fios de aço revestidos com poliuretano e seus componentes eficientes energeticamente, que não necessitam de lubrificação, o Gen2 estabelece uma nova referência de projeto e desempenho de elevadores. Com recordes de segurança no segmento e confiabilidade comprovada, o Gen2 é o elevador com o qual você pode contar.

(H)

Informações técnicas - Elevadores Gen2 Comfort

1 - ELEVAÇÃO DA CAIXA

1 - ELEVAÇÃO DA CAIXA

PERCURSO PC & PARADAS UA AL CH
PERCURSO
PC
& PARADAS
UA
AL
CH

Velocidade de 1m/s

   

(máx)

N

o

UA - Última Altura (mm)

(2)

PC.

Pass.

H

Paradas

CH - Altura Cabina

 

(1)

mínimo (mm)

(m)

 

(máx)

2.200

2.300

2.500

 
 

4

       

-

 

6, 8, 10,

 

45

17

3.560

3.660

 

1.100

(3)

12

ou 13

 

3.860

 

Velocidade de 1,75 m/s

 
   

N

o

UA - Última Altura (mm)

(2)

PC.

Pass.

H

(máx)

Paradas

CH - Altura Cabina

 

(1)

mínimo (mm)

(m)

(máx)

2.200

2.300

2.500

6, 8, 10,

 

75

24

3.810

3.910

4.110

1.400

12

ou 13

 

Profundidade de Poço

Quando necessário, serão indicadas na planta de montagem as localizações de pilastras de concretos (feitas pelo cliente).

Última Altura

Quando a última altura for maior que 4.200mm, o cliente deverá construir vigas para fixação dos ganchos necessários para o processo de instalação a uma altura de 4.200mm acima do nível do piso da parada extrema superior.

Gen2 Comfort: Tecnologia VVVF com drive regenerativo / Sem casa de máquinas

Vão livre requerido para instalação das portas de pavimento

As dimensões do vão livre para instalação das portas de pavimento serão indicadas em nossa Planta de montagem.

Distância máxima entre paradas (m)

11 m (limite estabelecido pela norma ABNT para não haver necessidade de porta de emergência entre andares)

Distância mínima entre paradas (mm)

Com entradas do mesmo lado

Limitada pelo vão requerido para instalação das portas de pavimento

Com entradas

opostas

500 mm

Distância máxima entre cintas intermediárias (mm)

Quando a distância entre dois pavimentos consecutivos for maior que 3.000 mm, é obrigatório a construção de cinta intermediária entre estes pavimentos (por conta do cliente).

Notas:

(1) Para profundidade do poço maior que a recomendada, prever pilastras de concreto feitas pelo cliente, para suportarem os apoios de guias e para-choques. (2) Quando HD for superior ao informado em Máx. (4) (ver tabela), adicionar 200 mm a UA indicada. (3) Com percurso acima de 48 metros o poço deve ser de 1400 mm.

Informações adicionais:

• Os esforços resultantes na estrutura da caixa, no recinto da máquina e no fundo do poço serão informados na Planta de Montagem.

• As dimensões UA (Última Altura) e PC (Poço) indicadas nas tabelas acima são as mínimas necessárias para a instalação do equipamento e para atender aos requisitos de folgas exigidas pela norma ABNT (NBR 16042) e pela norma mundial Otis de segurança (WWJSSS).

• Embaixo do poço, recomenda-se não haver espaço acessível (circulação) a pessoas.

• Quando houver espaço acessível (circulação) à pessoas embaixo do poço, o cliente deverá construir - sob a projeção do pára-choque do contrapeso - um pilar sólido que se estenda para baixo até o solo firme. Caso não seja viável, o contra peso deverá ter freios de segurança (sob consulta).

• O gabinete do controle foi desenhado para ser montado sobreposto ao painel do marco de porta ou sobreposto à parede. Ele não pode ser embutido diretamente na parede, ou enclausurado de modo que sua ventilação seja prejudicada.

• O elevador sem casa de máquinas não se aplica a edificações com hall privativo.

