Sei sulla pagina 1di 3

11 A prática do garimpo de ouro na Região Amazônica e no Pantanal Matogrossense tem provocado a poluição por mercúrio das águas de numerosos rios. Os garimpeiros usam esse metal para separar as partículas de ouro dos sedimentos do fundo. Ao reagir com o ouro, forma-se uma liga ouro- mercúrio que é facilmente separada da lama. A seguir, sob a chama de um maçarico, o mercúrio evapora, sobrando o ouro. Os vapores de mercúrio, além de causarem danos à saúde dos garimpeiros, precipita-se e contamina a água. O mercúrio, ao reagir com certos compostos orgânicos, forma o metilmercúrio, que não é biodegradável e pode ser absorvido por plantas aquáticas. Desse modo, esse composto de mercúrio, prejudicial à saúde humana, ingressa na cadeia alimentar. Num rio contaminado por essa prática, as mais altas concentrações de metilmercúrio devem ser encontradas em:

A ( ) plantas aquáticas. B ( ) crustáceos herbívoros.

  • C ( ) peixes carnívoros.

  • D ( ) peixes herbívoros.

E ( ) organismos que compõem o fitoplâncton.

12 Um dos mais sérios problemas ambientais da atualidade é a constante emissão de subprodutos de indústrias químicas, os quais, por não serem naturalmente decompostos, vão acumulando-se no ambiente, causando uma série de desequilíbrios. Esses subprodutos, quando ingeridos pelos seres vivos, podem causar diversos distúrbios metabólicos. Com base nessas informações, analise a tira abaixo e, a seguir, avalie as afirmativas.

11 – A prática do garimpo de ouro na Região Amazônica e no Pantanal Matogrossense tem

A ( ) De acordo com as informações contidas na tira, pode-se concluir que o penúltimo nível da cadeia alimentar ingere, aproximadamente 1,1

grama do veneno. B ( ) De acordo com a tira, o veneno lançado no ambiente, por não ser biodegradável, acaba entrando nas cadeias alimentares, diluindo-se ao longo dos níveis tróficos.

  • C ( ) A tira retrata um fenômeno bastante conhecido em ecologia a

eutrofização que aparece em consequência da descarga de poluentes não

degradáveis no ambiente.

  • D ( ) Por possuir a pele nua e glandular, sem qualquer proteção em seu

corpo, a rã é o animal mais afetado pelo poluente atmosférico nessa cadeia alimentar. E ( ) Na cadeia alimentar representada na tira, a energia se acumula ao longo de quatro níveis tróficos; o inseto representa o papel de produtor e o homem o de consumidor terciário.

  • 13 O aquecimento global do planeta vem se tornando uma real ameaça à

segurança dos povos em várias regiões do mundo. São fenômenos que, de

alguma maneira, representam uma conseqüência desse aquecimento, exceto:

A ( ) o derretimento dos glaciares e das geleiras que constituem as calotas polares; B ( ) o assoreamento dos rios com o surgimento de extensos bancos de areia e extinção de inúmeras espécies.

C ( ) as chuvas torrenciais e as enchentes que têm castigado, constantemente, alguns países da Europa; D ( ) os incêndios de grandes proporções com a devastação de vastas extensões de florestas; E ( ) o surgimento, cada vez mais freqüente, de furacões como o Catarina, o Katrina e o Rita, provocados pelo aquecimento das águas dos oceanos;

  • 14 Leia o texto abaixo.

É um assunto apocalíptico. Pedras de granizo do tamanho de laranjas soterrando Tóquio e tempestades de neve cobrindo Nova Delhi. Nova York, incluindo os escritórios centrais das Nações Unidas, fica submersa. Nem a Estátua da Liberdade sobrevive: ela foi arrastada por ondas impetuosas e gigantescas. Esse relato catastrófico e exagerado por ser visualizado através da superprodução de Hollywood intitulada O Dia Depois de Amanhã. Embora catástrofes naturais venham ocorrendo há milhares de anos no planeta independentemente da presença humana, as forças desencadeadas no filme estão diretamente vinculadas aos crescentes níveis de poluição atmosférica, a partir da queima de carbono e petróleo para o funcionamento de carros, indústrias, escritórios e casas. Adaptado de: http://www.onu-brasil.org.br/ Acesso em: 30 set. 2005.

Assinale a alternativa que não pode ser relacionada aos fenômenos acima descritos:

A ( ) Derretimento de parte da capa de gelo da Península Antártida devido ao aquecimento global. B ( ) Redução da área potencial de cultivo de alimento no planeta decorrente do aumento da temperatura média da Terra. C ( ) Intensificação do efeito estufa em razão do desmatamento e das queimadas. D ( ) Aumento da concentração de ondas eletromagnéticas na atmosfera em função da elevação dos níveis de poluição. E ( ) Assinatura de um acordo multilateral, o Protocolo de Kyoto, firmado pela maioria dos países membros das Nações Unidas, impondo limites à emissão de poluentes.

  • 15 O Ozônio forma uma camada na alta atmosfera que constitui um escudo

protetor contra a penetração da radiação ultravioleta proveniente do Sol. Com relação à camada de ozônio, fundamental à sobrevivência dos seres vivos

sobre a Terra, podemos afirmar corretamente:

A ( ) A principal causa de sua destruição é a liberação, na atmosfera, de gases sulfurados, abreviadamente chamados CFCs. B ( ) A radiação ultravioleta causa a ruptura de algumas moléculas do gás oxigênio que, com a liberação de átomos isolados, imediatamente reagem com outras moléculas de O 2 , formando o gás ozônio (O 3 ).

  • C ( ) O tamanho do buraco resultante de reações provocadas pelos CFCs é

bastante estável.

  • D ( ) O ozônio somente pode ser formado em altitudes elevadas e, portanto,

não causa prejuízo à saúde e à qualidade de vida das populações humanas. E ( ) O tamanho do buraco é decorrente das ações de plantas aquáticas

  • 16 O gráfico a seguir representa uma previsão futura sobre as condições

A – ( ) A principal causa de sua destruição é a liberação, na atmosfera, de

ambientais na Terra. Com base nessa figura é possível concluir que, de hoje até os próximos 1000 anos, a emissão de CO 2 A ( ) levará a um aumento do nível do mar. B ( ) diminuirá como resultado da estabilização da concentração de CO 2 .

C

(

) apresentará um máximo

como consequência do constante

aumento da temperatura na Terra e do nível do mar.

  • D (

) se estabilizará juntamente

com a temperatura.

E ( ) diminuirá na mesma

proporção que aumenta o nível do

mar.

  • 17 O ar é uma mistura de vários gases: nitrogênio (78%), oxigênio (21%),

gases raros (0,97%) e gás carbônico (0,03%), sendo essa composição alterada quando o ar é contaminado com vapor de inseticidas, solventes, fuligem, gases tóxicos, etc. O acúmulo de gases poluentes impede que o calor atravesse a atmosfera em direção ao espaço, com consequente aquecimento global do

planeta. Esse fenômeno é denominado:

A ( ) destruição da camada de ozônio.

B (

) chuva ácida.

  • C ( ) efeito estufa.

  • D ( ) inversão térmica.

E ( ) o congelamento dos mares