Sei sulla pagina 1di 2

.

,
{' //
L/

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO


PROCESSO TC N. 3272/06
Doc. TC N.o 13703/06
Denúncia formulada contra ex-Prefeitos do Município de
Santa Cecília, Senhores Antônio Edivaldo Gomes
(falecido) e Teófilo José de Sousa e Silva, e contra o atual
Prefeito, Senhor Roberto Florentino Pessoa. Procedéncia,
em parte, da denúncia.

ACÓRDÃO APL TC N.o

Vistos, relatados e discutidos os autos do Processo TC n." 3272/06 (Doc. TC n."


13703/06), que trata de denúncias formuladas pela senhora Rita de Cássia Gonçalves Guedes e
pelo vereador José Valter de Lira, em virtude de fatos ocorridos na gestão do ex-prefeito do
município de Santa Cecília, Teófilo José de Sousa e Silva, relativos ao exercício de 2004, e na
gestão do ex-prefeito Antônio Edivaldo Gomes (falecido), durante o exercício de 2005;

CONSIDERANDO que, através de documentos protocolizados neste Tribunal sob os


nOs TC 7535/05 (fls.2/11), 11382/05 (fls 12/5) foram apresentadas denúncias contra o ex-
prefeito Teófilo José de Sousa e Silva (2004) e contra o ex-prefeito Antônio Edivaldo Gomes
(falecido); tendo como objeto fatos supostamente ilegais, apurados pela Auditoria mediante
realização de diligência no Município, concluindo pela procedência da denúncia quanto aos
seguintes itens do relatório de fls 312/315 dos autos:

• Gestor responsável: ex-prefeito Teófilo José de Sousa e Silva (exercício de 2004):


5.1 Não pagamento da remuneração dos servidores municipais, relativa a uma parte
do exercício de 2004, inclusive dos servidores concursados em 2003;

• Gestor responsável: ex-prefeito Antônio Edivaldo Gomes - já falecido (exercício de


2005):
5.2 Afastamento indevido dos servidores concursados em 2003 pelo então Prefeito
Antônio Edivaldo Gomes (falecido), quando assumiu a prefeitura, em janeiro de
2005;
5.3 Contratação irregular de pessoal para substituir os servidores concursados
afastados, parte do qual sem receber remuneração, com infração ao princípio
constitucional de concurso público;
5.5 Existência no quadro de pessoal da Prefeitura de professora "comissionada", com
infração ao disposto no artigo 67, I, da Lei 9.394/96 (LDB ) - irregularidade
constatada pela Auditoria, quando da análise da documentação disponível e
diligências realizadas;

• Gestor responsável: Prefeito Roberto Florentino Pessoa (exercício 2006);


5.4 Sonegação de informaçôes pela administração do atual Prefeito, com infração ao
disposto no art. 42 da Lei Orgánica deste Tribunal - irregularidade constatada pela
Auditoria, quando da análise da documentação disponível e as diligências
realizadas;
5.5 O mesmo item acima enumerado;

CONSIDERANDO que os interessados foram notificados, tendo apresentado defesa o


atual prefeito municipal, Senhor Roberto Florentino Pessoa (fls. 327/346) e a viúva do ex-prefeito
Antônio Edivaldo Gomes, esta argumentando que não é parte legítima para proceder a defesa;

CONSIDERANDO que, após a análise dos argumentos apresentados pela defesa, o


órgão técnico deste Tribunal, concluiu no relatório (fls. 352/353) que fica elidida a irregularidade
do item 5.5, manifestando-se pela permanência das irregularidades dos itens "5.1" a "5.4";

CONSIDERANDO que a Auditoria deste TCE em complementação de instrução


solicitada pelo Relator, fls. 26/09/07, informou que grande parte dos servidores já impetraram
ações na Comarca do município de Umbuzeiro, no sentido de reaverem seus salários retidos sem
o devido pagamento, concernentes aos meses de setembro, outubro, novembro, dezembro e 13°
salário. oriundos do exercício de 2004: . "\
r I~
TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO
PROCESSO TC N. 3272/06
Doc. TC N.o 13703/06

CONSIDERANDO entender o Relator, que ,com base no relatório da própria Auditoria,


os gastos relacionados nos itens "5.1", "5.2", "5.3" estão sendo examinados através do Processo
TC N." 0345/05, que tem por objeto o julgamento dos atos de admissão de pessoal referente ao
concurso 01/2003, realizado pela referida prefeitura e de competência da Segunda Cãmara desta
Corte de Contas;

CONSIDERANDO os Relatórios da Auditoria, o Parecer oral da Procuradoria Geral, o


voto do Relator e o mais que dos autos consta;

ACORDAM os Conselheiros do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba à


unanimidade de votos, em sessão plenária realizada nesta data, DETERMINAR à Secretaria do
Pleno (SECPL) a anexação dos presentes autos ao Processo TC N.O0345/05 para exame e decisão
conjunta.

Publique-se, intime-se e cumpra-se.


SALA DAS SESSOES DO TCE-PB PLENÁRIO MINISTRO JOÃO AGRIPINO.
João Pessoa, em 20 de fevereiro de 2008.

'.' L·~
Marcos Ubitata.slYuedeS\pereira
Consellieiro Relatorí

\
-,
;L (l. ~,-- .\'-/
Fui presente: (AnaTe~a ~.
Procuradora Geral