• Observar a necessidade de aberturas de ventilação no topo da caixa de corrida do elevador.

• As temperaturas no recinto da máquina e do controle devem estar dentro da faixa de 5º a 40ºC.

2 - PLANTA DA CAIXA - PORTA PRIMA / AT120 Mão direita como mostra -
2 - PLANTA DA CAIXA - PORTA PRIMA / AT120 Mão direita como mostra -

2 - PLANTA DA CAIXA - PORTA PRIMA / AT120

Mão direita como mostra - Mão esquerda ao contrário

Portas de abertura lateral Uma entrada

LL CW HW CD 30AS HD
LL
CW
HW
CD
30AS
HD

Portas de abertura central Uma entrada

LL CW HW CD AS 30 HD
LL
CW
HW
CD
AS
30
HD

Portas de abertura lateral Duas entradas: frontal e oposta

LL CW HW CD ASAS 30 30 HD
LL
CW
HW
CD
ASAS
30
30
HD

Portas de abertura central Duas entradas: frontal e oposta

LL CW HW CD AS 30 30 AS HD
LL
CW
HW
CD
AS
30
30
AS
HD

Dimensões em mm

   

Porta Prima / AT120

 
     

Cabina

 

Caixa

Pass.

Larg.

(dimensões internas)

 

HW

 

HD (8)

(LL)

CW

CD

ÁREA

MP (9)

Recom. (6)

Máx

MP (9)

Máx (3)

Máx (4)

(m )

2

   

4

700

840

1050

0,88

1330

1380

1800

1400

1640

2075

6

800

1000

1250

1,25

1520

(5)

1550

1990

1600

1840

2325

8

800

1100

 

1,54

1610

(5)

1640

2090

     

900

1400

1650

1690

1750

1990

2475

Lateral (1)

10

800

1350

1,89

1930

1970

 

900

 

2256

     

12

800

1400

1500

2,10

1980

2000

1850

2090

2575

 

900

 

13D

800

1100

2100

2,31

1680

1700

1970

2450

2690

3175

Abertura

900

2000

 

6

800

1000

1250

1,25

1780

1830

1990

1555

1750

2325

8

800

1100

 

1,54

       
 

900

1400

1960

2010

2090

1705

1900

2475

Central (2) (7)

10

800

1350

1,89

1930

1970

 

900

 

1980

2000

2256

     

12

800

1400

1500

2,10

1970

1805

2000

2575

900

1990

2025

2340

 

13D

800

1100

2100

2,31

1785

1810

2000

2405

2600

3175

900

1970

2010

2080

13W

900

1600

1400

2,24

2170

2200

2500

1705

1900

2475

Notas:

1.

Dimensões validas para uma entrada. Para 2 entradas (frontal e oposta), adicionar 240mm no HD -MP.

2.

Dimensões validas para uma entrada. Para 2 entradas (frontal e oposta), adicionar 195 mm no HD - MP.

3.

Máx (Válido somente para 2 entradas).

4.

Máx (Válido somente para 1 entrada): Adicionar 200 mm a UA, quando HD for superior ao indicado.

5.

Elevadores de 1 m/s, MP de 1500 e 1590, para capacidades de 6 e 8 passageiros, respectivamente.

6.

As dimensões menores que as recomendadas podem sofrer variação de +/- 25 mm, desde que as dimensões de mínimo prumado (MP) sejam obedecidas à risca e sem variação.

7.

Dependendo das configurações do equipamento, as portas de abertura central podem não estar centralizadas com o centro da cabina.

8.

Nas tabelas acima, todas as dimensões informadas são com portas de pavimento instaladas sobre avanço de soleira. Para os casos com portas de pavimento instaladas sobre o hall (ou seja, sem avanço de soleira), a dimensão HD pode ser reduzida em um valor igual aos indicados abaixo.

Portas (tipo)

ABERTURA

Redução em HD

Uma entrada

Entradas opostas

PRI MA

LATERAL

155

310

CENTRAL

110

220

9. ATENÇÃO! As dimensões mínimas de caixa mostradas nas colunas descritas com MP (mínimo prumado) são as mínimas possíveis (ou seja, não podem sofrer variação de - 25 mm) e devem ser prumadas.

3 - PLANTA DA CAIXA - PORTA PRIMA / DO2000 Mão direita como mostra -
3 - PLANTA DA CAIXA - PORTA PRIMA / DO2000 Mão direita como mostra -

3 - PLANTA DA CAIXA - PORTA PRIMA / DO2000

Mão direita como mostra - Mão esquerda ao contrário

Portas de abertura lateral Uma entrada

LL CW HW CD 30AS HD
LL
CW
HW
CD
30AS
HD

Portas de abertura central Uma entrada

LL CW HW CD AS 30 HD
LL
CW
HW
CD
AS
30
HD

Portas de abertura lateral Duas entradas: frontal e oposta

LL CW HW CD ASAS 30 30 HD
LL
CW
HW
CD
ASAS
30
30
HD

Portas de abertura central Duas entradas: frontal e oposta

LL CW HW CD AS 30 30 AS HD
LL
CW
HW
CD
AS
30
30
AS
HD

Dimensões em mm

   

Porta Prima / DO2000

 
     

Cabina

 

Caixa

Pass.

Larg.

(dimensões internas)

 

HW

 

HD (8)

(LL)

CW

CD

ÁREA

MP (9)

Recom. (6)

Máx

MP (9)

Máx (3)

Máx (4)

(m )

2

   

6

800

1000

1250

1,25

1520

(5)

1550

1990

1620

1880

2325

8

800

1100

 

1,54

1610

(5)

1640

2090

     

900

1400

1650

1690

1770

2030

2475

Lateral (1)

10

800

1350

1,89

1930

 

1970

 

900

 

2256

     

12

800

1400

1500

2,10

1980

 

2000

1870

2130

2575

 

900

 

13D

800

1100

2100

2,31

1680

 

1700

1970

2470

2730

3175

Abertura

900

2000

 

6

800

1000

1250

1,25

1780

 

1830

1990

1575

1790

2325

8

800

1100

 

1,54

2090

     
 

900

1400

1960

2010

1725

1940

2475

Central (2) (7)

10

800

1350

1,89

1930

1970

 

900

 

1980

 

2000

2256

     

12

800

1400

1500

2,10

1825

2040

2575

900

1990

2025

2340

 

13D

800

1100

2100

2,31

1785

1810

2000

2425

2640

3175

900

1970

2010

2080

13W

900

1600

1400

2,24

2170

2200

2500

1725

1940

2475

Notas:

1.

Dimensões validas para uma entrada. Para 2 entradas (frontal e oposta), adicionar 260mm no HD -MP.

2.

Dimensões validas para uma entrada. Para 2 entradas (frontal e oposta), adicionar 215 mm no HD - MP.

3.

Máx (Válido somente para 2 entradas).

4.

Máx (Válido somente para 1 entrada): Adicionar 200 mm a UA, quando HD for superior ao indicado.

5.

Elevadores de 1 m/s, MP de 1500 e 1590, para capacidades de 6 e 8 passageiros, respectivamente.

6.

As dimensões menores que as recomendadas podem sofrer variação de +/- 25 mm, desde que as dimensões de mínimo prumado (MP) sejam obedecidas à risca e sem variação.

7.

Dependendo das configurações do equipamento, as portas de abertura central podem não estar centralizadas com o centro da cabina.

8.

Nas tabelas acima, todas as dimensões informadas são com portas de pavimento instaladas sobre avanço de soleira. Para os casos com portas de pavimento instaladas sobre o hall (ou seja, sem avanço de soleira), a dimensão HD pode ser reduzida em um valor igual aos indicados abaixo.

Portas (tipo)

ABERTURA

Redução em HD

Uma entrada

Entradas opostas

PRIMA

LATERAL

155

310

CENTRAL

110

220

9. ATENÇÃO! As dimensões mínimas de caixa mostradas nas colunas descritas com MP (mínimo prumado) são as mínimas possíveis (ou seja, não podem sofrer variação de - 25 mm) e devem ser prumadas.

4 - PLANTA DA CAIXA - PORTA SLIM / DO2000 Mão direita como mostra -
4 - PLANTA DA CAIXA - PORTA SLIM / DO2000 Mão direita como mostra -

4 - PLANTA DA CAIXA - PORTA SLIM / DO2000

Mão direita como mostra - Mão esquerda ao contrário

Portas de abertura lateral Uma entrada

LL CW HW CD 30AS HD
LL
CW
HW
CD
30AS
HD

Portas de abertura central Uma entrada

LL CW HW CD AS 30 HD
LL
CW
HW
CD
AS
30
HD

Portas de abertura lateral Duas entradas: frontal e oposta

LL CW HW CD ASAS 30 30 HD
LL
CW
HW
CD
ASAS
30
30
HD

Portas de abertura central Duas entradas: frontal e oposta

LL CW HW CD AS 30 30 AS HD
LL
CW
HW
CD
AS
30
30
AS
HD

Dimensões em mm

   

Porta Slim / DO2000 (9)

 
     

Cabina

 

Caixa

Pass.

Larg.

(dimensões internas)

 

HW

 

HD (7)

(LL)

CW

CD

ÁREA

MP (8)

Recom. (5)

Máx

MP (8)

Máx (3)

Máx (4)

(m )

2

   

6

800

1000

1250

1,25

1520

1550

1990

1605

1850

2325

8

800

1100

 

1,54

1610

1640

2090

     

900

1400

1650

1690

1755

2000

2475

Lateral (1)

10

800

1350

1,89

1930

1970

 

900

 

2256

     

12

800

1400

1500

2,10

1980

2000

1855

2100

2575

 

900

 

13D

800

1100

2100

2,31

1680

1700

1970

2455

2700

3175

900

2000

Abertura

 

6

800

1000

1250

1,25

1785

1830

1990

1575

1790

2325

8

800

1100

 

1,54

       

900

1400

1990

 

2090

1725

1940

2475

 

10

800

1350

1,89

1930

2010

 

900

 

1990

2256

     

Central (2) (6)

 

800

     

1930

       

12

900

1400

1500

2,10

1990

2025

2340

1825

2040

2575

1100

2380

2420

2500

 

13D

800

1100

2100

2,31

1785

1810

2000

2425

2640

3175

900

1980

2010

2080

13W

900

1600

1400

2,24

2160

2200

2500

1725

1940

2475

1100

2380

2440

Notas:

1.

Dimensões validas para uma entrada. Para 2 entradas (frontal e oposta), adicionar 245mm no HD -MP.

2.

Dimensões validas para uma entrada. Para 2 entradas (frontal e oposta), adicionar 215 mm no HD - MP.

3.

Máx (Válido somente para 2 entradas).

4.

Máx (Válido somente para 1 entrada): Adicionar 200 mm a UA, quando HD for superior ao indicado.

5.

As dimensões menores que as recomendadas podem sofrer variação de +/- 25 mm, desde que as dimensões de mínimo prumado (MP) sejam obedecidas à risca e sem variação.

6.

Dependendo das configurações do equipamento, as portas de abertura central podem não estar centralizadas com o centro da cabina.

7.

Nas tabelas acima, todas as dimensões informadas são com portas de pavimento instaladas sobre avanço de soleira. Para os casos com portas de pavimento instaladas sobre o hall (ou seja, sem avanço de soleira), a dimensão HD pode ser reduzida em um valor igual aos indicados abaixo.

Portas (tipo)

ABERTURA

Redução em HD Entradas opostas

Uma entrada

SLIM

LATERAL

140

280

CENTRAL

110

220

8. ATENÇÃO! As dimensões mínimas de caixa mostradas nas colunas descritas com MP (mínimo prumado) são as mínimas possíveis (ou seja, não podem sofrer variação de - 25 mm) e devem ser prumadas.

MKTNE-035 - A Otis se reserva o direito de alterar esta publicação sem aviso prévio.

OTIS
OTIS

www.otis.com

CAC: 0800 704 87 83